Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: 2020 (Pagina 10)

Tag Archives: 2020

GNR- Loriga – Detido por tráfico de estupefacientes   

 

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Gouveia, no dia 24 de novembro, deteve um homem de 28 anos por tráfico de estupefacientes, na localidade de Loriga, no concelho de Seia.

No âmbito de uma fiscalização rodoviária, os militares da Guarda abordaram um condutor que, perante o seu comportamento nervoso, levantou suspeitas. Foi realizada uma busca ao veículo que culminou na apreensão de 160 doses de canábis.

O detido esteve presente ontem, dia 25 de novembro, no Tribunal Judicial de Seia, para primeiro interrogatório judicial.

Programação de cinema em Pinhel -Dezembro

Desta forma , no mês de dezembro , o Município de Pinhel tem agendada a programação de cinema  no Cineteatro São Luís.

Lembramos que serão naturalmente cumpridas as regras preconizadas pelas autoridades de Saúde no que diz respeito ao funcionamento das salas de espetáculos.

Os horários anunciados poderão sofrer alterações, caso haja um agravamento da situação epidemiológica do concelho.

4 e 6 de dezembro, 21.30h
Viagem à Grécia
(Comédia Dramática – M12)

11 e 13 de dezembro, 21.30h
A Linha do Horizonte
(Thriller – M12)

18 e 20 de dezembro, 21.30h
Jiu Jitsu
(Ação – M12)

26 e 27 de dezembro (ESPECIAL FIM DE SEMANA DE NATAL)
Os Croods: Uma Nova Era (VP)
(Animação / Comédia / Aventura – M6)
sábado, dia 26 de dezembro, 21.30h
domingo, dia 27 de dezembro, 16.00h e 21.30h

GNR leva efeito Campanha para a Eliminação da Violência contra as Mulheres

A Guarda Nacional Republicana está a realizar uma campanha de sensibilização, em todo o território nacional, direcionada para a prevenção

 de comportamentos violentos contra as mulheres, tendo assinalado hoje, dia 25 de novembro, o Dia Internacional

para a Eliminação da Violência contra as Mulheres no Posto Territorial da Lourinhã, na área do Comando Territorial de Lisboa, com a presença do Ministro da Administração Interna, Dr. Eduardo Cabrita e do Comandante-Geral da Guarda Nacional Republicana, Tenente-general Rui Clero.

Pretende-se sensibilizar a comunidade em geral para a consciencialização sobre a igualdade de género e a promoção de uma cultura de não-violência, assim como sensibilizar os diferentes públicos-alvo para o fenómeno da violência contra as mulheres, como a violência doméstica, violação e outras agressões sexuais.

A prevenção e investigação do crime de violência doméstica são prioridades da atual política criminal e constituem-se como uma absoluta prioridade para a Guarda Nacional Republicana. Neste âmbito, a GNR tem vindo a reforçar as campanhas de sensibilização e a apostar em ações específicas de formação do seu efetivo, para que esteja cada vez mais bem preparado para participar, enquadrar, tratar e acompanhar este tipo de situações, melhorando ainda a sua rede de salas de atendimento às vítimas.

Durante o ano de 2019, na área de responsabilidade da GNR, foram registados 13.503 crimes de violência doméstica, sendo os distritos do Porto, Aveiro, Setúbal e Braga onde se registaram mais ocorrências; e os distritos de Beja e Portalegre os que tiveram o menor número de registos. Desses crimes, resultaram 16.078 vítimas, das quais 12.750 eram mulheres e 3.328 homens.

Em 2020, até 31 de outubro, ainda que os dados sejam provisórios, foram registados 11.345 crimes de violência doméstica, menos 182 que em igual período do ano passado.

A violência contra as mulheres e a violência doméstica são das formas mais gravosas de discriminação das mulheres em razão do seu sexo, reflexo de persistentes estereótipos de género e de relações de poder desiguais. Os impactos desta violência não se circunscrevem apenas às vítimas diretamente envolvidas, afetando também as famílias e a sociedade no seu conjunto.

A violência doméstica é crime público e denunciar é uma responsabilidade coletiva.

