Início » Tag Archives: Comando Distrital da PSP da Guarda

Tag Archives: Comando Distrital da PSP da Guarda

Atividade mensal de maio da PSP Guarda

No período compreendido entre os dias 01 e 31 de maio de 2024, na área deste Comando da PSP Guarda, registaram-se:

SESSENTA OCORRÊNCIAS CRIMINAIS:

Ø Dezasseis queixas por violência doméstica;

Ø Nove queixas por crimes contra ofensas à integridade física;

Ø Duas queixas por ameaça e coação;

Ø Uma queixa por difamação, calúnia e injúrias;

Ø Seis queixas por outros furtos;

Ø Uma queixa por furto de veículo;

Ø Uma queixa por furto em edifício comercial;

Ø Uma queixa por furto em supermercado

Ø Três queixas por danos diversos;

Ø Quinze queixas por burla;

Ø Uma queixa por abuso de confiança;

Ø Uma queixa por crimes contra a propriedade;

Ø Duas queixas por crimes previstos em legislação avulsa;

Ø Uma queixa por crimes contra a vida em sociedade.

VINTE E UM ACIDENTES DE VIAÇÂO:

Ø Um ferido grave, um ferido leve e danos materiais.

OITO DETENÇÔES:

Ø Um homem com 61 anos, pelo crime de desobediência;

Ø Um homem com 25 anos, por suspeita de tráfico de estupefacientes;

Ø Um homem com 17 anos, por detenção ou tráfico de armas proibidas;

Ø Dois homens com 36 e 46 anos, por condução de veículo motorizado, sem habilitação legal para o efeito;

Ø Três homens com idades compreendidas entre os 29 e os 66 anos, por condução de veículo com uma taxa de álcool no sangue entre 1,47 e 1,94 g/l.

Foto:Polícia de Segurança Pública

 

PSP Guarda- Relatório de atividade em março

No período compreendido entre os dias 01 e 31 de março de 2024, na área deste Comando, registaram-se:

TRINTA E NOVE OCORRÊNCIAS CRIMINAIS:

Ø Onze queixas por violência doméstica;

Ø Duas queixas por crimes contra ofensas à integridade física;

Ø Três queixas por ameaça e coação;

Ø Uma queixa por furto de veículo motorizado; Ler Mais »

Guarda- PSP-Tentativa de furto a interior de residência

A Polícia de Segurança Pública (PSP) da Guarda, registou recentemente, uma ocorrência referente à tentativa de um furto a interior de uma residência, na cidade da Guarda.

Nesta ocorrência, não foi concretizado qualquer furto no interior da residência em questão, uma vez que o suspeito, ao se aperceber que havia gente no interior da habitação, imediatamente fugiu do local. Até ao presente momento, não foi reportado à PSP da Guarda mais nenhuma situação do género, sendo este um caso isolado e único, que já se encontra em investigação.

Importa salientar que, além deste caso, desde janeiro de 2024 até à presenta data, a PSP da Guarda tem apenas registo de duas situações de furto em residências, situações estas que também se encontram a ser investigadas.

A circulação de relatos, boatos ou comentários, que não correspondem com a realidade, criados pela “desinformação”, publicada e partilhada maioritariamente nas redes sociais causam alarme social na população.

A PSP da Guarda está permanentemente atenta aos fenómenos criminais e, sempre que se justifique, fará por alertar a população, seja pela comunicação institucional de situações ocorridas ou conselhos para comportamentos de prevenção nas mais diversas matérias. Comunicação essa, efetuada através da permanente colaboração com os órgãos de comunicação social, bem como por intermédio das suas redes sociais, contribuindo dessa forma com informação oficial e credível.

Mesmo sendo a cidade da Guarda uma das mais seguras do país, para evitar qualquer tipo de situação semelhante, sugere-se à população que tome sempre medidas de auto proteção:

Ø Feche as portas de entrada à chave;

Ø Nunca deixe as janelas e marquises abertas, mesmo em andares mais altos;

Ø Verifique se as portas das garagens e de entrada dos prédios se encontram fechadas;

Ø Evite acumular correspondência na caixa do correio;

Ø Dê alguma aparência de atividade à sua residência, abrindo regularmente as persianas e ligando alguma luz acesa no período noturno, sempre que possível.

