Início » Tag Archives: alojamento

Tag Archives: alojamento

Alojamento em Mangualde aumentou quase 40 por cento desde 2021

A oferta de alojamento no concelho de Mangualde cresceu quase 40 por cento (39,39%) em pouco mais de dois anos, entre 2021 e fevereiro deste ano, de acordo com os dados do INE (Instituto Nacional de Estatística).

Os números foram divulgados pelo presidente da Câmara de Mangualde, Marco Almeida, esta quinta-feira, na BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, durante uma mesa redonda sobre Mangualde intitulada “Da tradição à modernidade”.

O autarca explicou que este aumento traduz-se em mais 13 estabelecimentos, face a 2021, quando se contavam 33 alojamentos.

Atualmente estão em funcionamento 46 locais para pernoitar, entre espaços de Turismo Rural, hotéis e alojamentos locais, com disponibilidade de cerca de 500 camas.

No maior evento de Portugal dedicado ao turismo, em que Mangualde participa no stand da Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, Marco Almeida avançou ainda dados relativos às dormidas. Entre 2021 e 2022, (dados mais recentes disponibilizados pelo INE) regista-se um aumento de 37 por cento, ou seja, 28.781 dormidas em 2022, o que significa mais 7.810 em comparação com 2021 (20.971).

No certame onde também foram abordados os principais eventos que se realizam em Mangualde, foi anunciado que o grupo “Resistência” tem atuação garantida a 24 de agosto, nas Festas da Cidade.

Na mesma mesa redonda, no dia dedicado ao concelho mangualdense também participaram Pedro Arrais da Queijaria Vale da Estrela e Sandra Soares da Soito Wines.

Por:MM

Taxas de ocupação no alojamento turístico continuam a aumentar

Tendo em conta o INE, o setor do alojamento turístico registou 2,7 milhões de hóspedes e 6,8 milhões de dormidas em abril de 2023, correspondendo a crescimentos de 16,5% e 13,8%, respetivamente (+30,7% e +26,8% em março de 2023, pela mesma ordem). Face a abril de 2019, registaram-se crescimentos de 17,5% nos hóspedes e 14,3% nas dormidas.

Em abril, o mercado interno contribuiu com 2,0 milhões de dormidas (+7,3%) e os mercados externos totalizaram 4,8 milhões de dormidas (+16,8%). Face a abril de 2019, observaram-se aumentos de 21,1% nas dormidas de residentes e 11,6% nas de não residentes.

As dormidas de residentes no Reino Unido (18,1% do total das dormidas de não residentes em abril) aumentaram 9,6% relativamente a abril de 2019. O mercado espanhol (quota de 11,9%) aumentou 2,3%, enquanto o alemão (quota de 11,4%) diminuiu 2,1%. O mercado do Canadá destacou-se com o maior crescimento face a abril de 2022 (+89,5%).

Face a abril de 2019, as dormidas de residentes aumentaram em todas as regiões, destacando-se a RA Madeira (+105,4%). As dormidas de não residentes cresceram em todas as regiões, mas de forma menos expressiva no Algarve (+1,7%).

A taxa líquida de ocupação-cama nos estabelecimentos de alojamento turístico (50,8%) aumentou 3,3 p.p. em abril (39,3%, +5,9 p.p. em março). A taxa líquida de ocupação-quarto (59,8%) aumentou 3,9 p.p. (50,1%, +8,1 p.p. em março). Face a abril de 2019, registaram-se crescimentos de 2,6 p.p. e 3,8 p.p., respetivamente.

No conjunto dos primeiros quatro meses de 2023, as dormidas aumentaram 30,0%, +16,7% nos residentes e +37,1% nos não residentes. Comparando com o mesmo período de 2019, as dormidas cresceram 14,2%, +19,9% nos residentes e +11,8% nos não residentes.

Em abril, 19,6% dos estabelecimentos de alojamento turístico estiveram encerrados.