Templates by BIGtheme NET
Início » Seia (Pagina 80)

Seia

ADRUSE fez hoje entrega de contratos LEADER na iniciativa “Seia Empreende e Inova”

A ADRUSE – Associação de Desenvolvimento Rural da Serra da Estrela,
enquanto entidade gestora do Subprograma 3 do PRODER – Dinamização das
Zonas Rurais/Abordagem LEADER, vai fazer a entrega formal dos contratos
de financiamento aos beneficiários dos Pedidos de Apoio aprovados nas
Medidas 3.1 – Diversificação da Economia e Criação de Emprego e Medida
3.2 – Melhoria da Qualidade de Vida. Na área
de intervenção da ADRUSE (que abrange os concelhos de Celorico da
Beira, Fornos de Algodres, Gouveia, Manteigas e Seia) foram
implementados 74 projetos, traduzidos num investimento total de
9.328.530,15€ e na criação de 91 postos de trabalho que fomentam e
dinamizam a economia de base local. A cerimónia,  teve lugar no CISE –
Centro de Interpretação da Serra da Estrela , está integrada na iniciativa “Seia Empreende e Inova”,
promovida pelo município de Seia no âmbito da “Semana Europeia das PME”,
coordenada pela Comissão Europeia e que tem por objetivo promover o
empreendedorismo em toda a Europa, em conformidade com o “Small Business
Act” designadamente no que respeita a orientações relativas a PME.
fonte:Adruse

António J.Seguro vence no distrito da Guarda, mas António Costa vence a nivel nacional nas Primárias do PS

Assim sendo depois de largo trabalho de campanha, os candidatos do PS, Antonio j.seguro e Antonio Costa foram a eleições e saiu vencedor por larga escala , o atual presidente da câmara de Lisboa, Antonio Costa.

Concelhos Apurados: 14 de 14
Secções Apuradas: 14 de 14
Descrição Inscritos Votantes António Costa António José Seguro Brancos Nulos Abstenção
Total % Total % Total % Total % Total % Total %
AGUIAR DA BEIRA 344 303 88.08% 62 20.46% 236 77.89% 3 0.99% 2 0.66% 41 11.92%
ALMEIDA 120 77 64.17% 42 54.55% 35 45.46% 0 0.00% 0 0.00% 43 35.83%
CELORICO DA BEIRA 910 673 73.96% 83 12.33% 585 86.92% 2 0.30% 3 0.45% 237 26.04%
FIGUEIRA DE CASTELO RODRIGO 247 177 71.66% 50 28.25% 127 71.75% 0 0.00% 0 0.00% 70 28.34%
FORNOS DE ALGODRES 381 307 80.58% 222 72.31% 84 27.36% 0 0.00% 1 0.33% 74 19.42%
GOUVEIA 391 347 88.75% 215 61.96% 130 37.46% 1 0.29% 1 0.29% 44 11.25%
GUARDA 689 512 74.31% 302 58.98% 206 40.23% 1 0.20% 3 0.59% 177 25.69%
MANTEIGAS 126 104 82.54% 74 71.15% 29 27.89% 1 0.96% 0 0.00% 22 17.46%
MÊDA 215 185 86.05% 117 63.24% 68 36.76% 0 0.00% 0 0.00% 30 13.95%
PINHEL 85 68 80.00% 41 60.29% 27 39.71% 0 0.00% 0 0.00% 17 20.00%
SABUGAL 221 118 53.39% 31 26.27% 86 72.88% 1 0.85% 0 0.00% 103 46.61%
SEIA 717 576 80.34% 222 38.54% 351 60.94% 1 0.17% 2 0.35% 141 19.67%
TRANCOSO 128 88 68.75% 49 55.68% 37 42.05% 1 1.14% 1 1.13% 40 31.25%
VILA NOVA DE FOZ CÔA 762 596 78.22% 61 10.24% 527 88.42% 3 0.50% 5 0.84% 166 21.79%
Total -GUARDA

António Costa–38.03%
António J..Seguro–61.20%

CIMSE e ADRUSE realizam Missões Empreendedoras com jovens da Serra da Estrela

O projeto de empreendedorismo
“IDEIAS Serra da Estrela”, promovido pela CIMSE – Comunidade Intermunicipal da
Serra da Estrela e dinamizado pela ADRUSE – Associação de Desenvolvimento Rural
da Serra da Estrela, culminou com a realização das Missões Empreendedoras
constituídas pelos alunos e professores vencedores dos Concursos de Ideias.

