Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: Câmara Municipal de Fornos de Algodres

Tag Archives: Câmara Municipal de Fornos de Algodres

Município de Fornos de Algodres aposta na Digitalização e Desmaterialização do Ciclo Urbano da Água

Resultado da  parceria da Câmara Municipal de Fornos de Algodres com a Associação de Municípios da Cova da Beira (AMCB) e a A2O – Água, Ambiente e Organização (que tem a propriedade do software NAVIA), doravante designada de NAVIA, iniciou em 2022 um processo que visa digitalizar e desmaterializar a gestão de operação e manutenção das infraestruturas ambientais.

Esta ferramenta de trabalho colaborativo permite a gestão diária, através de uma interface amigável e intuitivo. Centrada ao nível do ciclo urbano da água, a ferramenta permite o registo de ocorrências, planeamento de trabalhos das equipas, registo de intervenções/tarefas, controlo de qualidade e a emissão de relatórios e indicadores que ajudam, de uma forma célere, remeter a informação para a Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR), monitorizar prestações de serviços e dar resposta a auditorias.

É um projeto que envolveu, por parte do município, uma adesão muito rápida de uma equipa multidisciplinar altamente motivada e que contou com todo o apoio da NAVIA na sua formação, tendo alcançado recentemente a implementação de registos operacionais no terreno.

No contexto deste projeto, o Senhor Eng.º Bruno Costa apresentou os primeiros resultados práticos do projeto num workshop organizado pela AMCB e NAVIA, que juntou vários municípios da nossa região no dia 25 de março de 2022, no Museu Judaico de Belmonte e teve como tema principal “A Digitalização e Eficiência Hídrica nos Municípios da área de influência da AMCB”.

Foi um espaço que possibilitou a apresentação de resultados concretos e a partilha de experiências no desempenho operacional e que decorreu em ambiente de debate aberto.

O Município de Fornos de Algodres está fortemente empenhado neste projeto, tendo a ambição de implementar um modelo de gestão das suas infraestruturas, que origine a eficiência hídrica e sustentabilidade ambiental, fatores cruciais nos tempos atuais.

Foto:MFA

Dia Internacional da Floresta assinalado em Fornos de Algodres

Dia Internacional da Floresta - 2022Fornos de Algodres celebrou o Dia Internacional da Floresta. Assim plantar árvores é urgente e não só neste dia mas todos os dias deveriam ser plantadas árvores, mas mais que isso, posteriormente tratadas como deve de ser , regadas, adubadas o ano todo.

Assim sendo o tema deste ano é dedicado às “Florestas: Consumo e produção sustentáveis”, face a isso, o Município de Fornos de Algodres, aproveitou a ajuda de jovens estudantes de Erasmus, oriundos de 7 países, participantes do projeto ”ECMA-Environment Change Makers Academy” , nada melhor que  plantar, na Rasa de Infias , cerca de 330 carvalhos-alvarinhos (Quercus robur L.), espécie autóctone, de folha caduca que pode chegar a atingir entre 500 a 1000 anos.

O Município deixa um agradecimento especial ao ICNF – Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, pela doação de 50 carvalhos-alvarinhos (Quercus robur L.) e a todos os funcionários que estiveram envolvidos diretamente nesta ação, devidamente coordenados pela Eng.ª Inês Madeira.

Esta ação contribui diretamente para os ODS n.º 12 {Garantir Padrões de Consumo e de Produção Sustentáveis} e 15 {Proteger a Natureza}.

O mundo enfrenta atualmente desafios sem precedentes, e as alterações climáticas encontram-se entre os mais prementes de todos. Estes desafios ameaçam o bem-estar das pessoas e da natureza e exigem uma ação imediata na criação de soluções inovadoras e criativas que coloquem o mundo no caminho da paz e da prosperidade num planeta saudável (Fonte: https://www.icnf.pt/atualidade/datascomemorativas).

foto:MFA

 

Dia Internacional da Mulher em Fornos de Algodres

O Dia Internacional da Mulher foi assinalado pelo Executivo Municipal de Fornos de Algodres  com a entrega de uma lembrança simbólica a todas as Mulheres que integram a equipa, ressalvando o papel fundamental que cada uma desempenha, tanto a nível social como profissional.
Feliz Dia a todas as Mulheres…deseja o Executivo Municipal de Fornos de Algodres

Feira do Queijo Serra da Estrela de Fornos de Algodres regressa de 25 a 27 de março

A Feira do Queijo Serra da Estrela de Fornos de Algodres está de regresso no final de março  em forma presencial, depois de ter decorrido nos últimos dois anos em formato digital, assim avançou , Manuel Fonseca,  presidente da Câmara à  Lusa.

