Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: viseu (Pagina 3)

Tag Archives: viseu

Duas novas licenciaturas no Instituto Piaget

O Instituto Piaget vai lançar duas novas licenciaturas, em Desporto e Educação Básica, no ano letivo 2021/2022, a lecionar no seu Campus de Vila Nova de Gaia.

Os dois cursos estão integrados na Escola Superior de Desporto e Educação Jean Piaget de Vila Nova de Gaia (ESDE JP/VN Gaia), uma nova unidade orgânica do Instituto Politécnico Jean Piaget do Norte, recentemente aprovado por decreto-lei do Governo.

Esta nova unidade orgânica beneficia do know-how acumulado pelo Instituto Piaget, o qual desenvolveu ao longo de mais de 40 anos ao serviço do ensino uma matriz formativa própria. Entre as marcas distintivas – para além do rigor científico e da qualidade do corpo docente – sobressaem a ação de proximidade permanente entre a comunidade docente e não docente e os alunos, bem como a presença assinalável do Instituto nos territórios onde está implantado (Vila Nova de Gaia, Viseu, Almada e Silves).

As candidaturas para as duas licenciaturas abriram esta semana, tanto para os estudantes provenientes do 12º ano (concurso institucional) como para aqueles que se candidatarem através do concurso especial de acesso a maiores de 23 anos ou dos concursos especiais para titulares de um curso profissional ou artístico. A todos os que se inscreverem na primeira fase é garantido um desconto de 5% na propina.

As duas licenciaturas que vêm enriquecer a atual oferta formativa do Instituto Piaget na zona norte dão continuidade à tradição na formação de profissionais no âmbito da educação (em que o Piaget já formou em Portugal mais de 25 mil educadores de infância e professores) e desporto.

Para Paula Rodrigues, docente no Campus de Vila Nova de Gaia, “o aumento considerável de emprego no desporto, de acordo com os dados da Direcção-Geral da Educação, Juventude, Desporto e Cultura da União Europeia, vem consolidar a importância que a formação de diplomados nesta área possui para dar resposta aos desafios do futuro”.

Paula Rodrigues acrescenta que “o 1.º ciclo de estudos em Desporto, possibilitando a especialização em duas variantes profissionais, Exercício e Saúde ou Treino Desportivo, visa formar profissionais com competências académicas, de índole científica, pedagógico-didática e metodológica, capazes de responder de forma rigorosa às necessidades do sistema desportivo e de atender às crescentes exigências, desafios e expectativas do mercado de trabalho”.

Por seu turno, Alcina Figueiroa, coordenadora da nova licenciatura de Educação Básica, destaca a elevada relevância que a área de educação tem vindo a assumir nas últimas décadas em contraponto ao facto de o corpo docente no ativo estar envelhecido, com 41% dos professores do ensino público a terem 50 e mais anos de idade. E conclui: “Esta licenciatura reúne os requisitos para ser uma referência na formação de profissionais na área da Educação, proporcionando aos estudantes formação avançada nas suas áreas fundamentais e perspetivando-se como uma valia inegável no progressivo desenvolvimento das profissões e nas exigências do mercado de trabalho”.

 

Futsal – Viseu acolhe jogos de preparação da Seleção AA

A turma das Quinas  principal de futsal, orientada por Jorge Braz, vai  disputar sete jogos de preparação , sendo cinco deles em Viseu.

Eis as datas dos encontros
18 de agosto, Rio Maior | Portugal x Japão
20 de agosto, Rio Maior | Portugal x Venezuela
26 de agosto, Viseu | Portugal x Angola
27 de agosto, Viseu | Portugal x Uzbequistão
29 de agosto, Viseu | Portugal x Costa Rica
3 de setembro, Viseu | Portugal x Paraguai
5 de setembro, Viseu | Portugal x Paraguai

Curso de Formação de Treinador de Basquetebol Grau I- Inscrições abertas

Vai ser realizado um curso organizado pelas cinco Associações de Basquetebol do Centro (Guarda, Castelo Branco, Viseu, Coimbra e Leiria), pela Federação Portuguesa Basquetebol e a Escola Nacional de Basquetebol na cidade de Coimbra. Sabendo da importância da realização deste Curso de Formação de Treinador de Basquetebol Grau I, as inscrições encontram-se abertas entre o dia 29 julho e 13 de agosto.

As condições de acesso ao curso, devem obedecer aos seguintes pré-requisitos, ter idade mínima de 18 anos, experiência de jogador de basquetebol, escolaridade mínima obrigatória, à data da emissão do diploma de qualificação.

A estrutura do curso é composta por três fases de formação:
-Componente Geral: em formato à distância [15/08 a 09/09] -Componente Específica: em regime presencial, dividida em 3 fases (inicial, intermediária, final) [10/09 a 12/9] e [17/9 a 19/09] -Estágio: uma época desportiva.