Foto:Polícia de Segurança Pública

Patrulhamento conjunto da PSP da Guarda e Corpo Nacional de Policía

Segundo comunicado , até dia 30 de março, a Polícia de Segurança Pública (PSP) da Guarda conta com o apoio do Corpo Nacional de Policía (CNP) de Espanha para mais uma ação conjunta de patrulhamento, na cidade da Guarda.

Os Polícias do Corpo Nacional de Polícia de Espanha, vão acompanhar os Polícias da Guarda e reforçar o habitual policiamento que a PSP presta na cidade. As patrulhas irão percorrer as zonas históricas, de lazer e de restauração, que nesta época de Páscoa têm um maior movimento de visitantes, sobretudo espanhóis, que por conta da proximidade da fronteira se deslocam até à cidade da Guarda.

Estas patrulhas conjuntas, são planeadas com antecedência e têm como principal propósito aumentar a visibilidade e proximidade das autoridades policiais junto dos cidadãos, projetando em simultâneo a imagem institucional das polícias e aumentando o sentimento de segurança dos cidadãos na cidade.

A cooperação entre a PSP e a Polícia de Espanha decorre no âmbito de um memorando de colaboração que foi assumido entre as duas entidades ao abrigo do programa “Comissárias Europeias” em dezembro de 2012.

Ao longo destes anos, a realização destes policiamentos conjuntos têm permitido apoiar os turistas espanhóis de visita à região, prestando apoio na comunicação e na resolução de ocorrências e informações com os Polícias portugueses, auxiliando assim o cumprimento da missão da PSP.

Até ao próximo dia 31 de março a Polícia de Segurança Pública concretiza a operação nacional “Polícia Sempre Presente: Páscoa em Segurança 2024”, em todo o Território Nacional.

Comunicado mensal fevereiro 2024– Comando Distrital da PSP

No período compreendido entre os dias 01 e 29 de fevereiro de 2024, na área deste Comando Distrital da PSP, registaram-se:

VINTE E SETE OCORRÊNCIAS CRIMINAIS:

Ø Três queixas por violência doméstica;

Ø Quatro queixas por crimes contra ofensas à integridade física;

Ø Duas queixas por furto de carteirista;

Ø Duas queixas por furto em residência;

Ø Uma queixa por furto de veículo motorizado;

Ø Uma queixa por outros furtos em veículo motorizado;

Ø Uma queixa por furto em edifício comercial;

Ø Duas queixas por danos diversos;

Ø Oito queixas por burla;

Ø Uma queixa por crimes de falsificação;

Ø Uma queixa por crime contra a identidade cultural e integridade pessoal;

Ø Um crime contra a segurança das comunicações.

QUINZE ACIDENTES DE VIAÇÂO:

Ø Dois feridos leves e danos materiais.

ONZE DETENÇÔES:

Ø Um homem com 20 anos, por violência doméstica;

Ø Um homem com 36 anos, por desobediência;

Ø Um homem com 20 anos, por suspeita de tráfico de estupefacientes;

Ø Quatro homens e uma mulher com idades compreendidas entre os 27 e os 64 anos, por condução de veículo com uma taxa de álcool no sangue entre 1,24 e 2,56 g/l;

Ø Dois homens e uma mulher, com idades compreendidas entre os 19 e 36 anos, por mandado judicial de detenção.

PSP- Assinado protocolo “Novo Turno, Nova Vida”

Teve lugar, no Salão Nobre do Comando Distrital da PSP da Guarda, uma cerimónia referente à assinatura do protocolo de cooperação do projeto: “Novo Turno, Nova Vida.” | Os Polícias aposentam-se, as fardas continuam.

Uma ideia do Comando Distrital da Guarda e um projeto pioneiro na Polícia Segurança Pública que assenta numa ação de sustentabilidade através da reutilização de peças de fardamento dos Polícias da PSP da Guarda que passam à situação de pré-aposentação.

As peças de fardamento, “carregadas” de um enorme simbolismo de missão e dever cumprido por parte dos Polícias que as vestiram ao longo da sua carreira ganham agora uma nova forma e uma nova “vida”, para um novo destino e um fim solidário.

