Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: gnr guarda

Tag Archives: gnr guarda

GNR Guarda – Trancoso – Detido por posse de arma proibida

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Pinhel,  deteve um homem de 58 anos por posse de arma proibida, no concelho de Trancoso.

No decorrer de uma investigação por ameaça agravada e posse de arma proibida, que decorria há cerca de duas semanas, os militares da Guarda deram cumprimento a dois mandados de busca domiciliária, culminando na apreensão de uma pistola transformada, um carregador e 235 munições de diversos calibres.

O detido foi constituído arguido, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Trancoso.

GNR Guarda- Detidos por posse ilegal de arma e ofensas à integridade física

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da Guarda, ontem, dia 12 de julho, deteve dois homens de 18 e 48 anos, por posse ilegal de arma e ameaças com recurso a arma de fogo, no concelho da Guarda.

No âmbito do patrulhamento diário, os militares da Guarda depararam-se com um indivíduo aparentemente transtornado, com escoriações e a sangrar da cabeça, que transportava em ambas as mãos diversas pedras enquanto se deslocava para o interior de uma localidade. No decorrer da situação, verificaram um segundo homem a empunhar uma arma de fogo na direção do primeiro, enquanto este projetava as pedras que tinha na mão na direção do outro.

Os militares da Guarda cessaram de imediato as agressões e impediram que fosse utilizada a arma de fogo, tendo de imediato detido os indivíduos. No decorrer das diligências policiais, foi apreendida uma arma de fogo de calibre 6.35mm, com uma munição na câmara, pronta a ser utilizada e ainda mais quatro munições no seu carregador, sem qualquer documento e/ou registo.

Os detidos foram constituídos arguidos, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial da Guarda.

GNR Guarda- Detenção em Trancoso

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), deteve um homem de 65 anos, por posse ilegal de armas, no concelho de Trancoso.

Na sequência de diversas diligências policiais, despoletadas pelo conhecimento de armamento numa situação irregular na posse do suspeito, os militares da Guarda efetuaram uma busca domiciliária que culminou na apreensão do seguinte material:

  • Uma arma caçadeira;
  • Uma pistola;
  • Quatro cartuchos;
  • Sete munições.

O detido foi constituído arguido, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Trancoso.

GNR Guarda-Pinhel – Detido por incêndio florestal

O Comando Territorial da Guarda, através do Posto Territorial de Pinhel, deteve um homem de 50 anos por incêndio florestal, no concelho de Pinhel.

Na sequência do alerta a dar conta de um incêndio florestal, os militares da Guarda deslocaram-se de imediato para o local, onde constataram que o incêndio teve origem durante a realização de uma queima de sobrantes florestais que se descontrolou, consumindo cerca de 4,300 m2 de vegetação.

O detido foi constituído arguido, e os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Pinhel.

A proteção de pessoas e bens, no âmbito dos incêndios rurais, continua a assumir-se como uma das prioridades da GNR, sustentada numa atuação preventiva, com o envolvimento de toda a população e demais entidades públicas e privadas, na salvaguarda da vida humana e na segurança do património de Portugal e dos portugueses.

A GNR relembra:

  • As queimas de sobrantes são uma das principais causas de incêndios em Portugal;
  • Em qualquer altura do ano é proibido queimar matos cortados e amontoados e qualquer tipo de sobrantes de exploração florestal ou agrícola sem pedir autorização ou fazer comunicação prévia;
  • Para evitar acidentes siga as regras de segurança, esteja sempre acompanhado e leve consigo o telemóvel.

GNR Guarda- Pinhel – Identificado por furto

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Pinhel, , identificou um indivíduo de 63 anos por furto, no concelho de Pinhel.

No âmbito de uma investigação por furto qualificado que decorria há cerca de um ano e meio, os militares da Guarda deram cumprimento a um mandado de busca domiciliária, que culminou com a apreensão de diverso material, nomeadamente:

  • Uma moto-roçadora;
  • Uma viseira de proteção.

O homem foi constituído arguido, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Celorico da Beira.

GNR -Pinhel – Detido em flagrante por furto de combustível

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Pinhel, ontem, dia 9 de maio, deteve em flagrante um homem de 63 anos por furto de combustível, no concelho de Pinhel.

Na sequência de uma denúncia por furto de combustível, os militares da Guarda deslocaram-se de imediato para o local, tendo constatado que o suspeito se colocou em fuga apeada depois de furtar combustível de um estaleiro de uma empresa de pneus. No seguimento da ação foram realizadas diligências policiais que permitiram deter o indivíduo, que tinha no seu veículo dois jerricãs de 30 e 40 litros cheios de combustível, bem como uma mangueira com cerca de 2 metros de comprimento, que foram apreendidos.

