Início » Tag Archives: aveiro

Tag Archives: aveiro

Aveiro- Portugal- Rep.Irlanda-3-0 (Final)

Portugal Dominador

Ronaldo a bisar

A Seleção Nacional  defronta a Rep.Irlanda esta noite no Municipal de Aveiro, esta a última partida antes da partida para a Alemanha no Euro 2024, com o penalvense António Silva e o viseense João Félix titulares. Um estádio praticamente cheio para apoiar a Seleção Portuguesa, onde Roberto Martinez testa aqui o onze muito próximo daquele que pode apresentar na estreia no dia 18.

Assim, Portugal a tentar organizar-se e num primeiro remate aos 8´, Cancelo a obrigar o Keeper a defesa apertada. Uma frente de ataque bem organizada para abrir o caminho para o golo.

Jogados 12´, Bruno Fernandes a embalar pela esquerda e a defensiva irlandesa a sacudir com dificuldade.

1-0-Um claro domínio em todos os aspetos da Seleção de Portugal, com a Irlanda a tentar jogar no ataque rápido. Lance da direita de Dalot, a solicitar Félix e este a rematar e o defesa a sacudir, mas pouco depois, João Félix, novamente a emendar e abre o ativo, aos 18´.

Livre de Cristiano Ronaldo, aos 21´, zona frontal , com remate forte ao poste direito da baliza irlandesa, onde nada podia fazer, o guarda-redes.

A turma irlandesa a ter um lance de ataque através de uma dádiva da defesa lusa, mas resolvida com corte para canto e daí passou o perigo, aos 23´.

Portugal com nova investida, desta vez, aos 28´ por Cristiano Ronaldo a assistir o seu companheiro Bruno Fernandes e este a errar o alvo, por pouco com a bola a sair na malha lateral.

Reage a Rep.Irlanda com jogada de insistência, no minuto 36, mas a o remate esbarrou na malha lateral da baliza de Diogo Costa. Nova jogada pela direita de Portugal, aos, 45+2, com Bruno Fernandes a cabecear a rasar a barra da baliza irlandesa. De seguida nova investida lusa e novo remate de Cristiano Ronaldo para defesa a dois tempos do keeper visitante. Em suma, uma primeira parte, com domínio total de Portugal, muitos remates e muita vontade de marcar.

Ronaldo mostrou veia goleadora

Após o reatamento, a turma das quinas a mexer e cinco entradas, Nelson Semedo, Danilo, Nuno Mendes, Diogo Jota, Rúben Neves, para testar outros métodos.

2-0-Nova jogada da seleção portuguesa, com Cristiano Ronaldo a receber a bola na direita e assim a rematar cruzado de belo efeito para o fundo das malhas sem hipóteses para o guarda-redes irlandês, aos 50´.

3-0-Diogo Jota a colocar na área, depois de jogada da esquerda, com Cristiano Ronaldo a surgir na emenda certeira para o fundo das malhas do guardião irlandês, aos 60´.

Na reação rápida , a Irlanda com ataque rápido,  Cannon a rematar à malha lateral, aos 61´. Depois, nova investida de Cristiano Ronaldo a fazer quase meio campo, com a bola nos pés e tenta colocar para Jota , mas perdeu-se.

Portugal sempre com pressão elevada e com situações de remate, onde Danilo rematou na zona frontal, a obrigar o guardião a defesa apertada. Depois aos 73´, Ronaldo ficou a pedir falta do guarda redes, mas o juiz da partida a mandar seguir.

Volvidos, 75´, Bruno Fernandes a tentar a sua sorte após nova jogada bem elaborada, mas a embater no defesa e deu canto. Ronaldo a mostrar muito empenho e sempre a tentar construir situações novas de chegar ao golo. Portugal a desacelerar um pouco, na reta final, mais na gestão do resultado, uma vez que o grande evento se aproxima.

Em cima dos 90´, um lance de perigo, para a Irlanda, com o remate a surgir, mas Diogo Costa a resolver.

A Irlanda a não conseguir muitas ocasiões de ataque e perigo para a baliza de Diogo Costa, onde a defesa lusa resolveu.

Assim , Portugal a conseguir um bom triunfo diante da Rep.Irlanda, com Ronaldo a bisar e a mostrar a veia goleadora e que vai levar o seu perfume para a Alemanha e tentar decidir. Depois, João Neves a rubricar um bom trabalho no centro do terreno . O penalvense António Silva a ter uma boa prestação nos 90´e João Félix, a marcar e a fazer a primeira parte.

Tudo está pronto para uma boa prestação da seleção das quinas no Euro 24, que arranca frente à Chéquia na terça-feira, dia 18.

