Templates by BIGtheme NET
Início » Celorico da Beira (Pagina 20)

Celorico da Beira

AF Guarda-Licenciamento de Clubes na FPF

A Direcção e a SubComissão da Certificação da AF Guarda relembram os Clubes que nesta época disputam o Campeonato Distrital da Primeira Divisão Seniores Masculinos e que pelos respetivos resultados desportivos possam ascender ao Campeonato de Portugal na próxima época, que têm que obrigatoriamente submeter a sua autoavaliação da Certificação, até 31 de outubro.

Só assim, ficam habilitados a poderem submeter a candidatura ao Licenciamento que termina no próximo dia 15 de novembro.

Os Clubes que já participam Campeonato de Portugal terão também que ter o mesmo procedimento acima descrito.

Celorico da Beira-Roteiro Gastronómico – Sabores de Outono

O Município de Celorico da Beira vai levar a efeito, de 2 e 16 de novembro, o Roteiro Gastronómico – Sabores de Outono. Objetivando por um lado, valorizar e divulgar os produtos outonais da região, de qualidade singular, nomeadamente, o borrego, a castanha, o queijo, o requeijão, produtos micológicos (míscaros, tortulhos, boletos), e os produtos agrícolas e hortícolas da época, e, por outro, ajudar a economia local a reerguer-se da pandemia de Covid-19, que assolou o país e o mundo, a Autarquia promove o Roteiro Gastronómico – Sabores de Outono, desafiando os restaurantes locais a oferecerem aos clientes, durante 15 dias, um cardápio com pratos confecionados à base de produtos genuinamente made in Celorico da Beira.

Uma oportunidade de visitar Celorico e degustar os melhores sabores de outono, nos restaurantes aderentes

Celorico da Beira recebeu o Governador do Rotary Internacional 1970

O Governador do Rotary Internacional – Distrito 1970, Fernando Nogueira, visitou  o Rotary Club de Celorico da Beira, traçando um balanço positivo do Club, com nove anos de existência, que atualmente assume funções de presidente Tiago Nascimento.

Do plano da Visita do Governador, constou a habitual receção nos Paços do Concelho e a reunião de trabalhos com o Club, que em conjunto debateram o plano de atividades a realizar e os objetivos e estratégias para o aumento do quadro social neste ano rotário com o lema de inspiração “Servir para Transformar Vidas”.

O Club mantém atividade permanente, numa ação mais discreta derivado à constante variação da situação sanitária, mas sempre atento ao evoluir da sociedade e às situações onde possa intervir com o objetivo de contribuir para o bem-estar junto da sociedade

AF Guarda — Campeonato Distrital 1ªDivisão 6ªjornada

Freixo Numão – Casal Cinza-1-0

AD Fornos de Algodres – SC Sabugal-3-1

SC Celoricense – UD Os Pinhelenses-2-1

Soito – Aguiar da Beira-0-2

Vila Cortez – VF Naves-2-1

GD Trancoso – Guarda DFC-0-0

Estrela Almeida – Foz Côa-1-5

Classificação:

1º- Guarda DFC-16

2ºVila Cortez-15

3º- Trancoso-13

4º-Guarda FC-13

5ºAD Fornos de Algodres-12

6º-SC Celoricense-9

7º-Aguiar da Beira-9

8ºFoz Côa-9

9ºAlmeida-7

10º-Sabugal-6

11º- Freixo Numão-3

12º-VF Naves-1

13º-Pinhelenses-1

14º-Soito-0

15º-Casal Cinza-0

 

 

Seis espaços de Teletrabalho e Coworking no território da CIMBSE

A Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (CIM-BSE) tem já instalados espaços de teletrabalho e Coworking em 6 concelhos do território da região das Beiras e Serra da Estrela protocolados com acordos de cooperação entre a Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (CIM-BSE), Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ministério da Coesão Territorial e os seguintes Municípios: Covilhã, Figueira de Castelo Rodrigo, Fundão, Guarda, Pinhel e Sabugal, estando previsto o alargamento a todos os Municípios que constituem a CIM-BSE, no próximo ano.

A medida tomada pelo Governo de forma a dinamizar os territórios do Interior e facilitar a fixação e atração de pessoas e empresas, permitiu através da assinatura de acordos de cooperação para a instalação de espaços de teletrabalho/coworking no Interior, do qual são parceiros a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), o Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) e a Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (CIM-BSE), a criação destes espaços.

