Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: gnr

Tag Archives: gnr

Reforço da vigilância da GNR no incêndio da Serra da Estrela

Em comunicado, a Guarda Nacional Republicana (GNR), atendendo ao incêndio que deflagra na Serra da Estrela,  no âmbito das suas competências de sensibilização, fiscalização, vigilância e deteção, supressão e no pós-evento com a investigação das causas, tem empenhado vários meios de reforço nos locais mais críticos, de modo a salvaguardar, por um lado a segurança e a proteção das pessoas, a sua eventual evacuação, mas por outro a avaliação sumária das causas de incêndio. Neste âmbito, a GNR tem empenhado meios da Proteção da Natureza e do Ambiente, com equipas de proteção florestal (EPF), meios da Unidade de Emergência de Proteção e Socorro (UEPS), meios do dispositivo territorial, do trânsito, de intervenção, de investigação criminal, bem como binómios cinotécnicos.

De destacar que, durante o último fim-de-semana, a Guarda Nacional Republicana registou mais dois detidos pelo crime de incêndio florestal, destacando assim o seu papel na prevenção e na vigilância, contando até ao dia de hoje, 35.415 patrulhas de vigilância da GNR e 68 detidos por crime de incêndio florestal, em comparação com os 34 detidos no período homólogo de 2021. De referir ainda que, até ao dia 16 de agosto de 2022, foram registados 4.382 crimes de incêndio florestal, tendo sido identificados 809 suspeitos, números largamente superiores ao período homólogo de 2021, em que foram registados 3.040 crimes de incêndio florestal e 599 suspeitos identificados por crime de incêndio florestal, destacando-se aqui o papel proativo da Guarda.

O sistema de vigilância da GNR está assente na Rede Nacional de Postos de Vigia, constituído por 230 Postos de Vigia, que permitem a deteção precoce e identificação precisa das ignições garantindo um célere despacho de meios de supressão, e é complementado pelo sistema de videovigilância florestal, pelo sistema de vigilância móvel terreste (integrando várias Entidades) e por todos os cidadãos, que também se constituem como uma das principais fontes de informação e alerta de Incêndio Rural. A GNR dispõe ainda de um sistema de videovigilância com cerca de 120 câmaras que cobrem atualmente uma área estimada de 5.000.000 ha do território de Portugal Continental, garantindo um precioso auxílio na deteção de incêndios nascentes e no apoio à investigação do crime de incêndio florestal identificando possíveis autores.

Para além disto, a rede integrada de vigilância e deteção pressupõe ainda o sistema de vigilância aérea, garantido através das Forças Armadas. Fruto do enquadramento legal, compete à GNR, enquanto entidade coordenadora das ações de vigilância, definir as rotas de voo e o horário das aeronaves da Força Aérea Portuguesa (FAP), sendo que, do planeamento promovido, está estipulado o emprego diário de três Unmanned Aircraft Systems (UAS Classe 1 – Aeronaves Não Tripuladas) da Força Aérea Portuguesa (FAP), a operar a partir das bases de Lousã, Mirandela e Beja, com 548 horas de voo realizadas, e o emprego de meios tripulados com 65 horas de voo realizadas.

Relativamente ao incêndio que ainda deflagra na Serra da Estrela, a GNR irá manter e reforçar a vigilância no terreno, nomeadamente nos locais de reacendimento e considerados mais críticos.

Campanha “Viajar sem Pressa” nos dias 16 e 23 de agosto

A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), a Guarda Nacional Republicana (GNR) e a Polícia de Segurança Pública (PSP) lançam amanhã, dia 16 de agosto, a Campanha de Segurança Rodoviária Viajar sem pressa”, inserida no Plano Nacional de Fiscalização de 2022.

A decorrer entre os dias 16 e 23 de agosto, a campanha tem como objetivo alertar os condutores para os riscos da condução em excesso de velocidade, dado que esta é uma das principais causas dos acidentes nas estradas e é responsável por mais de 50% das infrações registadas.

Num atropelamento, a probabilidade de existirem vítimas mortais aumenta em função da velocidade a que circulam os veículos. Se um veículo circular a 30 km/h, a probabilidade das consequências de um atropelamento serem mortais é de 10%. Aumentando a velocidade para 50 km/h, a probabilidade passa a ser de 80%.

A campanha “Viajar sem pressa” integrará:

  • Ações de sensibilização da ANSR em território continental e do serviço da administração regional da Região Autónoma da Madeira;
  • Operações de fiscalização, pela GNR e pela PSP, com especial incidência em vias e acessos com elevado fluxo rodoviário e de acordo com o Plano Nacional de Fiscalização 2022, de forma a contribuir para a diminuição do risco de ocorrência de acidentes e para a adoção de comportamentos mais seguros por parte dos condutores no que respeita à condução em excesso de velocidade.