O projeto, que já decorre desde 2023, conta com a colaboração imprescindível da Associação dos Professores Aposentados do Distrito da Guarda (APADG), que recebe as fardas e com criatividade e um enorme trabalho de voluntariado transforma as mesmas em roupas e acessórios para crianças carenciadas.

Pretende-se que as novas peças de roupa tenham como destino final, crianças carenciadas noutro país, estando ainda por ser apurado qual, assim como a possibilidade de serem entregues pela PSP no âmbito da Cooperação Internacional.

No momento da assinatura do presente protocolo, esteve exibida uma pequena exposição de alguns dos exemplares já criados até ao momento, os quais, em data a anunciar oportunamente, voltam a ser expostos a público através do outro parceiro do projeto, o Centro Comercial La Vie Guarda que ontem também presenteou a APADG, com uma oferta de material.

A PSP – Comando Distrital da Guarda agradeceu a todos os Polícias que cedem as suas fardas e aos parceiros, toda a disponibilidade e apoio prestado para a realização e desenvolvimento deste projeto.

Guarda-Assinatura de Protocolo – “Novo Turno, Nova Vida.” | Os Polícias aposentam-se, as fardas continuam.

Vai decorrer no próximo dia 8 de fevereiro pelas 11h00, no Salão Nobre do Comando Distrital da Polícia de Segurança Pública (PSP) da Guarda, vai realizar-se a cerimónia de assinatura do protocolo de cooperação do projeto “Novo Turno, Nova Vida.” | Os Polícias aposentam-se, as fardas continuam.

Uma ideia do Comando Distrital da Guarda e um projeto pioneiro na PSP que assenta numa ação de sustentabilidade através da reutilização de peças de fardamento dos Polícias da PSP da Guarda que passam à situação de pré-aposentação. As peças de fardamento, “carregadas” de um enorme simbolismo de missão e dever cumprido por parte dos Polícias que as vestiram ao longo da sua carreira ganham uma nova forma e uma nova “vida”, para um novo destino e um fim solidário.

O projeto, que já decorre desde 2023, conta com a colaboração imprescindível da Associação dos Professores Aposentados do Distrito da Guarda (APADG), que recebe as fardas e com criatividade e um enorme trabalho de voluntariado transforma as mesmas em roupas e acessórios para crianças carenciadas.

As novas peças de roupa têm como objetivo e destino final, chegarem a crianças carenciadas noutro país, estando ainda a ser apurado qual, assim como a possibilidade de serem entregues pela PSP no âmbito da Cooperação Internacional.

No momento da assinatura do presente protocolo, vai estar exibida uma pequena exposição de alguns dos exemplares já criados até ao momento, os quais, em data a anunciar oportunamente, voltam a ser expostos a público através do outro parceiro do projeto, o Centro Comercial La Vie Guarda que irá promover a sua exposição pública através do seu projeto ambiental “Go Green”, onde a PSP da Guarda também é parceira oficial.

Além do Comandante Distrital da PSP da Guarda e respetivo efetivo, no momento vão estar também os representes das entidades envolvidas.

PSP Guarda- Atividade durante janeiro

No período compreendido entre os dias 01 e 31 de janeiro de 2024, na área do Comando Distrital da Guarda da PSP, registaram-se:

CINQUENTA E UMA OCORRÊNCIAS CRIMINAIS:

Ø Cinco queixas por violência doméstica;

Ø Seis queixas por crimes contra ofensas à integridade física;

Ø Três queixas por ameaça e coação;

Ø Três queixas por difamação, calúnia e injúrias;

Ø Duas queixas por furto de carteirista;

Ø Uma queixa por furto em residência;

Ø Três queixas por furto em veículo motorizado;

Ø Três queixas por furto em edifício comercial;

Ø Uma queixa por furto de combustível em posto de abastecimento;

Ø Quatro queixas por danos diversos;

Ø Catorze queixas por burla;

Ø Uma queixa por outros crimes contra a vida;

Ø Uma queixa por outros crimes de falsificação;

Ø Uma queixa por devassa de meio informático;

Ø Uma queixa por abuso de confiança;

Ø Um crime por exercício de funções de segurança privada, sem cartão;

Ø Um crime contra a segurança das comunicações.

