Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: ferias (Pagina 2)

Tag Archives: ferias

Campo de Férias de Gira-Volei animado

O Campsonho de Férias de Gira-Volei de 2016 decorreu de 21 a 24 de Março na cidade da Guarda e proporcionou uma semana diferente a cerca de quatro dezenas de jovens, que ficaram alojados na Quinta Pedagógica da Maunça, o que garantiu, desde logo, um ambiente calmo e acolhedor a todos os participantes.

Os treinos e as acções desportivas decorreram no Pavilhão de São Miguel, na Guarda, enquanto as actividades lúdicas e culturais abarcaram desde o centro histórico da Cidade dos 5 Fs à sempre apetecível Serra da Estrela.

O torneio de duplas foi disputado no segundo dia de concentração, tendo o dia de encerramento do Campo de Férias contado com a realização do Torneio de Voleibol de Páscoa da Associação de Voleibol da Guarda, que contou nesta 3.ª edição com 9 equipas de femininos e 6 de masculinos, num total de mais de 120 atletas, entre os quais alunos do Agrupamento de Escolas de Trancoso, AE Beatriz Ângelo, AE Gouveia e ES Alves Martins, de Viseu .
Por:FPV

Ocupação de Tempos Livres vai decorrer em Fornos de Algodres

foto:MFA

 Cada vez mais ter ocupação nos tempos livres é deveras importante, face a isso, os jovens do concelho de Fornos de Algodres, vão ter a possibilidade de na semana de 10 a 14 de agosto, durante o dia, das 10h-16h, com a concentração a ter lugar na Biblioteca Municipal, de participar em diversas atividades de forma gratuita.

Esta atividade está aberta a jovens dos 12 aos 17 anos, face a isso, as inscrições para esta atividade encontram-se abertas até 5 de agosto, e podem ser feitas, nas Juntas de freguesia ou Biblioteca Municipal.
Com apoio do Município de Fornos de Algodres e do Instituto Português da Juventude e Desporto.

Por: António Pacheco

Futebol feminino: Conversa com Daniela Alves(Pipa) da Fundação L.Santos

Feito Histórico

Fomos
conversar com a jogadora Daniela Alves da Fundação D.Laura Santos, atualmente
na 1ªdivisão nacional de futebol feminino, aliás toda a equipa lutou imenso para
este feito histórico, mas a Daniela, mais conhecida por “Pipa”, no
seio da sua equipa é uma  das jogadoras que marca muitos golos e luta
imenso no setor atacante e quem sabe no futuro não terá uma chamada à seleção
AA.
Magazine
serrano: Depois da permanência na 1ªdivisão, que balanço faz desta temporada?
Daniela Alves -Jogo na
Fundação há 7 anos, e para mim a nível coletivo foi a melhor época que fizemos,
conseguimos o 4º lugar na fase de apuramento do campeão, o que é muito bom para
uma equipa do interior conseguir este feito que consideramos histórico.

MS- Como foi
trabalhar com o Mister Rodrigo?

DA– O
mister Rodrigo é uma pessoa que se entrega 100% à equipa, está sempre disposto
ajudar no que for preciso, desde o início manteve uma relação ótima com todas
as jogadoras, uma vez que toda a gente se sentia à vontade no seio da equipa.

   A vinda do mister Rodrigo para a fundação só
veio beneficiar todo o nosso futebol praticado anteriormente, com algumas
alterações no modelo de jogo e no fator técnico- tático conseguiu fazer o que
nunca antes tinha sido feito.
   Posso afirmar, que aprendi bastante com todo
o trabalho que o mister realizou ao longo da época, aliás está aos olhos de
todos, que por todo o seu trabalho, esforço e dedicação o mister foi
considerado pelo “Portal de Futebol Feminino” o melhor treinador da 1ªdivisão
nacional feminina nesta temporada, no qual eu dou os meus parabéns.

MS- Qual o
melhor e pior momento desta temporada?
DA – Posso dizer que
não há melhores momentos durante a temporada, porque todos os momentos que
passamos nesta “família” são bons, mas há sempre aquelas situações que mais nos
marcam. Uma delas, como já referi em cima, foi a passagem a fase de apuramento
do campeão, a outra foi quando marquei o meu primeiro golo da época e o
dediquei ao meu pai. Como piores momentos a nível individual não tenho nenhum,
a nível coletivo passo a citar a lesão da Sandra Rita, uma jogadora com muitas
qualidades e que nos irá fazer imensa falta no sector do meio campo na próxima
época.
MS- No seio da
Fundação tem sido uma peça chave? Uma goleadora também?
DA -Não me
considero uma peça chave, na equipa todas as jogadoras são fundamentais para a
construção da mesma. Quando a questão da goleadora, apesar de ter sido a melhor
marcadora da equipa e ter ficado no top das melhores marcadoras da 1ª divisão
nacional, tudo isto não teria sido possível sem ajuda e sem o futebol praticado
pelas minhas colegas, todas elas contribuíram para que o conseguisse.
Deixo
aqui também uma palavra de agradecimento, a todas as pessoas que me apoiam em
todos os jogos, mas também a todas pessoas que nunca deixaram de acreditar em
mim.
MS- O público já
está mais presente nas bancadas?
DA -No que toca ao
público, não nos podemos queixar, principalmente nos jogos em casa, temos muita
gente assistir aos nossos jogos em casa e até nos jogos fora temos adeptos que
nos acompanham para todo o lado, o que é muito importante para nós, é sinal que
gostam da nossa “família” e de nos ver jogar.
MS- Como vê o
futebol feminino em Portugal?
DA -Desde que jogo
futebol, noto uma grande evolução no trabalho desenvolvido por todos os agentes
envolvidos no futebol feminino, mas claro que ainda não deve ficar por aqui,
acredito que com o passar do tempo, possa haver liga profissional de futebol
feminino em Portugal, o que era muito bom para o nosso país.
Apesar
de sermos um país que ainda está a fazer os possíveis para que o futebol
feminino seja mais desenvolvido, já notamos alguma evolução no que toca, a
clubes, nª de jogadoras inscritas, apoiantes do futebol feminino, etc.
MS- Uma chamada
à seleção era perfeito?
DA -Sim era
perfeito, até porque chegar à seleção nacional é o auge da carreira de uma
jogadora, mas não é algo que me atormente no dia-a-dia, porém também sou internacional
sub – 19, e se o consegui foi porque reconheceram o meu trabalho. No entanto,
vou continuar a esforçar-me e aproveitar cada momento que o futebol me
proporciona, e quem sabe um dia poder chegar lá.
MS- Para a nova
época prevê ficar na Fundação?
DA -Apesar de ter
tido propostas para sair da Fundação, estou na reta final do meu curso e a
formação nos dias de hoje é sempre mais importante. Na nova época vou continuar
na Fundação, até porque foi lá que eu aprendi e cresci como jogadora, mas
também é sempre difícil uma saída por toda afetividade criada ao longo destes
anos, contudo não digo que futuramente não possa haver uma possível saída.
Por António Pacheco