Federação Socialista da Guarda e PS Salamanca reuniram

Teve lugar uma reunião entre a Federação da Guarda do Partido Socialista e o Partido Socialista de Salamanca, por videoconferência com o Secretário de Estado da União Europeia do Governo Espanhol, Juan Gonzalez-Barba Pera.
A Federação do PS Guarda fez-se representar pelo Presidente da Federação, Alexandre Lote, e pelos Deputados Eleitos pelo Distrito da Guarda, Santinho Pacheco e Cristina Sousa.
A reunião teve como objetivo discutir a forma como será monitorizada a Estratégia Comum de Desenvolvimento Transfronteiriço aprovada na Cimeira Ibérica realizada na Guarda no passado dia 10 de outubro, bem como, o modo como este grupo de trabalho criado pelo PS Guarda e PSOE de Salamanca poderá aportar os seus contributos juntos dos governos dos dois países.
O Secretário de Estado da União Europeia do Governo Espanhol, Juan Gonzalez-Barba Pera, saudou a iniciativa da criação deste grupo de trabalho, salientando a importância que tem para o sucesso da estratégia que a mesma seja realizada em conjunto com os responsáveis locais de cada território das regiões de fronteira. Informou ainda, que já estão agendadas várias reuniões interministeriais para fazer o ponto de situação acerca dos compromissos assumidos, ainda em 2020, reforçando que esta cooperação bilateral é, e será, uma grande prioridade para os governos de Portugal e Espanha.
A Federação da Guarda do Partido Socialista informou que o compromisso assumido na Guarda tem de ser uma prioridade para os dois países e que o cumprimento dessa agenda, será sem dúvida fundamental para melhorar o dia a dia das gentes que vivem nas regiões de fronteira. Salientou ainda que, apesar de compreender o que motivou a que 62% do território português estivesse incluído no território abrangido por este compromisso, desde já assumia que é necessário um programa específico de resposta às necessidades das zonas raianas. Para o PS Guarda, só respeitando essa especificidade será possível que a fronteira se constitua como um espaço com forte dinamização económica, atrativo e com capacidade de fixação da população, conforme acontece em quase toda a Europa.
O PSOE de Salamanca referiu que as questões das infraestruturas de qualidade, em especial a ferrovia, são fundamentais para o desenvolvimento económico destas regiões, considerando igualmente essencial que exista uma linha específica no Interreg para os territórios da Raia.
Ambas as estruturas reafirmaram a importância que o retomar do programa de ensino de português e espanhol ao nível do 1.º ciclo, em especial nas regiões de fronteira, terá na criação de uma entidade ibérica, sem a qual se tornará muito difícil o cumprimento dos objetivos plasmados nesta estratégia.
Este grupo de trabalho comprometeu-se em reunir com regularidade para, não só fazer a monitorização da Estratégia Comum de Desenvolvimento Transfronteiriço, bem como, para aportar o seu contributo conforme consta do Plano de Desenvolvimento Estratégico para os Territórios Transfronteiriços apresentado publicamente por este grupo em outubro de 2020.

Taça de Portugal- sorteio da 4ªeliminatória

Teve lugar na cidade do Futebol, mais uma edição do sorteio da Taça de Portugal, agora da 4ªronda com o Ac.Viseu a receber a Académica e oo Tondela a deslocar-se ao Dragão.

Os jogos da quarta eliminatória da Taça de Portugal estão marcados para os dias 12 e 13 de dezembro de 2020.

Jogos da 4.ª eliminatória da Taça de Portugal

Estoril-Lusitano Évora vs Boavista

Fontinhas vs Fafe

Sporting vs Paços de Ferreira

Olímpico do Montijo vs Braga

Nacional vs Leixões

Benfica vs Vilafranquense-Sanjonanense

B-SAD vs Espinho

Anadia vs Club Football Estrela-Farense

Rio Ave vs Famalicão

União de Leiria vs Gil Vicente

FC Porto vs Tondela

Marítimo vs Salgueiros

Vitória Guimarães vs Santa Clara

Académico de Viseu vs Académica

Município de Fornos de Algodres -Medidas de combate à COVID-19 – Concelhos de Risco Moderado

