Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: santar

Tag Archives: santar

Santar Vila Jardim recebe prémio europeu de relevância europeia a nível do Jardins European Garden Awards 2021

Por ocasião da Festa do Ramo da Vindima que a Banda de Santar este ano organizou e que levou o cortejo a casa de Santar, José Luís e Pedro Vasconcelos e Sousa fizeram uma apresentação da mais recente distinção do projeto Santar Vila Jardim com a atribuição que foi feita do “European Garden Awards 2021 “, na categoria de proteção e desenvolvimento de uma paisagem cultural (https://wp.eghn.org/en/santar-vila-jardim/ e https://wp.eghn.org/en/european-garden-award-2021/).

Estes co-promotores do projeto Santar Vila Jardim fizeram questão de compartilhar e repartir o mérito da distinção com o Presidente da Câmara José Borges da Silva e o Presidente da Junta de Freguesia Jorge Abreu, referindo que tal prémio se deve também ao envolvimento das instituições autárquicas e das comunidades neste grande projeto para Santar.

Extensões de Saúde de Santar e Carvalhal Redondo retomam consultas

Na próxima semana os médicos da USF – Coração da Beira do Centro de Saúde de Canas de Senhorim voltam a prestar serviço médico de proximidade à população, nas Extensões de Saúde de Santar a partir de quinta feira dia 17 de Setembro das 09 às 12 horas e em Carvalhal Redondo na respetiva Extensão de Saúde a partir da próxima terça feira, dia 15 de Setembro, das 09 às 12 horas.
O reatar da presença médica nestas Extensões é possível dada a redução do horário do Centro de Vacinação de Nelas a que também estavam afetos os médicos daquela USF e ainda a um maior controlo atual da pandemia COVID-19, pandemia para combate à qual foram mobilizados em primeira linha no último ano e meio, procurando, na medida do possível e até ao limite dos recursos existentes, continuar a prestar os cuidados primários de saúde de que a população carece a merece.
A Câmara Municipal de Nelas e as Juntas das Uniões de Freguesias de Santar e Moreira e de Carvalhal Redondo e Aguieira, em especial os seus Presidentes, manifestam a sua gratidão em nome da comunidade, pelo esforço e dedicação prestados pelos profissionais de saúde à população, neste período tão difícil das nossas vidas e congratulam-se por este esforço do regresso dos cuidados de saúde de proximidade ás suas populações em Santar e Moreira e em Carvalhal Redondo e Aguieira, regresso pelo qual há muito vêm lutando.

Comemorações do 93º Aniversário de elevação de Santar a Vila e Dia da Árvore

O dia iniciou, ao som do hino nacional e com o içar da bandeira da União de Freguesias de Santar e Moreira, do Município de Nelas, de Portugal e da União Europeia, que se iniciaram as comemorações do 93º Aniversário de elevação de Santar a Vila, cerimónia que contou com o Presidente da Junta de Freguesia e restantes elementos da sua equipa, incluindo da Assembleia de Freguesia, com o Presidente da Câmara e Presidente da Assembleia Municipal, Vice-Presidente da Câmara, adjunto do Presidente da Câmara e outras personalidades presentes.

De seguida a comitiva visitou as obras da infraestrutura CAVES- Centro de Artes do Vinho e do Espaço de Santar, obras já em curso por parte do empreiteiro e que constitui uma enorme aspiração da população, associações e autarcas da freguesia.

Nas Fontanheiras, no espaço fronteiro à Igreja de S. Cristóvão local, foram plantadas 4 tílias de média dimensão, cada qual apadrinhada; uma pelo Presidente da Junta e restante executivo a qual batizaram de ESPERANÇA (num futuro mais risonho para as pessoas e as comunidades depois desta terrível pandemia que ainda vivemos); outra pela representante da Assembleia de Freguesia, que batizou de UNIÃO (entre todos os povos e localidades, maiores ou mais pequenas, da freguesia); outra pelo Presidente da Assembleia Municipal, que batizou como COESÃO (sinal do reforço de desenvolvimento igualitário entre todas as comunidades e todas as pessoas ); e ainda outra pelo Presidente da Câmara, que batizou como GRATIDÃO (nisso querendo agradecer à população das Fontanheiras que no final de 2017 deixou sacrificar as pequenas tílias que tinha plantadas naquele local para que os camiões pudessem aceder, na sua circulação, ao Rio Dão para proporcionar água às populações e unidades fabris na grande seca da época).

