Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: Guarda Nacional Republicana (Pagina 2)

Tag Archives: Guarda Nacional Republicana

Balanço da Operação “ECR Veículos Pesados”

 Entre os dias 8 e 14 de março, a (GNR) intensificou a fiscalização aos veículos pesados, com especial incidência nas matérias de manipulação e de Sistema de Redução Catalítica Seletiva (SCR), de modo a contribuir para a sustentabilidade, a concorrência e as condições de trabalho em transporte rodoviário, a promover a segurança rodoviária e a diminuição do risco de ocorrência de acidentes de viação.

Desta forma, os militares dos Comandos Territoriais e da Unidade Nacional de Trânsito que diariamente estiveram empenhados no patrulhamento rodoviário fiscalizaram 5375 condutores de veículos pesados, registando 3762 contraordenações, destacando-se as seguintes:

·         904 relacionadas com tacógrafos;

·         548 por anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização;

·         337 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;

·         310 por irregularidades nos pneus;

·         1446 por excesso de peso;

·         113 por irregularidades no acondicionamento e transporte de carga;

·         104 no âmbito do acordo ADR (mercadorias perigosas).

Registram-se ainda seis crimes no âmbito rodoviário e relacionados com veículos pesados.

GNR- Operação “ECR Veículos Pesados”

A Guarda Nacional Republicana (GNR), a partir de amanhã, 8 de março, e até ao dia 14 março, realiza a uma operação de fiscalização intensiva de veículos pesados, orientando as ações para as vias mais críticas à sua responsabilidade e onde se verifique um maior volume de tráfego deste tipo de veículos, de modo a promover a segurança rodoviária e a diminuição do risco de ocorrência de acidentes de viação.

Irão ser empenhadas as subunidades de trânsito dos Comandos Territoriais do Continente e da Unidade Nacional de Trânsito (UNT), na realização de ações coordenadas de fiscalização de veículos pesados. Estas ações visam melhorar a sustentabilidade, a concorrência e as condições de trabalho em transporte rodoviário, através do cumprimento dos regulamentos existentes, com especial incidência nas matérias de manipulação e de Sistema de Redução Catalítica Seletiva (SCR), aumentando a eficácia e a qualidade dos serviços prestados pela Guarda aos utentes das vias.

Nos anos de 2019 e 2020, a GNR registou 11.159 acidentes envolvendo veículos pesados, dos quais resultaram 14 vítimas mortais e 36 feridos graves, entre condutores e passageiros.

Na semana em que os Serviços Europeus de Inspeção de Transportes, membros da Euro Contrôle Route (ECR), irão levar a efeito ações de controlo de veículos pesados, a Guarda junta-se a essa iniciativa para sensibilizar a sociedade, em especial os operadores económicos que se dedicam ao transporte rodoviário de mercadorias, para a importância da adoção de comportamentos mais seguros por parte dos condutores profissionais, tendo em vista a promoção da segurança rodoviária e a salvaguarda de vidas humanas.

Fornos de Algodres apoia as pessoas mais isoladas

Em Fornos de Algodres, através de uma ação conjunta entre os Serviços de Ação Social do Município de Fornos de Algodres, o CLDS 4G Servir Fornos de Algodres e o Posto Territorial de Fornos de Algodres da Guarda Nacional Republicana, vão apoiando os idosos mais isolados do Concelho, com visitas.
Num sistema de proximidade e resposta social a prioridade da ação é o combate à solidão e ao isolamento, com distribuição de sorrisos e afetos, e ainda a transmissão de conselhos e alertas.
Podemos dizer que estes idosos ficam muito satisfeitos por receber este apoio, são bons momento que tornam a pessoa mais forte.
Cuidar dos nossos idosos é preservar a nossa história.” – Autor Desconhecido

GNR- Atividade operacional das últimas 12 horas

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de ações policiais, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sábado e as 08h00 de domingo. Estas ações visaram, não só, a prevenção e o combate à criminalidade, como também a fiscalização de diversas matérias de âmbito contraordenacional, registando-se os seguintes dados operacionais:

  1. Detenções: 12 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • Cinco por condução sob o efeito do álcool;
  • Três por desobediência;
  • Dois por condução sem habilitação legal;
  • Um por condução perigosa;
  • Um por violência doméstica.
  1. Apreensões:
  • Oito doses de cocaína;
  • 3,16 doses de canábis;
  • 1,64 doses de haxixe;
  • 0,2 doses de liamba.

