Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: Município

Tag Archives: Município

Fornos de Algodres-Campanha “Papel por Alimentos” com colaboração do Município e JMV

A Campanha “Papel por Alimentos” é uma ação promovida pela Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares, com contornos ambientais e de solidariedade»: todo o papel recolhido é entregue ao Banco Alimentar, sendo, depois, o seu valor convertido em produtos alimentares que serão distribuídos pelas pessoas mais carenciadas.

A Juventude Maria Vicentina (JMV), a trabalhar em parceria com a Câmara Municipal de Fornos de Algodres, pretende juntar-se a esta campanha com o intuito de ajudar à sensibilização para a importância da reutilização, separação e reciclagem do papel que todos os dias utilizamos das mais variadas formas, aliando-se, ainda, ao ideal social das dificuldades por que tantas famílias estão a passar.

Assim, a partir do dia 22 de abril (Dia Mundial da Terra) e até 31 de maio, poderão encontrar vários locais onde, cada um de vós, poderá entregar o papel que têm em casa: como jornais, folhetos de supermercado, revistas, fotocópias, ou outros.

A partir do próximo fim de semana estarão nas igrejas paroquiais os já conhecidos cestos amarelos, onde poderão colocar o vosso papel. Ou então, poderão entregar no armazém municipal, de segunda a sexta-feira, das 7h00 às 13h00.

Salientamos que as famílias que serão ajudadas por esta campanha serão as que se encontram já sinalizadas como famílias carenciadas, regularmente ajudadas pelo Banco Alimentar.

GNR-Campanha “Floresta Segura 21” com ações nas Freguesias

No âmbito da campanha “Floresta Segura 21”, promovida pela Guarda Nacional Republicana, vão ser efetuadas ações de monitorização/sensibilização nas freguesias definidas como prioritárias, de acordo com a seguinte calendarização:
– Paços da Serra | 08/03/2021
– Vila Franca da Serra | 08/03/2021
União das Freguesias de Aldeias e Mangualde da Serra | 09/03/2021
– Folgosinho | 10/03/2021
– União das Freguesias de Figueiró da Serra e Freixo da Serra | 10/03/2021
– Arcozelo | 11/03/2021
– Cativelos | 11/03/2021
– Ribamondego | 12/03/2021
– São Paio | 12/03/2021
As ações visam sensibilizar os proprietários das parcelas de terreno dentro das faixas de gestão, para a obrigação da sua intervenção, de acordo com os critérios definidos na legislação em vigor.

Mangualde descontente com declarações na Assembleia Municipal de Viseu

A Autarquia de Mangualde veio publicamente manifestar o seu descontentamento e indignação pelas declarações proferidas pelo Deputado da Assembleia da República, Pedro Alves, na última Assembleia Municipal de Viseu. Segundo fonte noticiosa, o Deputado Pedro Alves acusa o anterior Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, de ter sido responsável pelo fracasso de criação da empresa intermunicipal de águas e por ter boicotado a melhoria do abastecimento de água a Viseu.

A autarquia lamenta, porque estas declarações não correspondem à verdade, e servem apenas como armas de arremesso político contra o ex-autarca de Mangualde e candidato em 2021 à Câmara Municipal de Viseu – sublinha o atual presidente da Câmara, Elísio Oliveira. “O processo de constituição da empresa Águas de Viseu foi, por natureza, um processo complexo, com negociações difíceis, feitas de avanços e recuos, numa primeira fase a oito e numa segunda fase a cinco municípios. Durante todo este processo, as reuniões entre os autarcas foram pautadas pela defesa do interesse das suas populações, com elevação, muitas vezes com crispação, mas tendo sempre subjacente a importância vital da água. Quando há acordos ou desacordos entre as partes a responsabilidade é de todos os intervenientes.”, contextualiza ainda Elísio Oliveira.

A autarquia de Mangualde não pode deixar de apelar à serenidade em volta deste tema, “pela sua importância vital e estratégica para as populações e para a região. Este processo ainda tem muito caminho a percorrer e deve ser feito com responsabilidade institucional não devendo ser arrastado para as disputas eleitorais”, conclui ainda o Presidente.

