Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: tibaldinho

Tag Archives: tibaldinho

Mangualde-ETAR de Tibaldinho já está em funcionamento

Uma obra da autoria do Município de Mangualde, contou com o apoio financeiro da União Europeia no valor de 266 880,19€, sendo que o investimento financeiro municipal foi de 97 686,18€.

Nesta inauguração , estiveram presentes, o Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, Elísio Oliveira, o Vice-Presidente Rui Costa e a Vereadora Maria José Coelho, esteve também presente o Presidente da Junta de Freguesia de Alcafache, Nelson Almeida e o seu Secretário Carlos Oliveira.

A ETAR de Tibaldinho, situada na freguesia de Alcafache, que está já em funcionamento. Uma obra suportada pela Câmara Municipal de Mangualde, representa um investimento superior a 362 mil euros e tem como objetivo servir os cerca de 500 habitantes desta aldeia, e ainda desativar as fossas séticas coletivas.

II Encontro Nacional de Produtos Tradicionais certificados em Tibaldinho

0tb1 Realizou-se nesta  sexta feira, o II Encontro Nacional de Produtos Tradicionais certificados em Tibaldinho.

A Adere-Minho  aceitou o desafio do Município de Mangualde, para realizar este II ENCONTRO NACIONAL DE PRODUTOS TRADICIONAIS CERTIFICADOS em Tibaldinho – Alcafache no Município de Mangualde, contou com o Presidente do Município de Mangualde João Azevedo que referiu,  este encontro só fazia sentido se realizar em Tibaldinho, pois foi aqui que nasceu o maior património cultural que precisa ser preservado, promovido e valorizado, que é o Bordado de Tibaldinho que só persistiu no tempo graças à dedicação incondicional das suas artesãs.

Num dia muito produtivo,  com as intervenções valiosas do CEARTE (Luís Rocha e Fernando Gaspar), que fizeram um balanço da certificação d0tibos produtos artesanais não alimentares, e da importância da obtenção da carta de artesão e de UPA.

O produto mais próximo da certificação é o Tapete de Arraiolos de Portugal, que foi devidamente explicado pela Técnica da qualidade da Adere-Minho – Diana Barbosa.

O Vereador do Município de Gondomar – Carlos Brás, falou da Filigrana de Gondomar, da sua importância para economia local e nacional, e por isso é importante certificar para valorizar o produto, e acabar com as “Filigranas falsas”. Foi também apresentado o Caderno de Especificações do Bordado de Tibaldinho (Fernanda Pereira de Mangualde).

A parte da tarde foi dedicada aos produtos alimentares certificados, em que se percebeu como elaborar um Caderno de Especificações (Graça Ramos da Portugal à mão), e a associação FELBA (entidade promotora) explicou como se trata da certificação da Maçã de Esmolfe e da0tib1 Maçã da Beira Alta. Da parte da Estrelacoop trouxeram uma apresentação clara sobre a certificação do Queijo da Serra da Estrela, é importante procurar queijo com selo da certificação.

Deste encontro sai ainda uma nota importante por parte do IPAC:

A certificação de produtos artesanais e tradicionais reforça a identidade nacional, honrando a cultura e o legado do passado, mas compatibilizando-o com os desafios atuais e a necessidade contínua de melhorar e inovar. Só desta forma seremos capazes de manter uma dinâmica de procura que respeite o passado mas seja capaz de satisfazer as necessidades e expectativas do presente, preparando assim um futuro com sustentabilidade.

A certificação destes produtos, quando realizada por uma entidade independente de quem os produz, dá as necessárias garantias de imparcialidade e isenção aos consumidores e regulamentadores, proporcionando ainda (consoante os casos) a possibilidade de registo legal de marca própria e distintiva, impedindo desta forma a concorrência (ilícita) de quem não tem o necessário histórico, tradição ou aptidões para produzir com a qualidade desejada os produtos certificados.

A certificação é também uma atividade indispensável quando é necessário separar o trigo do joio, ou seja, defender e assegurar a qualidade e consistência do produto, de modo a que o seu bom nome e reputação sejam protegidos, enaltecidos e reconhecidos de forma sistemática e imediata pelos consumidores. A ausência de uma certificação competente proporciona um ambiente em que a competição se faz apenas pelo preço, e não respeitando um nível de qualidade mínimo, o que inevitavelmente produzirá uma perca contínua de qualidade e o consequente desinteresse dos consumidores por um produto de qualidade incerta, decrescente e variável.

Finalizou este encontro o Sr. Vereador de Mangualde Dr. João Lopes, que agradeceu o facto de Adere-Minho ter aceite realizar um encontro desta importância e dimensão numa Freguesia com tanto histórico cultural na área do artesanato.

Por:Adere-Minho

Inaugurada artéria principal remodelada em Tibaldinho

0.tiba  Foram inauguradas neste domingo, 22 de maio, as obras de requalificação do principal atravessamento urbano da povoação de Tibaldinho, Alcafache. Na cerimónia marcou presença o Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, o Presidente da Junta de Alcafache, Nelson Almeida e vários populares.

Este investimento da autarquia mangualdense, foi aproximadamente 85 mil euros, responde assim à necessidade de reduzir a velocidade do tráfego de passagem e de melhorar as condições de conforto e condições de segurança de todos os utentes da via.  Para o edil mangualdense ‘este trata-se de um importante investimento naquilo que consideramos ser um dos desígnios dos próximos anos na estratégia de desenvolvimento do concelho: regeneração urbana para o melhoramento das condições de conforto e segurança dos mangualdenses’.