Depois da missa na Igreja Matriz, cerimónia com regresso presencial este domingo, depois de mais de 2 meses de ausência e com uma rica e bonita homilia sobre o espírito de missão que a todos, da mais relevante personalidade ao mais humilde cidadão, está reservada, sem necessidade de esperar qualquer reconhecimento ou gratidão, que não seja o da concretização do espírito de serviço ao outro, rumou a comitiva ao Cemitério de Santar, onde depositou um ramo de flores em homenagem aos Santarenses que já partiram, em especial aos que pereceram nos últimos meses e em solidariedade às suas famílias.

Foi, assim, com esperança, união, coesão e gratidão que se viveu mais um aniversário da LINDA VILA DE SANTAR.

 

Santa Casa da Misericórdia de Santar vai ser apoiada pelo Município de Nelas

A Câmara de Nelas mantém apoio de 125 mil € à construção do Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia de Santar e faz depender o apoio de mais 125 mil € à celebração de protocolo com a Segurança Social, que permita o acesso ao lar, como nas outras IPSS’S, a pessoas de modesta condição económica e social ou baixos recursos, ou na ausência de protocolo, que pelo menos 25% dos lugares do lar sejam destinados a estas pessoas

Foi  aprovado, no dia 27 de maio, em reunião de Câmara uma proposta efectuada pelo Presidente da Câmara Municipal, que abaixo se transcreve integralmente, no sentido de se manter o apoio já pago em 31 de agosto de 2017 de 125.000€ à Santa Casa da Misericórdia de Santar, para melhoria das suas instalações de Centro de Dia e construção de um Lar de Idosos ou ERPI (Estrutura Residencial Para Idosos), e cumprindo a deliberação de Câmara tomada em março de 2017, no sentido de tal apoio poder ser alargado até 250.000€, fazer depender o pagamento de mais 125.000€ ao acesso ao Lar a pessoas de modesta condição económica e social ou baixos recursos, como acontecerá, caso venha a ser celebrado com a Segurança Social, protocolo de funcionamento como sucede com outras IPSS’s do Concelho de Nelas o que não aconteceu até ao momento, ou, que seja garantido que pelo menos 25% dos lugares do referido Lar estejam acessíveis a pessoas que normalmente podem aceder às IPSS’s, tendo sido esse, considerou a maioria da Câmara, a letra e o espírito, do protocolo celebrado em 2017 com a Misericórdia de Santar.

Passeios na Avenida da Soma requalificados em Santar

Está concluída a construção de passeios na Avenida da Soma, em Santar, obra incluída numa empreitada no montante de 95.908€, designada” Requalificação Urbana do Concelho – Pavimentação de Passeios”, a cargo da empresa “Pavimarca, SA”, e que inclui também a construção e pavimentação com “slurry” dos passeios da Estrada Municipal Moreira/Nelas – 1.ª fase, da Variante da Aguieira e da Rua do Castelão, na Lapa do Lobo, obras acompanhadas pelas respetivas Juntas de Freguesia.

O custo desta empreitada referente aos passeios está integralmente a cargo da Câmara Municipal de Nelas, sendo que neste caso da Avenida da Soma a área é de 2532 m2, a que corresponde na empreitada o valor de 32.180,20€.

Nas restantes obras desta empreitada faltam ainda concluir algumas intervenções, designadamente, em Moreira, Lapa do Lobo e Aguieira, sendo que, nesta última, faltam ainda construir alguns muros de suporte para os respectivos passeios.

Esta infraestrutura rodoviária e os respectivos passeios contribuem para uma melhor acessibilidade e mobilidade, desde logo aos moradores do local e também às empresas que ali desenvolvem a sua actividade, e constitui uma via estruturante para alternativa de trânsito ao centro histórico da Vila.

Foto:MN

José Tomás novo Presidente do Secretariado Regional de Viseu da União das Misericórdias Portuguesa

Recentemente, José Tomás, atual Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Mangualde, foi eleito o novo Presidente do Secretariado Regional de Viseu da União das Misericórdias Portuguesas, para o quadriénio 2020-2023.