Reabertura dos Cemitérios dia 3 de maio – Dia da Mãe em todo concelho de Fornos de Algodres

Renovado o Plano de Emergência e Proteção Civil Municipal até 15 de maio
Face à atual situação epidemiológica relacionada com o coronavírus – COVID-19, à continuidade da ativação do Plano de Emergência e Proteção Civil Municipal do dia 30 de abril até às 23h59m do dia 15 de maio, decidida por unanimidade na reunião da Comissão Municipal de Proteção Civil do dia 30 de abril, e confirmada por Despacho do Presidente da Câmara Municipal de Fornos de Algodres na mesma data, o Município fornense informa em comunicado  que será implementado um conjunto de medidas extraordinárias, temporárias e de salvaguarda, para a reabertura condicionada dos cemitérios do Concelho no dia 3 de maio, por ocasião da celebração do Dia da Mãe.
De forma a ser garantida a proteção da saúde pública, dos trabalhadores envolvidos e, simultaneamente, o controlo dos fatores de disseminação da doença e contágio, deverão ser adotadas todas as medidas que assegurem o cumprimento das recomendações definidas pela Direção-Geral de Saúde.
Assim, no dia 3 de maio, as medidas estabelecidas para reabertura condicionada dos cemitérios são as seguintes:
1. Os cemitérios estarão abertos das 14h00m às 17h00m;
2. É fixado o limite máximo de presenças em 10 pessoas em simultâneo;
3. A permanência no local será pelo tempo estritamente necessário, num máximo de 20 minutos;
4. Deverá ser garantido o distanciamento social, impondo-se, assim, o distanciamento mínimo de 2 metros entre pessoas;
5. É proibida a partilha de materiais de limpeza;
6. É proibida a utilização de torneiras no interior dos cemitérios;
7. É obrigatório o uso de máscara no interior do cemitério e a desinfeção das mãos à entrada e à saída do mesmo;
8. Para o cumprimento do ponto 7, a Câmara Municipal distribuirá por todas as Juntas de Freguesia Equipamento de Proteção Individual que possibilite que todos os munícipes acedam ao cemitério em segurança.
9. Se neste período se verificar a realização de funerais, o cemitério será encerrado, funcionando de acordo com o estabelecido em dia imediatamente anterior a este aviso;
10. O controlo das entradas e saídas do cemitério será realizado pelas entidades competentes em matéria de gestão dos referidos espaços.
Deverão ser cumpridas integralmente as instruções dadas pelos eleitos e trabalhadores do município e das freguesias.

 

Largas centenas de estágios profissionais na administração local

Foi publicado , em Diário da República, o Despacho com a distribuição, por regiões, dos estágios da 2.ª fase da 6.ª edição no âmbito do Programa Estágios Profissionais na Administração Local.

São, no total, 2088 estágios, cofinanciáveis pelo Fundo Social Europeu através dos Programas Operacionais Regionais, num montante disponível de cerca de 18,5 milhões de euros.

Os estágios desta 2.ª fase foram distribuídos após candidatura das entidades da administração local – municípios, freguesias, entidades intermunicipais, associações de municípios e empresas locais – da seguinte forma:

– Norte: 763

– Centro: 744

– Lisboa: 105

– Alentejo: 363

– Algarve: 113

Esta segunda fase destina-se a jovens desempregados até aos 30 anos, ou 35 se portadores de deficiência ou com incapacidade, detentores de licenciatura, de cursos técnicos superiores profissionais ou cursos tecnológicos de nível secundário.

O PEPAL é um instrumento de apoio à transição dos jovens do sistema de ensino e formação profissional para o mercado de trabalho, que visa aumentar a qualificação e, consequentemente, o perfil de empregabilidade, dando resposta às dificuldades de inserção na vida profissional.

Os procedimentos de seleção de estagiários devem estar concluídos no prazo de quatro meses, a contar da data da publicitação do aviso de abertura.

Mangualde faz um investimento superior a 1,1 milhões de euros, na rede viária, ambiente e património religioso

Na tarde , desta quinta-feira,  Carlos Miguel, Secretário de Estado da Administração Local, esteve  em Mangualde, acompanhado pelo Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, assinaram, com a Paróquia de Santiago de Cassurrães, um contrato programa para a requalificação de património religioso do concelho, inauguraram a obra de reabilitação da EN329-2 e lançaram a primeira pedra da ETAR de Abrunhosa-a-Velha. Intervenções, que na sua globalidade, representam um investimento superior a 1,1 milhões de euros.

REQUALIFICAÇÃO DA CAPELA DO CALVÁRIO

Começaram a visita ao concelho de Mangualde com a assinatura de um contrato Programa de Equipamentos – Subprograma SP2 relativo à Ermida Nossa Senhora de Cervães. Ao abrigo deste programa será efetuada a requalificação da Capela do Calvário, na União das Freguesias de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães, e toda a área envolvente. Esta intervenção representa um investimento de 100 mil euros, sendo 50% da responsabilidade da Administração Central. João Azevedo sublinha que esta é “uma decisão que vem beneficiar o património religioso do nosso concelho”. Realça ainda que se tratar de “uma ação conjunta da Junta de Freguesia da União das Freguesias de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães, da Paróquia de Santiago de Cassurrães, da Irmandade da Capela do Calvário, do Governo e da Câmara Municipal de Mangualde, para reabilitar, valorizar e preservar o património construído pelos nossos antepassados.”

