Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: camara

Tag Archives: camara

Gouveia- Ana Abrunhosa inaugurou a Unidade de Produção da PapelMark

Teve lugar a inauguração de mais uma unidade industrial na Cidade Jardim, trata-se da Unidade de Produção da PapelMark  que foi inaugurada pela Ministra da Coesão Territorial ,Ana Abrunhosa  e a Presidente da CCDRC, Isabel Damasceno, acompanhados de Luís Tadeu, Presidente da Câmara e restante executivo da empresas.

Esta Unidade de Produção da PapelMark da empresa Arnaldo Saraiva, um investimento industrial de transformação de papel, situado na zona industrial de Gouveia e dedicado à produção de artigos para unidades de hotelaria e de saúde.
Um investimento de cerca de 2 milhões de euros que promete destacar-se no mercado como uma marca diferenciadora e bastante competitiva.
Visita à Textura Wine
Seguidamente visitaram as instalações da empresa Textura Wine, uma empresa ligada vitivinicultura e ao enoturismo, cujo projeto contempla, entre outros, a renovação dos pavilhões industriais da antiga fábrica têxtil dos Moinhos da Serra e a sua reconversão numa moderna adega. Um investimento que, sendo ainda recente, começa já a ganhar lugar de destaque nos mercados nacional e internacional.
Estes empresários, que escolheram Gouveia para fixar as suas empresas, são, nas palavras do  Presidente da Câmara Municipal de Gouveia, Luís Tadeu, bons exemplos de que o interior e concretamente o nosso concelho tem todas as condições para atrair e fixar negócios e investimentos.

PSD Fornos de Algodres alega ter defendido descida do IMI noutros tempos atrás

Em comunicado,  o PSD de Fornos de Algodres, pela voz da sua vereadora Maria Joaquina Domingues, defende que há muito tempo atrás já defendiam que a taxa de IMI podia baixar, onde assim refere que: “Afinal, o PSD tinha razão! Independentemente das razões que possam subjazer a tal decisão (e, dúvidas
não restam, a proximidade de um ciclo eleitoral autárquico será uma delas) o
PSD só pode regozijar-se ante uma proposta de redução das taxas do IMI.
Apesar de serôdia e irrisória, esta proposta apenas vem confirmar tudo aquilo
que, há vários anos, vem por nós sendo proposto em inúmeras reuniões, quer
da Câmara Municipal, quer da Assembleia Municipal. Afinal, era possível baixar
as taxas do IMI…! Mas, escudando-se em ilegalidades insanáveis diversas, na
perturbação da capacidade financeira do Município e em outros argumentos
infundados, o Partido Socialista sempre recusou baixá-las, quando, afinal, isso
era possível! Bastava um pouco de humildade política, de bom senso e de
preocupação com as dificuldades sentidas por quem teima em viver e investir
em Fornos de Algodres, para que, desde há muito, se propusesse ao FAM esta
medida e este passo tivesse sido dado.
Apesar de concordar, em absoluto, com a baixa das taxas do IMI, o PSD não
pode deixar de registar o oportunismo e o espalhafato político em torno desta
proposta, tentando fazer crer aos mais incautos, num exercício de demagogia e
desfaçatez primárias, que ela se deve, apenas e só, às preocupações da
governação socialista. Puro logro, como é apanágio do Partido Socialista.
Bastaria consultar as atas das reuniões dos órgãos autárquicos para que tal
ficasse provado, para o caso de eventuais esquecimentos. Mas, para que
conste, foi o PSD que, desde a primeira hora, propôs e insistiu na redução das
taxas do IMI e demonstrou que tal era legalmente possível e socialmente
recomendável. O tempo deu-nos razão”!

Perfil da candidata do PSD, Joaquina Domingues

17742522_866121493528704_1237303198_nDepois de ter sido apresentada, neste domingo, Joaquina Domingues como candidata, nas próximas Autárquicas, à Camara Municipal de Fornos de Algodres, deixamos aqui o seu perfil.

Maria Joaquina Santos Fernandes Domingues, 54 anos, é natural e residente em Fornos de Algodres.
Concluiu a Licenciatura em Matemática (ramo educacional) pela Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra, em 1987.
Desde esse ano desenvolve a atividade de professora do 3.º ciclo e Secundário, tendo começado a lecionar na Escola Secundária José Falcão em Coimbra, passando depois por Celorico da Beira, Canas de Senhorim, Trancoso até, finalmente em 1991, se fixar em Fornos de Algodres no atual Agrupamento de Escolas concelhio.
Ao longo da sua carreira profissional, desempenhou diversos cargos de gestão intermédia, dos quais se destacam o de diretora de turma, de delegada de disciplina de matemática, de assessora pedagógica, de coordenadora dos diretores de turma, de coordenadora do secretariado de exames, de coordenadora do PAM e de presidente da Assembleia de Escolas de Fornos de Algodres. Atualmente é também presidente do Conselho Geral do Agrupamento de Fornos de Algodres.
A par da sua atividade profissional, desenvolve projeto PRODER, na área empresarial /agrícola, área à qual, pelas suas origens, sempre estive ligada.
É uma pessoa dinâmica, batalhadora, tendo vencido as agruras da vida, com o seu trabalho, dedicação e empenho em todas tarefas em que se envolve.