Ficha de Jogo

Estádio Municipal de Aveiro –  Cerca de 30 mil espetadores

Arbitro: Chris Kavanagh /Assiatentes-Simon Bennet, James Malnwaring-/ 4ºarbitro- João Gonçalves

Golos: 1-0- João Felix, 18´;2-0 Cristiano Ronaldo, 50´3-0 Cristiano Ronaldo, 60´

Assim Portugal está a alinhar com: Diogo Costa , Pepe, Diogo Dalot, Cancelo, António Silva, Gonçalo Inácio, João Neves, Rafael Leão, Bruno Fernandes, João Félix e Cristiano Ronaldo.

Jogaram ainda: Nelson Semedo, Danilo, Nuno Mendes, Diogo Jota, Rúben Neves, Mateus Nunes

Selecionador: Roberto Martinez

Rep.Irlanda com : Kelleher, Coleman, O´Shea, Cullen, Smallbone, Idah, Brady, Scales, Parrott, Szmodics, O´Brien.

jogaram ainda: Callum, Johnston, Cannon, Doherty, Knight, Sykes

Selecionador:Jonh O´Shea

Portugal- Rep.Irlanda com António Silva e João Félix no onze inicial

A Seleção Nacional vai defrontar a Rep.Irlanda esta noite no Municipal de Aveiro, esta a última partida antes da partida para a Alemanha no Euro 2024, com o penalvense António Silva e o visiense João Félix titulares.

Assim Portugal alinha com: Diogo Costa , Pepe, Diogo Dalot, Cancelo, António Silva, Gonçalo Inácio, João Neves, Rafael Leão, Bruno Fernandes, João Félix e Cristiano Ronaldo.

Rep.Irlanda com : Kelleher, Coleman, O´Shea, Cullen, Smallbone, Idah, Brady, Scales, Parrott, Szmodics, O´Brien.

Alunos do AEFA visitam Fábrica Centro Ciência Viva em Aveiro

Recentemente, os alunos do 9.º ano, no âmbito das disciplinas de Ciências Naturais, Físico-Química, Matemática e TIC, tiveram a oportunidade de visitar a Fábrica Centro Ciência Viva de Aveiro. Com a comparticipação do Clube de Ciência Viva, os alunos puderam participar em várias atividades que exploraram de uma maneira divertida diversas áreas da ciência, aumentando deste modo o interesse dos alunos pela mesma.

Supertaça Cândido de Oliveira- SL Benfica- FC Porto-2-0

SL Benfica conquista troféu

Penalvense António Silva Titular

Jogo muito equilibrado na fase inicial, mas depois, com mais posse de bola para os portistas, que levou o Benfica a tentar sacudir a pressão. Por sua vez o Benfica, foi tentando criar desequilíbrio de meia distância.
A turma portista a conseguir ganhar mais faltas e isso vai valendo amarelos aos encarnados.
As oportunidades foram surgindo, na primeira meia hora, com maior pendor atacante para os portistas, os encarnados, mais no ataque rápido. Aos 33, um livre para o Benfica, zona frontal à baliza, mas a defesa a cortar e depois investida da direta e o canto a surgir para os encarnados, com João Mário a cabecear, mas novo corte para canto e defesa de Diogo Costa.
Benfica a procurar ter mais posse de bola nesta fase final da 1ªparte, no sentido de criar mais oportunidades, mas os portistas estão cautelosos. Uma primeira parte, com imensos amarelos, com o Benfica a deter mais posse de bola, com 9% a mais.
                                                                               Mexidas a dar triunfo
Após o intervalo, o Benfica a mexer e colocar Musa e Jurasék para dar mais ímpeto atacante. De facto, a entrar mais forte, mas Diogo Costa a segurar,
Na verdade, muito faltosa esta partida com trabalho redobrado para o arbitro. Agora o Benfica surgiu mais destemido, com mais situações de perigo.
1-0-Golo do Benfica-Jogada de Kokçu que coloca para Di Maria e ao fazer a diferença  quando remata colocado e consegue abrir o ativo, aos 61´, passa o Benfica para a frente. Assim o FC Porto, a reforçar o ataque com Toni Martinez e Baró.
2-0-Golo do Benfica. Mas o Benfica a reagir forte e Musa soltar para _Rafa e este assiste Musa, assim a conseguir marcar e assim a fazer o segundo para os encarnados, aos 68´. Os portistas a responder com mais uma entrada de João Mário para dar mais amplitude ao ataque.
Aursnes sempre muito ativo a colocar para o remate, mas o corte do defesa e sobra para Di Maria atirar por cima, aos 76´. Este Benfica foi mais rematador, mais atrevido e a criar mais situações de perigo.
Os portistas a tentar responder com situações de jogo, mas os encarnados a segurar da melhor forma, aos 86´, foi Gonçalo Borges a criar perigo e assim a rematar por cima da baliza. Na resposta , foi Rafa a tentar cruzado, mas o defensor a cortar para canto.
No cair do pano, Pepe a ser expulso, por acumulação, com a sua equipa a jogar com 10, nos 8 minutos de compensação e o FC porto reduz por Galeno, aos 92´, mas o VAR a anular por Gonçalo Borges ter jogado com a mão.
Ainda dois remates de Musa e duas defesas de Diogo Costa, na reta final , depois Sérgio Conceição e negou-se a sair de campo e depois de muita insistência lá saiu do banco.
FC Porto ainda a tentar a sua sorte , pelo menos a chegar ao tento de honra.
No final, o Benfica a conquistar a Supertaça Cândido de Oliveira /Vodafone, com golos de Di Maria e Musa.