O detido foi constituído arguido, e os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Pinhel.

GNR Guarda- Celorico da Beira – Detido por posse ilegal de armas

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da Guarda,  deteve um homem de 60 anos por posse ilegal de armas, em Celorico da Beira.No decorrer de uma investigação que decorria há cerca de dois meses, os militares da Guarda deram cumprimento a um mandado de busca domiciliária que culminou com a apreensão do seguinte material:

  • Uma pistola de calibre 6,35mm;
  • Uma espingarda de calibre 12;
  • 66 munições de diversos calibres.

O detido foi constituído arguido, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Celorico da Beira.

A GNR relembra que, de acordo com o Regime Jurídico das Armas e Munições, quem detiver arma não registada ou manifestada, quando obrigatório, constitui um crime de posse ilegal de arma.

 

GNR Guarda em atividade

Foz Côa – Detido em flagrante por furto

O Comando Territorial da Guarda, através do Posto Territorial de Vila Nova de Foz Côa, deteve em flagrante um homem de 45 anos por furto, em Vila Nova de Foz Côa.

Na sequência de uma ação de patrulhamento, os militares da Guarda detetaram movimentos suspeitos no interior do estaleiro de uma obra, surpreendendo o suspeito quando este se preparava para se introduzir no interior do espaço através da vedação. Após diligências policiais, apurou-se que o indivíduo trabalhava para a empresa responsável pela obra e que este já tinha acedido anteriormente ao local, onde tinha subtraído diverso material, o qual era depositado pelo suspeito a cerca de 100 metros do local do furto e próximo da sua residência. Mantendo a intenção de voltar à obra, o homem deixou propositadamente as grades de acesso posicionadas de forma a facilitar novas incursões.

O detido foi constituído arguido, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Vila Nova de Foz Côa

Seia – Recuperação de material furtado

O  Comando Territorial da Guarda, através do Posto Territorial de Gouveia,  recuperou material furtado e identificou dois homens de 30 e 38 anos por furto qualificado, na localidade de Seia.

No âmbito de uma investigação que decorria há seis meses, os militares da Guarda deram cumprimento a dois mandados de busca domiciliária, tendo apurado que os suspeitos detinham na sua posse duas mesas de som que haviam sido furtadas de um estabelecimento de restauração e bebidas. O material foi apreendido e será entregue ao legítimo proprietário.

Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Seia.

Esta ação contou com o reforço do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Gouveia e do Posto Territorial de Paranhos da Beira.

GNR Guarda- Alguns postos com atividade suspensa por tempo incerto

Foi assim comunicado pela GNR, que alguns postos espalhados pelo Distrito da Guarda, têm a atividade suspensa assim como: Freixedas e Pínzio (no concelho de Pinhel), Freixo de Numão (Foz Côa), Miuzela (Almeida) e Vila Nova de Tázem (Gouveia) e outro grupo de postos ficam com atividade suspensa ao fim de semana apenas que são: Soito (Sabugal) ,Vila Franca das Naves (Trancoso),Loriga,e Paranhos da Beira ( Seia).

Deste modo, segundo fonte daquela força de segurança, ficou patente que a segurança das comunidades está assegurada.

GNR Guarda- Detenções em Pinhel e Aguiar da Beira

                                 Aguiar da Beira – Detenção por violência doméstica

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), ontem, dia 10 de fevereiro, deteve um homem de 55 anos por violência doméstica, em Aguiar da Beira.

No âmbito de uma investigação por violência doméstica, os militares da Guarda apuraram que o suspeito exercia violência psicológica sobre a sua mãe de 80 anos. Após as diligências policiais, foi dado cumprimento a um mandado de detenção.

O suspeito foi presente hoje, dia 11 de fevereiro, ao Tribunal Judicial de Trancoso, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de sair da residência da vítima, não se podendo aproximar desta, proibição de se aproximar e não contactar por qualquer meio a vítima, e frequentar um programa contra a violência doméstica e de tratamento ao álcool.

        Pinhel – Detido para cumprimento de pena de prisão efetiva

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Pinhel, hoje, dia 12 de fevereiro, deu cumprimento a um mandado de detenção de um homem de 44 anos, em Pinhel.

No seguimento de uma denúncia de que o suspeito se encontrava a circular na via pública de Pinhel com uma identidade falsa, os militares da Guarda deslocaram-se de imediato para o local. Após diligências policiais, foi possível apurar a identidade do mesmo, verificando também que este se encontrava foragido à justiça e que tinha pendente um mandado de detenção para cumprimento de uma pena de prisão efetiva de oito anos por roubo.

O detido foi conduzido hoje, dia 12 de fevereiro, para o Estabelecimento Prisional de Vale do Sousa.

A ação contou com o reforço da Secção de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário (SPC) de Pinhel.