Esta foi uma eleição feita entre todos os Provedores das Santas Casas da Misericórdia do distrito de Viseu, face a isso, fazem parte também desta missão ,os Provedores das Misericórdias de Lamego, Castro Daire e Penalva do Castelo.

Por sua vez, José Tomás referiu que:
“Encaro este novo desafio com o sentido de serviço e de missão que é apanágio das Santas Casas da Misericórdia no espírito e na prática das 14 Obras de Misericórdia, sem outros intentos que não sejam contribuir com as minhas competências, saber, empenho e muita disponibilidade para o interesse coletivo das Santas Casas da Misericórdia do distrito de Viseu. É um compromisso sustentado nos valores da Lealdade, da Honestidade e da Frontalidade.
Procurarei sempre o bom entendimento, as parcerias e a cooperação com as demais instituições do nosso Distrito e da nossa Região.
Encaro a presidência deste Secretariado Regional como um desafio simultaneamente difícil e estimulante, ao qual procurarei dar cabal cumprimento das funções definidas pelo Regulamento dos Secretariados Regionais, sendo que, para esse efeito, o trabalho a desenvolver deverá passar por uma maior intervenção social e diplomática junto da União das Misericórdias Portuguesas e de entidades e instituições regionais, dar uma voz coletiva com credibilidade e respeito às Misericórdias, incentivar o trabalho em rede com reuniões participativas e dinâmicas, melhorar a comunicação interna e externa e levar a cabo realizações coletivas no âmbito social e cultural que envolvam todas as misericórdias. Ao Secretariado cessante deixo uma palavra de reconhecimento e agradecimento pelo trabalho desenvolvido nos últimos 8 anos”.
Estas foram as palavras do novo Presidente eleito, após este ato.

fotos :JT

 

Viseu acolhe VI Jornadas das Misericórdias

Como anualmente acontece, num local diferente, as jornadas da Misericórdia vão já na sexta edição, que Viseu acolhe nesta sexta -feira, onde numa organização conjunta entre as Misericórdias de Penalva do Castelo, Santar, Mangualde e Fornos de Algodres.

Será um dia onde se vão debater assuntos importante na vida desta instituições, com temas bastante pertinentes.

Assim os temas a tratar serão: Infância, Família/Sociedade; Misericórdias, Mutualidades e IPSS´S-Estratégias de gestão; A saúde nas organizações sociais; Responsabilidade social e intervenção ativa.

Mais à noite terá lugar um jantar conferência, na Residência Rainha D.Leonor, com a presença de Mota Soares.

Um dia que vai contribuir para melhorar o dia a dia das Misericórdias.

V Jornadas da Misericórdia em Mangualde

jmNesta sexta-feira, as Misericórdias vão debater o interior de Portugal, nas V Jornadas da Misericórdia, que terão lugar no auditório da Biblioteca Municipal de Mangualde, conforme programa .

O tema desta edição é PORTUGAL INTERIOR – UMA GERAÇÃO DEPOIS, SETOR SOCIAL FACTOS DESAFIOS E ESCOLHAS  e irá juntar um vasto leque de oradores, nomeadamente a secretária de Estado, Dr.ª Cláudia Joaquim, o presidente da União das Misericórdias Portuguesas, Dr. Manuel de Lemos, o deputado da Assembleia da Republica, Dr. Mota Soares, o Dr. Jorge Coelho, o Dr. Lobo Xavier.

Entre outros temas, estarão em debate a sociedade, demografia e políticas de população para o interior, os custos da qualidade e modernidade das respostas sociais, a antevisão do financiamento do modelo de apoio social no próximo quarto de século, modelos de resposta social no epicentro do envelhecimento.

 

Conferência “(Re)Visitar as Origens da Terra de Senhorim

confFoi perante uma plateia interessada que decorreu ontem a Conferência “(Re)Visitar as Origens da Terra de Senhorim. Iniciar o Resgate de uma Identidade Milenar ”, apresentada pelo historiador João Ferreira da Fonseca que deu o seu contributo científico num discurso centrado na antiguidade do atual território de Nelas. Numa apresentação cativante e muito bem documentada, foi feita a descrição da história do concelho ao longo dos séculos com primazia para a época medieval que consolidou as fronteiras do antigo “território de Senhorim”.