Férias desportivas em Trancoso a decorrer

   O Município de Trancoso está a levar a cabo, as Férias Desportivas e Culturais que são um programa de atividades que visa proporcionar uma ocupação saudável das crianças e dos
jovens do concelho, durante as férias escolares da Páscoa e do Verão.

  
O programa é dirigido a crianças e jovens com idades compreendidas
entre os 6 e os 14 anos e tem como principais objetivos promover a atividade física e desportiva nas crianças e jovens, promover a
socialização, desenvolver a organização
pessoal, responsabilidade, cooperação, independência, ética, integração
social respeito e espírito desportivo.

  Esta segunda -feira, o complexo exterior das Piscinas Municipais
de Trancoso foi o palco de inúmeras brincadeiras e muito divertimento
por parte de todas as crianças envolvidas no programa das férias
desportivas do Município de Trancoso.

Por:Mun. Trancoso

AD Fornos de Algodres encerra temporada com convívio entre todos

Foto:PH

    O convívio de encerramento de temporada 2014/15 para os jogadores, diretores e pais, teve lugar este sábado, no parque das merendas da Serra da Esgalhada, onde todos à sua maneira confraternizaram um pouco.
    Os atletas foram jogando diversas partidas durante a manhã e depois foi o grande almoço partilhado, com todos à volta da mesma mesa, onde digamos que foi o grande balanço do trabalho feito nesta temporada em que a Associação Desportiva de Fornos de Algodres
renasceu das cinzas, dado que depois do grande sucesso de anos de ouro e uma fase menos boa neste últimos anos, agora esta época fica marcada por conquistas nos seniores , mas também a formação foi trabalhada de forma positiva , pois todos os escalões competiram , e alcançaram resultados positivos, com a novidade do Futsal Feminino e a criação da secção de Ciclismo , veio dar mais consistência ao clube que este elenco diretivo chefiado por Bruno Costa pode realizar uma época de lançamento para o futuro.

Foto:ADFA

    A nível seniores, a turma de Nando Pompeu , um técnico com um largo histórico de sucesso no clube veio conquistar com o seu plantel o titulo da 2ªdivisão distrital que valeu a subida ao escalão maior da AFGuarda e dar visibilidade ao trabalho da juventude.
  Assim todo este trabalho vai continuar ainda com mais afinco na época de 2015/16, segundo a direção, que tudo promete fazer para orgulhar os fornenses.

Por :António Pacheco

Férias Desportivas destinam-se a crianças e jovens entre os 8 e os 14 anos em Mangualde

Como forma de manter os mais novos
ocupados durante as férias de verão e ao mesmo tempo promover a prática
desportiva, a Câmara Municipal de Mangualde promove mais uma edição das Férias
Desportivas de Verão. A iniciativa decorre de 13 a 31 de julho, das 9h00 às
17h30, e destina-se a crianças e jovens entre os 8 e os 14 anos de idade.

 Durante estas três semanas, vai
ser possível participar em jogos, atividades aquáticas, praia, piscinas, praias
fluviais, Live Beach e muito mais. É de salientar que o programa repete-se
semanalmente.
 Todos os interessados podem-se
inscrever-se nas Piscinas Municipais de Mangualde ou através do email desporto@cmmangualde.pt
ou do telefone 232 619 820. As inscrições decorrem até 3 de julho, para a
semana de 13 a 17 de julho, até 10 de julho, para a semana de 20 a 24 de julho,
e até 17 de julho, para a semana de 27 a 31 de julho e podem participar no
número de semanas desejadas. Para a realização das atividades o limite mínimo
de inscrições é de 15 e o máximo de 35. O preço por semana é de 40,50€ e inclui
duas refeições (almoço e lanche). 
 Regulamento disponível em www.cmmangualde.pt
Por:Mun.Mangualde

Live Beach abre a 1 de junho

Este ano a Live Beach em Mangualde, vai abrir mais cedo, isto é, já no proximo dia 1 de junho, assim todos podem ir á praia mais cedo
e aqui na região do interior, recorde-se que nos dias 1 e 2, a entrada vai ser gratuita, estão reservadas imensas surpresas para este verão.
foto: Live Beach