Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: atividade

Tag Archives: atividade

Biblioteca Municipal da Guarda destaca Eduardo Lourenço

Maio, continua a ser o mês de Eduardo Lourenço na Biblioteca Municipal da Guarda, como tal, na primeira agenda após o segundo confinamento por Covid-19, a BMEL evoca o Patrono no mês do seu nascimento dedicando-lhe algumas atividades a realizar em maio. E são elas: uma mostra de serigrafias da autoria dos alunos de artes da Escola Secundária da Sé, com o nome ‘Olhares sobre Eduardo Lourenço’, para visitar entre 20 de maio e 30 de junho; a apresentação do conto ‘Mãos que escrevem história’ por Anabela Matias, fruto de uma residência literária inserida no projeto INCENTIVART, dia 22 de maio (16h00); uma conversa com o escritor Álvaro Leonardo, sob o tema ‘Portugal e a identidade portuguesa: porquê e para quê? – Reflexões sobre as visões de Eduardo Lourenço, a ter lugar dia 27 (17h30) e o espetáculo de arte performativa e cénica ‘Guarda, o Labirinto do Futuro ou Eduardo Lourenço na Saudade’, numa criação e interpretação de Luciano Amarelo e Ana Couto, a realizar nos dias 28 e 29, às 21h00. Esta homenagem a Eduardo Lourenço e à Guarda surge no âmbito de mais uma residência INCENTIVARTE – Incubadora de projetos artísticos, do Município da Guarda.

No que toca às restantes propostas que constituem a agenda da BMEL, para os meses de maio e junho, salientamos o privilégio dado aos livros, base da existência das bibliotecas. Nessa linha, decorrerão nestes dois meses 8 apresentações de livros, algumas das quais anteriormente adiadas devido à pandemia: ‘Quase memórias de um lugar e de outras andanças’, de António de Castro Guerra, no dia 7 de maio, às 18h00; ‘Tempo, imaginário e linguagem’, de Jorge Maximino, no dia 27 de maio, às 18h00; ‘A Ira do Pelicano’, de Carlos Carvalheira, dia 4 de junho, às 18h00; ‘ Explosões Emocionais’, de Augusto Barbosa, apresentado dia 5 de junho, às 16h30; ‘As Aventuras dos 8 Amigos, da autoria de alunos com adaptações curriculares da Escola Carolina Beatriz Ângelo, no âmbito de uma oficina de escrita dinamizada pela Câmara da Guarda, a apresentar dia 14 de junho, às 18h00; As estradas são para ir’ de Márcia, no dia 18 de junho, às 18h00; ‘ O Neto do Homem mais Sábio’ (biografia de José Saramago), de Tomás Guerrero, dia 19, às 16h00 e, por último, ‘Refracções’, de Jorge Maximino, a 26 de junho, às 17h00.​

Salientamos ainda, a realização de mais uma conferencia internacional do Ciclo A Europa dos Escritores. ‘A Ibéria e a Europa nas perspetivas de António Sardinha, Fernando Pessoa e Mário Saa’ é o título da desta conferência por José Rui Teixeira, a ter lugar no dia 8 de junho, às 18h00.

Já dia 12 de junho, às 17h00, Rui Spranger vem à BMEL ler alguns dos seus textos. ‘Poesia com Pintura dentro’ é o nome desta iniciativa conjunta da biblioteca e do Museu da Guarda, no âmbito da 5ª edição do Simpósio Internacional de Arte Contemporânea da Guarda.

Faz ainda parte das propostas da Biblioteca Municipal, a sessão de poesia ‘Olhar oblíquo’ – leitura de poemas de Fernando Pessoa, Eugénio de Andrade, por Rui Spranger, numa organização da BMEL, dia 26 de junho, às 16h30.