Esta iniciativa, promovida pela autarquia, decorreu no Paço dos Cunhas com a presença do Presidente da Câmara, do Presidente da Assembleia Municipal e de diversas personalidades do concelho que tiveram possibilidade de levantar questões relativas ao tema abordado.
O Presidente da Câmara no seu discurso de agradecimento referiu que a maior riqueza do território é o seu potencial económico ancestral ligado à produção do vinho e que o Paço dos Cunhas é o exemplo disso mesmo.

Uma nova conferência com este historiador está marcada para dia 27 de maio na Recriação Histórica de Santar com a temática das Inquirições de 1258 pelo rei D. Afonso III.

Por:Mun.Nelas

 

89ºaniversário da celebração da elevação de Santar a Vila

0.1 nelasO dia da 89ª celebração da elevação de Santar a Vila, foi marcado no início por uma cerimónia oficial na sede da Junta de Freguesia. Presidiram à Cerimónia os membros da União das Freguesias de Santar, Presidente e Vice-Presidente do Município de Nelas e Presidente da Assembleia Municipal, que também contou com a presença de diversos dirigentes associativos e de muitos Santarenses nas restantes actividades que mesmo em dia chuvoso quiseram participar na celebração.

O Presidente da Câmara felicitou Santar por mais este aniversário, considerando-se ele próprio um Santarense pela paixão que tem pela terra. Informou os presentes das obras estruturantes previstas, nomeadamente em matéria ambiental com a construção em breve da Etar de Casal Sancho e da Etar de Santar (bem como de uma nova Etar em Moreira) e a conclusão da Rua da Soma em Santar e a primeira fase da construção da Variante de Nelas a Moreira (obras estas por exclusiva iniciativa sua incluídas nas contrapartidas pela não construção da Barragem de Girabolhos). Outro projeto é o do Santar Garden Village (vila jardim e Vinhateira que conta desde o início com o apoio da autarquia, tendo esta feito diligências institucionais com o Governo, a CCDRC e o Turismo De Portugal, que vieram conhecer “in loco” o projeto. Santar vai ter também em breve um Espaço do Cidadão no edifício sede da Junta de Freguesia que está a ser implementado e as obras a terminar já .

Coube à Dra. Sofia Relvas apresentar o projeto CAVES (Centro de Artes do Vinho Espaço de Santar) a ser candidatado até final de Abril ao Programa Valorizar do Turismo de Portugal e que terá um investimento total de cerca de 800 mil euros. A antiga Begoaria, que foi adquirida há mais de uma década pela Junta, vai servir de base ao projeto, uma infraestrutura cultural com o objetivo de promover um território que há muito o merece, aproveitando a dimensão de vila jardim em que ficará intrinsecamente ligado. Está a ser feito um esforço muito grande nos últimos 3 meses para submissão da candidatura, cujo projeto irá contemplar um auditório amovível para diversos espetáculos e eventos, salas de ensaio, enoteca, loja e gabinetes de trabalho. Será um espaço amplo e orgânico que convidará ao convívio, com uma área envolvente multifuncional, num projeto de inclusão de turismo acessível para todos, acolhendo múltiplas actividades das associações mais representativas da Vila.

Na intervenção do Presidente da Junta, Jorge Abreu, este agradeceu o apoio dado pela autarquia e o interesse dos presentes na vinda à cerimónia, informando que já foi gasto muito dinheiro em maquetes de projetos não concretizados, mas que este projeto CAVES é para avançar e ser transformado numa realidade para esta vila histórica e que tudo fará com a Câmara e o seu Presidente para que este projeto arranque em breve.

O Presidente da Câmara reforçou a importância do projeto CAVES como um fator competitivo para a envolvente económica de Santar, apresentando aos presentes a maquete em primeira mão. Informou também do compromisso da Câmara Municipal em relação à capacidade financeira no próximo mandato de implementar este projeto, salientando que tal venha suceder em caso de não aprovação da candidatura com fundos comunitários.

O restante programa previsto realizou-se com mais populares a juntarem-se às comemorações, numa tarde cultural que contou com as atuações do GDCR “Os Santarenses” e dos Brass Band e que terminou num animado lanche convívio.

Por:Mun.Nelas