Os jovens da Serra da Estrela
tiveram oportunidade de conhecer diferentes realidades empreendedoras,
partilhar experiências conjugando aspetos lúdicos, culturais e pedagógicas
através de visitas a espaços inovadores e locais emblemáticos.
A “Missão Barcelona” incluiu os
alunos do Instituto de Gouveia e da Escola Superior de Turismo e Hotelaria do
IPG, em Seia, vencedores do Concurso Supramunicipal. Ao longo de quatro dias,
os jovens visitaram a incubadora Barcelona Activa e outras Startups onde
puderam  observar  projetos 
inovadores resultantes da capacidade empreendedora de gente que transforma
ideias em sucesso empresarial. Esta viagem teve ainda uma componente cultural e
proporcionou a visita a locais emblemáticos da capital da Catalunha como a
Catedral da Sagrada Família ou a Casa de Batló de Gaudi. Uma experiência única
e enriquecedora que teve como orientação o conceito de empreendedorismo, como
refere Cristina Bartolomeu, professora que acompanhou o grupo de alunas do
Instituto de Gouveia: “A chegada a Barcelona surge no culminar de um conjunto
de etapas partilhadas em equipa rumo ao Empreendedorismo. Este foi o conceito
que nos uniu neste desafio, com uma visão mais otimista, ouvimos com atenção e
observámos a forma como projetos empreendedores nascem e são apoiadas nas
startups e incubadoras que visitámos. A vertente cultural, programada para os
últimos dias da viagem, foi outro fator que enriqueceu esta Missão.”
A “Missão Empreendedora a Lisboa”
levou à capital os alunos vencedores do 3º ciclo do Concurso Supramunicipal que
representaram a Escola Evaristo Nogueira, de S. Romão, no concelho de Seia. Os
restantes alunos, da Escola Básica e Secundária de Fornos de Algodres e da
Escola Profissional da Serra da Estrela, que visitaram Lisboa foram os
vencedores dos Concursos de Ideias de Fornos de Algodres e de Seia. Do programa
da Missão constou uma visita à Vodafone Labs Lisboa, à Startup Tech, Startup
Comércio e ao Tagus Park constituídas por incubadoras que permitiram aos jovens
contactar com realidades inovadoras e tecnologicamente pioneiras, onde as
ideias foram transformadas em sucesso empresarial. A Fundação Champalimaud,
líder mundial na inovação científica e tecnológica, que desenvolve programas
avançados na área biomédica, foi outro dos locais visitados.
“Foram, sem dúvida, três dias
intensos, extremamente enriquecedores, que deixaram “sementinhas” de
empreendedorismo nos nossos alunos. Quem sabe se um dia, as experiências
vivenciadas, constituirão fonte de inspiração para a criação e desenvolvimento
de ideias de negócio?”, afirma Cristina Albino, professora que acompanhou os alunos do 3º
ciclo da Escola Evaristo Nogueira, que termina o seu testemunho lembrando as
palavras  de Benjamin Franklin: “Diz-me
e eu esqueço, ensina-me e eu recordo, envolve-me e eu aprendo” .
São João da Madeira, reconhecida
como Cidade do Trabalho e detentora de uma grande diversidade empresarial e
industrial, recebeu o grupo de alunos da Escola Abranches Ferrão, em Seia. Nesta
Missão os jovens, a frequentar o 3º ciclo, tiveram a possibilidade de visitar a
empresa de feltros para chapéus, a FEPSA, o Museu da Chapelaria e a única fábrica de lápis em Portugal, a centenária Viarco.
No entender de Álvaro Passeira,
professor orientador do grupo de alunos da Escola Abranches Ferrão, “Uma viagem
oportuna e memorável pois representou uma oportunidade inesquecível para vermos
como funcionam por dentro as empresas bem sucedidas da cidade do trabalho.”
 Através das Missões Empreendedoras, os jovens
da serra da Estrela tiveram oportunidade de partilhar realidades onde o
empreendedorismo e a inovação assumem um papel decisivo no desenvolvimento do
país. 
Refira-se que através do projeto
“Educação para o Empreendedorismo” a CIMSE e a ADRUSE envolveram 18 escolas, do
ensino básico ao ensino superior, 44 professores num total de 681 alunos que ao
longo de vários meses promoveram as suas capacidades para práticas
empreendedoras, espírito de iniciativa e que acreditam que o futuro passa pela
serra da Estrela.

fonte:Adruse

A Volta a Portugal passa em Seia

Seia recebe 7ª etapa da Volta a Portugal em Bicicleta

volta_a_portugal
Na próxima quinta-feira, dia 7
de agosto, a Volta a Portugal em Bicicleta vai passar em Seia, num
circuito que se inicia em Belmonte e termina na Torre, ponto mais alto
de Portugal Continental.

