Início » Tag Archives: 4º Seminário de Empreendedorismo

Tag Archives: 4º Seminário de Empreendedorismo

Seminário do Futebol produtivo na Guarda

Teve lugar no Politécnico da Guarda, o Seminário do Futebol,  na sessão de abertura marcaram presença ,o presidente da Associação de Futebol, Amadeu Poço, a subdiretora do Escola Superior de Educação, Comunicação e Desporto (ESECD) do IPG, Natalina Casanova e o coordenador de Unidades Técnicas Científicas de Desporto e Expressões, Pedro Esteves.

Foram cerca de uma centena de participantes, com a preleção mais esperada era de David Barreira, Treinador Nacional da Federação Portuguesa de Futebol. Assim o objetivo passava por capacitar os estudantes do ensino superior, do curso de desporto, professores de educação física e Treinadores, acerca das etapas de formação do jogador de futebol, conhecer propostas metodológicas de ensino-aprendizagem sobre as competências a desenvolver nas pr8imeiiras etapas de formação – 1ª Etapas de formação (5-12 anos) e interpretar, compreender e refletir sobre as propostas metodológico-didáticas apresentadas, foram os principais objetivos defendidos durante o seminário.

Por sua vez, Daniel Barreira fez um balanço positivo. “Na minha perceção estes momentos são essenciais para haver uma ligação muito forte entre o Instituto Politécnico da Guarda, as associações, no caso a AF Guarda e a Federação Portuguesa de Futebol. E, aquilo que nós em ligação costumamos fazer, é tentar mostrarmos as nossas ideias, as nossas perspetivas, o que nós defendemos para o futebol de formação para que quando tivermos a oportunidade de estar com os jogadores termos a certeza que toda a gente está a trabalhar de acordo com as perspetivas da FPF.” E, até mesmo “quando estamos em contacto com os treinadores eles se sintam integrados no projeto coletivo, que é o projeto que a federação tem naturalmente desenvolvido. Mas penso que os objetivos foram concretizados”.

Durante a teoria do seminário Daniel Barreira vincou a frase “Tudo é importante. O jogador é o mais importante” explicando a razão da mesma. “É importante nós atendermos aos jogadores não enquanto jogador, mas numa perspetiva global enquanto pessoa que estuda, que socializa, que tem de ter vivências de sucesso, que deve jogar com alegria com paixão, que deve aprender com motivação porque sabemos que grande parte deles não vão conseguir atingir níveis de excelência”.

Acrescenta ainda que “o futebol vai sendo um meio cada vez mais rico” e “isso é o que nós pretendemos, é que eles comecem a intervir nos mais pequenos, e esta sessão teve esse objetivo e que olhem para eles de forma a potenciar o valor deles e que evite os ruídos de crescimento, que os ensinem a jogar pelo jogo e por alguns episódios de sucesso com torneios informais em que valorizem o processo e não só o produto”.

Fonte:AFG