Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: poupança

Tag Archives: poupança

Candidatura ao Fundo Ambiental Aprovada: Aquisição de Veículo Elétrico para Fornos de Algodres

Foi recentemente aprovada, pelo Fundo Ambiental, a candidatura para a aquisição de uma viatura elétrica para Câmara Municipal de Fornos de Algodres

A candidatura com um apoio de 50% no valor da aquisição do veículo elétrico ligeiro, pretende promover a descarbonização e a melhoria do desempenho ambiental do Parque de Veículos da Câmara Municipal de Fornos de Algodres.

Portugal assumiu o compromisso de atingir a neutralidade carbónica até 2050, tendo estabelecido metas de redução das emissões de gases com efeito de estufa (GEE) para 2020 e 2030 e identificado, no contexto do Sistema Nacional de Políticas e Medidas (SPeM), políticas e medidas capazes de assegurar o cumprimento das citadas metas, tendo em vista a descarbonização da economia, concretizando o Programa Nacional para as Alterações Climáticas PNAC 2020/2030.

Esta candidatura tem como principal objetivo a continuação das políticas ambientais na área ambiental que estão a ser desenvolvidas pela Câmara Municipal de Fornos de Algodres no Concelho.

A principal finalidade da candidatura aprovada pelo Fundo Ambiental será de apoiar políticas ambientais para a prossecução dos objetivos do desenvolvimento sustentável, contribuindo para o cumprimento dos objetivos nacionais e internacionais, designadamente os relativos às alterações climáticas.

A aquisição desta viatura elétrica – que será submetida brevemente a concurso público – , inserida no Programa de Apoio à Mobilidade Elétrica na Administração Pública, pressupõe a substituição de um veiculo com mais de 10 (dez) anos do Parque de Veículos da Câmara Municipal.

 

Campanha Quartel Eletrão está de volta

Está a iniciar a 4ª edição do Quartel Electrão, que tem como embaixador o apresentador Pedro Fernandes. A iniciativa desafia as comunidades a entregar todo o tipo de equipamentos elétricos, pilhas e lâmpadas usadas, nas Corporações de Bombeiros Voluntários aderentes, para que estas acumulem a maior quantidade e recebam prémios, numa iniciativa da Amb3E.

Esta campanha prolonga-se ate 30 de abril, aqui ficam os prémios a receber:

Aos Quartéis vencedores, o Electrão vai entregar os seguintes prémios:

1º prémio absoluto
Ambulância de Transporte de Doentes

2º prémio absoluto
2.500 € em equipamento

1º prémio Pilhas
2.500 € em equipamento

1º prémio Lâmpadas
2.500 € em equipamento

Prémios per capita
8 cartões pré-pagos de combustível

 

Nelas pode vir a ter luminárias de LED nas ruas

1nelasFoi aprovado, na reunião na Câmara Municipal de Nelas, realizada na passada quarta-feira, 28 de Dezembro,  por maioria , o inicio dum concurso público com vista a substituir todas as suas cerca de 6200 luminárias de sódio por iluminação LED ( sendo dessas 6200, 500 com regulador de fluxo incorporado), substituição essa a ocorrer ainda durante o ano de 2017.

A esta substituição acrescerá aquela que a EDP, concessionária da rede de iluminação pública fará progressivamente até 2020 (sendo 500 até 2018) das 2000 luminárias de mercúrio que existem ainda na rede.

Correspondendo ao seu compromisso eleitoral de promover práticas de sustentabilidade ambiental, nomeadamente racionalizando os consumos energéticos nas redes de equipamentos públicos e coletivos com a adoção de políticas de eficiência energética, o Presidente da Câmara de Nelas avançou com esta proposta que constitui um verdadeiro programa local de iluminação publica inteligente, com menores custos associados.

