Templates by BIGtheme NET
Início » Seia » CineEco pronto para o arranque

CineEco pronto para o arranque

Festival da Serra da Estrela divulga realizadores locais

Cinema Festival da Serra da Estrela divulga realizadores locais
O CineEco – Festival Internacional de
Cinema Ambiental da Serra da Estrela, a realizar em Seia, de 19 a 26 de
outubro, aposta nos realizadores locais que concorrem com sete
curtas-metragens, anunciou hoje a organização.

“As curtas-metragens abordam várias temáticas ligadas à
Serra da Estrela, desde a questão dos fogos florestais, os mistérios e
sons dos rios, as tradições, as emoções e a aventura”, disse hoje à
agência Lusa o diretor do festival, Mário Jorge Branquinho.

Segundo o responsável, “esta é mais uma marca do festival que
dá oportunidade aos realizadores da região de competirem” num evento
internacional “que recebe o melhor da produção mundial em matéria de
cinema de ambiente”.

Concorrem ao título de melhor filme do Panorama Regional as películas
“Da serra à planície” (de Bertino Araújo & Ana Raquel Simões),
“Luto” (Pedro Barbosa), “Transparências perdidas” (Mário Pereira, Vítor
Brito e Carlos Amaro), “Quatro horas descalço” (Ico Costa), “O rio”
(Luís Antero e Tiago Cerveira), “Sabores da aldeia” (Vítor Brito e Mário
Pereira) e “Fogo que arde e se vê” (Paulo Leitão e Tiago Cerveira).

Para os vários concursos da edição 2013 do CineEco foram selecionados
79 filmes, entre curtas, médias e longas-metragens, que vão ser
exibidos nos auditórios da Casa da Cultura de Seia.

A organização anuncia que o evento irá exibir “o melhor da produção
mundial de filmes de temática ambiental e preservação da natureza”.

Com entradas gratuitas em todas as sessões de filmes ambientais, o
CineEco oferece ao público internacional, nacional e local “um programa
único, constituído por longas, médias e curtas-metragens (documentários e
ficções), destinadas a sensibilizar as pessoas para as grandes questões
ambientais, sociais, humanitárias e as problemáticas do desenvolvimento
sustentável”, segundo os promotores.

Durante o evento, os países da língua portuguesa estarão
representados “através de uma rica e variada seleção de 17 curtas,
médias e longas-metragens, que constituem a importante competição
lusófona”, salienta a fonte.

Ao todo, serão exibidos em Seia “mais de 90 filmes entre
curtas-médias e longas-metragens, numa autêntica festa do cinema,
naquele que é o único festival de cinema ambiental que se realiza em
Portugal e um dos mais antigos do mundo”, refere a organização.

O festival de cinema ambiental da Serra da Estrela, organizado pela
Câmara Municipal de Seia, tem como principal objetivo a divulgação de
valores naturais e ecológicos, através do cinema e de atividades
culturais, que abordam temas da atualidade como a biodiversidade,
sustentabilidade, energias renováveis, requalificação urbana,
alimentação biológica e compromissos ambientais de uma forma abrangente e
pedagógica.
fonte:Lusa

 

Publicidade...



 

Enviar Comentário