Os espaços de Teletrabalho e Coworking são assim disponibilizados pelas autarquias, equipados com computadores, impressoras e acesso à Internet, sendo divididos em áreas de diferentes tipologias que contemplam zonas privadas para videochamadas, áreas para reuniões e locais para a realização de apresentações ou ações de formação.

As autarquias são responsáveis pela divulgação dos Espaços através das respetivas páginas e redes sociais, permitindo a realização de visitas virtuais por parte de eventuais interessados, bem como toda a informação relativa às características do espaço, condições de utilização, calendário anual, horário de utilização e custo associado.

O teletrabalho e o coworking representam uma grande vantagem do ponto de vista da redução da assimetria geográfica de ofertas profissionais, democratizando as oportunidades entre as regiões de elevada densidade populacional e as de menor densidade.

Estrelacoop tem encontro marcado com produtores de queijo e queijarias

Iniciativa visa promover o aumento de Queijo Serra da Estrela DOP

É mais uma iniciativa para valorizar a fileira dos Queijos DOP da Região do Centro.  A EstrelaCoop está a promover dois encontros com produtores de leite e queijarias para sensibilização, partilha de conhecimento e boas práticas, durante o mês de outubro. O primeiro decorre no dia 20 de outubro, no Centro Cultural, em Celorico da Beira e o segundo no dia 21 de outubro, no CISE – Centro de Interpretação da Serra da Estrela em Seia. A participação é gratuita e a entrada é livre (sujeita aos lugares disponíveis).

 “O objetivo primordial é promover o aumento de Queijarias produtoras de Queijo Serra da Estrela DOP e o aumento de produtores de leite para a produção de Queijo Serra da Estrela DOP, assim como a sensibilização das boas práticas para atingir um produto de qualidade e excelência”, explica a EstrelaCoop que defende que esta iniciativa vem dar um contributo não só para “enriquecer o conhecimento dos produtores no setor do leite”, mas também para “entender o comportamento do queijo” e “perceber o contexto da legislação em vigor”.

Com o objetivo de desenvolver um trabalho de proximidade com os produtores e queijarias, a EstrelaCoop promove dois encontros, com o mesmo programa. Ambos arrancam às 9h30 com a sessão de abertura. Moderado por Célia Silva, da direção da EstrelaCoop, contará com as intervenções de Carlos Ascensão, Presidente da Câmara Municipal de Celorico da Beira e Luciano Ribeiro, Presidente da Câmara Municipal de Seia. Este primeiro painel conta, ainda, com as comunicações de Joaquim Lé de Matos, Presidente da EstrelaCoop e Manuel Marques, Presidente da ANCOSE.

Depois, serão abordados temas de enorme interesse e atualidade para a fileira. Às 10h00, Célia Henriques, técnica da EstrelaCoop, irá apresentar “os Requisitos para a DOP no Queijo Serra da Estrela”. Às 10h30, a sessão estará a cargo de Miguel Miranda, veterinário da ANCOSE, com o tema “Qualidade Higiénico/Sanidade do Leite”.  Os “Fatores que Condicionam a Qualidade do Queijo Serra da Estrela” será outra das matérias em cima da mesa, pela voz de Nuno Alvarenga, às 11h00. No encontro, em cima da mesa, estão, ainda mais dois temas: Às 11h30 um representante da DGAV irá falar sobre o “Controlo Oficial nas Queijarias/Produção Primária do Leite” e às 12h00, Paulo Moreira, do Grupo O Valor do Tempo, falará do “Queijo Serra da Estrela e Valorização no Turismo Gastronómico”.  A sessão termina com um espaço de debate.

Esta é uma ação que decorre no âmbito do Programa de Valorização da Fileira do Queijo da Região Centro, Financiado pelo Centro 2020, Portugal 2020 e União Europeia através do FEDER.

GNR Guarda-Celorico da Beira – Detido por cultivo de canábis

Celorico da Beira – Detido por cultivo de canábis

 

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da Guarda,  deteve um homem de 31 anos por cultivo de canábis, na localidade de Celorico da Beira.

