Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: Municipio de Seia

Tag Archives: Municipio de Seia

OBRA DE OLIVER LAXE “O QUE ARDE” VENCE CINEECO 2020

Ao finalizar o Festival Internacional de Cinema Ambiental da Serra da Estrela teve lugar o anúncio dos grandes vencedores da edição deste ano, pautada pela resiliência e determinação do Município de Seia em manter o Cineeco no calendário oficial dos Festivais a nível nacional e internacional. Para o ano há mais cinema ambiental, de 9 a 16 de outubro de 2021.

Na Competição Internacional de Longas-Metragens, a obra cinematográfica de Oliver Laxe, “O Que Arde”, conquistou o “Grande Prémio Ambiente – Município de Seia”. Uma parábola rural passada numa aldeia aninhada nas montanhas da Galiza, que se depara com um fogo florestal, após o regresso à comunidade de um condenado. A narrativa está assente na Natureza (a humana e a da terra) que pode destruir ou autodestruir-se. Na mesma categoria, “El Tren de Los Pies Ligeros”, de Miguel Coelho, conseguiu arrecadar o “Prémio Antropologia Ambiental – Zurich Seguros”, um documentário que nos leva numa viagem pela Sierra Tarahumara, no México, ao âmago de um universo isolado onde vivem povos indígenas com a sua visão peculiar do mundo e do que os rodeia. A Menção Honrosa coube a Oriane Descout e a sua utopia de um “Castelo de Terra” no interior do Brasil.

Na Competição Internacional de Curtas-Metragens, a animação “Entre Baldosas”, do argentino Nicolas Conte, ficou com o “Prémio Curta Metragem Internacional – Turistrela”, já a animação portuguesa da autoria de Bruno Caetano, “O Peculiar Crime do Sr. Jacinto” arrecadou o “Prémio Educação Ambiental – Associação Mares Navegados”.

Na Competição de Séries e Reportagens Televisivas, o trabalho de Vera Moutinho, “Anna Mergulha no Lixo para Combater o Desperdício Alimentar”, uma narrativa sobre dumpster diving, conquistou o “Prémio Televisão”.

Nesta 26ª edição do Cineeco, o cinema ambiental português esteve em grande destaque entre as longas e curtas-metragens, representando cerca de metade de todas as obras em competição de entre os 77 filmes e documentários de mais de 25 países, exibidos ao longo de uma semana, entre 10 e 17 de outubro. Desde logo, a forte presença de obras nacionais refletiu-se também no Palmarés oficial deste ano, como atestam ainda o “Prémio Camacho Costa – Lipor” (melhor longa-metragem em língua portuguesa)  alcançado por Nuno Tavares, a estrear-se na realização com “A Alma de Um Ciclista”, uma inusitada e bela viagem pela paixão das bicicletas e pela descoberta das nossas próprias reflexões sobre o mundo; e, ainda, a conquista do “Prémio Curta-Metragem em Língua Portuguesa” para Patrícia Pedrosa em “Vi(r)agens”. Documentário que nos fala da atual “pausa planetária” e do medo que nos confronta com as nossas próprias limitações. O jovem realizador de Oliveira do Hospital, Tiago Cerveira, volta a receber o “Prémio Panorama Regional – Casa da Passarella”, com a “Máscara de Cortiça”, depois de no ano passado ter subido ao palco a agradecer o mesmo galardão por “Pagar a Promessa”. Este ano, Cerveira levou ao Cineeco, a corrida do Entrudo das Aldeias de Xisto de Góis.

 O “Prémio Valor da Água – Águas do Vale e do Tejo” foi atribuído a Henry M. Mix e Boas Schwarz com “On Thin Ice”, um documentário sobre os efeitos das alterações climáticas no Ártico russo.

O Júri da Juventude, composto por um painel de seis jovens, atribuiu os seguintes galardões: “Prémio da Juventude Longas Metragens Internacionais” – “The Village and the Wildfire, de Kathrin Reichwald; “Prémio da Juventude Curta-Metragem Internacional” – “O Peculiar Crime do Sr. Jacinto”, Bruno Caetano; “Prémio da Juventude para Série e Reportagem de TV” – “Malcata – Conto de uma Serra Solitária”, Miguel Cortes Costa e Ricardo Guerreiro; “Prémio da Juventude Longa-Metragem em Língua Portuguesa” – “A Alma de um Ciclista”, Nuno Tavares; “Prémio da Juventude Curta-Metragem em Língua Portuguesa” – “Átomos de Luz”, Leonor Teixeira; “Prémio da Juventude Panorama Regional” – “Barro Preto, Cultura e Tradição”, Edmundo Marquês e Vítor Pereira.