GNR leva efeito Campanha para a Eliminação da Violência contra as Mulheres

A Guarda Nacional Republicana está a realizar uma campanha de sensibilização, em todo o território nacional, direcionada para a prevenção

 de comportamentos violentos contra as mulheres, tendo assinalado hoje, dia 25 de novembro, o Dia Internacional

para a Eliminação da Violência contra as Mulheres no Posto Territorial da Lourinhã, na área do Comando Territorial de Lisboa, com a presença do Ministro da Administração Interna, Dr. Eduardo Cabrita e do Comandante-Geral da Guarda Nacional Republicana, Tenente-general Rui Clero.

Pretende-se sensibilizar a comunidade em geral para a consciencialização sobre a igualdade de género e a promoção de uma cultura de não-violência, assim como sensibilizar os diferentes públicos-alvo para o fenómeno da violência contra as mulheres, como a violência doméstica, violação e outras agressões sexuais.

A prevenção e investigação do crime de violência doméstica são prioridades da atual política criminal e constituem-se como uma absoluta prioridade para a Guarda Nacional Republicana. Neste âmbito, a GNR tem vindo a reforçar as campanhas de sensibilização e a apostar em ações específicas de formação do seu efetivo, para que esteja cada vez mais bem preparado para participar, enquadrar, tratar e acompanhar este tipo de situações, melhorando ainda a sua rede de salas de atendimento às vítimas.

Durante o ano de 2019, na área de responsabilidade da GNR, foram registados 13.503 crimes de violência doméstica, sendo os distritos do Porto, Aveiro, Setúbal e Braga onde se registaram mais ocorrências; e os distritos de Beja e Portalegre os que tiveram o menor número de registos. Desses crimes, resultaram 16.078 vítimas, das quais 12.750 eram mulheres e 3.328 homens.

Em 2020, até 31 de outubro, ainda que os dados sejam provisórios, foram registados 11.345 crimes de violência doméstica, menos 182 que em igual período do ano passado.

A violência contra as mulheres e a violência doméstica são das formas mais gravosas de discriminação das mulheres em razão do seu sexo, reflexo de persistentes estereótipos de género e de relações de poder desiguais. Os impactos desta violência não se circunscrevem apenas às vítimas diretamente envolvidas, afetando também as famílias e a sociedade no seu conjunto.

A violência doméstica é crime público e denunciar é uma responsabilidade coletiva.

GNR- Atividade operacional das últimas 12 horas

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de ações policiais, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sábado e as 08h00 de hoje, domingo. Estas ações visaram, não só, a prevenção e o combate à criminalidade e à sinistralidade rodoviária, como também a fiscalização de diversas matérias de âmbito contraordenacional, registando-se os seguintes dados operacionais:

  1. Detenções: 25 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 14 por condução sob o efeito do álcool;
  • Nove por condução sem habilitação legal;
  • Um por violência doméstica.

  1. Apreensões:
  • 2,6 doses de haxixe;

  1. Trânsito:

Fiscalização438 infrações detetadas, destacando-se:

  • 84 por excesso de velocidade;
  • 39 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 30 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 19 relacionadas com iluminação e sinalização;
  • 17 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório;
  • 16 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • Quatro relacionadas com tacógrafos;
  • Três por uso indevido de telemóvel no exercício da condução.

Sinistralidade: 18 acidentes registados, destacando-se:

  • Um ferido grave;
  • Oito feridos leves.

GNR- Atividade operacional das últimas 12 horas

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de ações policiais, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sábado e as 08h00 de hoje, domingo. Estas ações visaram, não só, a prevenção e o combate à criminalidade e à sinistralidade rodoviária, como também a fiscalização de diversas matérias de âmbito contraordenacional, registando-se os seguintes dados operacionais:

  1. Detenções: 25 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 13 por condução sob o efeito do álcool;
  • Seis por condução sem habilitação legal;
  • Dois por violência doméstica;
  • Dois por tráfico de estupefaciente;
  • Um por desobediência.

