Templates by BIGtheme NET
Início » Segurança (Pagina 2)

Segurança

GNR Guarda – Gouveia, Fornos de Algodres e Aguiar da Beira – Apreensão de 198 artigos contrafeitos

O Comando Territorial da Guarda, através do Destacamento Territorial de Gouveia, entre os dias 23 de julho e 1 de agosto, apreendeu 198 artigos contrafeitos no decorrer de diversas ações aleatórias de fiscalização que decorreram em feiras dos concelhos de Gouveia, Fornos de Algodres e Aguiar da Beira.

No decorrer de diversas ações de fiscalização que tiveram lugar naqueles concelhos, os militares da Guarda fiscalizaram diversas bancadas que tinham para venda artigos contrafeitos de diversas marcas sem qualquer tipo de documento de transporte ou de aquisição, culminando na apreensão de 198 artigos, no valor estimado de 6 965 euros.

Desta ação resultou a identificação de três homens, de 41, 55 e 57 anos e duas mulheres ambas de 34 anos, tendo sido elaborados os respetivos autos por contrafação.

Os factos foram comunicados aos Tribunais Judiciais de Trancoso, Celorico da Beira e Gouveia.

A Guarda Nacional Republicana relembra que o objetivo principal deste tipo de ações é garantir o cumprimento dos direitos de propriedade industrial, visando essencialmente o combate à contrafação, ao uso ilegal de marca e à venda de artigos contrafeitos.

GNR Guarda -Celorico da Beira – Detido por posse de munições proibidas e explosivos

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da Guarda, no dia 28 de julho, deteve um homem de 60 anos por posse de munições proibidas e explosivos, no concelho de Celorico da Beira.

No seguimento de uma investigação por furtos, que decorria há cerca de dois meses, os militares da Guarda realizaram diligências policiais que permitiram identificar o suspeito. Na sequência da investigação, foi dado cumprimento a um mandado de busca domiciliária, tendo sido apreendido o seguinte material:

  • 1 500 gramas de pólvora 4 F’s;
  • 90 metros de cordão detonante 12g/m (explosivos);
  • 28 metros de cordão lento;
  • 13 stick’s de gelamonite (explosivos);
  • Quatro bombetas de foguete;
  • Diversas munições de variados calibres.

O detido, com antecedentes criminais por ilícitos da mesma natureza, é ainda suspeito de estar envolvido em cinco furtos qualificados ocorridos nos concelhos de Celorico da Beira e Guarda.

Os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Celorico da Beira, para aplicação das medida de coação.

Alexandre Borges em campanha de sensibilização rodoviária em Vilar Formoso

Apesar da prática desportiva estar na génese da equipa NelaSport e a participação nas diferentes provas do Campeonato, serem normalmente a parte mais visível, a responsabilidade social, está também presente no ADN da equipa.
Desta feita, o nosso piloto Alexandre Borges, esteve presente na Campanha “Sécur´été 2022 – Verão em Portugal”, iniciativa da Cap Magellan e da Autoridade
Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), na fronteira de Vilar Formoso, desejando
as boas-vindas a quem regressa a Portugal e transmitindo alguns conselhos de
prevenção rodoviária.
Esta iniciativa contou com a presença do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, Paulo Cafôfo e da Secretária de Estado da Proteção Civil, Patrícia Gaspar, assim como Anna Martins, Presidente da Cap Magellan, Rui Soares Ribeiro, Presidente da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária e António José Monteiro Machado, Presidente do Município de Almeida.