Programa esse, aliás, já iniciado em 2015 com a instalação em todas as freguesias de 430 luminárias LED no âmbito de um procedimento de eficiência energética da Comunidade Intermunicipal CIM Dão Lafões, no que constitui um investimento de mais de 100 mil euros, investimento esse recuperado no actual mandato uma vez que o anterior executivo dele havia desistido.

Para início deste novo procedimento da troca das 6200 luminárias de sódio foi aprovado pedir à Assembleia Municipal autorização para contratação dos respectivos compromissos plurianuais, autorização essa que foi concedida na sessão deste órgão também realizada no dia 28 de Dezembro a partir das 21 h, com 16 votos a favor e 9 abstenções (da bancada do PSD/CDS).

A abertura do concurso para possibilitar a apresentação de propostas às ESE (Empresas de Serviços Energéticos a operar no mercado devidamente licenciados pela Direcção Geral de Energia e Geologia), foi decidida ao abrigo do Decreto- Lei 29/2011, de 28/2, diploma legal que estabelece o regime jurídico aplicável á formação e execução dos contratos de desempenho energético que revistam a natureza de contratos de gestão energética.

Ora é este tipo de contrato de gestão energética que a Câmara de Nelas pretende celebrar por um período até 12 anos com a entidade ESE que garantir maior nível de poupança energética e maior repartição dessa poupança para a Câmara Municipal. A base do concurso é um mínimo de 60% de poupança energética e um mínimo de 5% de poupança garantida no custo para a Câmara. A empresa que ganhar o concurso obriga-se à colocação das luminárias LED, á sua manutenção e substituição durante o período do contrato e será paga pelo valor da poupança na fatura de energia elétrica que a Camara terá em função da diminuição do consumo energético de pelo menos 60%.

Tudo este processo está a ser acompanhado por técnicos da ADENE (Agencia para a Energia), sendo que estará sempre garantido uma poupança de pelo menos 5% na fatura para a Câmara, a religação das quase 600 luminárias que foram desligadas em várias freguesias no mandato anterior por dificuldades económicas do Município, mantendo-se integralmente na Câmara toda a poupança que a troca das luminárias de mercúrio pela EDP vai gerar. O Caderno de Encargos e Programa de Procedimento que foi já distribuído aos vereadores em minuta vão ser apresentados para aprovação na primeira reunião de Câmara de Janeiro de 2017, num procedimento que só estará integralmente concluído com o visto prévio do Tribunal de Contas.

Uma operação, pois, sem qualquer risco financeiro para a Câmara, suportando a ESE todos os custos de instalação e manutenção (custos esses certamente muito superiores a 1,5 milhões de euros com a aquisição, instalação e manutenção das 6200 luminárias LED), tendo o Concelho, as suas Freguesias e comunidades desde já  com qualidade e modernidade quase toda a iluminação pública, e não menos importante, reduzindo mais de 410 toneladas de poluição em CO2.

Por:Mun.Nelas

Lâmpadas de LED permitem poupança em Mangualde

  ledA Câmara Municipal de Mangualde estabeleceu um acordo com a EDP Distribuição para a substituição das lâmpadas de mercúrio, utilizadas na iluminação pública de algumas freguesias do concelho, por lâmpadas de tecnologia LED. Na formalização do acordo marcaram presença o presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, o vereador da autarquia, João Lopes, e os engenheiros da EDP, Garcia Mendes e Carlos Peres.

  Este acordo, sem custo para o município, permite uma poupança de 50% no consumo de energia nos referidos postes, além de permitir economizar em gastos com manutenção. Até ao final do ano vão ser substituídas 300 luminárias no concelho. As lâmpadas de mercúrio contêm metais pesados prejudiciais para o meio ambiente. O LED não possui esses metais e possui uma alta durabilidade que permite diminuir a quantidade de lixo produzido. Ao consumir menos energia, diminui ainda drasticamente a quantidad0lede de CO2 emitida na atmosfera.

  Preocupada com as questões ambientais e económicas, a autarquia continua atenta à renovação do parque de iluminação pública. É de recordar que o trabalho elaborado pela autarquia no reequilíbrio das contas públicas, permitiu a religação da iluminação pública durante a noite. Esta religação teve o seu início no passado dia 3 de agosto.