Ao longo de maio e junho realizam-se ainda ateliers/oficinas/ performance: ‘A grande viagem do pequeno MI’, por Ana Raquel e Beatriz Marques Dias, dia 15 de maio, às 10h30, performance de dança, música, literatura e ilustração para crianças dos 6 aos 10 anos; ‘ Oficinas de ilustração, com Marina Palácio, de 24 a 28 de maio, para JI rede pública; ‘Bugs in a blanket (Pulgas no cobertor)’, por Ana Mourato, dia 12 de junho, às 15h00, para crianças dos 3 aos 6 anos; ‘Dinâmicas para contar, criar contos e medir grupos (dos 3 aos 6 anos), também por Ana Mourato mas, desta vez, para psicólogos, bibliotecários, contadores de histórias ilustradores, pais, professores, educadores, no dia 12 de junho, às 10h00; ​

Por último, no que diz respeito a exposições, a BMEL, como um dos espaços expositivos da grande mostra de Agostinho Santos na cidade, apresenta ‘Bruto’ (com curadoria de Valter Hugo Mãe) até 16 de junho. Também, de 21 de junho a 20 de agosto, poderá ser visitada na biblioteca a exposição ‘O Clima’ Concurso – Moeda de coleção comemorativa, da Imprensa Casa da Moeda e da CMG/BMEL.

GNR- Atividade operacional dos dias 02 e 08 de abril

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre os dias 02 e 08 de abril, que visaram, não só, a prevenção e o combate à criminalidade e à sinistralidade rodoviária, como também a fiscalização de diversas matérias de âmbito contraordenacional, registando-se os seguintes dados operacionais:

1.    Detenções: 260 detidos em flagrante delito, destacando-se:

·         122 por condução sem habilitação legal;

·         49 por condução sob o efeito do álcool;

·         15 por tráfico de estupefacientes;

·         Nove por furto e roubo;

·         Oito por posse ilegal de armas e arma proibida;

·         Seis por violência doméstica;

·         Um por incêndio florestal.

2.    Apreensões:

·         1 160 doses de MDMA;

·         971,28 doses de haxixe;

·         580,4 doses de cocaína;

·         237,5 doses de liamba;

·         41,5 doses de heroína;

·         Três comprimidos de MDMA;

·         11 armas de fogo;

·         13 armas brancas ou proibidas;

·         158 munições de diversos calibres;

·         25 veículos;

·         40 quilos de metais não preciosos;

·         1 605 euros em numerário.

3.    Trânsito:

Fiscalização: 7 303 infrações detetadas, destacando-se:

·         2 251 excessos de velocidade;

·         703  por falta de inspeção periódica obrigatória;

·         299 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;

·         303 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;

·         290 relacionadas com anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização;

·         249 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;

·         243 por falta de seguro de responsabilidade civil;

·         212 relacionadas com tacógrafos.

GNR- Atividade diária operacional

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sexta-feira e as 08h00 de hoje, sábado, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

  1. Detenções: 42 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 22 por condução sob o efeito do álcool;
  • Dez por condução sem habilitação legal;
  • Cinco por jogo ilegal;
  • Três por resistência e coação;
  • Um por desobediência.

 

  1. Apreensões:
  • Sete doses de cannabis;
  • Uma dose de liamba;
  • 1.495 euros em numerário.

 

  1. Trânsito:

Fiscalização:  660 infrações detetadas, destacando-se:

  • 236 por excesso de velocidade;
  • 54 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 20 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • 19 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 16 relacionadas com tacógrafos;
  • 13 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;
  • 12 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

 

Sinistralidade: 31 acidentes registados, destacando-se:

  • Dois feridos graves;
  • 13 feridos leves.

GNR-Atividade operacional semanal

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre os dias 29 de maio e 4 de junho. Estas ações visaram, não só, a prevenção e o combate à criminalidade e à sinistralidade rodoviária, como também a fiscalização de diversas matérias de âmbito contraordenacional, registando-se os seguintes dados operacionais:

 1.    Detenções: 413 detidos em flagrante delito, destacando-se:

·      174 por condução sob o efeito do álcool;

·      113 por condução sem habilitação legal;

·      25 por tráfico de estupefacientes;

·      11 por furto;

·      Sete por posse ilegal de armas;

·      Seis por violência doméstica;

·      Três por roubo;

·      Dois por posse de arma proibida;

·      Um por incêndio florestal.

