Início » Tag Archives: campanha

Tag Archives: campanha

Campanha LOJA SOLIDÁRIA” no IP Viseu

Cada vez mais a solidariedade é um ato importante , além de um exercício de generosidade e empatia, um ato de cidadania, os Serviços de Ação Social do Instituto Politécnico de Viseu e os CLAIM
Viseu e Lamego promovem, à semelhança do ano passado, uma campanha de angariação de donativos de bens de primeira necessidade, que poderão incluir alimentos não perecíveis, artigos de higiene ou outros.
Os donativos devem ser depositados nas “caixas solidárias” disponíveis em cada Escola e nos Serviços Centrais. A Loja Solidária está sempre disponível para receber donativos durante todo o ano.
Os bens recolhidos serão disponibilizados na Loja Solidária a estudantes em fragilidade social. Esta campanha decorre até 30 de novembro de 2022.

Campanha “Viajar sem Pressa” nos dias 16 e 23 de agosto

A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), a Guarda Nacional Republicana (GNR) e a Polícia de Segurança Pública (PSP) lançam amanhã, dia 16 de agosto, a Campanha de Segurança Rodoviária Viajar sem pressa”, inserida no Plano Nacional de Fiscalização de 2022.

A decorrer entre os dias 16 e 23 de agosto, a campanha tem como objetivo alertar os condutores para os riscos da condução em excesso de velocidade, dado que esta é uma das principais causas dos acidentes nas estradas e é responsável por mais de 50% das infrações registadas.

Num atropelamento, a probabilidade de existirem vítimas mortais aumenta em função da velocidade a que circulam os veículos. Se um veículo circular a 30 km/h, a probabilidade das consequências de um atropelamento serem mortais é de 10%. Aumentando a velocidade para 50 km/h, a probabilidade passa a ser de 80%.

A campanha “Viajar sem pressa” integrará:

  • Ações de sensibilização da ANSR em território continental e do serviço da administração regional da Região Autónoma da Madeira;
  • Operações de fiscalização, pela GNR e pela PSP, com especial incidência em vias e acessos com elevado fluxo rodoviário e de acordo com o Plano Nacional de Fiscalização 2022, de forma a contribuir para a diminuição do risco de ocorrência de acidentes e para a adoção de comportamentos mais seguros por parte dos condutores no que respeita à condução em excesso de velocidade.

 

As ações de sensibilização ocorrerão em simultâneo com operações de fiscalização nas seguintes localidades:

  • Dia 16 de agosto, às 14h00: Avenida Marechal Norton de Matos (junto às bombas da Repsol), Lisboa;
  • Dia 17 de agosto, às 10h00: A2 – Portagens plana via de Coina, sentido Sul-Norte;
  • Dia 18 de agosto, às 14h00: Barreira Alva, Torres Novas;
  • Dia 19 de agosto, às 8h00: IC8 Km 92 – Nó de Perdigão, Castelo Branco;
  • Dia 21 de agosto, às 10h00: EN2 Ponte do Soito – Góis;
  • Dia 22 de agosto, às 9h00: Avenida das Comunidades Europeias, Leiria;
  • Dia 23 de agosto, às 8h00: A3 Km11 sentido Norte-Sul – Área de Serviço da Trofa.

 

A ANSR, a GNR e a PSP relembram que a condução em excesso de velocidade é um risco para a sua segurança e dos outros:

  • A velocidade é a principal causa de um terço de todos os acidentes mortais;
  • Quanto mais rápido conduzimos, menos tempo dispomos para imobilizar o veículo, quando algo de inesperado acontece;
  • Numa viagem de 10 km, aumentar a velocidade de 45 para 50 km/hora permite ganhar apenas 1 minuto e 20 segundos. Viaje sem pressa.

A sinistralidade rodoviária não é uma fatalidade e as suas consequências mais graves podem ser evitadas através da adoção de comportamentos seguros na estrada.

 

Campanha de Vacinação de Canídeos no Concelho de Celorico da Beira

Vai ter lugar entre 12 e 15 de setembro, no Município de Celorico da Beira  a Campanha de Vacinação Antirrábica e Identificação Eletrónica.
A Direção Geral de Alimentação e Veterinária, com a colaboração da Câmara Municipal, promove a Campanha Nacional de vacinação Antirrábica (CVAR) e de controlo de outras zoonoses. Os munícipes detentores de cães com três meses ou mais de idade devem promover a vacinação dos seus animais contra o vírus da raiva.
Quem não tiver possibilidade de vacinar o seu animal de estimação nos dias em questão, poderão ser efetuadas desde já no Gabinete Veterinário Municipal, no antigo Posto de Turismo, todas as terças-feiras, das 9:30h às 12:30h.

Campanha de Segurança Rodoviária “Taxa Zero ao Volante”

A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), a Guarda Nacional Republicana (GNR) e a Polícia de Segurança Pública (PSP) lançam amanhã, dia 5 de julho, a Campanha de Segurança Rodoviária Taxa Zero ao Volante”, inserida no Plano Nacional de Fiscalização de 2022.

