Início » Distrito da Guarda » Grupo PS Assembleia Freg.Guarda apresentou diversas propostas

Grupo PS Assembleia Freg.Guarda apresentou diversas propostas

Em comunicado o Grupo do Partido Socialista na Assembleia de Freguesia da Guarda
à Junta de Freguesia da cidade mais alta, deixa as propostas que daí sairam:para que se apoie a campanha de vacinação contra a covid-19, a referenciação de cidadãos em situação de isolamento como forma de facilitar a sua convocatória para a vacinação, a criação de uma plataforma de levantamento de necessidades de apoio aos cidadãos e a criação de um gabinete de apoio aos cidadãos em situação de maior vulnerabilidade

No âmbito do estipulado pelo n.o 3, do artigo 5.o, da Lei n.o 24/98, de 26 de maio, que consagra
o Estatuto do Direito de Oposição, nomeadamente sobre o direito de os partidos políticos
representados nos órgãos deliberativos das autarquias locais e que não façam parte dos
correspondentes órgãos executivos, ou que neles não assumam pelouros, poderes delegados
ou outras formas de responsabilidade direta e imediata pelo exercício de funções executivas,
serem ouvidos sobre as propostas dos respetivos orçamentos e planos de atividade, o Grupo do
Partido Socialista na Assembleia de Freguesia da Guarda (GPS AFG) teve a oportunidade de
apresentar à Junta de Freguesia desta cidade, a 16 de novembro de 2020, 11 propostas sobre as
prioridades que julga deverem ser definidas para o ano de 2021.
Neste pacote de propostas, o GPS AFG incluiu medidas que acredita serem de particular
importância e que requerem o envolvimento e a proatividade da autarquia, enquanto agente
do poder local de proximidade, no combate à COVID-19.
Assim, o GPS AFG propôs que seja produzido um levantamento das necessidades de
administração de vacinas na Freguesia contra a COVID-19.
Adicionalmente, sugeriu-se que a Junta de Freguesia diligencie contactos junto das autoridades
de saúde e demais entidades responsáveis e disponibilize os seus serviços no sentido de apoiar
a criação de um, ou mais, centros de vacinação contra a COVID-19 na Guarda, como estruturas
de apoio para receber utentes, em caso de necessidade, que venham a ser convocados para a
próxima fase da campanha de vacinação, apoiando ativamente uma missão que assume uma
importância fundamental junto dos cidadãos, e garantindo o cumprimento do plano de
vacinação de uma forma mais célere e eficaz.
De igual forma, o GPS AFG propôs à Junta de Freguesia, na última Sessão da Assembleia de
Freguesia, realizada a 29 de dezembro de 2020, que assumisse o seu papel de agente autárquico
de maior de proximidade aos cidadãos, através do apoio à identificação da população em
situação de isolamento ou com menor capacidade de autonomia, que reúna as condições para
a segunda fase de vacinação, auxiliando, dessa forma, o processo da convocatória e de
transmissão de informação a essas pessoas e respetivo núcleo familiar.
O GPS AFG partilhou, ainda, com o executivo, a sua visão de que o plano de atividades e
orçamento de uma Freguesia como a da Guarda não pode, em absoluto, ser alheio às
preocupações que resultam da situação excecional que vivemos, por força das consequências
da pandemia por COVID-19, devendo, por isso, evidenciar, de forma clara, pragmática e objetiva,
uma imperativa aproximação das suas prioridades às carências da comunidade que se propõe
servir, atendendo, de modo particular, às prioridades social e sanitária, considerando as reais
necessidades e dificuldades que ameaçam, atualmente, a população da nossa Freguesia.
Neste sentido, o GPS AFG propôs, também, a criação de uma plataforma para levantamento
de necessidades de apoio a associações, instituições e cidadãos, um espaço digital para onde
possa ser remetido, de forma rápida e simples, à Junta de Freguesia, qualquer tipo de
necessidade de apoio, competindo à autarquia o seu tratamento ou encaminhamento célere às
entidades responsáveis, bem como a criação de um gabinete permanente de apoio ao cidadão,
digital e telefónico, de forma a prestar apoio social, psicológico entre outros, constituído por
profissionais formados, credenciados e qualificados para o efeito.
Em suma, o GPS AFG acredita que tempos extraordinários nos devem obrigar a executar ações
extraordinárias”.

Publicidade...



 

Enviar Comentário