 2.    Apreensões:

·      707 doses de haxixe;

·      321 doses de heroína;

·      148 doses de cocaína;

·      10 plantas de cannabis;

·      7 doses de MDMA;

·      10 armas de fogo;

·      10 armas brancas;

·      226 munições de diversos calibres;

·      70 mil cigarros;

·      2 197quilos de pescado;

·      750 quilos de bivalves;

·      Um veículo;

·      1 600 euros em numerário.

 

3.    Trânsito:

Fiscalização: 7 866 infrações detetadas, destacando-se:

·      3 394 excessos de velocidade;

·      487 relacionadas com anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização;

·      351 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;

·      300 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;

·      290 por falta de inspeção periódica obrigatória;

·      265 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;

·      197 por falta de seguro de responsabilidade civil;

·      184 relacionadas com tacógrafos.

Atividade total retomada no Centro de Produção de Mangualde do Groupe PSA

Aos poucos, o Centro de Produção de Mangualde do Groupe PSA tem vindo a retomar a atividade rumo à normalidade, face a isso:

O segundo turno de trabalho inicia-se na segunda-feira, dia 18 de maio, e no dia 25 os Citroën Berlingo, Peugeot Partner e Opel Combo já serão produzidos pelos três turnos da Fábrica. Decisão já  comunicada à Comissão de Trabalhadores, aos colaboradores e aos fornecedores.

Mantendo como prioridades proteger os seus colaboradores e preservar a sustentabilidade da empresa, o Centro de Produção de Mangualde do Groupe PSA já tem previsto o arranque da segunda e terceira fases do regresso à atividade industrial, criando as condições para o retomar da laboração a 100%.

O processo de recuperação gradual e seguro da atividade neste Centro de Produção tinha iniciado no dia 7 de maio com a entrada em laboração da primeira equipa, tendo por base a implementação de um protocolo de medidas sanitárias reforçadas para proteger a saúde dos colaboradores. Nesse dia voltaram a sair das linhas de produção os modelos Peugeot Partner, Citroën Berlingo e Opel Combo, após a paragem da Fábrica originada pela crise Covid-19.

Depois de uma bem-sucedida primeira fase de laboração de mais de uma semana, e graças à implicação e ao envolvimento dos trabalhadores e dos seus representantes, o Centro de Produção do Groupe PSA está a escassos dias de um restabelecimento completo da sua atividade. A Fábrica e a Direção do Grupo em França validaram o início do segundo turno de trabalho no dia 18 de maio, segunda-feira, e a totalidade das operações será retomada no dia 25 de maio, com a entrada em laboração do terceiro turno.

Até chegar a esta fase de retoma gradual das suas atividades fabris, o Groupe PSA desenvolveu, implementou e fez auditar o protocolo de proteção sanitária mais completo da sua história, que foi partilhado com os seus parceiros sociais. Integra mais de 100 medidas, fornecendo um elevado nível de proteção dos trabalhadores, e está agora plenamente testado em cenário de atividade normal.

A título de exemplo, o protocolo desenvolvido para as instalações industriais prevê o controlo de temperatura em complemento da automonitorização de sintomas, aprovisionamento de equipamentos de proteção individual (EPI) e Kits de proteção e higiene sanitária para colaboradores, motoristas e visitantes essenciais, elaboração de plano de contingência partilhado com os representantes dos trabalhadores, autoridade sanitária e ACT, redefinição de fluxos de atividade e de circulação, marcações no solo para manutenção de distâncias de segurança, reforço dos perímetros de higiene, formação e conselhos essenciais de higiene e saúde, constituição de sala de isolamento, e formação de pilotos para acompanhamento do protocolo de segurança e de saúde em cada área de produção e gestão da fábrica, etc. Patrulhas Sanitárias de vigilância, formadas pela hierarquia e elementos da Comissão de Trabalhadores verificam no terreno, varias vezes em cada turno, a boa aplicação das normas e as melhorias potenciais do dispositivo.

