Templates by BIGtheme NET
Início » Ambiente » Estudantes da Universidade Católica participam em “Fly 2021”

Estudantes da Universidade Católica participam em “Fly 2021”

“Fly 2021” é o nome do programa europeu de voluntariado e aprendizagem-serviço, intercultural, interdisciplinar, intensivo e interuniversitário onde estudantes da Universidade Católica Portuguesa no Porto participaram pela primeira vez. O grande propósito foi o de permitir que estudantes de várias universidades europeias pudessem fazer intercâmbio e participar em projetos solidários. 

Coordenado pela Universidade de Comillas (Madrid), o programa “Fly 21” juntou, além da Universidade Católica Portuguesa, as Universidades de Deusto (Bilbao), ESADE (Barcelona), Loyola (Andaluzia), LUMSA (Roma, Itália) e Mateja Bela (Banská Bystrica, Eslováquia). Cada Universidade participou quer com projetos, quer com a integração de estudantes em projetos de outras universidades. No total, este verão de 2021, foram desenvolvidos 45 projetos solidários nos quais participaram 150 estudantes universitários.

“A participação no programa FLY 2021 permitiu reforçar a aposta da Universidade Católica Portuguesa na formação integral dos seus estudantes,” refere Carmo Themudo, responsável pela Unidade para o Desenvolvimento Integral da Pessoa (UDIP) da Universidade Católica no Porto, acrescentando que “foi uma oportunidade única não só de estabelecer parcerias com outras universidades europeias congéneres, mas também, e sobretudo, de proporcionar aos estudantes experiências de voluntariado que, acreditamos, deixam marcas para a vida”.

Em Portugal foram desenvolvidos dois projetos em diferentes cidades do país. Um projeto decorreu no Porto e contou com a presença de sete estudantes universitários, cinco espanhóis e dois portugueses. Em conjunto com as organizações U.DREAM e Porta Solidária da Paróquia do Marquês, no Porto, os estudantes trabalharam as questões da liderança social, desenvolvendo uma campanha de sensibilização urbana e apoiaram a preparação e entrega de kits de refeições a pessoas carenciadas. O outro projeto foi desenvolvido em parceria com a Just a Change, uma organização de recuperação de casas para pessoas carenciadas, na qual 10 estudantes espanhóis participaram em campos de férias nas cidades de Faro, Óbidos e Sever do Vouga. Além dos projetos que decorreram em Portugal, coordenados pela Universidade Católica no Porto, alguns estudantes universitários portugueses participaram em três projetos que decorreram nas cidades de Malta, Valladolid e Madrid.

Confirmamos, através dos testemunhos daqueles que participaram, que no serviço voluntário aos outros e em comunidades com culturas diferentes, se desenvolvem qualidades humanas e competências sociais nos estudantes que permitirão formar futuros profissionais mais sensíveis aos outros e aos temas da solidariedade e do compromisso social. Assim, acreditamos que este foi o primeiro “voo” de muitos da Universidade e dos nossos estudantes!”conclui Carmo Themudo.

//

Publicidade...