Templates by BIGtheme NET
Início » Ambiente » Celorico da Beira- Apresentação da Unidade de Investigação TORRE e inauguração da exposição

Celorico da Beira- Apresentação da Unidade de Investigação TORRE e inauguração da exposição

Celorico da Beira acolheu num dia de  sábado cinzento, inserido na celebrações do Feriado Municipal na torre do castelo , a Apresentação da Unidade de Investigação TORRE e a inauguração da exposição “How much does a bullet cost? It takes 250,000 bullets to kill an insurgent”, do escultor João Castro Silva, promovidas pela Associação Luzlinar em parceria com o município de Celorico da Beira, no âmbito do projeto Pontes.
Uma iniciativa  ancorada num vasto projeto de território, de longo prazo e de escala internacional, promovido pela Associação Luzlinar em parceria com os municípios do Fundão, Belmonte, Guarda, Trancoso e Celorico da Beira.
O Projeto Pontes, cofinanciado pelo Ministério da Cultura/Direção Geral das Artes, está organizado em cinco Unidades de Investigação cujas temáticas estão ligadas às realidades locais onde se inserem, a saber: ESCOLA (Guarda); MAPAS (Belmonte); COMUNA (Fundão); TORRE (Celorico) e CAMPUS (Trancoso).
Estas Unidades de Investigação acolhem 14 laboratórios de pesquisa artística, que estabelecem ligações criativas e efetivas entre a arte, a educação, a ciência e a cultura, em articulação com as comunidades dos territórios das Beiras e Serra da Estrela.
A Unidade de Investigação TORRE, implementada em Celorico da Beira, tem o propósito de promover a pesquisa artística e científica através do cruzamento de diferentes áreas do conhecimento sob o lema: Unir-Criar-Guardar. O projeto TORRE vai centrar-se na História e património arquitetónico militar e albergar os laboratórios Mons Herminus Itinera (transdisciplinar e transversal a todos os projetos) e o Khrónos, onde a História será o objeto da investigação (matéria prima) e as ferramentas, o tempo e o espaço.
A torre simboliza a multiculturalidade, o centro de confluência de desigualdades e diversidades. Nesta ótica, a torre representa um espaço estratégico de convergência, potenciador da mudança e transformação do território através da arte, da ciência e da cultura.
fotos:MCB

Publicidade...