Templates by BIGtheme NET
Início » Economia » Fornos de Algodres e Vila Nova de Tázem deixam de ter Balcão do BPI

Fornos de Algodres e Vila Nova de Tázem deixam de ter Balcão do BPI

Esta é uma notícia que que à muito era esperada, devido aos cortes que o BPI tem feito ao longo deste ano 2016, assim sendo 76 balcões desta instituição bancárias encerram neste ano.
Apesar de termos a informação, já algum que este cenário era possível, mas só agora o divulgamos porque existe a certeza e divulgação oficial que as dependências vão mesmo encerrar, a 30 de setembro, nestas duas localidades do distrito da Guarda, para não criar instabilidades nas populações de ambas localidades.

Assim sendo, quer para as gentes de Fornos de Algodres e Vila Nova de Tázem este encerramento obriga -os a deslocar fora dos seus concelhos, se quiserem continuar a ser clientes  deste Banco.
O que vai acontecer é esta instituição bancária perder imensos clientes para outros bancos.
Este encerramento acresce ao já verificado de 76 agências no primeiro semestre, avança a Lusa difundida pelos sites noticiosos.
Segundo a circular interna do banco 11 estão localizados no Centro e nas Ilhas: Fornos de Algodres, Vila Nova Tazém, Arganil, Tábua, Miranda do Corvo, Óbidos, Torres Vedras – Sul, Cadaval, Torres Novas – Santa Maria, Funchal – Ajuda e Funchal – Largo da Igrejinha.
Na zona Norte, vão fechar mais oito agências (Viana do Castelo – Darque, Braga – Maximinos, Ronfe, Maia – zona industrial, Vila Boa do Bispo, Pinhão, Lourosa – Vendas Novas e Cucujães) e na zona Sul vão encerrar outras seis (Carcavelos, Álvares Cabral, Vale de Milhaços, Atalaia, Santo André e Faro – Montenegro), de acordo com este documento.

Por:António Pacheco  e Agência Lusa

Publicidade...



 

Enviar Comentário