Início » Tag Archives: Turismo Centro de Portugal

Tag Archives: Turismo Centro de Portugal

Rita Marques visitou projetos turísticos em Góis, Piódão e Belmonte

A Secretária de Estado do Turismo, Comércio e Serviços, Rita Marques, visitou ontem os municípios de Góis, Arganil e Belmonte, no Centro de Portugal, onde ficou a conhecer alguns projetos realizados no âmbito do programa Valorizar – Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior. A visita foi acompanhada por uma equipa do Turismo Centro de Portugal, liderada pelo seu presidente, Pedro Machado.

O dia começou com uma sessão nos Paços do Concelho de Góis, onde Rui Sampaio, presidente do município, deu a conhecer alguns dos projetos em curso ou previstos para o território. Seguiu-se uma visita ao Parque de Lazer do Baião, local onde será implantado o Centro de BTT / Centro Cyclin’Portugal de Góis.

A Aldeia Histórica do Piódão, no concelho de Arganil, foi o segundo destino da deslocação. Aqui, a Secretária de Estado presidiu à inauguração da requalificação do Largo Cónego Manuel Fernandes Nogueira e da reabilitação do edifício do Posto de Turismo. Os trabalhos de requalificação do Largo Cónego Manuel Fernandes Nogueira transformaram a principal porta de entrada da aldeia num espaço mais ordenado e acessível, tendo sido vedado estacionamento automóvel. A cerimónia contou com intervenções do presidente da Câmara Municipal de Arganil, Luís Paulo Costa, e do presidente da Junta de Freguesia de Piódão, José Lopes, além de Pedro Machado e Rita Marques.

A terminar o dia, a comitiva deslocou-se a Belmonte, onde foi recebida pelo presidente da Câmara, António Dias Rocha, e onde apadrinhou a inauguração oficial do Welcome Center do município, situado no edifício dos antigos Paços do Concelho, no Largo do Pelourinho. Neste novo espaço, muito funcional, foi também inaugurada a exposição fotográfica “9 OLHARES”, organizada pela Associação Estrela Geopark e que mostra diferentes perspetivas do território da Serra da Estrela.

Em jeito de balanço, Pedro Machado considerou esta visita “particularmente útil, uma vez que serviu para dar a conhecer valências turísticas dos territórios do interior, essenciais para continuarmos a estruturar novos produtos turísticos”. “É de realçar o papel fundamental que os municípios têm neste processo, nomeadamente na recuperação do património e do espaço público, em conjunto com as entidades públicas e privadas”, acrescentou.

AR&PA – Bienal Ibérica de Património Cultural até domingo

Turismo Centro de Portugal (TCP) está a participar na 13.ª edição da AR&PA – Bienal Ibérica de Património Cultural, que decorre até domingo, dia 13, em Valladolid, Espanha.

A AR&PA é um certame de referência no âmbito da divulgação e promoção do Património Cultural da Península Ibérica, que se realiza todos os anos em locais de Espanha ou Portugal, de forma alternada. No ano passado, teve lugar em Leiria.

Participam no evento empresas privadas, associações e fundações, além de entidades públicas. Durante os quatro dias de bienal, decorrem múltiplas iniciativas, como fóruns, conferências, reuniões e congressos, e promovem-se encontros e debates entre os vários agentes do setor. A AR&PA constitui assim um ponto de encontro obrigatório para profissionais e instituições dedicadas ao Património Cultural.

A edição de 2022 destaca-se pela aplicação das novas tecnologias como instrumentos de diagnóstico e intervenção no património cultural, ajudando à sua caracterização e tornando-o mais acessível.

O espaço expositivo ocupado pela Turismo Centro de Portugal privilegia a informação transmitida em formato digital, através de suportes de comunicação de grande formato. Privilegia-se, igualmente, o suporte digital de materiais promocionais, cujo acesso é efetuado via QRcode. Desta forma, a TCP responde ao apelo da organização, que desafiou as entidades a terem presenças mais tecnológicas, inovadoras e versáteis, contribuindo para um certame mais sustentável.

A AR&PA pode ser visitada no Centro Cultural Miguel Delibes, em Valladolid, até 13 de novembro, das 10h00 às 20h00.

Festival ART&TUR levou ao Centro de Portugal os melhores filmes de turismo que se produzem no Mundo

Os vencedores da 15.ª edição do ART&TUR – Festival Internacional de Cinema de Turismo foram conhecidos , numa gala de entrega de prémios que teve como palco o Teatro Municipal de Ourém, cidade onde decorreu o festival, de 25 a 28 de outubro.

