Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: uls

Tag Archives: uls

António Lacerda Sales visitou Hospital Sousa Martins

Nesta quarta-feira, António Lacerda Sales, Secretário de Estado Adjunto da Saúde visitou o Conselho de Administração da ULS da Guarda acompanhado pelo Coordenador de Combate ao novo coronavírus na Zona Centro, João Paulo Rebelo, também Secretário de Estado da Juventude e Desporto.
Os dois governantes realizaram uma visita pelas as instalações do Hospital Sousa Martins, nomeadamente ao Pavilhão Cinco que acolherá o Departamento da Saúde da Mulher e da Criança.
O Secretário de Estado Adjunto da Saúde deixou palavras de gratidão a todos os profissionais da ULSG que ficaram registadas no Livro de Honra da instituição.

Número de vagas para médicos recém-especialistas para a ULS da Guarda questionadas pelo CDS

CDS questiona Ministra e contesta número de vagas para médicos recém-especialistas para a ULS da Guarda

Os deputados do CDS-PP João Rebelo e Ana Rita Bessa querem saber se a Ministra da Saúde considera suficiente o número de vagas abertas no recente procedimento concursal para médicos recém-especialistas, para a Unidade Local de Saúde (ULS) da Guarda e se está em condições de garantir que a qualidade e acesso da população aos cuidados de saúde não está posta em causa.

Na pergunta, os deputados do CDS-PP querem também saber quando serão abertas vagas para a ULS da Guarda para as especialidades de Anestesiologia, Anatomia Patológica, Gastrenterologia, Medicina Interna, Neurologia, Oftalmologia, Otorrinolaringologia, Patologia Clínica, Pneumologia, Psiquiatria e Radiologia e se a Ministra não considera que a decisão de atribuir à ULS da Guarda apenas seis das 57 vagas abertas para a Região Centro contraria a propalada aposta deste Governo no combate à interioridade e à desertificação do interior.

No mais recente procedimento concursal para médicos recém-especialistas, das 57 vagas para a Região Centro apenas seis são atribuídas à Unidade Local de Saúde (ULS) da Guarda, nomeadamente em Cardiologia, Cirurgia Geral, Ginecologia/Obstetrícia, Ortopedia, Pediatria e Saúde Pública.

O CDS-PP já por várias vezes alertou e questionou a tutela sobre as carências existentes no Hospital Sousa Martins – que são, aliás, do conhecimento público – ao nível de especialidades médicas e do quadro de pessoal de enfermagem.

As vagas agora abertas, além de não serem suficientes para cobrir as necessidades em Cardiologia, Ortopedia e Cirurgia Geral, deixam de fora outras especialidades deficitárias, como é o caso de Anestesiologia, Anatomia Patológica, Gastrenterologia, Medicina Interna, Neurologia, Oftalmologia, Otorrinolaringologia, Patologia Clínica, Pneumologia, Psiquiatria e Radiologia, e impedem que os médicos que terminaram a sua especialidade em Medicina Interna e Psiquiatria na ULS da Guarda continuem no Hospital Sousa Martins, mesmo que assim o desejem.

O presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos manifestou já, em comunicado, a sua preocupação e considerou ser «incompreensível o atual mapa de vagas para o Hospital Sousa Martins, na Guarda, pois estamos perante áreas hospitalares já bastante penalizadas nesta região do interior», que «enfrentam dificuldades com especial complexidade, pelo que é urgente autorizar a contratação de médicos para estas áreas carenciadas».

O comunicado da SRCOM refere mesmo que «a grave carência de recursos humanos no Hospital Sousa Martins pode, a curto prazo, colocar em causa a qualidade dos serviços de saúde prestados, bem como a resposta nalgumas valências fundamentais».

Face a este desinteresse do Governo pela saúde no distrito da Guarda, acentuado pela recente suborçamentação da ULS no Orçamento do Estado para 2019, o CDS-PP manifesta a sua preocupação sobre o futuro do Hospital Sousa Martins, temendo que esteja em causa o acesso da população a cuidados de saúde. O esvaziamento do Hospital Sousa Martins, e eventual colapso desta unidade hospitalar, seria uma fortíssima machadada numa das regiões do interior mais penalizadas.

O CDS-PP considera que esta situação é grave, sendo por isso fundamental obter esclarecimentos urgentes por parte da Senhora Ministra da Saúde.

 

 

ULS Guarda cede espaços a instituições

A Administração da Unidade Local de Saúde da Guarda
disponibilizou dois espaços no edifício sede – no Parque de Saúde da
Guarda – destinados à instalação e funcionamento da Liga dos Amigos da
ULS da Guarda e da extensão da Guarda do Movimento Vencer e Viver (Liga
Portuguesa Contra o Cancro). A ULS Guarda pretende assim dar melhores
condições para o desenvolvimento das atividades destes organismos.
fonte:o interior

ULS da Guarda já recebeu os pisos zero e menos dois do novo pavilhão do hospital

Fonte: Jornal O Interior

 

O
Presidente do Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde da
Guarda, garante que as datas da entrega das obras do novo pavilhão do
hospital estão a ser cumpridas.
O
Conselho de Administração da ULS da Guarda já recebeu os pisos zero e
menos dois do novo pavilhão do hospital da cidade, e em breve deverá
receber o menos um, onde vão ficar os estacionamentos. O anúncio foi
feito aos jornalistas pelo Presidente da ULS, Vasco Lino, que
acrescentou ainda que o calendário está a ser cumprido, no que diz
respeito à entrega em definitivo da obra. Vasco Lino explicou que o piso
menos dois, só pode ser aberto quando o menos um, também estiver em
funcionamento. Os dois pisos vão ser apenas de estacionamento, que vai
ser pago, faltando definir se a concessão será feita por alguma empresa
ou se será a ULS a explorar o parque. O Presidente do Conselho de
Administração lamenta ainda, que a segunda fase da empreitada tenha
ficado pelo caminho, mas diz que já houve reuniões com várias entidades
no sentido de ser dada utilidade a alguns edifícios, sem esquecer também
o projeto do bioclimatismo, que ainda pode ser executado. No entanto, o
grande problema agora, parece estar relacionado com a falta de
equipamento para que o novo pavilhão do hospital da Guarda comece depois
a funcionar.