Templates by BIGtheme NET
Início » Desporto » AFGuarda-2ªdivisão-E.Almeida- AD Fornos Algodres-2-3

AFGuarda-2ªdivisão-E.Almeida- AD Fornos Algodres-2-3

E. Almeida lutou até
onde pode
Fornenses deram passo importante para
a subida
Uma tarde algo cinzenta onde o estádio Vilhena de
Carvalho recebeu uma partida com duas candidatas á subida á divisão maior do
futebol distrital da AF Guarda, onde o triunfo sorriu á formação fornense, onde
existia uma grande adesão do publico de ambas equipas.

  Antes do início da partida, um ato de solidariedade do
trio de arbitragem, onde tinham vestidas t-shirts alusivas, com a mensagem a
pedir respeito, pelo trabalho da arbitragem.
  A fase inicial foi mais favorável á turma da casa, pois
Gil acaba por assistir bem o dianteiro Silva e este emenda para o fundo das
redes fornenses e abre o ativo.
  A reação fornense chegaria aos poucos e vai daí, aos
15´um lance em que Bruno costa a ser travado e grande penalidade assinalada,
chamado a converter Fábio Matos converte em golo e empata a partida, mas ainda
muito havia para jogar.
  Deste modo, os fornenses eram muito mais fortes a nível tático,
algumas jogadas surgiam com oportunidades dignas de golo, onde a finalização
não saía da melhor maneira.
  Os locais iam desta forma equilibrando, mas era notória a
maior supremacia dos fornenses, que ainda assim chegaram desta forma á vantagem,
num lance de Bruno Costa pela direita, que colocou a bola na área e surge João
Neves a emendar para o segundo golo.
  Antes da pausa do intervalo, Marco Albano a rasgar a ala
e assim a criar um situação de imenso perigo e quase empata.
Demasiado equilíbrio
  Após o reatamento, os locais entram novamente determinado
a chegar á igualdade e assim apos canto de Zé Filipe quase chegava ao empate.
A reação do Fornos era imediata e vai daí, Daniel a
combinar com João Neves e este a servir Bruno Costa e emenda a contar e faz o
terceiro golo.
  A partir daqui, o Almeida agigantou-se um pouco e ate
criou algumas oportunidades de vulto, onde o poste e o keeper sacudiam, mas de
igual forma os fornenses reagiam e desperdiçavam algumas situações de golo
também.
 Volvidos 77´, Márcio corta a bola com o braço e a grande
penalidade a que Paulo Jacinto marca e reduz para a turma local.
  A pressão final era do Almeida e quase empatava, mas os
fornenses seguraram assim bem a vitória que dava uma ampliação de distancia na
luta pela subida , num grande jogo de futebol, com equipas muito bem
organizadas.
Arbitragem positiva.
António Pacheco
Estádio Dr. Vilhena de Carvalho
Arbitro – Fabio Cardoso
Assistentes- Manuel Pinto/Francisco Martinho
Golos: 1-0- Silva, 4´
1-1-Fabio
Matos, 15´gp
1-2-João
Neves, 40´
1-3-Bruno
costa, 49´
2-3-P.Jacinto, 77´gp

Publicidade...



 

Enviar Comentário