  1. Apreensões:
  • 50,6 doses da haxixe;
  • 8,65 doses de cocaína;
  • Seis doses de canábis.

  1. Trânsito:

Fiscalização292 infrações detetadas, destacando-se:

  • 48 por excesso de velocidade;
  • 37 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 30 por condução sob influência do álcool;
  • 21 por iluminação e sinalização;
  • 14 por uso indevido de telemóvel no exercício da condução;
  • Dez infração relativa ao tacógrafo;
  • Oito por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório;
  • Oito por uso/falta de cinto/sistema de retenção.

Sinistralidade: 30 acidentes registados, destacando-se:

  • Dez feridos leves.

GNR- Atividade operacional das últimas 12 horas

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de ações policiais, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sábado e as 08h00 de hoje, domingo. Estas ações visaram, não só, a prevenção e o combate à criminalidade e à sinistralidade rodoviária, como também a fiscalização de diversas matérias de âmbito contraordenacional, registando-se os seguintes dados operacionais:

 

  1. Detenções: 22 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 13 por condução sob o efeito do álcool;
  • Oito por condução sem habilitação legal.

 

  1. Apreensões:
  • Oito doses de haxixe;
  • Quatro doses de MDMA;
  • Duas doses de cocaína;
  • 22 veículos.

 

  1. Trânsito:

Fiscalização536 infrações detetadas, destacando-se:

  • 57 por excesso de velocidade;
  • 55 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 40 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 19 relacionado com iluminação e sinalização;
  • 17 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório;
  • 16 relacionado com uso indevido de telemóvel no exercício da condução;
  • Oito por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • Três relacionadas com tacógrafos.

 

Sinistralidade: 29 acidentes registados, destacando-se:

  • Dois ferido grave;
  • 12 feridos leves.

 

GNR- Atividade operacional das últimas 12 horas

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de ações policiais, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sábado e as 08h00 de hoje, domingo. Estas ações visaram, não só, a prevenção e o combate à criminalidade e à sinistralidade rodoviária, como também a fiscalização de diversas matérias de âmbito contraordenacional, registando-se os seguintes dados operacionais:

  1. Detenções: 31 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 19 por condução sob o efeito do álcool;
  • 7 por condução sem habilitação legal;
  • 3 por ofensa à integridade física
  • 1 por tráfico de estupefacientes
  1. Apreensões:
  • 24,15 de liamba.
  • 21,2 doses de haxixe;
  • 1,7 de Cocaína;
  • 0,93 heroína.
  1. Trânsito:

Fiscalização372 infrações detetadas, destacando-se:

  • 244 por excesso de velocidade;
  • 45 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 36 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 14 relacionada por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório;
  • 11 relacionado por falta ou incorreta de cinto de segurança e/ou sistema retenção para crianças;
  • Nove por infrações relacionadas com tacógrafos;
  • Seis por uso indevido do telemóvel no exercício da condução.

Sinistralidade: 36 acidentes registados, destacando-se:

  • 2 feridos graves;
  • 9 feridos leves.

GNR- Atividade operacional das últimas 12 horas

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sexta-feira e as 08h00 de sábado, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

  1. Detenções37 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 24 por condução sob o efeito do álcool;
  • Quatro por condução sem habilitação legal;
  • Três por desobediência;
  • Três por tráfico de estupefacientes;
  • Dois por resistência e coação;
  • Um por posse de arma proibida.

 

  1. Apreensões:
  • 24.01 doses de haxixe;
  • 01 soqueira;
  • 01 faca.

 

  1. Trânsito:

Fiscalização:  717 infrações detetadas, destacando-se:

  • 333 por excesso de velocidade;
  • 54 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 40 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 39 relacionadas com tacógrafos;
  • 23 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • 23 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;
  • dez por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

 

Sinistralidade24 acidentes registados, destacando-se:

  • Um ferido grave;
  • Seis feridos leves.