Os ciclistas favoritos à
vitória final na Volta a Portugal em bicicleta andam “adormecidos” e
parecem apostar tudo na etapa da Serra da Estrela da próxima
quinta-feira. Até lá o camsiola amarela Gustavo Veloso, da OFM, vai
amealhando segundos que podem ser determinantes nas contas finais.
Hoje
corre-se a sexta etapa que liga Oliveira do Bairro a Viseu na distância
de 155 km de baixo grau de dificuldade. Os “sprinters” voltam a ter uma
oportunidade para tentarem a vitória numa etapa. Depois de quatro etapas
sucessivas de montanha, o pelotão tem pela frente 155 quilómetros
praticamente planos. Com a saída de Oliveira do Bairro marcada para as
13h40, a corrida vai seguir rumo à primeira meta volante, na Ponte sobre
o Rio Águeda (quilómetro 44,7), situada antes da única contagem de
montanha da sexta tirada, de segunda categoria, no Caramulo (79,3).
Seguem-se as metas volantes de Tondela (99,8) e de Viseu (133,4), com o
pelotão a passar uma vez na meta antes da decisão da etapa. Se mantiver a
amarela no final do dia, o espanhol Gustavo Veloso irá passar o dia de
descanso na qualidade de líder da 76.ª Volta a Portugal. Quanto aoas
favoritos continuam na expetativa e quando o deixaremd e estar pode ser
tarde. León Sanchez, da Caja Rural, no segundo lugar a 29 segundos, anda
escondido a fazer uma corrida discreta à espera do momento chave para
chegar ao topo. Os portugueses Edgar Pinto (3.º), Ricardo Mestre (5.º),
Joni Brandão (6.º), Rui Sousa (9.º) e Hernâni Broco (10.) parecem
demasiado preocupados uns com os outros e sem conseguirem identificar os
principais adversários a abater, em especial, Gustavo Veloso (1.º),
León Sanchez (2.º) e Délio Fernandez (4.º). Ainda, no âmbito da 7ª etapa
da Volta a Portugal em Bicicleta, a RTP transmite em direto, a partir
da torre, na próxima quinta-feira, o programa “Há Volta”, por volta das
14 horas. O programa, aberto ao público, para além dos habituais
momentos musicais, vai contar com intervenções de várias
individualidades e coletividades do concelho. A 7ª etapa será rainha,
com um sobe e desce constante na serra da Estrela, num total de 172,5
km.

Fábrica de Calçado ARA continua a apostar fortemente em Seia

A
multinacional alemã Ara anunciou esta segunda-feira, 21 de Julho, que
transferiu a produção do seu “best-seller” para a fábrica de Seia. Este
modelo será “um dos principais impulsionadores do aumento do volume de
produção” da unidade portuguesa, que no final deste ano vai ultrapassar a
fasquia do milhão de pares de sapatos.

Só a linha München, que é a mais vendida pela marca, vai contribuir com cerca de 172 mil pares,
dos quais 117 mil dizem respeito à colecção Outono / Primavera. Segundo
explicou fonte oficial, a transferência da produção deste modelo para
Seia – onde os alemães estão desde 1991 e empregam perto de 320 pessoas –
é resultado de um investimento recente de três milhões de euros.

Em causa esteve a instalação de uma DIP (injecção directa de
poliuretano) na fábrica de Seia, uma tecnologia que criou mais de 50
novos postos de trabalho e cuja implementação vem permitir agora a
produção de uma “diversidade mais extensa de modelos” deste calçado de
conforto.
Presente em Portugal desde 1974 – encerrou entre 2006 e
2009 as suas duas unidades industriais em Vila Nova de Gaia, onde
chegou a empregar mais de mil trabalhadores –, a Ara Shoes Portuguesa
factura cerca de 20 milhões de euros por ano. Só a partir de 2003 é que
os sapatos Ara passaram a estar à venda nas sapatarias portuguesas,
contando actualmente com cerca de 40 pontos de venda no País.
fonte:MB-Seia

Seia comemora feriado municipal com atividades

O 28.º aniversário da
elevação de Seia a cidade vai ser comemorado amanhã com várias
atividades que incluem a atribuição de Campânulas de Mérito Municipal a
pessoas e a instituições do concelho que contribuíram para o seu
desenvolvimento.

