Início » Tag Archives: Celorico da beira

Tag Archives: Celorico da beira

Dia da Floresta Autóctone foi assinalado em Celorico da Beira

Foi assinalado o Dia da Floresta Autóctone, com a Câmara Municipal de Celorico da Beira a organizar uma manhã dedicada à Floresta Autóctone, um evento que mobilizou dezenas de participantes, entre alunos e professores de estabelecimentos de educação do 1º Ciclo do concelho.

A iniciativa decorreu na sexta-feira, 25 de novembro de 2022, junto ao Mercado Municipal, com um conjunto diversificado de atividades, jogos didáticos, sementeira de bolotas/castanhas em cuvetes, estacaria de alecrim/alfazemas e teve como objetivo de sensibilizar os participantes para a importância das espécies autóctones no equilíbrio da floresta e da elevada biodiversidade associada aos espaços florestais.

As crianças ainda puderam participar na plantação de camélias numa das áreas a ajardinar junto ao mercado municipal.
O Dia da Floresta Autóctone celebra-se anualmente no dia 23 de novembro e foi instituído com o objetivo de promover a importância das florestas naturais, bem como a sua conservação, nomeadamente das espécies que fazem parte do património natural.

fotos:MCB

Campanha “SORTEIO DE NATAL NO COMÉRCIO LOCAL” em Celorico da Beira

A Câmara Municipal de Celorico da Beira, em parceria com a ACISCEL- Associação Comercial, Industrial e Serviços de Celorico da Beira, promove de 24 de novembro a 6 de janeiro de 2023, a campanha “SORTEIO DE NATAL NO COMÉRCIO LOCAL”, com o objetivo de incrementar as compras no comércio tradicional e dinamizar a economia local.

No âmbito desta iniciativa a Câmara Municipal de Celorico da Beira irá despender uma verba de 2 500,00€ (dois mil e quinhentos euros) materializados em 50 vales de 50,00€ (cinquenta euros) cada, que serão atribuídos por sorteio, por cada 20,00€ de compras efetuadas nos estabelecimentos aderentes.

Os vencedores serão conhecidos a 06 de janeiro de 2023, dia em que os cupões depositados na tômbola serão sorteados.

À semelhança do ano anterior, contam com a adesão dos comerciantes locais e com os celoricenses para tornarem este Natal mais caloroso, mais solidário, mais tradicional e local.

Projeto “TRICOTAR O NATAL”em Celorico da Beira

Através de uma iniciativa da Santa Casa da Misericórdia de Celorico da Beira , com o objetivo de criar uma árvore de Natal em crochê.
É uma arte com a qual os  idosos se identificam e segundo a instituição, porque querem que eles sintam que estão todos juntos neste projeto, face a isso, solicitam à comunidade em geral colaboração, quer na doação de lãs, quer na execução de quadrados em crochê.
Quem estiver interessado em doar lãs para a atividade pode fazê-lo até dia 9 de dezembro nos seguintes locais:
-Santa Casa da Misericórdia
-Agrupamento de Escolas Sacadura Cabral
-Câmara Municipal
-Associação de Bombeiros Voluntários
-Universidade Sénior
-Mey Têxteis, S.A
-CLDS 4G Celorico Solidário
NOTA: quem quiser tricotar os quadrados deverá seguir a fotografia de exemplo (medidas: 21cm X 21cm), e nas últimas três voltas a lã deverá ser obrigatoriamente de cor verde.
Para algum esclarecimento deixamos o contacto telefónico: 271743555

Celorico da Beira recebeu II Colóquio da Diabetes da ADDG

O Centro Cultural de Celorico da Beira acolheu neste sábado, 12 de novembro, durante a manhã, o colóquio “A Diabetes não é o fim do mundo, mas sim um novo mundo a ser descoberto”, promovido pela ADDG – Associação de Diabéticos do Distrito da Guarda, em colaboração com a Câmara Municipal de Celorico da Beira.
Tratou-se de uma iniciativa da Associação de Diabéticos do Distrito da Guarda, que visou ajudar o doente a compreender a patologia da diabetes e, acima de tudo, pretende esbater a carga negativa que lhe está associada. Para prossecução deste propósito, o colóquio contou com a presença de profissionais de saúde do distrito da Guarda, que ajudaram os participantes a entender mais e melhor a problemática da diabetes e a encará-la numa perspetiva, que se pretende menos dramática.

Apresentação do livro INTIMIDADE em Celorico da Beira

Vai ter lugar no Centro Cultural de Celorico da Beira  no próximo dia 18 de novembro, pelas 21H30, a apresentação do livro INTIMIDADE, da autoria de Alexandre Sampaio.

O livro INTIMIDADE nasceu na sequência de performances criadas por Alexandre Sampaio, em espaços museológicos dos municípios de Lamego, Ílhavo, Celorico da Beira e Viseu, com a participação de elementos dos grupos de teatro que orienta.

As narrativas do livro resultam da reação dos atores aos objetos ou imagem que compõe o acervo desses espaços museológicos, criando no espetador/leitor um processo de identificação, de memória coletiva, de pertença a um lugar e a uma sociedade. No caso de Celorico da Beira, um xaile (agasalho e, sobretudo, símbolo do amor maternal e do aconchego) é o mote para transportar a atriz e o espetador/leitor numa viagem, ao passado recente da sociedade portuguesa, à infância, aos afetos, às memórias com a avó.