 

REABILITAÇÃO DA EN329-2, TROÇO ENTRE PÓVOA DE CERVÃES E ABRUNHOSA-A-VELHA

De seguida foi inaugurada a obra de reabilitação da EN329-2, no troço entre Póvoa de Cervães e Abrunhosa-a-Velha. A requalificação da Estrada Nacional 329-2 contou com um orçamento de 762 mil euros, sendo que a Administração Central comparticipou com 60% do valor total. Os restantes 40% foram financiados pela autarquia mangualdense, que também foi responsável por realizar a intervenção. Para o presidente da Câmara Municipal de Mangualde este é “um dia feliz e histórico para as duas Freguesias (Freguesia de Abrunhosa-a-Velha e União das Freguesias de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães), este é um sonho antigo destas populações que agora é concretizado, é uma obra que muitos diziam que nunca iria ser feita. É mais um compromisso do Governo para com Mangualde, que se concretizou.

 

LANÇAMENTO DA PRIMEIRA PEDRA DA ETAR DE ABRUNHOSA-A-VELHA

A tarde terminou com o lançamento da primeira pedra da ETAR de Abrunhosa-a-Velha. Esta obra representa um investimento de 273 mil euros e faz parte de um investimento global de mais de 7 milhões de euros em Estações de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) que Mangualde está a efetuar no concelho. Um investimento que vem solucionar problemas de décadas no que respeita ao ambiente. Em causa estão mais de uma dezena de ETAR, no total, dotadas das mais avançadas tecnologias para o tratamento de efluentes. Para João Azevedo, este é o virar de mais uma página do livro que está a perpetuar a revolução ambiental no concelho de Mangualde. Mais uma ETAR que está a ser construída para dar mais qualidade de vida às populações”

Restaurantes de Nelas galardoados

1Decorreu em Viseu, no Teatro Viriato a cerimónia de entrega de galardões do Programa “Selecção Gastronomia e Vinhos Viseu Dão Lafões” tendo os Restaurante Zé Pataco e o Restaurante Real do Hotel Urgeiriça de Canas de Senhorim sido galardoados na cerimónia.

Numa iniciativa promovida pela Associação da Hotelaria Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) com financiamento da Entidade Regional de Turismo do Centro, contou também com a presença de representantes da Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões (CIMVDL), da Câmara Municipal de Viseu e da Secretaria de Estado do Turismo que entregaram no Teatro Viriato em Viseu os galardões a 29 restaurantes de 12 municípios da Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões.

Esta cerimónia contou com a presença da Secretária de Estado Ana Mendes Godinho que elogiou a “resiliência, resistência e humildade” dos empresários presentes e a “capacidade de nunca pararem”. Destacou ainda o facto de os empresários perceberem que “querem ser cada vez melhores e trabalhar com mais qualidade, valorizando o que é nosso, o que é autêntico: que é a nossa gastronomia e os nossos produtos”.

O Município de Nelas fez-se representar pela Vice-Presidente Sofia Relvas que juntamente com os representantes dos Restaurantes Zé Pataco e Hotel Urgeiriça (Restaurante Real), dignificaram a excelente imagem que Nelas possui a nível turístico e gastronómico.

Sobre esta temática, é de salientar que no próximo dia 26 de Janeiro irá decorrer mais uma conferência integrada no Ciclo “Nelas por Vocação: 10 Conferências, 10 Convidados”, no restaurante Zé Pataco, em Canas de Senhorim tendo como convidado o Chef Vítor Sobral.

Por:Mun.Nelas

 

Centro Cultural passa a ter o nome de “Dr.António Menano”

  Decorreu esta manhã, no auditório do Centro Cultural de Fornos de Algodres, a Cerimónia de Atribuição do Nome “António Menano” a este Centro Cultural, presidida pelo Presidente do Município Dr.Manuel Fonseca , que explicou a todos os presentes o porquê desta cerimónia e  António Menano que foi uma figura ilustre desta Vila , através da sua vida académica , onde viria a destacar-se como uma verdadeira estrela do Fado de Coimbra, facto esse que orgulhou naquela época os fornenses e ainda hoje a própria Associação Académica de Coimbra detém neste nosso conterrâneo, sendo uma figura que está imortalizada naquela cidade, assim como para os novos fadistas de Coimbra , António Menano é um modelo a seguir na canção.

  O Fado Português é hoje um símbolo de património mundial e uma das referências do povo português.
  No exterior do Centro Cultural foi descerrada uma placa alusiva à cerimónia, onde para além do executivo da autarquia estiveram presentes os mais diversos familiares deste símbolo do fado  de Fornos de Algodres .Para continuar estas comemorações dos 120 anos do seu  nascimento , vai ter lugar nos Paços do Município no sábado , dia 9 de maio pelas 21h00 onde todos irão recordar os maravilhosos fados de Coimbra , onde alguns deles são do fadista local.

 Reportagem de Sofia Pacheco