Com a renovação do Estado de Emergência e com a passagem do Município de Fornos de Algodres a concelho de risco moderado, com menos de 240 casos por cem mil habitantes nos últimos 14 dias, as medidas decretadas pelo Governo para o concelho fornense são as seguintes:
👉 Medidas a implementar com a renovação do Estado de Emergência às 00h00 de 24 de novembro.
➡️ Proibição de circulação inter-concelhia nos seguintes períodos:
– Entre as 23h00 de 27 de novembro e as 5h00 de 2 de dezembro;
-Entre as 23h00 de 4 de dezembro e as 5h00 de 9 de dezembro.
➡️ Tolerância de ponto e suspensão das atividades letivas nos dias 30 de novembro e 7 de dezembro.
➡️ Uso obrigatório de máscara nos locais de trabalho.
👉 Medidas em vigor desde 9 de novembro
➡️ A possibilidade de realizar medições de temperatura corporal por meios não invasivos no acesso a locais de trabalho, estabelecimentos de ensino, meios de transporte, espaços comerciais, culturais e desportivos.
➡️ A possibilidade de exigir testes de diagnóstico para a COVID-19, no acesso a estabelecimentos de saúde, estruturas residenciais, estabelecimentos de ensino, estabelecimentos profissionais na entrada e na saída de território nacional – por via aérea ou marítima – e outros locais, por determinação da DGS.
➡️ A possibilidade de requisitar recursos, meios e estabelecimentos de saúde dos setores privado e social, após tentativa de acordo e mediante justa compensação.
➡️ A mobilização de recursos humanos para reforço da capacidade de rastreamento (ex: realização de inquéritos epidemiológicos, rastreio de contactos, seguimento de pessoas sob vigilância ativa).
 Medidas Gerais
➡️ Confinamento obrigatório para doentes com COVID-19 e pessoas em vigilância ativa.
➡️ Casamentos e batizados limitados a 50 pessoas.
➡️ Outros eventos e celebrações limitados a 5 pessoas, salvo se do mesmo agregado familiar.
➡️ Cerimónias religiosas, segundo as regras da DGS.
➡️ Estabelecimentos comerciais com lotação máxima indicativa de 0,05 pessoas por m2.
➡️ Horário de encerramento dos estabelecimentos comerciais entre as 20:00 e as 23:00, por decisão do presidente da câmara municipal mediante parecer favorável da autoridade local de saúde e das forças de segurança.
➡️ Restaurantes: acesso do público até às 00:00 e encerramento à 01:00; lotação limitada a 50% da capacidade; grupos limitados a 5 pessoas, salvo se pertencerem ao mesmo agregado familiar, ou 4 pessoas nos estabelecimentos até 300 metros de uma escola e nos food-courts de centros comerciais; marcação prévia obrigatória.
➡️ Proibida a venda de bebidas alcoólicas em áreas de serviço e, a partir das 20:00, em qualquer loja.
➡️ Proibido o consumo de bebidas alcoólicas na via pública.
➡️ Veículos particulares com lotação superior a 5 lugares apenas podem circular com 2/3 da sua ocupação, salvo se todos pertencerem ao mesmo agregado familiar.
➡️ Organização do trabalho
O empregador pode implementar, dentro dos limites máximos do período normal de trabalho e com respeito pelo direito ao descanso diário e semanal, medidas de prevenção e mitigação dos riscos decorrentes da pandemia, nomeadamente:
– A adoção de escalas de rotatividade de trabalhadores entre o regime de teletrabalho e o trabalho prestado no local de trabalho habitual, diárias ou semanais;
– A adoção de horários diferenciados de entrada e saída;
– A adoção de horários diferenciados de pausas e de refeições.
👉Regra dos 5:
➡️ Distanciamento físico.
➡️ Lavagem frequente das mãos.
➡️ Uso obrigatório de máscara.
➡️ Etiqueta respiratória.
➡️ App Stayaway COVID.

Guarda lança comunicado à população sobre Feriado Municipal

Face ao Decreto n.º 9/2020 de 21 de novembro veio regulamentar a aplicação do estado de emergência decretado pelo Presidente da República;

Este Decreto prevê disposições especiais aplicáveis aos Concelhos de Risco Muito Elevado a Extremo;

A Guarda faz parte da Lista de Concelhos de Risco Muito Elevado, conforme consta do Anexo I do supracitado Decreto;

No dia 27 de novembro celebra-se a atribuição do Foral do Rei D. Sancho I que elevou a Guarda a Cidade, pelo que está instituído, para esse dia, Feriado Municipal.