 

 

 

 

Aveiro recebe a final da Supertaça esta noite

SL Benfica e Fc Porto lutam pela conquista da Supertaça nesta noite em Aveiro, pelas 20h45 com, casa cheia.

A árbitra Bruna Almeida da Associação de Futebol de Viseu integra a equipa de arbitragem da Supertaça,  numa vivência enriquecedora e motivadora para esta jovem árbitra.
A Associação de Futebol de Viseu congratula-se com a presença da Bruna Almeida neste jogo, a quem deseja as maiores felicidades.

Árbitro: Luís Godinho (AF Évora)
Árbitro Assistente 1: Paulo Soares (AF Coimbra)
Árbitro Assistente 2: Pedro Ribeiro (AF Aveiro)
4° Árbitro: Fábio Veríssimo (AF Leiria)

VAR : João Pinheiro (AF Braga)
AVAR 1 : Fábio Melo (AF Porto)
AVAR 2 : Luciano Maia (AF Braga)

Árbitros jovens: Bruna Almeida (AF Viseu) e Afonso Maia (AF Santarém)

Aveiro recebe o XX Congresso ADHP

O XX Congresso ADHP já tem data e local definido. O encontro anual dos diretores de hotel, promovido pela ADHP – Associação dos Diretores de Hotéis de Portugal, decorrerá nos dias 21 e 22 de março de 2024 no Centro de Congressos de Aveiro.

À semelhança da edição anterior, o Congresso acolherá o Encontro Internacional de Diretores de Hotéis, com a presença das associações congéneres como é o caso da Associação Espanhola e da Alemã.

No evento terá também lugar a cerimónia de entrega dos Xénios, prémios que reconhecem e premeiam a excelência na hotelaria, na noite de 21 de março.

A data e o local foram avançados num encontro que contou com a presença do presidente da ADHP, Fernando Garrido, do presidente do Turismo do Centro, Pedro Machado, e do presidente da Câmara Municipal de Aveiro, José Ribau Esteves.

O presidente da ADHP classificou o Centro como “uma escolha óbvia”, recordando que a região acolheu recentemente dois Congressos ADHP, em Viseu (2019) e em Fátima (2021). Fernando Garrido destacou também o facto de que, em 2024, Aveiro será a primeira Capital Portuguesa da Cultura, considerando que a cidade “tem uma forte componente turística e excelentes condições para acolher um congresso desta dimensão”.

“Continuará a ser um Congresso eminentemente técnico. Na prática, queremos dar inputs importantes não só ao mercado, mas aos nossos associados. Abordaremos temas que estarão na atualidade”, explicou o presidente da ADHP.

Sobre as temáticas que estarão em discussão no XX Congresso ADHP, Fernando Garrido explicou que será feita uma análise mais perto do encontro no sentido de aferir as necessidades do mercado e assegurar a atualidade dos assuntos abordados. Ainda assim, o presidente da ADHP avançou com dois assuntos que estarão em destaque no encontro. Os recursos humanos, com ênfase na revisão das categorias profissionais, tema abordado pelo secretário de Estado do Turismo, Comércio e Serviços, Nuno Fazenda, no último Congresso da ADHP e no âmbito do qual a Associação espera ver reconhecidos os profissionais do setor, “não só pela sua experiência, mas mais que tudo pela sua formação profissional”. Os dados analíticos serão outro dos temas em foco, com a apresentação de um estudo da empresa Clever Hospitality Analytics, parceira da associação, que procurará fazer uma antevisão do verão de 2024 com base na análise de dados.

O presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro destacou a importância, para a região, de “captar um congresso deste ADN”, com elevado valor “formativo” e considerou que o evento permitirá fazer um balanço económico do ano turístico de 2023 em relação aos anos de 2022 e 2019. Pedro Machado sublinhou a “singularidade e as diversidades” da hospitalidade do Centro do país, que tem em Aveiro uma “porta de entrada que oferece o que a região tem de melhor, mas complementa o que tem à sua volta”: “elementos representativos da região” que não se esgotam na cidade e podem trazer aos congressistas uma visão mais ampla do Centro de Portugal.

Também presente no anúncio, o presidente da Câmara Municipal de Aveiro refletiu sobre o percurso que a cidade tem feito para valorizar os seus ativos turísticos sob uma lógica de semear para mais tarde colher. José Ribau Esteves vê também no Congresso da ADHP uma “oportunidade muito importante” de semear no universo de congressistas e recordou a importância do turismo para a valorização das cidades, numa altura em que Aveiro se prepara para ser Capital Portuguesa da Cultura de 2024. “O turismo tem o duplo efeito de puxar pela autoestima das comunidades e de ter efeitos económicos diretos e indiretos”, recordou o autarca.

II Conferência Mundial do Pessoal de Apoio Educativo em Aveiro

A Internacional da Educação (IE) e a Federação Nacional da Educação (FNE) organizam, em
parceria, a II Conferência Mundial do Pessoal de Apoio Educativo (PAE) nos dias 16, 17 e 18 de maio
de 2023, no Auditório do Hotel Meliá Ria, em Aveiro.
O lema da conferência é “Construir a Força dos Sindicatos: Defender os Direitos e o Estatuto do
Pessoal de Apoio Educativo” e está inserida nas comemorações do VI Dia Mundial do Trabalhador de
Apoio Educativo, celebrado em todo o mundo no dia 16 de maio. A II Conferência do PAE conta com a
presença do Secretário-Geral da IE, o norte-americano David Edwards.
Oitenta trabalhadores não docentes, docentes e ativistas de 48 organizações membros da IE e
convidados de organizações parceiras de 29 países marcam presença no evento, oriundos de África do
Sul, Argélia, Austrália, Brasil, Canadá, Costa Rica, Costa do Marfim, Equador, Espanha, França, Gana,
Grécia, Honduras, Irlanda, Itália, Lesoto, Malásia, Nepal, Nigéria, Nova Zelândia, Portugal, Reino Unido,
Ruanda, Senegal, Sri Lanka, Suécia, Uruguai e Zâmbia.
A maior delegação é a dos EUA com nove representantes, entre eles Debra Ward-Mitchell,
Trabalhadora Não Docente da NEA de 2022. As delegações vão trocar ideias e experiências, unir-se em
solidariedade e construir uma grande força sindical, em defesa do PAE.
A II Conferência de Aveiro fará o balanço dos direitos e do estatuto do PAE no contexto das múltiplas
crises que se cruzam atualmente e que afetam o panorama político – a pandemia da COVID-19, os
cortes nos orçamentos educativos e a crescente privatização da educação. Dela sairão estratégias em
conjunto para acelerar progressos, no sentido de se alcançar a visão que vier a ficar definida na
Declaração de Aveiro, celebrando o poder do movimento sindical da educação para fazer a diferença
para o PAE.
A I Conferência Mundial do PAE da IE decorreu em 15 e 16 de maio de 2018, em Bruxelas, e teve a
participação da FNE. A Conferência adotou a Declaração sobre os Direitos e Estatuto do Pessoal de
Apoio Educativo. O documento releva o papel crucial destes profissionais na oferta de uma educação
de qualidade e apela aos governos de todo o mundo para que os valorizem, respeitem e lhes garantam
condições de vida e de trabalho dignas.
O evento comporta quatro subtemas principais: “Melhorar as Condições de Trabalho do PAE”, “Por
Uma Educação Pública: Financiar o PAE”, “Renovação Sindical” e “O PAE Para a Inclusão e
Sustentabilidade”. Ler Mais »

EUROPE DIRECT com a iniciativa “UEscolas

A Europa marca a agenda de Escolas de Aveiro e de Viseu Dão Lafões

EUROPE DIRECT leva a iniciativa “UEscolas” a cerca de 600 alunos das regiões de Aveiro e Viseu Dão Lafões.Após o sucesso da primeira edição, o EUROPE DIRECT Viseu Dão Lafões está de regresso às escolas com o programa “UEscolas”com os jogos “EU é que sei!”.