 

As ações de sensibilização ocorrerão em simultâneo com operações de fiscalização nas seguintes localidades:

  • Dia 16 de agosto, às 14h00: Avenida Marechal Norton de Matos (junto às bombas da Repsol), Lisboa;
  • Dia 17 de agosto, às 10h00: A2 – Portagens plana via de Coina, sentido Sul-Norte;
  • Dia 18 de agosto, às 14h00: Barreira Alva, Torres Novas;
  • Dia 19 de agosto, às 8h00: IC8 Km 92 – Nó de Perdigão, Castelo Branco;
  • Dia 21 de agosto, às 10h00: EN2 Ponte do Soito – Góis;
  • Dia 22 de agosto, às 9h00: Avenida das Comunidades Europeias, Leiria;
  • Dia 23 de agosto, às 8h00: A3 Km11 sentido Norte-Sul – Área de Serviço da Trofa.

 

A ANSR, a GNR e a PSP relembram que a condução em excesso de velocidade é um risco para a sua segurança e dos outros:

  • A velocidade é a principal causa de um terço de todos os acidentes mortais;
  • Quanto mais rápido conduzimos, menos tempo dispomos para imobilizar o veículo, quando algo de inesperado acontece;
  • Numa viagem de 10 km, aumentar a velocidade de 45 para 50 km/hora permite ganhar apenas 1 minuto e 20 segundos. Viaje sem pressa.

A sinistralidade rodoviária não é uma fatalidade e as suas consequências mais graves podem ser evitadas através da adoção de comportamentos seguros na estrada.

 

GNR Guarda-Seia – Recuperação de material furtado

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Gouveia,  constituiu arguidos dois homens de 18 e 19 anos e recuperou vário material furtado, no concelho de Seia.

No âmbito de uma denúncia a informar que teria ocorrido um furto numa quinta, os militares da Guarda de imediato iniciaram diligências policiais, que permitiram localizar os suspeitos e proceder à recuperação do material furtado, no valor estimado de 3 mil euros, destacando-se:

  • Três marcadores de paintball;
  • Duas máscaras de proteção;
  • Dois coletes;
  • 10 garrafas de CO2;
  • Três sacos de “munições” de paintball;
  • Uma guitarra.

Os suspeitos foram constituídos arguidos e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Seia.

GNR- Atividade operacional diária de 5 a 11 de agosto

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre os dias 5 de agosto e 11 de agosto, que visaram, não só, a prevenção e o combate à criminalidade e à sinistralidade rodoviária, como também a fiscalização de diversas matérias de âmbito contraordenacional, registando-se os seguintes dados operacionais provisórios:

 

  1. Detenções: 527 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 247 por condução sob o efeito do álcool;
  • 140 por condução sem habilitação legal;
  • 49 por tráfico de estupefacientes;
  • 13 por violência doméstica;
  • Nove por furto e roubo;
  • Nove por posse ilegal de armas e arma proibida.

Ler Mais »

GNR Guarda | Guarda – Constituído arguido por crime de condução perigosa

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal de Acidentes de Viação (NICAV) do Destacamento de Trânsito (DT) da Guarda, , constituiu arguido um homem de 25 anos, pelos crimes de condução perigosa, falta de habilitação legal e ofensas à integridade física decorrente de um acidente de viação, no concelho da Guarda.

No seguimento de um atropelamento com fuga, os militares do NICAV deslocaram-se de imediato para o local onde desenvolveram várias diligências de investigação que culminaram com a identificação e localização do suspeito, bem como a viatura interveniente no acidente.

A vítima, um homem de 22 anos, sofreu ferimentos graves e foi encaminhado para a Unidade Local de Saúde da Guarda, a fim de receber tratamento hospitalar.

O suspeito foi constituído arguido e os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial da Guarda.

GNR Guarda | Seia – Operação Vulcano – 29 detidos e apreendidas mais de 1 600 doses de estupefacientes

O Comando Territorial da Guarda, através do Destacamento Territorial de Gouveia, entre os dias 4 e 8 de agosto, deteve 29 pessoas com idades compreendidas entre os 16 e os 57 anos, por vários crimes, no âmbito de uma operação especial de prevenção criminal, no concelho de Seia.

A operação especial de prevenção criminal incidiu na prevenção e combate à criminalidade, bem como o reforço do sentimento de segurança junto da população em geral. No decorrer da ação foram detidas 29 pessoas com idades compreendidas entre os 16 e os 57 anos, pelo crime de posse de arma proibida, tráfico de estupefacientes, condução sob o efeito do álcool e por condução sem habilitação legal, tendo sido ainda elaborados 35 autos de contraordenação por consumo de estupefacientes, para além do auxílio prestado a diversos condutores e transeuntes.

Durante a ação foi ainda aprendido diverso material, destacando-se:

  • 895 doses de cocaína;
  • 346 doses de haxixe;
  • 256 doses de liamba;

GNR-Operação “ROADPOL – SPEED” na estrada

A Guarda Nacional Republicana (GNR), realiza entre os dias 8 e 14 de agosto realiza uma operação de fiscalização rodoviária direcionada para controlo de velocidade, em todo o território nacional continental, orientando as ações de fiscalização para as vias mais críticas à sua responsabilidade e onde se verifique uma maior sinistralidade e infração aos limites de velocidade. Com esta ação, pretende-se também sensibilizar a sociedade, para a importância da adoção de comportamentos mais seguros por parte dos condutores, tendo em vista a promoção da segurança rodoviária e a salvaguarda de vidas humanas.

