Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: Dia da Europa

Tag Archives: Dia da Europa

Celorico da Beira associou-se ao Dia da Europa

O Município de Celorico da Beira hasteou, neste domingo,  a bandeira da União Europeia, fisicamente nos Paços do Concelho e virtualmente nas redes sociais do município, no âmbito das comemorações do Dia da Europa.
O Município associou-se desta forma à iniciativa “Hastear a Bandeira da União Europeia”, promovida pelo Centre Europe Direct Região Beira Interior, organismo que congrega a área geográfica da CIM Beiras e Serra da Estrela e Beira Baixa, com vista a sensibilizar a população para a importância da identidade e dos valores europeus.
Comemorar o Dia da Europa a 9 de maio, tem o propósito de lembrar o dia em que o Ministro francês dos Negócios Estrangeiros, Robert Schuman, proferiu em 1950 o célebre discurso que ficou conhecido como “Declaração de Schuman”, que constituiu os alicerces para a criação da União Europeia. Assente nos princípios da paz e da solidariedade, a “Declaração Schuman” propunha a criação da Comunidade Europeia do Carvão e do Aço (CECA), estrutura de amplitude europeia, capaz de dar resposta à reconstrução da Europa, cinco anos após a II Guerra Mundial.

Dia da Europa comemorado pela Guarda 27 e pelo Município

Vai ser assinalado pelo Município da Guarda e pela Candidatura da Guarda a Capital Europeia da Cultura em 2027 o dia da Europa, no próximo domingo, dia 9 e maio, com uma série de iniciativas na cidade mais alta, a partir das 14h30: Sessão solene onde será apresentada a Comissão de Honra da Candidatura e a assinatura de protocolos e parcerias culturais no Teatro Municipal da Guarda; CIMfonia – Concerto Dia da Europa pela Orquestra Filarmónica Portuguesa na Sé; e a exposição “Olhar sobre o território” na sede da Guarda2027.

A pretexto do Dia da Europa, que se assinala no próximo domingo, dia 9 de maio, a Câmara da Guarda e a Guarda 2027 apresentam a Comissão de Honra da Candidatura, composta por cerca de uma centena de personalidades de vários quadrantes profissionais e geográficos, e encabeçada por Teresa Patrício Gouveia e que inclui o saudoso pensador Eduardo Lourenço, como primeiro subscritor do manifesto de apoio à candidatura.

A sessão, às 14.30h, no grande auditório do TMG, é marcada ainda pela assinatura de protocolos com a rede de “parceiros culturais” da região, aumentando assim o envolvimento, dimensão e diversidade de abordagens da Guarda 2027 no território. Cada um dos parceiros contribui para tornar a Candidatura da Beira Interior ainda mais forte. Todos trazem um conhecimento profundo do terreno, bem como provas dadas na criação de iniciativas que têm vindo a enriquecer o panorama cultural da Beira Interior. Todos cumprem o critério de ligação a entidades estrangeiras, tal como preconizado nas regras definidas pela UE.

E todos têm sido convidados para desenhar projetos para 2027 que possam enriquecer o Dossiê de Candidatura. Com uma Capital Europeia da Cultura na região, estas associações, colectividades e projectos, poderão ganhar ainda mais resiliência e dimensão internacional.

O momento contará ainda com as intervenções do presidente da Câmara da Guarda, Carlos Chaves Monteiro e da presidente da Comissão de Honra da Guarda 2027, Teresa Patrício Gouveia.

A esta sessão solene, que terá transmissão via FB do Município da Guarda, seguir-se-á na Sé da Guarda, a CIMfonia – Concerto do Dia da Europa pela Orquestra Filarmónica Portuguesa. A Guarda 2027, mais do que a corrida a um título, vale pela estruturação orgânica de um querer firme, e genuíno, de que a cultura seja a semente que povoe as nossas terras únicas de novos projetos, novas ações regeneradoras do que somos e do que podemos alcançar. O CIMfonia, em boa hora integrado na programação em rede da Comunidade Intermunicipal Beiras e Serra da Estrela vai, seguramente, constituir-se como projeto unificador desse desejo comum, de um ‘apelo pelo interior’ como lugar de todas as confluências identitárias de uma região onde todos sentem vontade de viver, trabalhar e prosperar, refere, a propósito do projeto CIMfonia, o presidente da Câmara da Guarda, Carlos Chaves Monteiro. Já o diretor executivo da candidatura, Pedro Gadanho, explica que este projeto é uma iniciativa que vai levar programas musicais inovadores a todos os municípios integrados na Candidatura, sem exceção. Convidando o público a visitar sítios deslumbrantes ao ar livre e não só, destacando o património histórico e natural da região” e que “na parceria das várias instituições envolvidas na organização deste ambicioso programa, a Guarda 2027 mostra o poder da cooperação para imaginar um território mais apelativo e convidativo. Este é o novo apelo do interior”.