Segundo o autarca fornense, nos dois anos anteriores, devido à pandemia, o certame foi realizado ‘online’, mas, este ano, “é previsível que a Feira do Queijo se realize no último fim de semana de março , dias 26 e 27”. Depois de dois anos de ausência, este ano entendemos que poderão estar reunidas as condições para realizar a Feira do Queijo”, disse o responsável, embora tenha sublinhado que a decisão final estará sempre dependente da evolução da pandemia.

A edição de 2022 da Feira do Queijo Serra da Estrela de Fornos de Algodres acontecerá num local alternativo, dado que o Mercado Municipal está em obras de remodelação.

O espaço que vai acolher o evento ainda não está decidido, mas o autarca admitiu que será numa rua da vila ou junto do edifício dos Paços do Concelho.

Neste momento, a nossa intenção é realizar a Feira do Queijo no final do mês de março. No entanto, temos que avaliar dia a dia, semana a semana, todas as situações”, rematou.

Na opinião de Manuel Fonseca, apesar de a sua autarquia conseguir ajudar os produtores na comercialização dos seus produtos, através na plataforma digital “obomsabordaserra.pt” (acessível em www.obomsabordaserra.pt), é importante que o certame anual regresse ao formato presencial para estimular a economia local.

O município de Fornos de Algodres faz parte da área geográfica de produção de queijo Serra da Estrela, que engloba 18 concelhos.

Segundo João Pina Gomes, do Gabinete Técnico de Apoio ao Ovinicultor, “a ovinicultura associada ao fabrico de queijo é uma das componentes económicas mais importantes do município de Fornos de Algodres, contribuindo decisivamente para o bem-estar da população e para o desenvolvimento sustentado do concelho”.

“Todas as freguesias do concelho de Fornos de Algodres são parte integrante da área da Região Demarcada de Produção do Queijo Serra da Estrela. Esta indústria caseira figura no primeiro plano, não só das atividades relacionadas com a vida rural, mas de todas atividades económicas do concelho, representando uma valiosa fonte de receitas para um município desfavorecido como é o caso de Fornos de Algodres”, referiu o responsável numa nota publicada na página oficial da internet do município.

De acordo com João Pina Gomes, o Queijo Serra da Estrela produzido no concelho de Fornos de Algodres “tem como base os sistemas tradicionais, quer de produção de leite, quer de produção de queijo”.

Aquisição de um Autocarro Elétrico e Instalação de um posto de carregamento em Fornos de Algodres

O Município de Fornos de Algodres informa que:” com imensa satisfação, a aprovação (25/01/2022), pelo Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (PO SEUR), da candidatura do Município de Fornos de Algodres, para a Aquisição de um Autocarro Elétrico e Instalação de um posto de carregamento. Para o executivo, não deixa de ser motivo de orgulho ter sido um dos poucos territórios de baixa densidade populacional a serem contemplados.

Com o apoio conseguido, a Câmara Municipal de Fornos de Algodres pode, como já há muito almejava, dar um passo importante na mobilidade sustentável, implementando uma transição para uma economia de baixas emissões de carbono, utilizando veículos mais eficientes e que utilizem fontes energéticas limpas, o que nos permite um melhor desempenho ambiental e redução de custos, ao mesmo tempo que renova a sua frota municipal.

A realização desta medida irá contribuir diretamente para o Roteiro para a Neutralidade Carbónica 2050 (RNC2050) e para o Plano Nacional Energia e Clima 2030 (PNEC2030), através da descarbonização e da promoção de utilização de transporte público verde. Também prevê a sustentabilidade energética, permitindo assim uma sustentabilidade económica e ambiental, através da promoção da redução de emissões de gases com efeito de estufa.

Esta medida encontra-se inserida no Projeto “Renovação de Frota Amiga do Ambiente” (P11), do Programa Municipal de Mobilidade Sustentável (PM5) da Estratégia Municipal Ambiental 2022-2025, aprovada por maioria em Assembleia Municipal no dia 30/12/2021. Fica o agradecimento à Associação de Municípios da Cova da Beira por todo o apoio na elaboração da candidatura, por parte deste município.