Por:Mun.Mangualde

Projeto “Literacia Financeira posto em ação no Agrupamento de escolas de Fornos de Algodres

cldsFoi posto em prática, nesta sexta-feira, O Projeto “Literacia Financeira”,no Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres.
Este projeto tem como lema:
“ Educar e Sensibilizar para a Educação Financeira  …uma realidade para todos”.
O intuito do Ateliê foi alertar os alunos para a problemática do dinheiro e para a necessidade de poupar.
Desta forma , temas como: O dinheiro,a necessidade e desejo, querer e ter, orçamento, guardar, poupar, dar e gastar.
Este projeto vai permitir aos jovens a aquisição de conhecimentos e capacidades fundamentais para as decisões que, no futuro, terão que tomar sobre as suas finanças pessoais, pelo que deverão gerar um efeito multiplicador de informação e formação junto das famílias.
Foi notório o interesse por parte destes jovens alunos que decerto vão para casa, diariamente fazer as suas contas.
  A todos que participaram foram distribuídos: um mealheiro e um livro com os conteúdos necessários para uma melhor gestão do seu dinheiro.
É uma forma de estes jovens iniciarem a testar como gerir as suas finanças…

Por:CLDS 3G SERVIR Fornos de Algodres

AUTARQUIA MANGUALDENSE AJUDA POPULAÇÃO A REDUZIR GASTOS ENERGÉTICOS

“Energia fantasma”
foi o nome da sessão de esclarecimento que a Câmara Municipal de
Mangualde, através do Centro de Informação Autárquico ao Consumidor
(CIAC) de Mangualde, e a DECO promoveram durante a manhã de hoje, no
Auditório da Câmara Municipal de Mangualde, com o objetivo de
sensibilizar os consumidores para a importância do uso eficiente da
energia elétrica.

 A
sessão, que contou com a presença de cerca de 120 munícipes, e da
vereadora da autarquia, Maria José Coelho, esclareceu os consumidores de
como poderão reduzir a sua fatura de eletricidade, eliminando os
desperdícios de energia relacionados com os consumos de standby e
off-mode, comportamentos de consumo energético insustentáveis e sobre a
escolha de equipamentos energeticamente menos eficientes.
 “Energia fantasma” é
uma campanha financiada pela ERSE e é dirigida aos consumidores de
Portugal Continental e Regiões Autónomas. A DECO encontra-se a
desenvolver sessões informativas sobre este tema, por todo o país, junto
das escolas e comunidade geral até ao final do mês de agosto de 2015.
 por Mun.Mangualde

 

Ação de sensibilização para o desperdício de energia em Mangualde

  De
forma a consciencializar e sensibilizar as gentes de mangualdenses para os
desperdícios de energia, a Câmara Municipal de Mangualde, através do
Centro de Informação Autárquico ao Consumidor (CIAC) de Mangualde,
associa-se à DECO na campanha ‘Energia Fantasma’. Para isso, promove na
próxima sexta-feira, dia 24 de abril, às 10h00, no Auditório da Câmara
Municipal de Mangualde, uma sessão informativa dedicada à temática.

 Estamos perante uma campanha que pretende informar e sensibilizar os consumidores sobre os consumos stand-by/off-mode
e outros desperdícios de energia das nossas casas. Esta é uma campanha
financiada pela ERSE e é dirigida aos consumidores de Portugal
Continental e Regiões Autónoma. O objetivo é ajudar os consumidores a
reduzirem a sua fatura de eletricidade, eliminando os desperdícios de
energia relacionados com os consumos de stand-by e off-mode, comportamentos de consumo energético irresponsáveis e a escolha de equipamentos energeticamente menos eficientes.
 Todos os interessados em participar deverão efetuar a sua inscrição através do email margarida.chaves@cmmangualde.pt  
Por: CMM