No âmbito de uma investigação que decorria há cerca de um mês, os militares da Guarda detetaram, nas imediações da residência, um intenso odor a produto estupefaciente. No decorrer das diligências policiais foram detetadas duas plantas de canábis de grandes dimensões que foram apreendidas. No seguimento da ação, num terreno próximo, foram encontradas mais 65 plantas de canábis, tendo sido também apreendidas.

O detido foi constituído arguido, e os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Celorico da Beira.

AF Guarda- Resultados do Campeonato Distrital 1ªDivisão -5ªjornada

Foz Côa – AD Fornos de Algodres-2-1

SC Sabugal – V. Cortez- 0-2

Guarda DFC – Soito- 2-0

VF Naves – Guarda FC-1-1

Casal Cinza – SC Celoricense- 0-3

Aguiar da Beira – Freixo Numão- 2-0

UD Os Pinhelenses – Estrela Almeida-1-1

Classificação:
1º-Guarda FC-13
2º-Guarda DFC-12
3º- GD Trancoso- 12
4º- Vila Cortez-12
5º-AD Fornos de Algodres-9
6º-Estrela Almeida-7
7º-SC Celoricense-6
8º-SC Sabugal-6
9º-Aguiar da Beira-6
10º-Foz Côa-6
11º- VF Naves-1
12º-UD Os Pinhelenses-1
13º-Soito-0
14º-Freixo Numão-0
15ºCasal Cinza-0

 

 

Peditório anual da Liga Portuguesa Contra o Cancro de 29 de out./1nov

Inscreva-se como voluntário do Peditório e “jogue em equipa com o melhor do mundo”.

A Liga Portuguesa Contra o Cancro vai levar a efeito de 29 de outubro a 1 de novembro, o peditório anual , face a isso, precisa de voluntários para colaborar. As inscrições estão abertas na sua região

O peditório de rua da Liga Portuguesa Contra o Cancro representa, não só, a principal fonte de financiamento da Instituição mas, sobretudo, o garante da sustentabilidade das atividades que promove no âmbito do apoio ao doente oncológico e cuidadores, promoção da saúde, prevenção do cancro e estímulo à formação e investigação em oncologia.

Celorico da Beira acolhe Exposição Itinerante “16 Bibliotecas, 16 Autores”

Está patente, em Celorico da Beira no Largo da Capela de Santa Eufêmea até ao final de Outubro, a Exposição Itinerante “16 Bibliotecas, 16 Autores” promovida pela CIMBSE e elaborada pela Rede Intermunicipal de Bibliotecas da Beira e Serra da Estrela (RIBBSE),Alfredo Cunha foi o autor escolhido pela Biblioteca Municipal de Celorico da Beira para a exposição Itinerante “16 Bibliotecas, 16 Autores” estando também na Biblioteca Municipal um pequeno acervo sobre o autor.
Esta foi a forma que as 16 Bibliotecas encontraram para prestar uma justa homenagem à cultura, ao território e aos autores, sendo a estes últimos a quem devemos a perpetuação da nossa memória coletiva. É um tributo de gratidão aos nossos autores e à sua vida; proporcionando uma visão e um olhar mais abrangente e enriquecedor, assumindo-se como um real contributo para a valorização e crescimento coeso e identitário de um território.
Esta exposição foi inaugurada no dia 5 de Maio de 2020 em Almeida e tem feito a sua itinerância pelos vários municípios da CIMBSE com o objetivo de divulgar e valorizar o legado dos seus autores, os lugares onde nasceram, viveram e que, de alguma forma tiveram influência na sua obra promove esta exposição dedicada a “16 bibliotecas e 16 autores “.
As personalidades retratadas são: Alice Sampaio – Almeida; Daniel Nave – Belmonte; Alfredo Cunha
– Celorico da Beira; António Alçada Batista – Covilhã; Luís Andrade de Barros – Figueira de Castelo Rodrigo; Pinheiro Marques – Fornos de Algodres; José da Cunha Taborda – Fundão; Eduardo de Barros Lobo – Gouveia; Rui de Pina – Guarda; João Isabel – Manteigas; Manuel Daniel – Meda; José Dias Coelho – Pinhel; Pinharanda Gomes – Sabugal; Avelino Cunhal – Seia; Eduarda Lapa – Trancoso; Melo e Castro – UBI.
Foto: Município de Celorico da Beira