Naquela que é a sua segunda edição, esta desafiante proposta dedicada à construção europeia, além de Viseu Dão Lafões, estende-se à Região de Aveiro, alargando as suas fronteiras. Este ano, no total, serão abrangidos perto de 600 alunos, de 30 turmas.

O programa “UEscolas” destina-se a professores e alunos do 3.º ciclo e, à semelhança da edição anterior, visa promover, junto da comunidade escolar, a história e as dinâmicas culturais, políticas e geográficas do projeto europeu, procurando dar resposta ao, cada vez maior, interesse dos alunos pelo conhecimento das diferentes culturas de cada um dos 27 Estados Membros da União Europeia (UE).

As sessões, que vão ter lugar nos meses de maio e junho, têm início agendado para o próximo dia 15 de maio, na cidade de Ovar, e serão dinamizadas, em contexto de sala de aula, através de jogos didáticos que apresentam diversas temáticas de âmbito europeu num formato lúdico e interativo. No final de cada sessão, haverá prémios para distribuir entre os alunos que se destaquem com os melhores conhecimentos.

O arranque deste programa ficou marcado por um workshop dedicado a professores que teve por objetivo a apresentação do projeto e dos seus objetivos. Nesta sessão de trabalho o EUROPE DIRECT teve a oportunidade de dotar os docentes de conteúdos e recursos didáticos úteis, que lhes vão permitir preparar melhor atividades curriculares dedicadas aos grandes temas europeus.

Para José Carlos Almeida, responsável do EUROPE DIRECT Viseu Dão Lafões, “o sucesso da primeira edição do programa ‘UEscolas’  motivou-nos a repetir esta iniciativa, introduzindo alguma inovação e alargando-a à Região de Aveiro. Desde o seu lançamento o EUROPE DIRECT Viseu Dão Lafões elegeu os estudantes como uma das prioridades da sua ação, procurando disseminar os valores da União Europeia e incentivar os mais jovens à adoção de uma cidadania ativa e responsável na construção do projeto europeu. Este é mais um exemplo dessa estratégia que tem dado frutos muito positivos”.

A Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões é a entidade que acolhe o EUROPE DIRECT na região. Nuno MartinhoSecretário Executivo da CIM, sublinha que “um dos eixos fundamentais do trabalho da CIM é o vetor ‘Educação’. Neste âmbito, são múltiplos os projetos que, ao longo dos últimos anos, promovemos no nosso território.”

“Mais recentemente, este trabalho conjunto que temos desenvolvido com o EUROPE DIRECT, em que aliamos a nossa experiência ao conhecimento que o EUROPE DIRECT detém sobre os temas Europeus, tem permitido capacitar os nossos jovens, acerca de temas sobre o espaço europeu e o futuro da Europa”, concluiu o Secretário Executivo

Torneio Interassociações Futsal Masculino Sub-15

A seleção distrital da AF Guarda de Futsal Masculino Sub-15, vai participar no Torneio Interassociações que decorre no distrito de Aveiro, nos dias 18, 19, 20 e 21 de fevereiro.

O torneio organizado pela Federação Portuguesa de Futebol e pela Associação de Futebol de Aveiro, começa já na próxima semana e acontece no Pavilhão das Travessas, em São João da Madeira.

A AF Guarda vai transmitir em direto os seus jogos a partir da página de Facebook!

– AF Guarda X AF Viana do Castelo, 18/02, 16h45
– AF Ponta Delgada X AF Guarda, 19/02, 14h30
– AF Guarda X AF Vila Real, 20/02, 11h45
– AF Guarda X AF Beja, 21/02, 11h45

O Canal 11 vai, ainda, transmitir em diferido o jogo entre AF Guarda vs AF Beja.

Exposição “Diálogos” patente na Guarda

A  exposição “Diálogos” que reagrupa um conjunto de 60 obras provenientes de 4 dioceses: Aveiro, Guarda, Lamego e Viseu, foi inaugurada na Cidade mais Alta, na ExpoEcclesia.
Um território que vai da serra da Estrela ao Oceano Atlântico, do Douro ao Dão, com diversidade de matérias primas e tradições e devoções religiosas.
Tem sido um percurso marcado pela sinodalidade entre as 4 dioceses envolvidas neste projeto com dinâmicas criativas diversificadas nos locais por onde tem passado.
Trata-se de pôr as pessoas em diálogo com Deus, com as peças e com outras pessoas. Por isso os diálogos são infinitos.
Importa que a arte religiosa não perca esta capacidade de provocar emoções, reações e diálogos.
Pode ser visitada até dia 30 de novembro, na ExpoEcclesia, na Guarda.
Por: Pe. João Morgado – Diocese Lamego