MANGUALDE ASSOCIOU-SE AO DIA MUNDIAL DA CONSCIENCIALIZAÇÃO DO AUTISMO

   A noite desta quarta-feira na cidade de Mangualde foi especial , pois associou-se ao Dia Mundial da Consciencialização do Autismo, onde se acendeu uma luz de cor azul.

  A Câmara Municipal de
Mangualde, à semelhança de anos anteriores, associa-se à Federação Portuguesa
de Autismo e à APPDA de Viseu na campanha mundial ‘Acendam a Luz Azul (Light
it up blue
)’ que assinala o Dia Mundial da Consciencialização do Autismo.
Assim, esta noite foram iluminadas a Rotunda dos Prazeres e a Rotunda em frente
ao Centro de Saúde em Mangualde.

 A iniciativa, que tem como
objetivo consciencializar a população em geral para o autismo, consiste na
iluminação em azul, de vários monumentos no mundo inteiro. Esta campanha,
que tem este ano o seu sexto ano de existência, conseguiu iluminar edifícios
como a Torre Eiffel, o Empire State Building e, em Portugal, o Palácio de Belém,
o Castelo de Penela, o Castelo de Leiria, as Portas da cidade de Ponta Delgada,
vários edifícios de Câmaras Municipais do distrito de Viseu e de outros
distritos, imóveis de interesse público e coletividades.

O Dia da Consciencialização e
Sensibilização
para o Autismo, que se assinala hoje,  2 de abril, traz uma nova
luz sobre o Autismo. Ajuda a desenvolver e aumentar o conhecimento do Autismo,
a fornecer mais informação sobre a importância do diagnóstico e intervenção
precoce. O Autismo é um complexo distúrbio neurobiológico que tipicamente dura
durante toda a vida de uma pessoa. Faz parte de um grupo de distúrbios
conhecidos como ASD (Autism Spectrum Disorders). Estima-se que cerca de 67
milhões de pessoas são afetadas pelo Autismo, fazendo que seja mais comum em
certos países do que cancro, diabetes e HIV juntos.
Fonte:CMM

Álvaro Amaro promete auditoria à Câmara da Guarda

 

O
novo presidente da Câmara Municipal da Guarda, o social-democrata
Álvaro Amaro, disse este sábado que vai fazer uma auditoria económica,
financeira e social, com o objetivo de conhecer a situação em que a
autarquia se encontra.

“Como
afirmámos repetidas vezes [durante a campanha eleitoral], queremos
conhecer a radiografia económica, financeira e social” da autarquia,
disse este sábado Álvaro Amaro, eleito pela coligação PSD/CDS-PP, por
ocasião da cerimónia de tomada de posse dos novos órgãos autárquicos do
concelho. O social-democrata deixou claro que a “auditoria ou
radiografia à questão económica, social e financeira é um instrumento de
gestão e, em caso algum, de suspeição”. “É absolutamente natural que
todos queiramos saber de uma forma ou de outra, o que temos, o que
devemos e o que necessitamos”, justificou. O novo presidente da Câmara
da capital de distrito, que sucede ao socialista Joaquim Valente, também
anunciou que irá reformular a atual estrutura orgânica do município da
Guarda. “Venho para avaliar e ajustar a administração municipal às
prioridades funcionais que definiremos. Em tempo de condicionamento de
recursos, é necessário ponderar onde e como gastar”, alertou. A reforma e
modernização dos serviços terá uma “atenção especial” do novo
executivo, prometeu, sublinhando que o objetivo é a “reaproximação
permanente entre o cidadão e a estrutura do município”. Álvaro Amaro
disse ter “consciência que a racionalização de recursos” exige,
porventura, “um combate sério ao desperdício e exige a articulação das
competências funcionais entre o poder central e o poder local”. Apontou
que a Câmara de Castelo Branco, com 56 mil habitantes, possui 377
funcionários na autarquia, nos serviços municipalizados e na empresa
municipal, quando a Guarda, com 43 mil residentes, tem um total de 681
colaboradores. “Temos de encontrar explicações plausíveis para esta
situação”, observou o autarca, deixando claro que, tal como afirmou na
campanha eleitoral, não irá “despedir ninguém”. Amaro também prometeu um
município “amigo dos seus munícipes, procurem eles uma simples
informação ou apresentem um projeto qualquer de investimento”. No seu
discurso, Álvaro Amaro defendeu ainda a necessidade de a Guarda tirar
proveito da sua posição geoestratégica, por ser uma “importante porta
para a Europa e da Europa”. Também anunciou que a cidade vai ter uma
delegação da Entidade Regional de Turismo do Centro, para “valorizar,
dinamizar e potenciar a marca Serra da Estrela”, e que a autarquia irá
realizar uma Feira Ibérica do Turismo. Álvaro Amaro, que liderou a
autarquia de Gouveia nos últimos três mandatos, candidatou-se à Câmara
da Guarda nas eleições autárquicas de 29 de setembro e obteve maioria
absoluta, derrotando o PS que geria o município desde as primeiras
eleições autárquicas (1976). A coligação PSD/CDS-PP elegeu cinco
vereadores e o PS apenas dois.

fonte:Lusa