“Educação e Futuro” em debate no Dia Internacional da Educação em Fornos de Algodres

Agrupamento 1393 – Fornos de Algodres homenageado 

Durante a manhã , desta segunda-feira, o auditório do AEFA, acolheu uma sessão de partilha e debate centrada no tema “Educação e Futuro”.

Esta sessão teve a participação do professor Marco Fernandes, Diretor do Agrupamento de Escolas, Bruno Costa, Presidente da Junta de Freguesia, Luísa Gomes, Vereadora da Câmara Municipal com o Pelouro da Educação, Rodrigo Sousa, Presidente da Associação de Estudantes, Ana Roque, Presidente da Associação de Pais e Encarregados de Educação e Manuel Fonseca, Presidente da Câmara Municipal de Fornos de Algodres, onde todos eles deixaram umas breves palavras sobre este dia, numa iniciativa da Freguesia de Fornos de Algodres, em parceria com o Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres e o CLDS 4G Servir Fornos de Algodres, assinalou o Dia Internacional da Educação, uma iniciativa que segundo a a Freguesia pretendem manter ao longo dos anos e neste ano dividiu em duas vertentes.

No final das preleções foi entregue uma distinção ao Agrupamento de Escuteiros de Fornos de Algodres, na pessoa do Chefe Paulo Santos, pelos contributos inestimáveis que esta instituição presta efetivamente no desenvolvimento e promoção de habilidades sociais positivas nas crianças e jovens.

O Agrupamento 1393 – Fornos de Algodres, pela voz do chefe Paulo Santos agradeceu a homenagem prestada pela  Freguesia de Fornos de Algodres, salientando que “Esta homenagem é para todos nós, escuteiros, dirigentes, pais e encarregados de educação, motivo de muito orgulho. Continuamos Sempre Alerta para Servir!”

Durante o dia, os alunos do Pré-Escolar e 1º Ciclo, podem assistir a uma experiência teatral centrada na temática educativa. Deste modo, o executivo da Freguesia fornense agradeceu aos professores, alunos, restantes entidades presentes e a todos aqueles que contribuem diariamente para uma educação de futuro, com qualidade e equidade .

Projeto reciclARTE continua na região em ações de Teatro e Música

A equipa artística da ASTA, no âmbito do projeto reciclARTE,  está a trabalhar diretamente com os alunos das escolas dos Municípios de Covilhã, Fornos de Algodres e Gouveia, em ações de dinamização de fruição cultural e expressão artística, nomeadamente em ações de Teatro e Música.

A reciclARTE junta o Teatro, a Música, as Artes Plásticas e Lixo para criar arte, combater o insucesso escolar e educar para a reciclagem, reutilização e reaproveitamento de resíduos. Um projeto no âmbito do Programa Parcerias Para o Impacto desenvolvido pela Estrutura de Missão Portugal Inovação Social, é uma iniciativa de Inovação e Empreendedorismo Social direcionada para a resolução de dois problemas sociais: a ausência de motivação e valorização da escola por parte dos adolescentes, e a falta de uma cidadania ativa para a consciência social, em particular nas questões ligadas ao meio ambiente. Como forma de encontrar soluções para estes problemas sociais, o projeto reciclARTE prevê o desenvolvimento de um espaço dedicado à criação artística e ao desenvolvimento do potencial criativo, onde os jovens são convidados a usar as artes como meio para desenvolver o seu interesse pela escola e uma maior consciência social sobre os problemas que os rodeiam, nomeadamente o problema da degradação do meio ambiente.

Município de Fornos de Algodres cria aplicação para avaliação de refeições escolares

Vai estar disponível a partir desta segunda -feira , 10 de janeiro ,uma ferramenta informática de avaliação das refeições escolares para a cantina da Escola Secundária e Básica de Fornos de Algodres . Esta uma iniciativa da Câmara Municipal de Fornos de Algodres em parceria com o Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres, a Associação de Pais e o Projeto Eco-Escolas, a realçar que o suporte técnico foi da Agência para o Desenvolvimento da Sociedade de Informação e do Conhecimento (ADSI).

Este projeto tem como objetivo a avaliação e monitorização das preferências alimentares em tempo real podendo, desta maneira, efetuar-se melhorias nas refeições fornecidas tendo em conta a qualidade alimentar.

A ferramenta, que estará disponível a partir do dia 10 de janeiro de 2022, foi desenvolvida para uma utilização simples, fácil e muito intuitiva, destinada a ser utilizada por quem almoça na cantina da Escola Secundária e Básica de Fornos de Algodres, nomeadamente funcionários, professores e alunos.

