Início » Ambiente » Estudo revela que livros são o artigo mais acumulado na casa dos portugueses

Estudo revela que livros são o artigo mais acumulado na casa dos portugueses

Num recente estudo realizado pela Wallapop, em parceria com a MuP Research, os livros surgem como um dos objetos que os portugueses menos estão dispostos a desfazerem-se, acabando por serem frequentemente acumulados nas suas casas (42,9%). Estes dados revelam não só a importância cultural associada a estes bens, mas também o apego emocional que representam para quem os tem.

Para celebrar o Dia Mundial do Livro, uma data destinada a homenagear as não só as obras literárias, mas também os seus autores, a Wallapop desafia os portugueses a relembrarem-se do papel essencial da reutilização na preservação da cultura, na promoção da sustentabilidade e na redução do desperdício.

O papel da cultura é voar de mão em mão, sabendo que, ao deixar os livros acumularem-se em estantes sem terem uso, limitamos o seu ciclo de vida. Uma solução para aumentar esta partilha é a compra e venda de livros em plataformas de produtos reutilizados.

No mês de março, em comparação com o mesmo período do ano anterior, a procura por livros aumentou em 80% na Wallapop, onde os utilizadores têm acesso a uma ampla variedade de livros, desde best-sellers contemporâneos a clássicos intemporais, a preços acessíveis e em condições impecáveis.

Se tem livros esquecidos na estante, aproveite o aumento da procura e coloque à venda as obras que já não lê e merecem uma segunda vida. Alguns dos livros mais procurados do último mês foram: livros de arquitetura, livros de xadrez e livros de fotografia.

Como destaca Sara van-Deste, “O papel da cultura é voar de mão em mão e na Wallapop incentivamos a circulação e reutilização de livros para contribuirmos para a preservação da cultura, mas também para a redução do desperdício e o incentivo a práticas mais sustentáveis de consumo.”.

No Dia Mundial do Livro, a Wallapop convida todos os amantes da leitura a explorarem a sua vasta seleção de livros e a participarem no movimento da reutilização, dando uma nova vida às suas obras literárias e permitindo que outros continuem a desfrutar do prazer da leitura.

Foto:DR

Publicidade...