Templates by BIGtheme NET
Início » Distrito da Guarda » GNR Guarda– Prisão preventiva e pulseira eletrónica por violência doméstica na Guarda e Trancoso

GNR Guarda– Prisão preventiva e pulseira eletrónica por violência doméstica na Guarda e Trancoso

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE),  deteve um homem de 40 anos por violência doméstica, no concelho de Trancoso.

No âmbito de uma investigação por violência doméstica que decorria há cerca de um mês, os militares da Guarda apuraram que o suspeito exercia violência psicológica sobre a vítima, sua ex-mulher de 41 anos. No decorrer das diligências policiais, foi dado cumprimento a um mandado de detenção.

O suspeito foi presente ao Tribunal Judicial de Trancoso, tendo ficado sujeito a apresentações periódicas no posto policial da sua área de residência, proibição de aproximação e de contactos por qualquer meio a vítima num raio de 500 metros,controlado por pulseira eletrónica.

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), dia, deteve um homem de 29 anos por violência doméstica, no concelho de Guarda.

No âmbito de uma investigação por violência doméstica, os militares da Guarda apuraram que o suspeito ameaçava e exercia violência psicológica sobre a vítima, sua avó de 71 anos. Na sequência das diligências de investigação e atendendo ao escalar da violência, foi dado cumprimento a um mandado de detenção fora de flagrante.

O detido foi presente a primeiro interrogatório, no Tribunal Judicial da Guarda, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva 

Publicidade...