Templates by BIGtheme NET
Início » Nelas » UNIVERSIDADE SÉNIOR DE FORNOS DE ALGODRES – Um campo de saberes ao serviço das pessoas – ano letivo 2011/12

UNIVERSIDADE SÉNIOR DE FORNOS DE ALGODRES – Um campo de saberes ao serviço das pessoas – ano letivo 2011/12

 

 Ano Letivo 2011/2012
A Câmara Municipal de Fornos de Algodres em parceria com a Associação de Promoção Social, Cultural e Desportiva de Fornos de Algodres (APSCDFA) organizam mais um ano letivo (2011/2012) da UNIVERSIDADE SÉNIOR de FORNOS DE ALGODRES para pessoas com idade superior a 50 anos.

Envolvendo um programa multifacetado de actividades, esta iniciativa tem-se saldado num êxito e é aplaudida pelos participantes que partilham experiências, adquirem conhecimentos, aprendem hábitos saudáveis de vida, são estimulados à prática do desporto e do lazer e valorizam as suas capacidade.
A UNIVERSIDADE SÉNIOR de Fornos de Algodres tem previstas para o próximo ano lectivo aulas de :
– Ambiente
– Cidadania
– Cuidados Alimentares
– Cuidados de Saúde Primários
– Dança
– Fotografia
– Ginástica
-Hidroginástica
– Informática
– Línguas estrangeiras (Francês, Inglês)
– Linguagem e Comunicação (Português)
Estão programados Ateliers (Oficinas), passeios e viagens culturais, intercâmbio com outras instituições, organização de workshops temáticos.
As inscrições podem ser feitas até final de Setembro na Câmara Municipal de Fornos de Algodres (telef. 271 700 060), Juntas de Freguesia e  sede da Universidade  Sénior ( telef. 271 701 335)
O Presidente do Município de Fornos de Algodres, José Miranda, comenta, a propósito desta iniciativa, que “ num concelho onde é manifesta a interioridade e o despovoamento, a valorização das pessoas constitui uma das prioridades da autarquia que nelas aposta, pese embora as dificuldades conjunturais, numa perspectiva de que são de facto as pessoas que são o maior património que o concelho de Fornos de Algodres possui”.
Sublinha que “a Universidade Sénior proporciona a continuação do enriquecimento cívico, cultural, tecnológico e do saber em geral numa região distante dos grande centros urbanos , mas onde existe vontade e alegria em partilhar e aprender saudavelmente, sobretudo neste escalão etário onde as experiências de vida são marcantes”.
José Miranda encara esta actividade como “ uma forma de proporcionar melhor qualidade de vida aos munícipes, proporcionar o convívio e o intercâmbio de vivências  e ao mesmo tempo dar oportunidade para que os cidadãos acima dos 50 anos possa concretizar a sua vontade de aprender, conhecer e aperfeiçoar de acordo com as áreas a ministrar durante o ano letivo”
 fonte: Município de Fornos de Algodres

Publicidade...



 

Enviar Comentário