Templates by BIGtheme NET
Início » Ambiente » PSD Fornos de Algodres alega ter defendido descida do IMI noutros tempos atrás

PSD Fornos de Algodres alega ter defendido descida do IMI noutros tempos atrás

Em comunicado,  o PSD de Fornos de Algodres, pela voz da sua vereadora Maria Joaquina Domingues, defende que há muito tempo atrás já defendiam que a taxa de IMI podia baixar, onde assim refere que: “Afinal, o PSD tinha razão! Independentemente das razões que possam subjazer a tal decisão (e, dúvidas
não restam, a proximidade de um ciclo eleitoral autárquico será uma delas) o
PSD só pode regozijar-se ante uma proposta de redução das taxas do IMI.
Apesar de serôdia e irrisória, esta proposta apenas vem confirmar tudo aquilo
que, há vários anos, vem por nós sendo proposto em inúmeras reuniões, quer
da Câmara Municipal, quer da Assembleia Municipal. Afinal, era possível baixar
as taxas do IMI…! Mas, escudando-se em ilegalidades insanáveis diversas, na
perturbação da capacidade financeira do Município e em outros argumentos
infundados, o Partido Socialista sempre recusou baixá-las, quando, afinal, isso
era possível! Bastava um pouco de humildade política, de bom senso e de
preocupação com as dificuldades sentidas por quem teima em viver e investir
em Fornos de Algodres, para que, desde há muito, se propusesse ao FAM esta
medida e este passo tivesse sido dado.
Apesar de concordar, em absoluto, com a baixa das taxas do IMI, o PSD não
pode deixar de registar o oportunismo e o espalhafato político em torno desta
proposta, tentando fazer crer aos mais incautos, num exercício de demagogia e
desfaçatez primárias, que ela se deve, apenas e só, às preocupações da
governação socialista. Puro logro, como é apanágio do Partido Socialista.
Bastaria consultar as atas das reuniões dos órgãos autárquicos para que tal
ficasse provado, para o caso de eventuais esquecimentos. Mas, para que
conste, foi o PSD que, desde a primeira hora, propôs e insistiu na redução das
taxas do IMI e demonstrou que tal era legalmente possível e socialmente
recomendável. O tempo deu-nos razão”!

Publicidade...



 

Enviar Comentário