Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: CIM Beiras

Tag Archives: CIM Beiras

Sistema de incentivos ao empreendedorismo e ao emprego (SI 2 E) debatido na Guarda

20170522_181318Decorreu  na Sala Dr. António Almeida Santos, na Câmara Municipal da Guarda, uma sessão conjunta do GAL Pró-Raia – Associação de Desenvolvimento Integrado da Raia Centro Norte e da CIM BSE- Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela, para divulgação e esclarecimentos sobre o sistema de incentivos ao empreendedorismo e ao emprego (SI 2 E).

Contou com a presença de potenciais beneficiários ( pequenas e micro empresas), técnicos , consultores e público em geral.

Foram explicadas as possibilidades de candidatura para os empreendedores e entidades empregadoras que tencionem promover os seus investimentos mobilizando isolada ou conjuntamente os fundos de coesão FEDER (Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional) e FSE- Fundo Social Europeu.

Por:CIMBSE

1º Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela em ciclismo

 0 gp Percorre toda a região das beiras de 13 a15 de maio

Pela primeira vez a região irá ter uma prova Internacional de ciclismo disputada em todo o seu território que se denomina 1º Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela e é disputada de 13 a 15 de Maio de 2016.

O 1º Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela, visa utilizar o ciclismo como um importante veículo de promoção e divulgação da região das Beiras e Serra da Estrela.

Esta prova tem como alvo principal a promoção regional e a projeção desta região, com enormes potencialidades naturais e diversificado património natural, cultural e gastronómico, enquanto destino turístico sustentável, durante todo o ano.

Os 3 dias de prova 13, 14 e 15 de Maio, estão estrategicamente colocados no calendário Internacional de Ciclismo, dado ser início de época e plista de cicodermos captar o máximo de Equipas de nível internacional. As 3 etapas deste 1º Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela, foram estrategicamente desenhadas para que a prova percorra todo o território abrangente dos 16 Municípios envolvidos no evento.

Ao captar para o seu território uma prova internacional que junta os melhores ciclistas do pelotão internacional, a Associação de Municípios da Cova da Beira em parceria com a Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela e o Turismo do Centro de Portugal, vislumbra uma oportunidade soberana de aprofundar e divulgar no contexto europeu a região que conta com uma grande envolvência na relação transfronteiriça com uma comunidade autónoma espanhola, geograficamente contígua, com mais de 2,5 milhões de habitantes, não só no plano desportivo, como também no cultural, social e económico, estando já em análise a proposta de, na próxima edição do evento ser realizada uma etapa na província espanhola de Salamanca.

A Associação de Municípios de Cova da Beira como entidade promotora propõe-se assumir a realização futura do evento, como uma prova de referência internacional de realização anual com o objetivo estratégico de promover a região sendo para isso fundamental os apoios regionais e nacionais bem como as parcerias entretanto já assumidas com a TVI, o jornal de noticias, o jornal do fundão, o turismo do centro, a CIM Beiras e Serra da Estrela e todos os municípios e demais instituições regionais/nacionais envolvidos.

