Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: Penalva do Castelo

Tag Archives: Penalva do Castelo

Sub-21 jogam na Covilhã com penalvense António Silva presente nos eleitos

Vai ter lugar na Covilhã, o jogo solidário no dia 24 de setembro, pelas 17h00, no Estádio Municipal José dos Santos Pinto , Portugal defronta a Geórgia .

Assim Rui Jorge divulgou os convocados com destaque para o penalvense António Silva.

Eis a lista completa: 

Guarda-redes: André Gomes (SL Benfica), Celton Biai (Vitória SC) e Samuel Soares (SL Benfica)

Defesas: André Amaro (Vitória SC), António Silva (SL Benfica), Bernardo Vital (GD Estoril Praia), Eduardo Quaresma (TSG Hoffenheim), João Costa (Rio Ave FC), Leonardo Lelo (Casa Pia AC), Rafael Rodrigues (SL Benfica) e Rodrigo Conceição (FC Porto)

Médios: Afonso Sousa (Lech Poznan), André Almeida (Valencia CF), José Carlos (Vitória SC), Paulo Bernardo (SL Benfica), Samuel Costa (UD Almería), Tiago Dantas (FC PAOK) e Vasco Sousa (FC Porto)

Avançados: David da Costa (RC Lens), Fábio Silva (RSC Anderlecht), Francisco Conceição (AFC Ajax), Henrique Araújo (SL Benfica) e Vítor Oliveira (SC Braga)

fonte:FPF

Penalvense António Silva brilha no SL Benfica

É a grande surpresa deste Benfica 2022/23, falamos de António Silva, um jovem de 18 anos, natural de Penalva do Castelo, onde se iniciou para o futebol, no clube local.

Depois rumou ao CF Os Repesenses , uma escola de formação com muitas tradições no nosso futebol regional , onde atuou algumas épocas, para nos sub-15 rumar ao Viseu United e foi o trampolim para chegar ao Seixal e começar a mostrar a sua classe na formação do SL Benfica.

Cedo se percebeu que este jovem tinha valor e foi crescendo e na temporada passada já deu nas vistas nos sub-23 e o novo técnico Roger Schmidt percebeu e chamou -o para a equipa principal e não hesitou em lança-lo para verificar a sua qualidade e neste momento é titular no Clube da Luz que vai assim mostrando toda a sua garra e vontade de vencer e triunfar.

É mais um jovem da Beira, que vai singrar no futebol nacional e a médio prazo rumar ao estrangeiro e transformar-se numa figura da nossa seleção com tantos outros, lembro -me de João Félix que de Viseu  saltou para o Benfica e hoje uma ´pérola no Atlético de Madrid.

De referir que grande jogadores também vão saindo do interior do País para a ribalta.

 

 

Penalva do Castelo acolheu projeto Craft Turismo Criativo

Decorreu no salão da Loja de Cidadão, no âmbito do projeto Craft Turismo Criativo  na oficina de artesanato de cestaria, bracejo/junça e junco.
Após as boas vindas e contextualização do projeto pelo Dr. Emanuel Ribeiro (coordenador do projeto – Associação de Desenvolvimento do Dão) e representantes da empresa Opium (empresa que se encontra a implementar o projeto) deu-se início aos trabalhos.
Cada artesão fez uma breve apresentação e demonstração de técnicas e materiais naturais utilizados. Posteriormente os participantes tiveram a oportunidade de experimentar várias técnicas artesanais através da orientação e mestria dos artesãos presentes.
Num processo de cocriação, artesãos e participantes, foram desafiados a proporem novos produtos criativos, com objetivo de reinterpretar matérias primas tradicionais e desenvolver novas abordagens estéticas e modos de aplicação das mesmas.
Como resultado desta oficina de cocriação será apresentado, posteriormente, um protótipo de um produto artesanal original (com recurso a estas matérias naturais).
O Senhor Presidente da Câmara, Francisco Carvalho, também marcou presença. Agradeceu a participação de todos, enalteceu o trabalho dos artesãos e realçou o mérito e pertinência do projeto.
Promovido pela Associação de Desenvolvimento do Dão (ADD) em parceria com os seus municípios associados e com a Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões, é um projeto piloto para a promoção do turismo criativo ligado ao artesanato e saber-fazer do território e comunidades de Aguiar da Beira, Mangualde, Nelas, Penalva do Castelo e Sátão.