A RoadPol é uma organização que foi estabelecida pelas polícias de trânsito da Europa, com a finalidade de melhorar a segurança rodoviária e a aplicação da lei nas estradas. Estas operações, de âmbito europeu, têm como principal finalidade a criação de um ambiente rodoviário mais seguro através de uma intervenção simultânea sobre as principais causas de acidentes, procurando desta forma influenciar positivamente os condutores, levando-os a adotarem comportamentos que privilegiem uma condução segura em detrimento de comportamentos de risco, como o excesso de velocidade.

Em 2021 a GNR registou um total de 69.186 acidentes de viação, sendo que destes, pelo menos, 3.564 acidentes tiveram como a sua principal causa a velocidade excessiva ou o excesso de velocidade. Relativamente à fiscalização da velocidade foram no ano transato registadas 142.721 infrações.

GNR- Atividade operacional diária nesta semana

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre os dias 29 de julho e 4 de agosto, que visaram, não só, a prevenção e o combate à criminalidade e à sinistralidade rodoviária, como também a fiscalização de diversas matérias de âmbito contraordenacional, registando-se os seguintes dados operacionais provisórios:

 

  1. Detenções: 552 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 211 por condução sob o efeito do álcool;
  • 111 por condução sem habilitação legal;
  • 58 por tráfico de estupefacientes;
  • 19 por furto e roubo;
  • 17 por posse ilegal de armas e arma proibida;
  • Nove por violência doméstica;
  • Quatro por incêndio florestal.

 

  1. Apreensões:
  • 7 499,88 doses de haxixe;
  • 1 887 selos de LSD;
  • 1 306,95 doses de cocaína;
  • 928,8 doses de heroína;
  • 764,884 doses de liamba;
  • 18 comprimidos de MDMA;
  • Oito doses de óleo de canábis;
  • 28 armas de fogo;
  • 14 armas brancas ou proibidas;
  • 446 munições;
  • 15 viaturas.

 

  1. Trânsito:

Fiscalização: 7 628 infrações detetadas, destacando-se:

  • 1 720 excessos de velocidade;
  • 494 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 471  por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 315 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • 234 relacionadas com anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização;
  • 225 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;
  • 210 por falta de seguro de responsabilidade civil;
  • 171 relacionadas com tacógrafos.

 

GNR no Dia dos Avós

O Comando Territorial da Guarda, através dos militares das Secções de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário esteve presente,  em algumas iniciativas alusivas ao Dia dos Avós.
“Netos à mistura” foi uma das atividades que concentrou cerca de três centenas de participantes no Parque de Merendas da Miuzela.
Teve como destinatários os idosos integrados nas IPSS’s, as crianças a frequentar a CAF e o público-alvo abrangido pelas atividades do CLDS 4G de Almeida.
Do programa constaram vários momentos de convívio, animação e diversão, nomeadamente, uma demonstração de Meios Cinotécnicos do Comando Territorial da Guarda e uma ação de sensibilização na localidade de Santo Amador, que teve como objetivo consciencializar a população para a não discriminação das pessoas idosas para a construção de um mundo mais justo e igualitário.
O CLDS 4G Seia, também não quis deixar passar em branco esta data e proporcionou momentos lúdicos e intergeracionais entre avós e netos, associando-se aos grupos séniores que tem vindo a dinamizar “Geração em Ação” na União de Freguesias de Santa Marinha e S. Martinho, juntamente com a Associação Juvenil de S. Martinho e com a Junta de Freguesia de Valezim.
As atividades realizaram-se nas piscinas de S. Martinho, onde foi possível assistir a uma ação de sensibilização de “Medidas de segurança preventiva” ministrada pelos militares da Secção de Prevenção Criminal Policiamento Comunitário do Destacamento Territorial da GNR de Gouveia.

GNR Guarda – Pinhel – Recolha de cegonha branca juvenil

O Comando Territorial da Guarda , através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Pinhel, no dia 25 de julho, recolheu uma cegonha branca juvenil (Ciconia ciconia), na localidade de Pinhel.

Na sequência de um alerta a dar conta que um popular tinha encontrado uma cegonha branca juvenil, os elementos do NPA deslocaram-se ao local, onde procederam à sua recolha, apurando que se encontrava bastante debilitada, não apresentando nenhum ferimento visível.

No seguimento da ação, a ave foi transportada e entregue no Centro de Ecologia, Recuperação e Vigilância de Animais Selvagens (CERVAS) em Gouveia para monitorização e recuperação do seu estado de saúde e posterior devolução ao seu habitat natural.

A Guarda Nacional Republicana, através do Serviço da Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA), tem como preocupação diária a proteção ambiental e dos animais. Para o efeito, poderá ser utilizada a Linha SOS Ambiente e Território (808 200 520) funcionando em permanência para a denúncia de infrações ou esclarecimento de dúvidas.