A Câmara Municipal vai
homenagear Alcides Henriques (provedor da Santa Casa da Misericórdia de
Seia), Licínio Pina (presidente do conselho de administração da Caixa de
Crédito Mútuo da Serra da Estrela), Fernando Mamede Mendes (ex-jogador
do Sporting) e os proprietários do empreendimento turístico Casas da
Lapa. Na mesma cerimónia, a realizar pelas 14h30, no auditório da Casa
Municipal da Cultura de Seia, serão também atribuídos prémios de mérito
escolar a 10 alunos do concelho. Naquele dia, a autarquia de Seia, em
parceria com os CTT, também fará o lançamento de um selo comemorativo da
atribuição, em 1514, dos forais manuelinos a sete localidades do
concelho. No âmbito da programação do Feriado Municipal será ainda
inaugurada uma exposição de arte plástica e fotografia intitulada
“Quando o tempo faz a curva”, da autoria de Paulo Paz.
fonte:Beira .pt

Balanço da ADRUSE sobre o projeto “Ideias da Serra da Estrela”

ADRUSE
envolve mais de 600 jovens em projeto de empreendedorismo
Pelo terceiro ano consecutivo, a ADRUSE
implementou nas escolas o projeto de empreendedorismo que visa dotar os jovens
de competências que permitam desenvolver a sua capacidade criativa, inovadora e
assertiva no desenvolvimento da região.

“Brincar às Ideias”, dirigidas aos alunos
do primeiro e segundo ciclos, no âmbito do Plano de Aquisição Competências e
Animação da ADRUSE, e “Ideias da Serra da Estrela”, orientadas para o terceiro
ciclo, ensinos secundário, profissional e superior, apoiada pela CIM Serra da
Estrela e das Beiras, envolveram um total de 625 jovens, 42 professores e 16
escolas.
O Concurso Intermunicipal “Ideias Serra da
Estrela”, realizado em Fornos de Algodres, foi a etapa final da iniciativa
Ideias Serra da Estrela. Os grupos de alunos do Instituto de Gouveia – Escola
Profissional, com o projeto “Píscaros”, baseado nos míscaros da região, e da
Escola Superior de Turismo e Hotelaria do IPG, foram os grandes vencedores da
final e ganharam o passaporte para a “Missão Barcelona”, onde os jovens da
Serra da Estrela vão ter a oportunidade de visitar a capital da Catalunha e
conhecer diferentes realidades empreendedoras, partilhar experiências
conciliando as vertentes lúdico, culturais e pedagógicas numa visita
inesquecível.
“Peixinhos em Lata”,
da Escola Secundária com 3º ciclo do Ensino Básico, o projeto “MagEPSE”, de um
grupo de alunos a frequentar o curso técnico profissional de Energias Renováveis
da Escola Profissional da Serra da Estrela e “Rebuçados Flor de Sabugueiro”, de
três alunos do 8º ano de escolaridade da Escola Evaristo Nogueira irão integrar
a Missão Lisboa. Um outro grupo do 8º ano, da Escola Dr. Abranches Ferrão que
defendeu o “Sr. Centeio” terá oportunidade de visitar S. João da Madeira,
conhecida por ser a Capital do Calçado e que atualmente apresenta um novo
produto turístico, o “Turismo Industrial projetando nacional e
internacionalmente o município através da indústria tradicional, passada e
presente, e nas novas indústrias tecnológicas e criativas”.Os Concursos de
Ideias, resultaram de um trabalho feito nas escolas dos municípios de Fornos de
Algodres, Gouveia e Seia onde foi desenvolvido um conjunto de atividades junto
dos jovens, com o objetivo de os dotar de competências que permitam desenvolver
a sua capacidade criativa, afirmativa e mais pró-ativa no desenvolvimento da
região. Foi possível sensibilizá-los para a importância do empreendedorismo
como forma de criar emprego, mas também como meio para a dinamização do
interior do país, sobretudo num território com traços bastante acentuados de
ruralidade e de baixa iniciativa empreendedora, onde persiste o espírito de
trabalhar por conta de outrem e não o da criação do próprio emprego.
O
projeto de empreendedorismo foi também implementado nas escolas do 1º e 2º
ciclos dos Agrupamentos de Escolas de Gouveia, Manteigas e Seia. Designado como
“Brincar às Ideias”, estiveram envolvidos na iniciativa 11 escolas, 30
professores e 441 alunos. Considerando o empreendedorismo como uma atitude
perante a vida, a ADRUSE entende que bem cedo deve ser trabalhada e estimulada
a criatividade criando as bases para uma cultura empreendedora nas atuais
gerações. Das atividades implementadas nas turmas do 1º e 2º ciclos resultaram
a criação de 17 livros e 7 jogos didático-pedagógicos, tendo como tema de fundo
a Serra da Estrela.
fonte:Adruse