Tendo em conta o contexto comercial (desconfinamento, reabertura dos concessionários e situação comercial de cada modelo) e a normalização progressiva do fornecimento de componentes, a aplicação e o respeito do protocolo criaram as condições para retomar a atividade de forma gradual e segura, estando previsto no dia 25 de maio a laboração dos quase 1.000 colaboradores do Centro de Mangualde.

GNR- Atividade operacional

Atividade operacional das últimas 12 horas

 A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sexta-feira e as 08h00 de hoje, sábado, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

 

  1. Detenções: 28 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 12 por condução sob o efeito do álcool;
  • Oito por condução sem habilitação legal;
  • Três por posse de arma proibida;
  • Dois por tráfico de estupefacientes.

 

  1. Apreensões:
  • 36 doses de canábis;
  • Oito doses de haxixe;
  • Duas armas de fogo.

 

  1. Trânsito:

Fiscalização: 733 infrações detetadas, destacando-se:

  • 336 por excesso de velocidade;
  • 51 relacionadas com iluminação e sinalização;
  • 43 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 37 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;
  • 36 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 24 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório;
  • 22 relacionadas com tacógrafos;
  • 10 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças.

 

Sinistralidade: 22 acidentes registados, destacando-se:

  • Um ferido grave;
  • Oito feridos leves

Atividade operacional diária da GNR

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sexta-feira e as 08h00 de hoje, sábado, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

 

  1. Detenções: 37 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 28 por condução sob o efeito do álcool;
  • Cinco  por condução sem habilitação legal;
  • Dois por tráfico de estupefacientes.

 

  1. Apreensões:
  • 108 doses de haxixe;
  • 232 euros em numerário.

 

  1. Trânsito:

Fiscalização: 633 infrações detetadas, destacando-se:

  • 191 por excesso de velocidade;
  • 74 por condução com Taxa de Álcool no Sangue superior ao permitido por lei;
  • 40 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 26 por infrações relacionadas com o tacógrafo;
  • 25 por fata ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • 23 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução.
  • 17 por anomalias com os sistemas de iluminação;
  • 14 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

 

Sinistralidade: 102 acidentes registados, destacando-se:

  • Dois mortos
  • Um ferido grave;
  • 36 feridos leves.

GNR Guarda- Atividade operacional

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sexta-feira e as 08h00 deste, sábado, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

 

  1. Detenções:  48 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 30 por condução sob o efeito do álcool;
    • Nove por condução sem habilitação legal;
    • Um por tráfico de estupefacientes.

 

  1. Apreensões:
    • 72 doses de haxixe;
    • 7,3 gramas de liamba.

 

  1. Trânsito:

Fiscalização: 1263 infrações detetadas, destacando-se:

    • 859 por excesso de velocidade;
    • 78 por condução com Taxa de Álcool no Sangue superior ao permitido por lei;
    • 78 por falta de inspeção periódica obrigatória;
    • 63 por infrações relacionadas com tacógrafos;
    • 48 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;
    • 43 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
    • 34 por anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização;
    • 11 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

 

Sinistralidade: 120 acidentes registados, destacando-se:

    • Quatro feridos graves;
    • 50 feridos leves.

 

STAL da Guarda reuniu em Celorico da Beira

stalCelorico da Beira foi o local escolhido para mais uma atividade, desta vez, a realização do Conselho Regional de Dirigentes e Delegados do STAL da Guarda, que decorreu na Biblioteca Municipal.

Uma boa adesão neste conselho em que foi debatido o Plano de Atividades e Orçamento para o ano de 2017 e também aprovado por unanimidade.

 

Por:António Pacheco/fotos:Stal Guarda