O Festival ART&TUR é um evento de grande importância no panorama internacional dos festivais de cinema de turismo, atraindo todos os anos os melhores filmes promocionais e documentários sobre turismo, nacionais e internacionais que se produzem no mundo. As últimas cinco edições do festival realizaram-se no Centro de Portugal, nomeadamente em Leiria, Torres Vedras, Viseu, Aveiro e, agora, Ourém. O ART&TUR integra a rede mundial do CIFFT – Comité Internacional dos Festivais de Filmes de Turismo, que elege anualmente o melhor filme de turismo a nível mundial, entre todos os filmes que percorrem o circuito internacional de 14 festivais. Alexander Kammel e Hugo Marcos, respetivamente diretor e secretário-geral do CIFFT, estiveram presentes na gala. Ler Mais »

Turismo Centro de Portugal vence eleição de melhor região de turismo nacional

Foto:TCP

Turismo Centro de Portugal manifesta pesar pelo incêndio na Serra da Estrela

O Centro de Portugal está novamente a sofrer com o flagelo dos fogos florestais. Cinco anos depois da tragédia que se abateu sobre grande parte da região, o pesadelo dos incêndios atingiu este verão de novo os territórios do Centro de Portugal, devastando nos últimos dias a área protegida mais extensa de Portugal: a nossa magnífica Serra da Estrela.
A Entidade Regional de Turismo do Centro de Portugal manifesta a sua solidariedade para com todos aqueles que sofreram danos pessoais e materiais nos inclementes fogos deste verão e lamenta profundamente que um ecossistema tão sensível como o da Serra da Estrela tenha sido tão duramente atingido. Sabendo que há locais da Serra que dificilmente voltarão a ser o que eram, temos a certeza de que com o esforço de todos o Parque Natural vai reerguer-se e continuar a ser o destino turístico de excelência que sempre foi.
Enviamos também um abraço solidário a todos os municípios e empresários afetados. O esforço de recuperação vai exigir o empenho sobre-humano de todos. Os municípios e empresários sabem que podem contar com todo o apoio da Turismo Centro de Portugal nesta tarefa tão árdua.
Finalmente, endereçamos as maiores palavras de louvor aos nossos bravos bombeiros e serviços de proteção civil, que, perante uma situação tão adversa, voltaram a mostrar a fibra de heróis que reconhecidamente são. Sabemos que todos os portugueses se juntam a nós nesta mensagem de solidariedade.
A todos os turistas e visitantes, a Turismo Centro de Portugal pede que redobrem a atenção nos seus comportamentos, evitando os de risco, em especial numa altura tão delicada. Tenha sempre em atenção as previsões meteorológicas, que apontam para eventuais riscos de incêndios; saiba que incêndios se encontram ativos no país; tome nota das medidas de auto-segurança a adotar e os comportamentos responsáveis a seguir; e confirme a realização ou não de eventos ligados à natureza durante os períodos mais quentes do ano. Desta forma, estará a ajudar o Centro de Portugal a continuar verde e seguro

Turismo do Centro de Portugal reuniu em Assembleia Geral

A Entidade Regional de Turismo do Centro de Portugal (TCP) reuniu-se hoje em Assembleia Geral (AG) ordinária, que teve como pontos principais a apresentação do Plano de Atividades e do Orçamento de 2023, entre outros assuntos.

A reunião decorreu no Teatro-Cine de Pombal, tendo os participantes aprovado por unanimidade e/ou maioria todos os pontos da ordem de trabalhos. A Assembleia Geral foi dirigida por Leopoldo Rodrigues, presidente do município de Castelo Branco, e secretariada por Francisco Veiga, vice-presidente da Câmara Municipal de Coimbra.

Depois de Pedro Pimpão, presidente da Câmara Municipal de Pombal, ter dado as boas-vindas aos participantes, Pedro Machado, presidente da TCP, informou os parceiros presentes que a Turismo Centro de Portugal é o destino nacional convidado da BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa 2023, uma distinção que disse ser “um ponto alto” na estratégia da entidade. Pedro Machado sublinhou também as ambições para o ano de 2023, nomeadamente conseguir que a região cresça na procura turística acima dos resultados de 2019, ano referência até agora, e que reforce a sua presença nos 28 mercados internacionais emissores de visitantes.