Morgadinhos, Piscaros e sr Centeio vencem concurso de ideias

Decorreu na noite desta quarta-feira, a fase intermunicipal do Concurso de ideias, organizado pela Adruse, onde saíram vencedores:
Categoria 3ºciclo–Sr Centeio–Missão S.João da Madeira
Categoria secundário/profissional-Piscaros–Missão Barcelona
categoria ensino superior–Morgadinhos-missão Barcelona

Depois de três fases zonais na diversas localidades Seia, Fornos e Gouveia, foram assim apurados os vencedores de cada fase para esta Final onde ao qual tudo decorreu com naturalidade, no auditório da APSCDFA.
Assim após o júri e os presidentes dos três municípios terem dado uma palavra de incentivo ao jovens, se iniciou a audição e apresentação dos respectivos projetos.
Foram momentos muito saborosos, para o juri pois tiveram de provar algumas iguarias destes projetos que já eram realidade nesta noite, ao que se seguiu a reunião magna do juri para apurar os vencedores desta fase final.
Ainda desta forma, os projetos Flor de Sabugueiro e Peixinhos na lata, receberam a missão Lisboa.
Em suma, um projeto muito interessante que a equipa da Adruse, leva a efeito, ano após ano, onde cada jovem tenta apresentar ideias que no futuro possam de alguma maneira ser exequíveis.

Agrupamento de Escolas de Seia vai a Estrasburgo

O Concurso Euroscola visa
selecionar as escolas secundárias que vão estar presentes no Parlamento
Europeu, em Estrasburgo, nas Sessões EURSOCOLA em representação de
Portugal.
Este ano o tema, para pensar e trabalhar, foi “Crise Demográfica – Emigração, Natalidade e Envelhecimento”.

Na sessão nacional deste Concurso, que decorreu dias 26 e 27 de maio, no Centro de Apoio ao Cidadão da Assembleia da República, em Lisboa (CAC) – , estiveram presentes 20 escolas.
assim face a isso o agrupamento de escolas de seia foi o vencedor e vai assim representar o nosso País e também a região da serra da estrela.

|Lista final classificação|

ESCOLA

Agrupamento de Escolas de Seia
Escola Secundária Eça de Queirós
Agrupamento de Escolas de Aljustrel
Escola Básica e Secundária de Salvaterra de Magos
Escola Secundária Emídio Garcia
Colégio de Albergaria
Colégio Campos das Flores
Colégio do Rosário
Escola Secundária Calazans Duarte
Colégio de Campos
Escola Secundária de Campo Maior 
Escola Secundária José Falcão 
Escola Secundária Camilo Castelo Branco
Escola Secundária de Lagoa
Escola Secundária S. Pedro
Escola Secundária de Nelas
Escola Secundária do Fundão
Escola Secundária Públia Hortênsia de Castro 
Escola Secundária de Albufeira 
Escola Secundária Jaime Moniz
fonte:Portal da juventude

ADRUSE com novos órgãos sociais


A Câmara Municipal de Celorico da Beira
preside ao Conselho Fiscal, do qual também fazem parte a Câmara Municipal de Fornos
de Algodres e a Adega Cooperativa de S. Paio.
A presidir ao Conselho de Administração
permanece a Câmara Municipal de Seia, assegurando a vice-presidência a Câmara
Municipal de Gouveia. Como vogais vão estar a Caixa de Crédito da Serra da
Estrela, a Associação de Artesão da Serra da Estrela e ainda a Associação
Empresarial da Serra da Estrela.
fonte:Adruse