A avaliação é feita em apenas dois passos: 1) Inserir o número de aluno, funcionário ou professor (conforme a situação) e carregar na tecla “AVALIAR” e, 2) selecionar a avaliação da refeição, através de caras: Verde – Gostei Muito; Amarelo – Gostei e Vermelho – Não Gostei e e carregar na tecla “SUBMETER”.

Recorde-se que a Câmara Municipal de Fornos de Algodres aceitou a transferência de competência para o órgão Municipal no domínio da Educação, através da aprovação por maioria no dia 30/08/2019 na Reunião de Câmara e no dia 27/09/2019 na Assembleia Municipal.

Esta ação contribui diretamente para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável n.º 12 (Garantir padrões de consumo e de Produção Sustentáveis) e n.º 17 (Parcerias para a implementação dos objetivos).

 

Estratégia Municipal Ambiental 2022-2025 em Fornos de Algodres

A Estratégia Municipal Ambiental (EMA) da Câmara Municipal de Fornos de Algodres  foi aprovada em Reunião de Câmara Extraordinária e recentemente na Assembleia Municipal, para o período de 2022 a 2025, composta por 7 programas municipais e 16  projetos.

A Estratégia Municipal Ambiental 2022-2025 pretende estabelecer, através de objetivos específicos, ações e indicadores, um compromisso estratégico e de coesão na construção de políticas ambientais para o Concelho de Fornos de Algodres, através de uma cidadania inclusiva que conduza a mudanças de comportamentos e de hábitos, no caminho para um Concelho mais sustentável.

O documento, que apresenta uma linguagem simples e acessível, é constituído por 7 (sete) programas municipais, 16 (dezasseis) projetos e mais de 80 indicadores, e pretende definir as principais orientações sobre a política ambiental com o respetivo orçamento.

A concretização dos compromissos presentes na EMA 2022-2025, irá privilegiar um trabalho temático e transversal, ajudando localmente Portugal a atingir os compromissos, nacionais e internacionais, assumidos no domínio da sustentabilidade, dos quais se destaca o Acordo de Paris e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030, na qual a câmara municipal é parceira desde novembro de 2020.

“O cantinho da memória”inaugurado no AEFA

No âmbito da atividade Jornada Memória & Esperança teve lugar na Escola Secundária de Fornos de Algodres para a inauguração do espaço “O cantinho da memória”. Marcaram presença pais/encarregados de educação, assistentes técnicos e operacionais , Manuel Fonseca, presidente da Câmara, e Alexandre Lote, vice – presidente do Município Fornense, que entregaram o voto de Louvor ao Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres ao diretor Marco Fernandes.

Neste espaço todos deixaram uma mensagem de esperança ligado ao tema: “E depois da pandemia: o que não queremos; o que desejamos.”

Por sua vez, Marco Fernandes referiu que: “Estamos hoje reunidos aqui, nesta Jornada Memória & Esperança, iniciativa nacional a que nos associamos, para prestar a nossa homenagem a quantos, na nossa comunidade, foram vítimas da Covid 19. Os dados mais recentes indicam que no Mundo cerca de 240 milhões de pessoas foram infetadas e 5 milhões perderam a vida.
Hoje, pretendemos homenagear não todos os que morreram, e que permanecerão na nossa memória, mas também todos aqueles que, de algum modo, ajudaram a ultrapassar as dificuldades que sentimos.

E é neste espaço a que chamámos de “O cantinho da Memória” que queremos registar a nossa lembrança que é, ao mesmo tempo, um tributo à esperança e à vida.
Neste banco nos poderemos sentar todos para repousar ou conversar, neste mural deixamos os nossos pensamentos. Plantaremos, também, uma árvore, símbolo maior
do futuro e da esperança. Ao vê-la crescer, tal como a todos os jovens que pela nossa escola passam, passaram e passarão, teremos certeza de que estamos a erguer o futuro
mais solidário e alicerçado na vontade de sermos sempre melhores.

Nesta ocasião, e porque acreditamos que a esperança vive a par do desejo de paz, escolhemos ouvir um poema do Prémio Nobel da Paz, Ghandi e uma canção que é um
apelo à revolução que só a justiça e a solidariedade podem garantir: “Imagine” dos The Beatles.

E para terminar, deixo as palavras atribuídas a Charlie Chaplin:


“Cada pessoa que passa na nossa vida passa sozinha e não nos deixa sós porque deixa um pouco de si e leva um pouco de nós.