A decorrer entre os dias 5 e 11 de julho, a campanha tem como objetivo alertar os condutores para os riscos da condução sob a influência do álcool. Um em cada três condutores mortos em acidentes de viação apresenta uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 0,5 g/l e três em cada quatro destes condutores apresentam uma taxa igual ou superior a 1,2 g/l.

Vários estudos científicos demonstram que conduzir sob a influência do álcool causa várias perturbações, designadamente, ao nível cognitivo e do processamento de informação, bem como alterações na capacidade de reagir aos imprevistos, e descoordenação motora.

O álcool também diminui o campo visual, provocando a chamada visão em túnel. Esta perda de capacidades, bem como as alterações de comportamento que podem levar a estados de euforia e desinibição, aumentam de forma muito significativa o risco de envolvimento em acidentes rodoviários.

A campanha “Taxa Zero ao Volante” integrará:

  • Ações de sensibilização da ANSR em território continental e dos serviços da administração regional da Região Autónoma da Madeira;
  • Operações de fiscalização, pela GNR e pela PSP, com especial incidência em vias e acessos com elevado fluxo rodoviário e de acordo com o Plano Nacional de Fiscalização 2022, de forma a contribuir para a diminuição do risco de ocorrência de acidentes e para a adoção de comportamentos mais seguros por parte dos condutores no que tange à condução sob a influência do álcool.

 

As ações de sensibilização ocorrerão em simultâneo com operações de fiscalização nas seguintes localidades:

  • Dia 5 de julho, às 19h00: EN8 – Rotunda Turcifal – Torres Vedras;
  • Dia 6 de julho, às 14h00: Avenida da Europa – Aveiro;
  • Dia 7 de julho, às 13h00: EN 14, Rotunda do Feliz, Celeirós –  Braga;
  • Dia 8 de julho, às 14h00: Praça da República, Porto;
  • Dia 9 de julho, às 20h00: EN17 – Ceira.

 

A ANSR, a GNR e a PSP relembram que a condução sob a influência do álcool é um risco para a sua segurança e dos outros:

  • Com uma taxa de álcool no sangue de 0,5 g/l o risco de sofrer um acidente grave ou mortal duplica;
  • Os acidentes que decorrem da condução sob a influência do álcool são particularmente graves.

A sinistralidade rodoviária não é uma fatalidade e as suas consequências mais graves podem ser evitadas através da adoção de comportamentos seguros na estrada.

 

Operação “RoadPol – ECR Truck & Bus”

A Guarda Nacional Republicana (GNR), entre o dia 13 e o dia 19 de junho, realiza uma operação de fiscalização seletiva de transportes rodoviários de mercadorias e de passageiros, orientando as ações de fiscalização para as vias mais críticas à sua responsabilidade e onde se verifique um maior volume de tráfego deste tipo de veículos, em todo o território nacional continental.

O Euro Contrôle Route (ECR) é um grupo Europeu de Inspeção de Transportes, que tem por objetivo melhorar a segurança rodoviária e a sustentabilidade, a concorrência leal e as condições de trabalho no transporte rodoviário. Por sua vez, a RoadPol é uma organização que foi estabelecida pelas polícias de trânsito da Europa, com a finalidade de melhorar a segurança rodoviária e o cumprimento das normas rodoviárias.

No final de 2021, a GNR tornou-se membro da RoadPol, passando a integrar no seu planeamento operacional, as operações planeadas pela referida organização. No âmbito do planeamento anual efetuado pela RoadPol e pelo ECR, a GNR realiza uma operação de fiscalização direcionada para veículos pesados com o objetivo de melhorar a segurança rodoviária, a sustentabilidade, a concorrência e as condições de trabalho em transporte rodoviário, através do cumprimento dos regulamentos existentes.

Com esta ação, pretende-se também sensibilizar a sociedade, em especial os operadores económicos que se dedicam ao transporte rodoviário de mercadorias e passageiros, para a importância da adoção de comportamentos mais seguros por parte dos seus condutores profissionais, tendo em vista a promoção da segurança rodoviária e a salvaguarda de vidas humanas.

O aumento da concorrência no setor dos transportes rodoviários, torna-o mais suscetível à prática de irregularidades, em detrimento da segurança rodoviária, sendo o cansaço o principal fator de risco que afeta os motoristas profissionais em resultado do incumprimento dos tempos de condução e repouso.

A fadiga e a sonolência diminuem a capacidade de reação, a visão periférica e a desconcentração para o ato da condução, e afeta especialmente os condutores profissionais em resultado do elevado n.º de horas diárias de condução, potenciando a probabilidade de serem atores ou vítimas de sinistralidade rodoviária, pelo que é fundamental saber reconhecer quando se deve fazer uma pausa na condução, antes que seja tarde demais.