Rodrigo Correia estreia na Rampa do Caramulo

Jovem piloto de 17 anos alinha com o seu Kia Picanto GT Cup este fim-de-semana na Rampa do Caramulo pontuável para o Campeonato de Portugal de Montanha JC Group. Um batismo nesta disciplina automóvel e numa prova em que desenvolveu demonstrações de kart e freestyle em moto4 desde os 08 anos de idade.

“De pequenino se torce o pepino”. Esta expressão refere-se aos bons costumes, educação, que se dar às crianças desde o mais cedo possível. Uma frase que vem a propósito da participação de Rodrigo Correia na 30.ª edição na Rampa do Caramulo, prova a desenvolver este fim-de- semana pontuável para o Campeonato de Portugal de Montanha JC Group.
O jovem piloto de 17 anos de idade alinha na competição do Targa Clube, num traçado que lhe diz muito, já que, a partir dos 08 anos, era o convidado de eleição para demonstrações de kart e freestyle em moto4 naquele território do concelho de Tondela.
E como na vida há sempre uma primeira vez, Rodrigo Correia, campeão Nacional de Kartcross de Iniciados em 2019, com apenas 15 anos de idade e que participa atualmente no Kia Rally Cup integrado no Campeonato Nacional da especialidade, terá este fim-de-semana o seu batismo na Montanha aos comandos do seu Kia Picanto GT Cup, com motor 1000 Turbo GDI que debita 130cv.
«A Rampa do Caramulo vai ser muito interessante. Além de ser uma prova sem qualquer pressão, em que os resultados são o que menos interessam, é curioso poder competir ao ladode alguns pilotos nacionais que me viram crescer, desde os tempos em que efetuava demonstrações de kart e freestyle em moto4 e davam-me alento para nunca desistir da competição», referiu Rodrigo Correia.
Proveniente de Reigoso, concelho de Oliveira de Frades, o mais novo piloto português de ralis de sempre, confidenciou ainda que vai «comparecer na máxima tranquilidade, num novo capítulo da minha vida, mas acima de tudo porque mantenho um enorme carinho pelas atividades produzidas no Caramulo».
Refira-se que Rodrigo Correia alinha na Rampa Regional e terá como adversários circunstanciais António Correia (Citroën C1), Celso Fonseca (Citroën Saxo), José Loureiro (SeatIbiza), Abílio Aparício (Peugeot 205), Barbara Barros (Fiat Uno), José Borges (Peugeot 206 GTi) e Nelson Almeida (Peugeot 206 RC).

Covid-19-Guarda em risco elevado e Viseu muito elevado

Após nova reunião foi concluído que são mais de uma centena de concelhos em risco elevado ou muito elevado, onde se incluem Guarda em Risco Elevado e Viseu em Risco Muito Elevado.

55 concelhos de risco elevado
Águeda, Alcobaça, Alcoutim, Amarante, Anadia, Arruda dos Vinhos, Avis, Barcelos, Bombarral, Braga, Cadaval, Caldas da Rainha, Cantanhade, Cartaxo, Castelo de Paiva, Castro Marim, Chaves, Coimbra, Constância, Elvas, Estarreja, Fafe, Felgueiras, Figueira da Foz, Guarda, Guimarães, Leiria, Marco de Canaveses, Marinha Grande, Mogadouro, Montemor-O-Novo, Montemor-o-Velho, Murtosa, Óbidos, Ourém, Ovar, Paços de Ferreira, Paredes de Coura, Penafiel, Porto de Mós, Rio Maior, Salvaterra de Magos, Santa Maria da Feira, Santarém, Santiago do Cacém, São João da Madeira, Serpa, Torres Vedras, Trofa, Valpaços, Viana do Castelo, Vila do Conde, Vila Real, Vila Viçosa e Vizela.

Assim, 61 concelhos de risco muito elevado

Albergaria-a-Velha, Albufeira, Alcochete, Alenquer, Aljustrel, Almada, Amadora, Arraiolos, Aveiro, Azambuja, Barreiro, Batalha, Benavente, Cascais, Espinho, Faro, Gondomar, Ílhavo, Lagoa, Lagos, Loulé, Loures, Lourinhã, Lousada, Mafra, Maia, Matosinhos, Mira, Moita, Montijo, Nazaré, Odidelas, Oeiras, Olhão, Oliveira do Barrio, Palmela, Paredes, Pedrógão Grande, Peniche, Portimão, Porto, Póvoa de Varzim, Santo Tirso, São Brás de Alportel, Seixal, Sesimbra, Setúbal, Silves, Sines, Sintra, Sobral de Monte Agraço, Tavira, Vagos, Valongo, Vila do Bispo, Vila Franca de Xira, Vila Nova de Famalicão, Vila Nova de Gaia, Vila Real de Santo António e Viseu.