Segurança nos recintos e combate à violência em debate

A Secretária de Estado da Administração Interna, Isabel Oneto, e o Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Correia, reuniram-se esta terça-feira com o Presidente da Liga Portugal, Pedro Proença, a seu pedido.
Na sequência da reunião do passado dia 17 de maio, foi feita uma avaliação dos temas então abordados – como o Regulamento de Segurança dos estádios e as medidas para garantir maior rapidez processual em matérias como a violência, a xenofobia, o racismo ou a discriminação – e que foram consideradas prioritárias durante a nova temporada do futebol profissional.
Da parte do Governo, foi transmitido que as alterações para criminalizar a posse de artigos pirotécnicos já estão em processo legislativo.
A segurança nos recintos onde se realizam espetáculos desportivos e o combate à violência associada ao desporto são uma prioridade do Governo e das autoridades policiais e de proteção civil, dando cumprimento às normas estabelecidas no Regime Jurídico do Combate à Violência nos Espetáculos Desportivos.
Neste encontro com a Liga Portugal renovou-se o compromisso de prosseguir o trabalho conjunto em prol de um ambiente saudável e pacífico nos espetáculos desportivos.
O tema da segurança no contexto desportivo continuará a ser acompanhado pelo Governo, em constante diálogo e articulação com as diferentes entidades com responsabilidades em matéria de prevenção da violência.

GNR Guarda – 29 detidos em operação especial de prevenção criminal

O Comando Territorial da Guarda, entre os dias 19 e 22 de julho, realizou uma operação especial de prevenção criminal e de segurança rodoviária e deteve 29 pessoas, com idades compreendidas entre os 16 e os 74 anos, no concelho da Guarda.

A ação teve como objetivo o combate à criminalidade e à sinistralidade rodoviária, bem como o reforço do sentimento de segurança junto da população em geral, com especial incidência no  controlo e fiscalização rodoviária de veículos, pessoas e bens, com o objetivo de controlar, detetar, localizar e prevenir ocorrências relacionadas com a posse de armas.

No decorrer da ação foram fiscalizados 702 veículos e foram detidos 26 homens e três mulheres, os quais:

  • 11 homens, com idades compreendidas entre os 22 e os 33 anos, e uma mulher de 35 anos,por tráfico de estupefacientes;
  • Seis homens, com idades compreendidas entre os 25 e os 74 anos, e duas mulheres de 25 e 32 anos por posse de arma proibida;
  • Cinco homens, com idades compreendidas entre os 16 e os 72 anos, por condução sem habilitação legal;
  • Quatro homens, com idades compreendidas entre os 21 e os 67 anos, por condução sob o efeito do álcool.

 

Foram ainda elaborados 168 autos de contraordenação, destacando-se:

  • 14 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 12 autos de contraordenação por consumo de estupefacientes.

 

Esta operação permitiu ainda apreender diverso material destacando-se:

  • 284 doses de canábis;
  • 200 metanfetaminas;
  • 170 doses de anfetaminas;
  • 130 doses de MDMA;
  • 45 doses de cocaína;
  • 40 pastilhas de ecstasy;
  • 24 doses de haxixe;
  • 11 doses de liamba;
  • Cinco cogumelos alucinogénios;
  • Cinco aerossóis de defesa;
  • Uma catana;
  • Uma faca de abertura automática;
  • Dois bastões;
  • Uma munição.

Os factos foram comunicados aos Tribunais Judicias da Guarda e de Almeida, e os factos relacionados com o consumo de estupefaciente foram comunicados à Comissão para a Dissuasão da Toxicodependência da Guarda.

A ação contou com o reforço de 304 militares do dispositivo territorial, de Intervenção, da estrutura de Investigação Criminal, de policiamento comunitário, da proteção do ambiente e da natureza e da vertente do Trânsito.

GNR fez ação de sensibilização na Praia Fluvial da Ponte de Juncais – Fornos de Algodres

Aconteceu uma ação de sensibilização na Praia Fluvial da Ponte de Juncais – Fornos de Algodres, pelo Comando Territorial da Guarda, através dos militares da Secção de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário do Destacamento Territorial de Gouveia, em colaboração com a CPCJ de Fornos de Algodres, CLDS 4G Servir Fornos e o Município de Fornos de Algodres, no âmbito da Operação “Prevenção de Afogamentos 2022” que está a se levada a cabo pela GNR, até ao próximo dia 15 de setembro de 2022.
Os afogamentos poderão ser evitados através da adoção de estratégias específicas, complementares e articuladas, no sentido de reforçar a consciencialização da sociedade para a problemática do afogamento de crianças e jovens.
A morte por afogamento é um acontecimento rápido e silencioso.