Mangualde- Campanha “Unidos pela Ucrânia” já enviou um camião com diverso material

Numa ação humanitária e de solidariedade para com o povo da Ucrânia – “Unidos pela Ucrânia”, o Município de Mangualde, em cooperação com a ONG Together Internacional, os escuteiros de Mangualde Agrupamento 299, a Paróquia de Mangualde e os Transportes Lemos, enviou um camião com material médico-hospitalar, nomeadamente camas articuladas, colchões, roupas de cama, cadeiras de rodas, andarilhos, entre outros materiais fundamentais para garantir assistência à população ucraniana vítima da guerra.

O material angariado, doado pela população e diversas entidades, tem como destino um Hospital de Campanha na cidade ucraniana de Lviv. Para o Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, Marco Almeida, “esta ajuda humanitária é, mais uma vez, resultado da força solidária, de integração e de apoio ao outro, que tão bem caracteriza os mangualdenses.”

Nos próximos dias, a Associação Humanitária Cruz de Malta irá entregar em Campos de Refugiados, todos os bens alimentares e de primeira necessidade recolhidos nesta campanha solidária.

IPSS recebem bens através do NERGA Solidário

Decorreu na fase natalícia a iniciativa NERGA Solidário promovida pelo NERGA que permitiu, com a colaboração das empresas e particulares, recolher uma grande quantidade de bens não perecíveis, nomeadamente roupas, brinquedos, livros, produtos de higiene, entre outros.
Esses bens foram agora entregues  para as seguintes instituições: Aldeia SOS, Casa da Sagrada Família, Casa Nascer, CERCIG, Departamento da Criança e da Mulher (ULS Guarda) e Rugas de Sorrisos.
Para transportar os bens doados, o NERGA contou com a colaboração da empresa SGS, sedeada nas nossas instalações.
O NERGA agradece a colaboração de todos aqueles que contribuíram para o sucesso desta iniciativa de solidariedade.

PS Guarda reage em comunicado sobre as declarações injuriosas da JSD Guarda

Em comunicado , Alexandre Lote, Presidente da Federação Socialista do Distrito da Guarda enaltece que  está à espera que o candidato do PSD Gustavo Duarte se desmarque das declarações injuriosas por parte da JSD da distrital da Guarda, referindo que:”Assistimos, esta semana, a um momento lamentável numa campanha eleitoral em que, continuamente, se tem vindo a apelar à união e à unidade em torno dos grandes projetos e das grandes medidas que importa concretizar pelo futuro do distrito da Guarda.

Desde o início desta caminhada, rumo às Eleições Legislativas do próximo dia 30 de janeiro, que os candidatos do Partido Socialista têm feito um forte apelo ao diálogo e à necessidade de encontrar as melhores estratégias de convergência entre todos, por entenderem que, só assim, se conseguirão defender os superiores interesses daqueles que fazem e querem fazer da Guarda uma opção para trabalhar e para viver.

O Partido Socialista disputa estas eleições e organiza a sua campanha com toda a humildade democrática, ouvindo as pessoas, procurando apresentar as melhores ideias e, acima de tudo, procurando, também, elevar o debate político, contribuindo, assim, para melhorar a qualidade da nossa Democracia.

O ataque pessoal dirigido pela JSD Distrital ao 2o candidato da Lista do Partido Socialista, António Monteirinho, representa a antítese de tudo quanto se deve fazer para elevar o debate político e para defender as causas da Democracia. O facto de se tratar de uma estrutura de juventude partidária não pode nem deve ser desculpa para que Gustavo Duarte e o PSD da Guarda desvalorizem e se remetam ao silêncio, como fizeram até aqui. Mais, ainda,quando o líder da JSD Distrital, Luís Soares, integra a Lista do PSD da Guarda às próximas Eleições Legislativas.

É verdade que o atual líder do PSD não é quem Luís Soares acredita ser o melhor candidato do seu Partido para o cargo de Primeiro-Ministro, pois apoiou Paulo Rangel. Mas isso não pode ser desculpa para utilizar esta campanha como forma de expiar a sua frustração.

Continuamos, por isso, a aguardar que o candidato Gustavo Duarte esclareça se o uso de expressões “rascas, sabujos e iletrados” são aceitáveis no debate político. Aparentemente, vive bem com isso. Nós não.

Bem sabemos, do nervosismo e da insegurança que paira sobre a estrutura da candidatura do PSD da Guarda liderada por Gustavo Duarte, seja pelas divisões internas do Partido, bem patentes na dificuldade de mobilização, que é evidente para todos, seja para disfarçar a má prestação dos seus candidatos nos debates e na manifesta falta de apoio nas ruas e junto das forças vivas da Guarda.

O que não podemos aceitar é que esse nervosismo e essa insegurança sejam desculpa para permitir uma intervenção política de tão baixo nível”.

Legislativas 22-Iniciativa Liberal Viseu em Mangualde

No próximo dia 27 de janeiro, a Iniciativa Liberal Viseu estará numa
ação de campanha em Mangualde, com a seguinte agenda:
– 10h00: encontro no Largo do Rossio, onde estaremos disponíveis para
eventuais entrevistas se forem de vosso interesse editorial – que muito
nos honraria
– 10h30: presença na Feira de Mangualde
– 11h30: passagem pelo Centro Histórico de Mangualde