Por:AMCB

FIT Guarda recebeu mais de 30 mil visitantes

  Mais
de 30 mil pessoas visitaram a segunda edição da Feira Ibérica de
Turismo (FIT) que decorreu na cidade da Guarda entre quinta-feira e
domingo, anunciou ontem o presidente da Álvaro Amaro.
  Segundo
o presidente da Câmara Municipal da Guarda, Álvaro Amaro, a forma como
decorreu o evento, que contou com a participação de mais de 100 empresas
e instituições ligadas ao setor turístico, é motivo de “encanto” e de
“orgulho” para o executivo que lidera.
“Foi uma aposta ganha,
vamos pensar já na 3ª edição”, disse o autarca, à margem da cerimónia de
assinatura de acordos de execução com as Juntas de Freguesia do
concelho realizada na sala António de Almeida Santos, no edifício da
autarquia.
Álvaro Amaro mostra-se satisfeito e “orgulhoso” com o
balanço do evento que pretendeu divulgar as potencialidades do setor
turístico de Portugal e de Espanha e atrair visitantes para a cidade
mais alta do país.
  A Câmara Municipal da Guarda emitiu também
ontem um comunicado onde refere que a edição 2015 da FIT se afirmou,
pelo segundo ano consecutivo, “como um importante centro de negócios e
como plataforma impulsionadora da divulgação e promoção turística da
região”.
“Durante quatro dias, a Guarda foi um importante ponto de
encontro para parcerias por parte das empresas e instituições que
estiveram presentes na feira”, sublinha a nota.
  Acrescenta que
“apenas na segunda edição, a FIT tornou-se, claramente, numa referência
ibérica”, assinalando que, “entre 30 de abril e 3 de maio, a Guarda foi
mesmo a Capital Ibérica do setor turístico, congregando sinergias na
região”.
  A autarquia lembra que a região transfronteiriça tem
várias potencialidades como as serras da Estrela, da Gardunha e de
Béjar, os patrimónios mundiais do Vale do Côa, de Siega Verde e de
Salamanca, ou as Aldeias Históricas, as Aldeias do Xisto e a Rede de
Judiarias.
  A feira foi realizada no recinto do parque urbano do
rio Diz, também conhecido por parque Polis, na Guarda-Gare, ocupando o
semicoberto existente e duas tendas, com uma área coberta com cerca de
sete mil metros quadrados.
  Participaram no certame regiões de
turismo, agências de viagens, hotéis, termas, associações de municípios,
autarquias, empresas ligadas ao desporto de aventura, gastronomia e
artesanato, entre outras entidades dos dois países.
Fonte:Lusa

Nova enchente no 2º dia da FIT Guarda

  O Feriado dia do Trabalhador este ano fica marcado na cidade da Guarda, pela enchente que se deslocou a visitar o segundo dia da FIT , um evento que mostra cada dia mais coesão e além do mais é uma marca afirmada para já, dado que veio gente de norte a sul do País, das regiões autónomas e claro os muito visitantes oriundo do País vizinho.
  Este dia em que a ADRUSE apresentou  inúmeros projetos inseridos na Comunidade Inter Municipal das Beiras e Serra da Estrela, que os municípios aderentes irão organizar.

FIT Guarda 2015 já abriu ao público

 Abriu assim ao público a segunda edição da FIT(Feira Ibérica de Turismo), a decorrer na cidade da Guarda, com a honra de ter o Primeiro Ministro Pedro Passos Coelho esteve a poder visualizar algumas das maravilhas que o nosso Portugal dispõe.
  Na abertura, Álvaro Amaro era um homem satisfeito, pois a feira está pronta para ser um sucesso a nível nacional e mesmo internacional, pois dada a envolvência de todos os expositores e Municípios que procuram assim deste modo, projetar as suas terras, gentes e culturas para que a curto prazo possam vir a ganhar mais dinamismo.
De registar a criatividade de todos os Municípios em colocar bem evidenciadas as suas marcas e Fornos de algodres surge recriando a famosa Anta, que tem suscitado bastante adesão no campo da fotografia, porque grande parte dos visitantes querem levar para casa um foto num palco histórico.
Mas no fundo todos os municípios e demais expositores e alguns vindos de Espanha, se esforçaram e o o resultado está à vista que, a união faz a força.
São quatro dia de muito movimento na cidade mais alta e com milhares de turistas a fazerem-se deslocar a este evento.

PS Gouveia levou a efeito debate sobre a CIM Beiras e Serra da Estrela

foto:J.A

  Decorreu na cidade jardim de Gouveia , um debate onde o tema em causa foi  a CIM Beiras e Serra da Estrela, assim com a presença de prestigiados oradores, cada um à sua maneira foi deixando a melhor forma tentar dar um solução para o futuro destas regiões do País que à medida que o tempo passa ficam mais despovoadas e envelhecidas.
Esta ação foi promovida pela concelhia socialista gouveense.