Cineeco 2020 – Seguro e Resiliente até Outubro de 2021

O CineEco, como em toda a sua já longa história de edições, ininterruptas, realizou-se com todas as regras de distanciamento e segurança sanitária. Em pleno cenário de crise epidémica, o Festival não quis deixar de assegurar a sua missão de há 26 anos para cá – “a urgência de levar ao público local e nacional a divulgação e sensibilização para as temáticas ambientais”, sustenta a direção do Cineeco.

Paralelamente à exibição dos filmes em sala, obedecendo a restritas regras de segurança e distanciamento recomendadas pela Direção-Geral da Saúde em estreita colaboração com o Município de Seia, Cineeco 2020 aconteceu também em formato digital com a realização de 5 debates online. Nas Ecotalks foram abordados temas variados, desde o futuros dos festivais de cinema, face à crise pandémica e o crescimento das transmissões streaming; film comissions e a valorização dos territóriosas novas tecnologias e a educação ambiental; o papel do cinema ambiental na formação dos públicos em idade escolar; e ainda a televisão – cinema e o que importa falar sobre as interligações e diferenças nestas duas áreas de entretenimento.

Todas as Ecotalks tiveram transmissão live, às 17 horas, no Facebook do CineEco, sem necessidade de pré-registo ou inscrição obrigatória, e contaram também com público restrito em sala.

 A 27ª edição do Festival Internacional de Cinema Ambiental da Serra da Estrela terá lugar de 9 a 16 de outubro, em Seia.

O CineEco 2020 é organizado pelo Município de Seia e conta com o Alto Patrocínio do Presidente da República e do Departamento de Ambiente das Nações Unidas. Conta ainda como patrocinador principal a Lipor e com o patrocínio das Águas do Vale do Tejo.

César Fonte (W52-FC Porto)lidera o GP Beiras e Serra da Estrela

César Fonte (W52-FC Porto) venceu em Seia

Decorreu este sábado a segunda etapa do Grande Prémio das Beiras e Serra da Estrela, entre Sabugal e Seia, na distância de 193,9 quilómetros, com a vitória a sorrir a César Fonte (W52-FC Porto)  em 4:48.58 horas, ao mesmo tempo de  Henrique Casimiro (Efapel) e do colombiano Sergio Higuita (Manzana-Postobón).

Face a isso, César Fonte (W52-FC Porto) é o novo líder desta prova que neste domingo, vai ter a derradeira etapa entre Gouveia e Guarda.

Clube BTT Seia entra a brilhar na nova temporada

seiaO Clube BTT Seia iniciou a sua época da melhor forma,  com a participação na 1ª prova da taça de Portugal de XCO em Marrazes, Leiria.

Alcançou um excelente 3º lugar por equipas com o 1º lugar em Master feminina- Patrícia Pinheiro Gonçalves, terceiro lugar em elites femininas e 1º Sub 23, Ana Tomás e terceiro lugar de cadetes masculinos, Julien.

Estiveram também em prova, Paulo  Serra em master 40 com um 4º lugar, Rui Casquinha em master 30, 7º lugar e Pedro Marques em master 30 e Rodrigo Salvador Fonseca em cadetes masculinos.

Por:Clube BTT Seia /Foto:JFO

Seia Jazz & Blues decorre em março

16487133_1307244562648059_8287862015524089277_oA 13ª edição do Seia Jazz & Blues que decorre de 6 a 12 de março na Casa da Cultura, conta este ano com banda espanhola de Blues, Susan Santos Band, no dia 11 de março (sàbado) como uma das principais novidades do cartaz.
No dia 10 (sexta-feira) sobe ao palco da Casa da Cultura o português Kiko Pereira, que foi considerado como “o melhor cantor de jazz português” pelo crítico José Duarte.
No dia 9 (quinta-feira) será a vez da Big Band EPSE de Seia, desta vez com dois convidados especiais – João Barradas, um dos mais conceituados e reconhecidos acordeonistas europeus e Bárbara Maximino, jovem talentosa cantora de Jazz de Seia.
Organizado pelo município, o Seia Jazz & Blues conta ainda com uma rúbrica Escolas com Jazz, para levar este género musical a centenas de crianças e jovens do concelho, pela Big Band da Escola Profissional da Serra da Estrela.
Para os concertos, os bilhetes já se encontram à venda na Casa Municipal da Cultura de Seia: Tel: 238 310 293 – e-mail: casacultura@cm-seia.pt

Por:SJB

Mário Patrão volta a participar no Rali Dakar

15726264_751039025048045_8522453612650110699_nMário Patrão enfrenta a partir do próximo dia 2 de janeiro aquela que será a sua quinta participação na maior prova de Todo-o-Terreno do mundo, o Rali Dakar. O piloto português, natural de Seia, já está na cidade paraguaia de Assunção, ponto de partida da edição de 2017 da mítica prova, na próxima segunda-feira, rumo à capital argentina de Buenos Aires onde encerra a competição.