Largas dezenas participantes na Rota dos Moinhos em Vila Cova do Covelo

Foi um dia de calor forte, mas lá se realizou a Rota dos Moinhos, numa parceria entre o Município de Penalva do Castelo, União das freguesias de Vila Cova do Covelo / Mareco, Associação Desportiva, Cultural e Recreativa de Vila Cova do Covelo e Centro Social Paroquial de Vila Cova do Covelo
A caminhada iniciou junto à igreja Matriz de Vila Cova do Covelo onde o Presidente da Junta de freguesia local, Celso Lopes, deu as boas vindas aos caminhantes e fez uma breve contextualização sobre o trajeto.
Ao longo dos 8 km foi possível apreciar belíssimas paisagens naturais, património molinológico, tradições e artesanato da freguesia.
Uma das tradições que esteve representada na lage junto à aldeia do carapito foi o “sacudir” da semente do centeio. O cultivo do centeio é uma das tradições da freguesia e no mês de agosto realiza-se a ceifa do centeio, um evento que contribui para manter viva esta tradição.
A principal novidade desta edição foi o passadiço sobre o rio carapito que deliciou e surpreendeu os participantes, pela singularidade da envolvência paisagística e beleza natural. Poucos metros à frente foi possível visitar um moinho de água e ouvir explicações acerca do seu funcionamento.
A meio do percurso, junto à frescura do rio, os participantes puderam degustar iguarias locais e assistir a uma pequena demonstração da arte do bracejo.
A manhã culminou com um agradável almoço convívio, na antiga escola primária de Vila Cova do Covelo.
Por:MPC

PR2 Rota de Santiago / Caminho dos Galegos com centenas de participantes

Centenas de pessoas aproveitaram o sol e o bom tempo para participar, na PR2 Rota de Santiago / Caminho dos Galegos, que regressa após a interrupção da pandemia. Uma iniciativa do Agrupamento de Escolas de Penalva de Castelo e apoio do Municipio de diversas freguesias do concelho.

Assim o arranque em Mareco, num percurso muito interessante e se deliciar das maravilhas da Natureza, ainda oportunidade para diversos momentos da história das diversas freguesia e concelho penalvense.

Já o troço, é na zona sul do concelho de Penalva do Castelo que encontramos este rico troço de um dos muitos
Caminhos de Santiago distribuídos pelo país, em vale encaixado entre o Cabeço de Vela e a Serra da Lapeira.
As peregrinações e a fé nunca obedeceram aos limites impostos pelo Homem e por isso, no momento de
atravessar a ribeira de Ludares, transpõe também a linha invisível que o coloca no concelho de Mangualde.
Entre muros de granitos antigos, em bela simbiose com os musgos e os líquenes que, ao desgastá-los, os
tornam mais propriedade da Natureza que dos Homens, atravessa áreas humanizadas por séculos de atividades
agro-silvo-pastoris, aqui e ali ensombradas por pequenas matas de carvalhos, robustas oliveiras,
impressionantes giestas de tamanho arbóreo e silvas que, no verão, prometem compensar o esforço da caminhada com doces amoras silvestres.

fotos:Caminh´antas

Aguiar da Beira, Sátão, Penalva do Castelo, Mangualde e Nelas vão ter oficinas de cocriação

Vai ser promovido pela Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões e  Associação de Desenvolvimento do Dão (ADD), no âmbito do projeto CRAFT – Turismo Criativo Viseu Dão Lafões, entre os dias 08 e 15 de junho, vão promover oficinas de cocriação, dedicadas a participantes com competências criativas e de design.

Estes workshops, abertos ao público em geral, pretendem reinterpretar matérias primas tradicionais e desenvolver novas abordagens estéticas e modos de aplicação das mesmas. Aqui, os participantes, acompanhados por mestres artesãos locais, são desafiados a entrar em contacto e experimentar várias técnicas artesanais.