Plano estratégico da CIM das Beiras e Serra da Estrela aprovado

Shutterstock Images - Licença Standard

O plano estratégico da
Comunidade Intermunicipal (CIM) das Beiras e Serra da Estrela foi
aprovado por unanimidade pelos quinze presidentes de câmara e já está em
análise na Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional, para ser
candidatado a financiamentos no quadro comunitário vigente até 2020.

A Guarda apresenta
projetos-âncora próprios em duas áreas: saúde e logística. No primeiro
caso é recuperada a ideia de um centro de investigação e tratamento de
doenças respiratórias, com vocação turística, que assentará no
aproveitamento das potencialidades do antigo sanatório. No campo da
logística é feita uma aposta no desenvolvimento da PLIE enquanto “porto
seco” regional e fronteiriço, com especial enfoque num centro de frio.

Nos projetos transversais destacam-se a requalificação das estradas
municipais (as alternativas às auto-estradas com portagens) e o
desenvolvimento de programação em rede nas áreas da cultura, do desporto
e do turismo.

A Covilhã não abdicou do projeto do aeroporto regional e os concelhos
da chamada corda da Serra também viram incluídos os túneis e os
itinerários complementares.
fonte: Rádio Altitude | imagem: Shutterstock Images – Licença Standard 

CIM das Beiras e Serra da Estrela escolhe sede

 
CIM das Beiras e Serra da Estrela escolhe sede 

A
escolha de um local para instalar a sede da Comunidade Intermunicipal
das Beiras e Serra da Estrela é um dos dossiês que o presidente daquele
organismo quer ver resolvido nas próximas semanas.
Vítor
Pereira refere que “estão a ser analisadas várias hipóteses na cidade
da Guarda sendo certo que será uma decisão participada embora eu entenda
que a sede deve ficar num sítio nobre; como disse há já alguns locais
em vista e durante as próximas semanas vamos tomar uma decisão para que a
sede seja instalada num espaço diferente do edifício dos paços do
concelho”. Já no que respeita ao quadro de pessoal, Vítor Pereira admite
que o assunto ainda não está encerrado mas alguns dos funcionários das
anteriores comunidades das Beiras e da Serra da Estrela vão transitar
para esta nova estrutura “temos que equacionar que havia funcionários
nas antigas comunidades e portanto temos que tratar essa questão, que em
simultâneo é técnica e humana, e vamos também tratar essa questão do
quadro de pessoal para que, quando a sede estiver apta do ponto de vista
físico a CIM possa iniciar de imediato a sua atividade”. Ainda durante
este mês de janeiro vai ser convocada uma reunião da assembleia
inter-municipal com o intuito de ratificar a escolha de António Ruas,
antigo presidente da câmara de Pinhel e da associação de municípios da
Cova da Beira, para secretário executivo da nova CIM.
fonte:guarda digital

Orçamento Estado 2014: CIM Beiras e Serra da Estrela com 308.724 €

Orçamento Estado 2014: CIM Beiras e Serra da Estrela com 308.724 €

Agora que o Orçamento de Estado para 2014 foi conhecido, o parlamento
irá discutir na generalidade e na especialidade. A proposta do governo
para orçamento de 2014 prevê atribuir à nova reforma administrativa, às
freguesias 260 milhões de Euros. 
As Comunidades Intermunicipais receberão 4.303.622 €, valor inferior ao
corrente ano de 2013, de acordo com a proposta OE2014 , a Comunidade
Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela, do qual Gouveia faz parte,
 receberá o valor de 308.724 €, será a região que irá receber mais no
ano 2014, contrastando com a região do Alentejo Litoral que receberá
apenas 127.426 €. No presente ano de 2013 a Comunidade Intermunicipal
Serra da Estrela ( Gouveia, Seia e Fornos de Algodres), já extinta foi a
que menos recebeu, no valor de 56.122 €.
fonte:Jornal OHerminio