Apesar de se celebrarem os 821 anos de elevação a cidade, são aplicáveis no Município da Guarda, no dia 27, Feriado Municipal, em virtude do diploma enunciado, regras restritivas especificas comuns aos fins de semana, entre elas e a saber:

  1. a)Proibição de circulação na via pública

 No período compreendido entre as 13:00 h e as 05:00 h, os cidadãos só podem circular em espaços e vias públicas, ou em espaços e vias privadas equiparadas a vias públicas para as situações elencadas no Decreto referenciado.

  1. b)Dever geral de recolhimento domiciliário

No período compreendido entre as 05:00 h e as 13:00 h, os cidadãos devem abster-se de circular em espaços e vias públicas, bem como em espaços e vias privadas equiparadas a vias públicas, e permanecer no respetivo domicílio, exceto para deslocações autorizadas.

  1. c)Suspensão das atividades de comércio a retalho e de prestação de serviços

Fora do período compreendido entre as 08:00 h e as 13:00 h, são suspensas as atividades em estabelecimentos de comércio a retalho e de prestação de serviços, com exceção das previstas no Decreto em apreço.

Todas as regras, exceções e disposições especificas aplicáveis devem ser consultadas no Decreto n.º 9/2020, publicado no Diário da República n.º 227-A/2020, Série I de 2020-11-21.

Electrão lança campanha para combater o “lixo invisível”

 Electrão – Associação de Gestão de Resíduos – vai promover uma campanha de sensibilização e comunicação com o objetivo de alertar para a necessidade de combater o “lixo invisível”.

Esta iniciativa insere-se no âmbito da Semana Europeia da Prevenção de Resíduos, que decorre de 21 a 29 de novembro, e que em 2020 tem como foco esta temática.

A campanha a propósito do “lixo invisível” irá desenvolver-se nas redes sociais. O Electrão vai lançar um conjunto de inquéritos no Facebook e Instagram sobre reutilização. O objectivo desta iniciativa será auscultar os seguidores do Electrão sobre a importância que é dada à reutilização em detrimento de outras soluções, como o encaminhamento para reciclagem. As perguntas incidirão sobre embalagens, pilhas e baterias e ainda equipamentos eléctricos usados. Os resultados serão depois divulgados.

Alguns exemplos de como ser mais sustentável, promovendo a redução da produção de resíduos, vão ser explicados em vídeo por um grupo de influencers que se aliaram a esta campanha do Electrão. Nas ‘stories’, que irão gravar, mostrarão como é possível fazer mais e melhor. Esta será outra componente da campanha.

Durante a Semana Europeia da Prevenção de Resíduos, o Electrão vai ainda reforçar a aposta na sensibilização online com a publicação de vários posts alertando para esta temática com recurso a provérbios populares, imagens inspiracionais, factos e estatísticas apelando à consciência do consumidor na hora de adquirir produtos.

Estes resíduos, que são diariamente produzidos na casa dos portugueses, não têm necessariamente de ser descartados. É possível optar pela reparação de um computador, por exemplo, em vez de o encaminhar imediatamente para reciclagem, ou doá-lo, para que sirva a outra pessoa. As pilhas recarregáveis podem evitar também a produção de resíduos. Também vários tipos de embalagens podem ser reaproveitados recorrendo à imaginação. Com estes gestos reduzimos o consumo e a produção dos resíduos associados à sua produção.

PRODUÇÃO DE RESÍDUOS CONTINUA A CRESCER

Segundo o Relatório do Estado do Ambiente de 2019, a produção total de resíduos urbanos em Portugal continental atingiu os 4,94 milhões de toneladas em 2018. Este valor representa um aumento de 4,2 por cento face a 2017, o que corresponde a uma capitação anual de 505 quilos por habitante/ ano.

Cada habitante produziu diariamente 1,38 quilos de resíduos. Estes valores confirmam a tendência de crescimento da produção de resíduos urbanos que se verifica desde 2014. Mais de metade destes resíduos é depositada em aterro.