Na Guarda, será o primeiro momento do projeto, que se estreia com a Orquestra Filarmónica Portuguesa na majestosa Catedral guardense com um programa de três obras de compositores portugueses: Joly Braga Santos (1924-1988) – Divertimento no 1, op. 32; Luís Tinoco (1969) – From the Depth of Distance e Fernando Lopes-Graça (1906-1994) – Sinfonieta em homenagem a Haydn. A direção é do maestro Osvaldo Ferreira, que assina também a coordenação do projeto CIMfonia, e a solista será a soprano Raquel Camarinha. Está também prevista a transmissão deste concerto, via FB do Município.

No mesmo dia, abre ao público a exposição “Olhar Sobre o Território”, na sede da Candidatura Guarda 2027, situada no Largo do Passo do Biu, na Guarda. A mostra disponibiliza trabalhos com imagens em fotografia e vídeo resultantes de um desafio lançado à comunidade da Beira Interior para mostrar: surpresa e/ou beleza e/ou significado e/ou emoção. As Fotografias são da autoria de Maria Correia, Manuel Ferreira e Rui Campos e o vídeo de Gabriel Ambrósio. “São leituras pessoais e talentosas das paisagens da região, desde a sua dimensão rural e natural até às suas expressões urbanas e humanas. Lembram-nos que estas “paisagens” constituem um dos mais importantes patrimónios a salvaguardar no futuro desenvolvimento de uma região que, com merecido orgulho, se candidata a Capital Europeia da Cultura. Com a sua perspetiva estética precisa, estas recriações contemporâneas de lugares e estórias ancestrais relembram-nos, afinal, do que faz – e deve fazer cada vez mais – o apelo do interior dentro desse território mais vasto que é a Europa”, refere a propósito desta exposição, Pedro Gadanho.

A exposição ficará patente até 30 de setembro.

 

PROGRAMA

 

14h30 | Grande Auditório do Teatro Municipal da Guarda (transmissão via FB do Município)

Rua Batalha Reis

Sessão Solene Comemorativa do Dia da Europa

 

  • Intervenção do Presidente da Câmara Municipal da Guarda, Carlos Alberto Chaves Monteiro
  • Assinatura de Protocolos com Associações e Parceiros Culturais
  • Apresentação da Comissão de Honra da Candidatura “Guarda Capital Europeia da Cultura 2027”, pelo Vice-Presidente da Câmara Municipal da Guarda, Vítor Manuel Santos Amaral
  • Intervenção da Presidente da Comissão de Honra, Teresa Patrício Gouveia

16h30 | Sé da Guarda

CIMfonia | Concerto do Dia da Europa pela Orquestra Filarmónica Portuguesa (transmissão online)

 

Das 15h00 às 18h00

Sede da Candidatura da Guarda a Capital Europeia da Cultura

Largo Passo do Biu

Exposição “Um Olhar sobre o Território”

Workshop “A Europa e as competências para a Cidadania Europeia

  A Biblioteca Municipal da vila de Fornos de Algodres levou a efeito, nesta quarta-feira, um Workshop  com o tema “A Europa e as competências para a Cidadania Europeia”, onde a adesão foi satisfatória, visto que, esteve presente cerca de uma centena de jovens alunos dos 10º,11º e 12º cursos profissionais do Agrupamento de Escola de Fornos de Algodres e duas turmas de adultos a frequentar o 12ºano pelo IEFP.

Para fazer a preleção deste tema esteve Dra.Maria José Loureiro, do Centro de Competências TIC da Universidade de Aveiro.
Inserido no tema, está patente ao público, uma exposição subordinada ao Dia da Europa, que vai anualmente é celebrado a 9 de maio.
Será uma boa oportunidade para visitar a exposição na Biblioteca Municipal.
Por:Sofia Pacheco