Mário Patrão referiu que: “Será mais um Dakar, um desafio que se espera verdadeiramente difícil mas que dá sempre um enorme prazer superar! Sei que não parto para esta prova nas condições que esperava, devido à recuperação de uma lesão que me afetou ao longo deste ano, mas fiz o possível nestes últimos meses para poder estar na melhor forma.

Estou com sentimentos positivos, isso é o mais importante. A altitude será o grande desafio e a maior dificuldade da edição deste ano, procurei preparar-me o melhor possível para superar essa dificuldade, felizmente tenho a Serra da Estrela que me permite aproximar das condições locais e adaptar. Repetir um lugar no Top 20 final seria um grande resultado, é por isso que vou voltar a lutar. Deixo o meu agradecimento a todos os meus patrocinadores e apoiantes que tornaram possível esta participação.”

Por:Mun.Seia

O 23º Campeonato Nacional de Karaté FNK-P (Cadetes – Juniores) decorre em Seia

15355999_10211298875086081_370887163_nNeste sábado e domingo, 10 e 11 de dezembro, o Gimnodesportivo Municipal Padre Martinho em São Romão vai acolher o 23º Campeonato Nacional de Karaté FNK-P (Cadetes – Juniores).

Vão estar cerca de 500 atletas em prova, 100 treinadores, 60 árbitros, num total de 118 clubes presentes do continente e ilhas.

Uma prova federativa, organizada em parceria com a Karate-Do Portugal Shotokan e a União de Karaté Shotokan das Beiras – Centro de Karaté de Seia.

A entrada é livre, a prova tem o seguinte programa:
Sábado, 10 de dezembro – 13h às 19 horas
Domingo, 11 de dezembro – 9h às 14h30

Por:António Pacheco foto:CKS

Extensão de Saúde de S. Romão inaugurada pelo Secretário de Estado da Saúde

14705776_1607956296176171_8900794445541721098_n O Secretário de Estado da Saúde, Dr. Manuel Delgado inaugurou nesta sexta-feira, as instalações recém requalificadas da Extensão de Saúde de S. Romão.

Uma obra que ficou em cerca de 120 mil euros e que assegura a prestação de melhores cuidados de saúde à população. No espaço renovado foram também investidos mais 13 mil euros em novo equipamento.
Após a inauguração, o Secretário de Estado da Saúde, o Presidente da ARS Centro, o Conselho de Administração da ULSG e autarcas do concelho de Seia visitaram ainda as instalações do Centro de Saúde de Seia.

Desta visita resultou o compromisso de se realizar uma reunião mais alargada que envolva a Câmara Municipal de Seia e a Secretaria de Estado, tendo como objetivo a requalificação do Centro de Saúde de Seia.14717129_1607956289509505_5092213585970388412_n

Por:ULSG

ExpoSocial de Seia já abriu

14434856_10205494132511602_912586970691787453_oDesde esta terça-feira e até 1 de outubro aí está mais uma edição da ExpoSocial de Seia – Mostra de Serviços de Apoio Social e Potencialidades do concelho de Seia, promovida pelo Município de Seia, a Rede Social e o Conselho Local de Ação Social de Seia, que volta a ter como epicentro o coração da cidade, mais concretamente o Largo do Município. Fiel à matriz dos anos anteriores, o certame constitui um espaço de encontro do setor da economia social, que tem vindo a ganhar grande importância na base económica local, sobretudo em termos de emprego.
O certame conta com a presença, no dia 30, pelas 15:30h, do Ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, José Vieira da Silva.

Por:RA/MS

Bombeiros Voluntários de S.Romão recebe bens do Núcleo de Árbitros da Linha de Sintra

13906751_1152079431519519_5859101628827976549_nAtravés de um repto lançado pela APAF ao Núcleo de Árbitros de Futebol da Linha de Sintra, para uma recolha de bens essenciais para ajudar os bombeiros e assim sendo o repto foi bem recebido por todos e assim foi recentemente entregue um bom leque de alimentos para os Bombeiros Voluntários de S.Romão podem usar da melhor forma.

Este gesto vai existindo um pouco por todo País, dado que os Bombeiros nesta faz de incêndios pouco tempo tem para poder pensar nisso e o apoio das populações nestas causas é sempre muito gratificante.

Por:António Pacheco