Seguiu-se a apresentação das linhas gerais do Programa Regional de Ecoturismo da Região Centro de Portugal. Este é um projeto liderado pelo TCP e que se encontra na fase de recrutamento dos vários intervenientes. O programa pretende sistematizar os casos de sucesso e boas práticas na estruturação de programas ecoturísticos, assim como identificar os principais ativos turísticos a este nível.

Nos momentos seguintes da ordem de trabalhos, a AG apreciou e aprovou a Revisão Orçamental n.º 2/2022 e o Plano de Atividades de 2023, bem como o Orçamento e o Mapa de Pessoal do próximo ano.

A terminar, foi também aprovada a adesão da TCP à “Cortiçada Art Fest – Laboratório para a Gestão Integrada de Arte na Paisagem”, associação de direito privado sem fins lucrativos, cujo trabalho em prol da arte nos territórios da região foi enaltecido por Carlos Miranda, presidente da Câmara Municipal da Sertã.

Campanhas da região Centro de Portugal vencem seis troféus nos Prémios Lusófonos da Criatividade

Duas produções da região Centro de Portugal foram ontem distinguidas nos Prémios Lusófonos da Criatividade, num evento que decorreu em Lisboa. Trata-se das campanhas promocionais “Centro de Portugal, Um Destino e Tanto”, da Turismo Centro de Portugal, e “A Um Palmo do Céu”, que junta três municípios da região. Ambas as campanhas têm a assinatura da Lobby Productions, empresa com raízes na Covilhã.
 

 

 

 

A campanha “Centro de Portugal, Um Destino e Tanto” venceu três galardões, todos de bronze, nas categorias “Digital – Branded Content na Web”, “Digital – Filme para Web” e “Produção – Melhor Edição”. Recorde-se que esta ação promocional foi apresentada a 31 de maio, pelo que estas são as primeiras distinções que recebe. A campanha criativa, presente em múltiplas plataformas e formatos, mostra aos visitantes que o Centro de Portugal é a região turística nacional com mais diversidade, onde há sempre tanto para descobrir.

Pode ver o filme “Centro de Portugal, Um Destino e Tanto” nesta ligação: https://bit.ly/3PrhYZH.
A campanha “A Um Palmo do Céu” recebeu também três prémios: bronze na categoria “Digital – Filme para Web” e prata nas categorias “Produção – Copywriting” e “Produção – Filme Web”. Esta é uma campanha promocional realizada no âmbito do projeto em rede “Portas do Céu”, que junta os municípios de Pampilhosa da Serra, Góis e Arganil. O mote é promover o céu certificado deste território, onde se pode “passar uma noite, em silêncio, coberto por um manto de estrelas”. O filme está disponível nesta ligação: https://bit.ly/3aTJzE5.

Para Pedro Machado, presidente da Turismo Centro de Portugal, “estes prémios agora recebidos são particularmente relevantes, se tivermos em conta que em competição estavam campanhas criativas de marcas tão fortes como a EDP, a Compal, a Pepsi, a Fiat, a Mini ou a Dove. Juntamente com outras distinções que esta entidade tem recebido nos últimos anos, nas mais diversas áreas, estes prémios comprovam que o caminho que temos feito na promoção e na comunicação da marca ‘Centro de Portugal’ é o mais correto e está em linha com as novas tendências”.

Os consumidores de hoje já não se deixam impactar pelas campanhas ditas tradicionais, sentindo-se antes atraídos por destinos humanizados, que contam a sua história, das pessoas que neles habitam e das suas paisagens. É isso que temos procurado fazer na Turismo Centro de Portugal: tocar as pessoas com a nossa mensagem, com a nossa marca, para que se sintam impelidos a vir e a viver o Centro de Portugal”, acrescenta Pedro Machado.

O realizador Telmo Martins, da Lobby Productions, destaca que “é muito fácil apaixonarmo-nos pela região Centro de Portugal e isso torna possível conseguirmos colocar também todo o nosso amor em projetos que tenham como objetivo promover esta região. ‘Um Destino e Tanto’ e ‘A um Palmo do Céu’ são filmes que transbordam amor. Amor pelo território, pelas pessoas, pelas experiências que ficam na nossa memória e coração e sobretudo pela vida. O turismo é isto, a criação de memórias boas e o encontro com momentos únicos de felicidade”.

“Estes prémios, conseguidos no maior festival do mundo com criatividade em Português, orgulham muito a Lobby e a mim enquanto realizador, e mesmo não sendo este o principal objetivo dos trabalhos, é sempre muito feliz sentir que o júri, composto pelos maiores profissionais da área, sentiram nos filmes o que era suposto sentirem e viram a qualidade pela qual sempre nos pautamos. De sublinhar que trabalhos como estes só são possíveis quando a marca quer também ser diferente, única, e gosta de arriscar, e isso é incrível e faz toda a diferença”, diz ainda o autor da campanha.