As obras de requalificação contemplaram o nivelamento das circulações pedonais e rodoviárias, demarcando-as pela aplicação de diferentes texturas de materiais, limitando a faixa de rodagem à largura de 4.00 m, obrigando a adoção de comp0obrasortamentos de “cortesia” no cruzamento de viaturas, sendo que a zona destinada à circulação pedonal poderá ser utilizada para mitigar a escassez de largura no caso de cruzamento com viaturas de dimensões superiores, no caso particular dos pesados de passageiros.

Por:Mun.Mangualde

 

 

Regeneração Urbana em Tibaldinho, Alcafache

INVESTIMENTO DE CERCA DE 85 MIL EUROS NA REQUALIFICAÇÃO DO ATRAVESSAMENTO URBANO DA POVOAÇÃO

unnamedA Câmara Municipal de Mangualde iniciou as obras de requalificação do principal atravessamento urbano da povoação de Tibaldinho, Alcafache. Este investimento, de aproximadamente 85 mil euros, vem assim responder à necessidade de reduzir a velocidade do tráfego de passagem e de melhorar as condições de conforto e condições de segurança de todos os utentes da via. João Azevedo, Presidente da autarquia, explica que «este trata-se de um importante investimento naquilo que consideramos ser um dos desígnios dos próximos anos na estratégia de desenvolvimento do concelho: regeneração urbana para o melhoramento das condições de conforto e segurança dos mangualdenses».

As obras de requalificação vão privilegiar o nivelamento das circulações pedonais e rodoviárias, demarcando-as pela aplicação de diferentes texturas de materiais, limitando a faixa de rodagem à largura de 4.00 m, obrigando a adoção de comportamentos de “cortesia” no cruzamento de viaturas, sendo que a zona destinada à circulação pedonal poderá ser utilizada para mitigar a escassez de largura no caso de cruzamento com viaturas de dimensões superiores, no caso particular dos pesados de passageiros.

 TRÂNSITO CONDICIONADO: VIAS ALTERNATIVAS SINALIZADAS

A execução da obra tem uma duração prevista de 90 dias e condicionará o trânsito na zona, que será efetuado por vias alternativas, devidamente sinalizadas. A autarquia agradece a compreensão de todos.

Por:Mun.Mangualde

Bordados de Tibaldinho ensinados em horário pós-laboral

Curso decorre até 26 de junho

     A Câmara Municipal de Mangualde, em
parceria com o CEARTE – Centro de Formação Profissional do Artesanato e a Junta
de Freguesia de Alcafache, promove mais um curso de “Pontos Bordados
Tradicionais/ Bordados de Tibaldinho – Acabamento de Peças “. O novo curso teve inicio na segunda -feira, 15 de junho e decorre até dia 26 de junho, em regime
pós-laboral, das 19h00 às 23h00, na sede da Sociedade da Banda Filarmónica de
Tibaldinho, em Tibaldinho.

   As 17 formandas, provenientes de
diferentes localidades, aderiram à iniciativa que contou, na sua sessão de
abertura, com a presença do Técnico Ulisses Monteiro do CEARTE e do Presidente
da Junta de Freguesia de Alcafache, Nelson Almeida.

   Esta formação é dinamizada pela
conhecida bordadeira Cidália Rodrigues e pretende manter viva a tradição desta
arte. A iniciativa tem por objetivo preservar, promover e valorizar este
património cultural que constitui parte da identidade mangualdense. Este curso
é frequentado por desempregados, artesãos ativos e outros profissionais com
interesse nesta área.

   Na sessão de abertura, o Presidente da
Junta de Freguesia de Alcafache frisou a importância da parceria estabelecida
com o Município de Mangualde ao colaborarem com este tipo de iniciativas, em
prol do desenvolvimento dos produtos endógenos do Concelho.
Por :Mun. Mangualde 

BORDADOS DE TIBALDINHO: um hino à tradição

Terminou,
no dia 1 de abril, mais uma edição do curso de “Pontos Bordados
Tradicionais/ Bordados de Tibaldinho”. A iniciativa promovida pela
Câmara Municipal de Mangualde, em parceria com o CEARTE – Centro de
Formação Profissional do Artesanato e a Junta de Freguesia de Alcafache,
decorreu na sede da Sociedade da Banda Filarmónica de Tibaldinho e
contou com a participação de 24 formandas, provenientes de diferentes
localidades.

 De
forma a encerrar a iniciativa foi organizada uma exposição com os
trabalhos feitos pelas formandas. A Vereadora da Ação Social da Câmara
Municipal de Mangualde, Maria José Coelho, esteve presente no
encerramento, onde elogiou os trabalhos apresentados e salientou a
‘importância de manter viva esta arte como fator de identidade local’.
Maria José Coelho aproveitou a oportunidade e agradeceu a colaboração de
todos e todas que participaram e contribuíram para realização de mais
uma edição deste curso que é um hino à tradição.
 Enquadrado
nas Unidades de Formação de Curta Duração (UFCD) tem como objetivo
manter viva a confeção dos bordados de Tibaldinho, preservando,
promovendo e valorizando este património cultural que constitui parte da
identidade mangualdense e é dirigido a desempregados, artesãos ativos e
outros profissionais com interesse nesta área. Este curso está a ser
ministrado pela bordadeira Cidália Rodrigues que continua com o seu
saber a manter viva a confeção dos bordados de Tibaldinho.