A cerimónia de lançamento do livro e a conversa que se seguirá, contará com as presenças do Presidente da Câmara, Carlos Ascensão, e do autor, e terá como moderadora Raquel Casaca.

Bombeiros de Celorico da Beira em balanço da época DECIR

Recentemente, os Bombeiros de Celorico da Beira, reuniram-se num jantar/convívio, o corpo ativo, o quadro de honra, os órgãos sociais, os funcionários e outros colaboradores.
Teve como objetivo de assinalar o encerramento da época DECIR , dado que foi bastante exigente. ” Demonstrando os nossos bombeiros extraordinária abnegação e valentia, assim como, agradecer aos colaboradores externos que no corrente ano se envolveram nas atividades da Associação”, assim referiu fonte deste corpo de bombeiros celoricenses.

Castanha foi a rainha em Prados (Celorico da Beira)

Aconteceu neste fim de semana, 29 e 30 de outubro, mais uma edição da Festa da Castanha em Prados, cuja organização foi da Junta de Freguesia de Prados, com o apoio do município de Celorico da Beira, a iniciativa teve como objetivo valorizar e potencializar a castanha – produto endógeno emblemático desta Aldeia de Montanha e dos mais preponderantes para a economia local e concelhia – e, simultaneamente, reavivar e preservar as tradições antigas da freguesia com ela relacionada.
O certame contou com um vasto e diversificado programa de atividades desde o mercado de sabores da aldeia, muita música (concertinas, ranchos folclóricos, grupo de cantares), oficina de gastronomia, oficina de decoração, animação de rua, animação infantil, caminhada, passeio de E-Bike, jantar e magusto comunitário.
Fotos:MC

Uma dia de festa para os Idosos celoricenses

Foi um dia de grande animação, no Mercado Municipal de Celorico da Beira, que  recebeu nesta sexta-feira, o encerramento das atividades do Mês do Idoso, com a atuação do Forno Musical e no final um lanche convívio, promovido pela Rede Social do Município de Celorico da Beira e pelo CLDS 4G Celorico Solidário.
Ao longo do mês de outubro, Mês do Idoso, foram celebradas várias efemérides, Dia Internacional do Idosos (1) e o Dia Mundial da Terceira Idade (28), com atividades semanais dirigidas à população sénior deste território.
A iniciativa tem o propósito de homenagear a população sénior celoricense pelo seu prestimoso contributo para o desenvolvimento local, bem como, reconhecer e valorizar o seu papel no seio das famílias e na própria comunidade, transmitindo saberes, valores e conhecimentos às novas gerações.
Teatro, desporto, ação de sensibilização, encontro de gerações, animação e um lanche convívio são algumas das atividades que serão levadas a cabo nos dias 6 de outubro 12, 17 e 28 de outubro, no âmbito das comemorações do Mês do Idoso.
Com o intuito de fomentar o bem estar físico, mental e emocional dos seniores e aumentar a sua autoestima, de forma a sentirem-se amados e incluídos, é forçoso implementar nos municípios políticas sociais, que contemplem a prestação de cuidados de saúde e higiene, combatam o seu isolamento, promovam o convívio com a comunidade e incrementem a sua vida ativa.
Num território como o de Celorico da Beira, despovoado e envelhecido, a promoção de dinâmicas que envolvem os idosos como o Mês do Idoso, revestem-se de particular importância porque enfocam, valorizam e prestigiam o trabalho que realizaram no passado e, no presente, os seus saberes e memórias, para além de reconhecerem que a população sénior constitui um pilar fundamental nas estruturas familiares. Desta forma, não podem sentir-se inúteis, isolados e descartáveis, mas antes, amados, incluídos e fundamentais para a comunidade.
Por:MCB

Celorico da Beira recebeu visitas guiadas encenadas

Decorreu nesta sexta –  feira, 21 de outubro de 2022, mais uma visita guiada encenada, nesta noite o centro histórico de Celorico da Beira foi o ponto de partida para uma viagem ao passado.
No domingo teve lugar no Fornotelheiro (Forca) , assim a chuva  a dar tréguas e muitos foram os que estiveram a assistir a esta encenação.
Deste modo, no dia 28 de outubro , o Centro Histórico de Celorico (Posto de Turismo) pelas 21Horas volta a receber mais uma visita.
De 24 a 28 de outubro, com início junto ao Posto de Turismo, pelas 11H00, a Associação Artística AAVAL vai levar a cabo visitas guiadas no Centro Histórico da vila, destinadas exclusivamente à comunidade escolar.
As visitas guiadas encenadas são organizadas pela Associação Hereditas – Investigação e Divulgação Cultural – e a Associação Artística AAVAL, em colaboração com a Câmara Municipal de Celorico da Beira, no âmbito do projeto Cultura em Rede da CIM-BSE.
Fotos:Município de Celorico da Beira

Encontro de Gerações em Celorico da Beira

O Centro Cultural de Celorico da Beira recebeu , o encontro de gerações, promovido pela Rede Social do Município de Celorico da Beira e o CLDS 4G Celorico Solidário.
Este encontro teve a colaboração de várias instituições do concelho que contou com apresentações de canções e danças dos mais pequenos para os seniores.
A iniciativa tem o propósito de homenagear a população sénior celoricense pelo seu prestimoso contributo para o desenvolvimento local, bem como, reconhecer e valorizar o seu papel no seio das famílias e na própria comunidade, transmitindo saberes, valores e conhecimentos às novas gerações.