As oficinas de cocriação estão calendarizadas da seguinte forma: “Ferro e Vidro” | dia 08 | Antigo Balneário dos Ingleses, Canas de Senhorim | Nelas; “Cestaria” | dia 09 | Penalva do Castelo; “Têxtil” | dia 14 | Biblioteca Municipal | Aguiar da Beira; “Cerâmica” | dia 15 | Ateliê Sérgio Amaral | Mangualde.

De acordo com o Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho, “A CIM está empenhada em promover o património associado às artes e ofícios tradicionais, enquanto fator de diferenciação e competitividade turística. Com o projeto CRAFT pretendemos estruturar, no nosso território, uma experiência turística de âmbito cultural ímpar, capaz de afirmar Viseu Dão Lafões enquanto destino de excelência”.

“Com esta iniciativa a CIM e os seus parceiros pretendem começar a envolver a comunidade local e abrir portas a outros interessados neste projeto, muito focado na capacitação dos agentes ligados ao artesanato”, concluiu o Secretário Executivo.  

Segundo o Coordenador da ADD, Emanuel Ribeiro, “Esperamos atrair novos públicos através da oferta estruturada de experiências criativas e inovadoras de turismo cultural”.

Recorde-se que o Craft Turismo Criativo, assume-se como um projeto de valorização, qualificação e promoção turística baseado nos recursos e ativos patrimoniais, culturais e imateriais associados ao artesanato, do saber-fazer à criatividade, que conta com a participação ativa das comunidades de Aguiar da Beira, Sátão, Penalva do Castelo, Mangualde e Nelas.

As Oficinas de Cocriação são gratuitas e decorrem entre as 15h00 e as 19h00, as inscrições podem ser efetuadas em: https://tinyurl.com/9s7euyd

Penalva do Castelo-“Conversas + Iguais” debateram igualdade de género

No âmbito da construção participada do Diagnóstico do Plano Municipal para a Igualdade foram realizadas, no passado dia 20 de abril, duas sessões da iniciativa “Conversas + Iguais”, um espaço de debate sobre questões relacionadas com a igualdade de género nas áreas da educação e capacitação, do emprego e da política.

Através do conhecimento da realidade social local detido pelos participantes foram recolhidas perceções e práticas nestas áreas com o objetivo de complementar a análise dos indicadores quantitativos já recolhidos, enquanto valioso contributo para a construção do diagnóstico, bem como para o processo de intervenção social a realizar.

Esta fase integra-se num processo de construção do Plano Municipal para a Igualdade de Penalva do Castelo, onde se pretendem identificar e priorizar as necessidades do Município em matérias alinhadas com a Estratégia Nacional para a Igualdade e a Não Discriminação (2018-2030) e definir estratégias interventivas locais que concorram para o cumprimento dos objetivos da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

Gaspar e Maria regressam às escolas de Viseu Dão Lafões 

O Gaspar e Maria, mascotes do projeto Wanted | Escolas Empreendedoras da CIM Viseu Dão Lafões, estão de regresso às escolas da região.

Da agenda de visitas já arrancaram em Aguiar da Beira, constam, ainda, escolas dos municípios de Carregal do Sal (09 de março), Castro Daire (11 de março), Nelas (09 de março), Penalva do Castelo (10 de março), São Pedro do Sul (07 de março), Sátão (08 de março), Tondela (em data a definir) e Viseu (08 de março).

No âmbito desta iniciativa, os alunos serão presenteados com um “Kit” composto por diversos elementos lúdico-pedagógicos.

A “Aventura do Gaspar e da Maria” chegará a 426 alunos, oriundos de 27 turmas, de 18 escolas do 1º ciclo. Sendo que, o projeto Wanted – Escolas Empreendedoras envolve 180 professores, 240 turmas e mais de 3200 alunos, do pré-escolar ao ensino secundário/profissional, dos 14 municípios que constituem a CIM.