Os Prémios Lusófonos da Criatividade são um festival internacional sediado em Portugal, que premeia e homenageia os mercados publicitários e de comunicação dos países de língua oficial portuguesa. Já com nove anos de existência, o festival decorre durante todo o ano, sendo que cada edição anual é composta por três edições quadrimestrais.

Saiba mais sobre a campanha “Centro de Portugal, um Destino e Tanto” em https://turismodocentro.pt/artigo/centro-de-portugal-um-destino-e-tanto.

Turismo Centro de Portugal em destaque na FIL

Turismo do Centro de Portugal (TCP) foi a grande protagonista da cerimónia oficial de entrega dos prémios Bolsa de Turismo de Lisboa – BTL 2022, que decorreu na FIL, Feira Internacional de Lisboa, e que distinguiu as melhores participações da edição deste ano. A TCP venceu um dos prémios mais importantes referentes à edição de 2022 e o Centro de Portugal foi anunciado como destino convidado da edição de 2023.

A TCP foi a grande vencedora do Prémio Stand Profissional Nacional, atribuído por um júri independente, constituído pelos jornalistas Carina Monteiro, da TNews, Inês Gromicho, da Ambitur Profissionais, e Victor Jorge, do Publituris. De frisar também que a Comunidade Intermunicipal de Coimbra recebeu uma Menção Honrosa na categoria “Criatividade”.

No momento de receber o prémio, Pedro Machado, presidente da TCP, dedicou-o a todas as entidades que trabalham no setor público regional, assim como o Turismo de Portugal, a Secretaria de Estado do Turismo, Comércio e Serviços e os municípios. Este prémio é uma singela homenagem àqueles que constroem diariamente os destinos regionais e motiva-nos a fazer ainda mais no futuro, para que 2023 seja ainda um ano melhor do que foi 2022, sublinhou.

Depois da entrega dos vários prémios, foram anunciadas as novidades que traz a edição do próximo ano. Mais uma vez, a região Centro esteve em destaque: a cidade de Aveiro foi anunciada como Município Convidado e o Centro de Portugal como Destino Convidado da BTL 2023.

Na ocasião, José Ribau Esteves, presidente da Câmara Municipal de Aveiro, realçou que “Aveiro tem muito gosto em assumir este compromisso e irá surpreender na BTL 2023, num trabalho que faremos em equipa com a nossa região de turismo, num contributo conjunto de sermos melhor Portugal e melhor Aveiro”. Ribau Esteves recordou também que este desafio surge numa altura em que Aveiro é candidata a Capital Europeia da Cultura em 2027, “uma caminhada em que estamos muito determinados em ter sucesso, numa saudável disputa com Braga, Évora e Ponta Delgada”. “A Europa nos tempos modernos não se defende pelas armas, defende-se pela cultura. Estamos muito investidos em apostar na Cultura, uma indústria da paz que aproxima as pessoas. Quanto mais próximos estivermos uns dos outros, mas perto estaremos da paz”, justificou.

Pedro Machado frisou que é com muito gosto que a TCP partilha esta parceria estratégica com a BTL, particularmente num ano que será dedicado a retomar a confiança no turismo para as nossas regiões e para Portugal. Temos o compromisso de querermos tornar 2023 num ano de consagração da retoma do crescimento, da retoma da confiança dos consumidores e da retoma da indústria do turismo”. “Cada um dos nossos sete destinos regionais acrescenta valor à marca Portugal. A sua soma representa sempre mais do que o valor individual de cada uma”, lembrou, destacando a importância que a BTL tem para as empresas: “Uma BTL forte significa que as nossas empresas e os nossos destinos regionais ficam mais fortes”.

Portugal Rowing Tour com apresentação em Tábua

O Portugal Rowing Tour é um evento anual de remo de lazer, que atrai a Portugal remadores de várias nacionalidades. É organizado desde 2008 pelo Ginásio Clube Figueirense, com o apoio do Turismo Centro de Portugal. Durante vários dias, os participantes aliam a prática do remo ao convívio e à descoberta do património natural e cultural da região onde o circuito acontece. Este ano, o Portugal Rowing Tour irá realizar-se em várias localidades banhadas pelo Rio Mondego. O Turismo Centro de Portugal e o Ginásio Clube Figueirense realizam a apresentação da edição de 2022 do Portugal Rowing Tour.