Este aumento estará relacionado com uma melhoria da situação económica de Portugal, o que parece indicar não estar a ser atingido o objetivo de dissociar a produção de resíduos do crescimento económico”, de acordo com a análise da Agência Portuguesa do Ambiente.

 FABRICO DE UM TELEMÓVEL GERA 86 KG DE “LIXO INVISÍVEL”

O fabrico de um telemóvel de 200 gramas, por exemplo, gera 86 quilos de resíduos. Para Pedro Nazareth, diretor-geral do Electrão, “É urgente que estes resíduos se tornem visíveis de forma a que cada um fique consciente da verdadeira pegada ecológica associada e tome decisões informadas na hora de consumir”.

A evolução deste fluxo específico de resíduos é preocupante. Em 2019 foram geradas em todo o mundo 53,6 milhões de toneladas de equipamentos eléctricos usados, o equivalente a 7,3 quilos per capita. Em 2030 prevê-se que este valor seja de 74,7 milhões de toneladas, ou seja, nove quilos per capita, segundo o relatório “The Global E-waste Monitor 2020”.

Reciclam-se mais equipamentos eléctricos usados, mas cada vez também se consomem cada vez mais estes aparelhos.

Desde 2014 que a produção de resíduos de equipamentos eléctricos cresce em todas as categorias, com excepção de ecrãs e monitores, que registou um decréscimo de um por cento. No entanto esta variação poderá estar relacionada com o peso mais reduzido dos ecrãs dos aparelhos ainda que o número de peças continue a aumentar.

Feira anual do 1º Dezembro não se realiza em Pinhel

O Município de Pinhel informa que não vai realizar a feira anual do 1º Dezembro, face à declaração do Estado de Emergência mediante a evolução da situação epidemiológica do país, cujas medidas em vigor se encontram regulamentadas através do Decreto n.º 9/2020.

Esta decisão foi tomada , segundo a autarquia, tendo em conta as medidas preconizadas em matéria de circulação na via pública e, mais concretamente, tendo por base o Artigo 11.º do Decreto n.º 9/2020, referente à limitação à circulação entre concelhos, segundo o qual “os cidadãos não podem circular para fora do concelho do domicílio no período compreendido entre as 23:00h do dia 27 de novembro e as 05:00h do dia 2 de dezembro, bem como entre as 23:00h do dia 4 de dezembro e as 23:59h do dia 8 de dezembro, salvo por motivos de saúde ou por outros motivos de urgência imperiosa”.

Apesar de o concelho de Pinhel não integrar a lista de concelhos de risco elevado (encontrando-se atualmente no nível de risco moderado), as medidas acima referidas são aplicáveis a todo o território nacional, visando limitar a circulação de pessoas entre concelhos, por forma a conter a transmissão do vírus e a expansão da doença, tendo em conta que a circulação de pessoas poderia ser tendencialmente mais elevada em função dos feriados de 1 e 8 de dezembro. Ciente da importância desta feira anual para feirantes e populações, o Município de Pinhel apela à melhor compreensão de todos e, em particular, dos feirantes.

Município de Gouveia volta a ser distinguido como autarquia familiarmente responsável

O Município de Gouveia voltou a ser reconhecido como “Autarquia + Familiarmente Responsável” em 2020, uma distinção atribuída anualmente pelo Observatório de Autarquias Familiarmente Responsáveis e que premeia o trabalho dos municípios em prol das famílias.
A autarquia gouveense é pelo oitavo ano consecutivo distinguida com Bandeira Verde e Bandeira com Palma, por ser uma Autarquia Familiarmente Responsável e Amiga das Famílias, uma distinção que reconhece o trabalho do município ao nível das boas práticas e políticas amigas das famílias, nomeadamente em áreas como a educação, habitação, transportes, saúde, desporto e cultura.
O Município de Gouveia considera que este galardão representa, na prática, uma apreciação muito positiva das políticas que tem vindo a desenvolver ao longo dos últimos anos neste domínio, sendo que este reconhecimento constitui mais um incentivo à manutenção do esforço municipal de continuar a dar primazia às famílias, bem como manter a adoção de medidas que facilitam a conciliação da vida familiar e laboral dos seus trabalhadores.