Na sua 10ª edição, o projeto Wanted – Escolas Empreendedoras mantém-se fiel ao seu objetivo de construir as escolas do futuro, potenciando o desenvolvimento competências pessoais e sociais inerentes a um perfil empreendedor, nos alunos de Viseu Dão Lafões.

De acordo com o Secretário Executivo, Nuno Martinho, “A visita do Gaspar e da Maria insere-se nas atividades planificadas para as turmas do 1º Ciclo do Ensino Básico que integram o projeto Wanted – Escolas Empreendedoras. Com esta iniciativa, que funciona em complemento a outras desenvolvidos pela CIM e em perfeita articulação com os agrupamentos de escola da região e com os centros de formação de professores, onde se destacam projetos como o do laboratório móvel das ciências, da literacia financeira ou ambiental, entre outros, que temos em curso nas nossas escolas, pretendemos, fundamentalmente, sensibilizar, formar e capacitar os nossos alunos para a temática da educação empreendedora, com uma tónica, também, na valorização dos nossos recursos territoriais e reforço do sentimento de pertença e de identidade”.

Foto:DR

AF Viseu- Moimenta do Dão- SC Penalva do Castelo- 2-1

Pontos preciosos para moimentenses

A chuva e o frio marcaram presença no Estádio Conde de Anadia, em Mangualde, onde grandes tardes de futebol ali foram vividas, assim o Moimenta do Dão a receber e vencer o Penalva do Castelo, na estreia de João Bento a liderar os moimentenses, com uma grande moldura humana afeta a ambas as equipas.

Foi uma primeira parte com ambas as equipas a ambientarem-se ao terreno de jogo que face à chuva estava mais rápido e ao esquema de cada uma das formações, foram existindo diversas situações de ataque mas os keepers iam resolvendo.

Golos animam os adeptos

A segunda parte, trouxe os golos e os penalvenses abriram o ativo por intermédio de Gustavo, aos 47´numa bela jogada, mas os moimentenses estavam empolgados e já na primeira metade o tinham demonstrado, conseguem chegar ao golo do empate após jogada de ataque, Rafael Barreiros numa infelicidade coloca a bola na baliza penalvense. O encontro ganhou mais intensidade e acabaram por os locais conseguir marcar agora por Veiga, aos 63´. As substituições eram a solução dos técnicos, onde João Bento e Simão procuraram que algo acontecesse,mas o resultado não mais se alterou e os moimentenses alcançaram 3 pontos importantes na luta pela manutenção.

Por sua vez , os penalvenses mantém a liderança deste grupo.

 

 

Município de Penalva do Castelo recebeu 15 compostores

A Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão (AMRPB) está a reforçar a aposta no incentivo à compostagem doméstica com cerca de 400 baldes para a recolha de resíduos biodegradáveis, que estão a ser distribuídos em todos os municípios associados à iniciativa, no âmbito da campanha “Compostagem: Eu faço!” integrada no projeto “BioBairros — da Terra à Terra”.
Com a aprovação da candidatura do AMRPB ao Fundo Ambiental, o Município de Penalva do Castelo recebeu recentemente, 15 compostores (13 para utilizadores domésticos e 2 para utilizadores não domésticos/comunitários) que permite a gestão dos bio-resíduos produzidos ao nível das cozinhas, cantinas e refeitórios das habitações e instituições.
A execução deste projeto possibilita a diminuição dos resíduos urbanos biodegradáveis presentes nos resíduos indiferenciados com impacto direto nas quantidades depositadas em aterro sanitário.
Com a receção deste conjunto de equipamentos destinados à compostagem, o Município vai desenvolver um estudo, de modo a definir os moldes de funcionamento deste projeto piloto na gestão dos bio-resíduos domésticos.

Compostagem – O que é?
A compostagem é um processo natural de decomposição de matéria orgânica por ação de microrganismos na presença de oxigénio. Trata-se de uma técnica simples e eficaz de valorização de resíduos biodegradáveis (biorresíduos), cujo resultado é um material rico em nutrientes (composto) que pode ser utilizado como fertilizantes orgânico.