GNR Guarda- Detenções em Foz Côa

O Comando Territorial da Guarda, através do Posto Territorial de Vila Nova de Foz Côa, no dia 15 de julho, recuperou um veículo furtado e deteve dois homens de 42 e 46 anos por furto e uso de veículo, no concelho de Vila Nova de Foz Côa.

No âmbito de uma ação de policiamento, os militares da Guarda foram abordados por um popular, a informar que lhe tinham furtado a viatura e que os suspeitos seguiam pela Estrada Nacional 102. De imediato foram encetadas diligências policiais no intuito de localizar o veículo, culminando na sua localização e na detenção dos suspeitos.

A viatura recuperada foi entregue ao seu legítimo proprietário.

Os detidos, com antecedentes por crimes de furtos, foram constituídos arguidose os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Vila Nova de Foz Côa.

GNR Guarda- Trancoso-Detenção por incêndio florestal

O Comando Territorial da Guarda, através do Posto Territorial de Pinhel, ontem, dia 7 de julho, deteve um homem de 39 anos, por incêndio florestal, no concelho de Trancoso.

Na sequência de um alerta de incêndio, os militares da Guarda apuraram que o foco de incêndio teve origem devido a uma limpeza com uma moto-roçadora com fio nylon, tendo consumido cerca de 2,39 hectares de área florestal. Na sequência da ação foi detido o homem que se encontrava a exercer a limpeza num dia e local em que o Risco de Incêndio foi classificado como “Muito Elevado”.

O detido foi constituído arguido, e os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Trancoso.

Esta ação contou com o apoio dos Bombeiros Voluntários de Trancoso, Mêda e Vila Franca das Naves.

A GNR relembra que:

  • As queimas e queimadas são das principais causas de incêndios em Portugal;
  • A realização de queimadas, de queima de amontoados e de fogueiras é interdita sempre que se verifique um nível de perigo de incêndio rural «muito elevado» ou «máximo», estando dependente de autorização ou de comunicação prévia noutros períodos;
  • Para evitar acidentes siga as regras de segurança, esteja sempre acompanhado e leve consigo o telemóvel.

A Guarda Nacional Republicana, através do Serviço da Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA), tem como preocupação diária a proteção ambiental e dos animais. Para o efeito, poderá ser utilizada a Linha SOS Ambiente e Território (808 200 520) funcionando em permanência para a denúncia de infrações ou esclarecimento de dúvidas.

GNR Guarda – Celorico da Beira – Detido por posse de arma proibida

O Comando Territorial da Guarda, através do Posto Territorial de Celorico da Beira, no dia 25 de junho, deteve um homem de 19 anos por posse de arma proibida, no concelho de Celorico da Beira.

Na sequência de vários alertas a dar conta de desacatos no decorrer de uma festa naquele concelho, os militares da Guarda deslocaram-se de imediato para o local, onde constataram que dois indivíduos estavam envolvidos numa discussão. No seguimento da ação, e com o intuito de cessar as agressões, a GNR separou os dois homens e, durante a revista de segurança, foi possível detetar que um dos indivíduos estava na posse de uma arma proibida, vulgarmente conhecida por faca de ponta e mola, motivo que levou à sua detenção em flagrante.

O detidos foi constituído arguido, e os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Celorico da Beira.

A GNR relembra que, de acordo com o Regime Jurídico das Armas e Munições, quem, sem se encontrar autorizado, detiver, transportar, guardar, comprar ou adquirir qualquer arma elencada no n.º 1 do Artigo 86.º do mesmo diploma, encontra-se a incorrer no crime de posse de arma proibida