Os pormenores do evento serão conhecidos na conferência de imprensa, que se realiza no Luna Hotel de Tábua (Rua Prof. Dr. Caeiro da Matta, Tábua), e que contará com intervenções de Ricardo Cruz, presidente da Câmara Municipal de Tábua, Joaquim de Sousa, presidente da Assembleia Geral do Ginásio Clube Figueirense e Pedro Machado, presidente do Turismo Centro de Portugal.

Secretária de Estado do Turismo e Presidente da Câmara de Figueira de Castelo Rodrigo entregam prémio “Best Tourism Villages” à população de Castelo Rodrigo

A Secretária de Estado do Turismo, Comércio e Serviços, Rita Marques, efetuou hoje uma visita a territórios de dois municípios do Centro de Portugal, onde ficou a conhecer alguns projetos turísticos pensados para a região. A visita foi acompanhada por uma equipa do Turismo Centro de Portugal, liderada pelo seu presidente, Pedro Machado, e pelo presidente da Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela, Luís Tadeu.

Antes de começar o dia, a comitiva pernoitou no alojamento “Colmeal Countryside Hotel”, no município de Figueira de Castelo Rodrigo. Esta é uma unidade hoteleira criada numa aldeia anteriormente abandonada, em plena Serra da Marofa, e que foi construída com os materiais da região, xisto e cortiça.

A manhã começou com uma visita ao cais de Barca D’Alva, também no concelho de Figueira de Castelo Rodrigo. A visita foi acompanhada por Carlos Condesso, presidente do município, e por Inácio Ribeiro, vice-presidente do Turismo do Porto e Norte. Por ser a única localidade da região Centro de Portugal banhada pelo rio Douro, Barca D’Alva dispõe de condições privilegiadas para o aproveitamento turístico, como a comitiva testemunhou na visita ao local.

Seguiu-se uma visita à Aldeia Histórica de Castelo Rodrigo, onde aconteceram dois momentos institucionais no Palácio de Cristóvão de Moura. O primeiro foi a entrega à população de Castelo Rodrigo do prémio Best Tourism Villages, que foi atribuído pela Organização Mundial de Turismo a Castelo Rodrigo, distinguindo-a como uma das melhores aldeias turísticas do Mundo. A autarquia aproveitou a deslocação de hoje para a Secretária de Estado entregar o prémio à população.
Para Carlos Condesso, autarca de Figueira de Castelo Rodrigo, esta entrega do prémio à população da Aldeia Histórica “é mais do que justa, pois são eles, juntamente com quem cá investe, os maiores obreiros deste prémio, e é com eles que deve ficar”. O Presidente da Câmara fez questão de referir que este trabalho não tem um rosto apenas, tem uma população inteira que merece ser lembrada pelo poder central. Carlos Condesso terminou dizendo que “temos tudo, património edificado, cultural e paisagístico, só falta que existam mais investimentos a pensar no futuro, captando mais fluxos turísticos e fixando mais gente”.
O segundo momento consistiu na apresentação de algumas iniciativas em curso nas Aldeias Históricas de Portugal, por Dalila Dias, coordenadora da Associação das Aldeias Históricas de Portugal. A cerimónia contou também com a presença de Carlos Ascensão, presidente das Aldeias Históricas de Portugal.

Depois, a comitiva deslocou-se à cidade de Pinhel, para o lançamento do Concurso REVIVE da Casa Grande. A sessão teve lugar no átrio do edifício a concessionar, que data da primeira metade do século XVIII, estando também presentes a vice-presidente do Turismo de Portugal, Teresa Monteiro, e o presidente da Câmara Municipal de Pinhel, Rui Ventura.

Na sequência da apresentação, foi enviado também hoje, para publicação em Diário da República, o anúncio do concurso para a concessão deste edifício histórico, um dos edifícios mais emblemáticos do centro histórico de Pinhel, tendo em vista a sua exploração com fins turísticos, ao abrigo do Programa REVIVE.

Para Pedro Machado, esta visita da Secretário de Estado do Turismo inscreve-se na estratégia de valorização do produto e de dinamização do território do Centro de Portugal, que é uma preocupação central da Turismo Centro de Portugal. Simultaneamente, esta deslocação teve também o intuito de ilustrar a importância de disponibilizar patrimónios edificados para a atividade turística, como forma de animação dos núcleos urbanos. É o que sucede com a Casa Grande de Pinhel”. “Todos os objetivos da visita foram cumpridos e saímos daqui