DEZOITO ACIDENTES DE VIAÇÂO:

Ø Três feridos leves e danos materiais.

TREZE DETENÇÔES:

Ø Um homem com 49 anos, por condução de veículo motorizado, sem habilitação legal para o efeito;

Ø Sete homens com idades compreendidas entre os 33 e os 60 anos, por condução de veículo com uma taxa de álcool no sangue entre 1,43 e 2,25 g/l;

Ø Três homens e duas mulheres, com idades compreendidas entre os 30 e 56 anos, por mandado judicial de detenção.

Inauguração do “Largo dos Quadrilheiros” – Cidade de Gouveia

O Município de Gouveia conta com a presença da Polícia de Segurança Pública (PSP), na cidade, desde 28 de janeiro de 1951.

Desde aí que o Comando Distrital da PSP da Guarda, por intermédio dos Polícias da Esquadra de Gouveia, têm garantido a segurança da cidade e de todos os cidadãos ao longo destes quase 73 anos, durante 365 dias por ano, 24 horas por dia.

Nesse seguimento, no próximo dia 11 de janeiro pelas 12H00, a Câmara Municipal de Gouveia, em sinal de homenagem à Polícia de Segurança Pública, vai inaugurar na cidade de Gouveia o “Largo dos Quadrilheiros”. Uma nova toponímia da cidade, onde será descerrada a respetiva placa identificativa e inaugurado um mural de arte urbana com a assinatura do artista plástico guardense Desy Ysed (Desy CXXIII), alusivo à história da instituição Polícia de Segurança Pública.

Um momento marcante para a instituição PSP, que contará com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Gouveia e respetivo executivo, Diretor Nacional da PSP, Comandante Distrital da PSP da Guarda, Comandante da Esquadra de Gouveia, efetivo da PSP da Guarda e Gouveia, autor da pintura do mural, uma turma de alunos de uma escola da cidade e outros convidados locais.

O evento terá início com uma formatura de Polícias da Esquadra da PSP de Gouveia que irá receber o Presidente da Câmara Municipal de Gouveia e o Diretor Nacional da PSP, seguindo-se o seguinte:

Ø Enquadramento histórico do momento através da intervenção do Comandante da Esquadra de Gouveia;

Ø Descerramento da Placa identificativa e inauguração do Mural pelo Presidente da Câmara Municipal de Gouveia e Diretor Nacional da PSP;

Ø Bênção do “Largo dos Quadrilheiros” pelo Capelão da PSP;

Ø Alocuções.

Fonte:PSP

 

PSP- Balanço de ocorrências de dezembro

No período compreendido entre os dias 01 e 31 de dezembro de 2023, na área deste Comando da PSP, registaram-se:

QUARENTA E UMA OCORRÊNCIAS CRIMINAIS:

Ø Três queixas por violência doméstica;

Ø Três queixas por roubo a pessoas na via pública;

Ø Nove queixas por crimes contra ofensas à integridade física;

Ø Três queixas por difamação, calúnia e injúrias;

Ø Duas queixas por furto em veículo motorizado;

Ø Uma queixa por furto em edifício comercial;

Ø Uma queixa por furto de oportunidade;

Ø Seis queixas por danos diversos;

Ø Nove queixas por burla;

Ø Duas queixas por outros crimes contra a reserva da vida privada;

Ø Uma queixa por outros crimes contra a liberdade pessoal;

Ø Uma queixa por outros crimes contra a honra.

TREZE ACIDENTES DE VIAÇÂO:

Ø Seis feridos leves e danos materiais.

TREZE DETENÇÔES:

Ø Dois homens com 20 e 58 anos por detenção de armas proibidas;

Ø Um homem com 45 anos por outros roubos;

Ø Um homem com 32 anos por resistência e coação sobre funcionário;

Ø Dois homens com 46 e 54 anos, por desobediência;

Ø Quatro homens com idades compreendidas entre os 47 e os 64 anos, por condução de veículo com uma taxa de álcool no sangue entre 1,78 e 2,25 g/l;

Ø Dois homens e uma mulher, com idades compreendidas entre os 30 e 50 anos, por mandado judicial de detenção.