Por sua vez , temos 29 concelhos em situação de alerta:

Aljezur, Almeirim, Almodóvar, Amares, Beja, Bragança, Celorico de Basto, Cinfães, Cuba, Entroncamento, Esposende, Évora, Freixo de Espada à Cinta, Mealhada, Miranda do Douro, Mirandela, Montalegre, Moura, Odemira, Oliveira de Azeméis, Pombal, Ponte de Lima, Póvoa de Lanhoso, Resende, São João da Pesqueira, Tomar, Torres Novas, Vale de Cambra, Vila Pouca de Aguiar.

Cerca de cinco mil candidaturas à 4ª edição da Escola Amiga

 

Foram mais de 3600 as escolas portuguesas que se candidataram à 4ª edição da Escola Amiga, com um total de 4.858 candidaturas submetidas, o que representa um aumento de 153% (em número de escolas) e de 128% (em número de candidaturas) face à edição anterior.

A Escola Amiga, que tem como mentores a CONFAP, a LeYa e o psicólogo Eduardo Sá, tem como objetivo apoiar e incentivar uma escola que educa e é feliz, e pretende estimular as comunidades educativas e a sociedade em geral a olharem de forma renovada e inspirada para os aspetos fundamentais do desenvolvimento dos alunos.

Nesta 4ª edição e num segundo ano letivo atípico e com o ensino à distância, a Escola Amiga voltou a reinventar-se com a vontade de partilha, por parte de todos os que fazem da Escola um lugar melhor.

Uma Escola Amiga que continuou a dar resposta às novas formas de ensinar e aprender com a categoria “Escola em Casa”, a que responderam muitas candidaturas que, com a sua criatividade e com os seus afetos, mostraram que a escola vai muito além das suas paredes físicas.

Uma Escola Amiga que se abriu à comunidade envolvente e a novas experiências, motivando a partilha de milhares de projetos que se integram nas categorias: Alimentação e estilo de vida saudável; Cidadania/Inclusão e Atividades; Digital; Envolvimento da Família; Espaço Escolar; Sustentabilidade e Literacias.

O projeto vencedor vai ganhar cinco mil euros em livros LeYa, enquanto o projeto vencedor de cada categoria, no total de 8 categorias, recebe 1000€ em livros LeYa, uma oferta para a biblioteca da Escola. Existirão, à semelhança das edições anteriores, alguns prémios adicionais por categoria.

A 4ª edição da Escola Amiga contou com o apoio da Católica Porto Business School, Faculdade de Educação e Psicologia | Universidade Católica Portuguesa, Fábrica Centro Ciência Viva, Universidade de Aveiro, Ciência Viva, The Inventors, Fundação Altice, Associação ACEGIS, Ekui, Sociedade Ponto Verde, Associação Mutualista Montepio, Maped, Clube de LeYtura e REN.

Esta edição contou também com o apoio institucional do Ministério da Economia e da Transição Digital, do Ministério da Saúde e do Serviço Nacional de Saúde, do Ministério do Mar e do Ministério do Ambiente e da Ação Climática.

 

Alunos fornenses presentes na Sessão Nacional do Parlamento dos Jovens

Aconteceu ,na Escola Grão Vasco, em Viseu, a Sessão Nacional do Parlamento dos Jovens , deste modo, marcaram presença alunos do Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres.

Desta feita , a comitiva fornense foi composta pelos deputados Anaís Sá do Cabo e Duarte Nunes, assim como, a jornalista Matilde Fonseca, os quais participaram nos trabalhos com muito empenho.
Foto: AEFA

Nelas recebeu formação de Bombeiros

Recentemente os elementos de comando das corporações de bombeiros participaram em Nelas e que vai repetir-se em 22 e 23 junho com outros Corpos de Bombeiros, numa ação de formação para operador de máquina de rastos com turmas de 24 elementos, sendo a parte teórica no 1.º dia, que decorreu na sala orgânica do Edifício Multiusos e a parte prática no 2.º dia, na Quinta da Cerca, com apoio da “Bulldozer” da Câmara Municipal.
Frequentaram a formação Comandos dos Bombeiros de Seia, Penalva do Castelo, S. Pedro do Sul, Tondela, Cabanas de Viriato, Folgosinho, Famalicão da Serra, S. Martinho do Porto, Benedita, Caldas da Rainha, Batalha, Estarreja, Anadia, Albergaria, Sever do Vouga, Proença a Nova, Belmonte, Vila Velha de Rodão, Covilhã, Cantanhede, Coja, Mira, Pampilhosa da Serra e elementos da Força Especial de Proteção Civil abrangendo os 6 Distritos da Região que são Coimbra, Leiria, Viseu, Guarda, Castelo Branco e Aveiro.
A ação de treino operacional permitiu desenvolver aprendizagem de procedimentos e técnicas de abordagem no combate a incêndios rurais com Máquina de Rastos.
Foram igualmente abordadas técnicas e procedimentos nas ações de consolidação e rescaldo dos perímetros dos incêndios rurais com Máquina de Rastos.
Fotos: Mun.Nelas

Exposição itinerante “O futuro é amanhã!!

Teve lugar a inauguração da exposição itinerante “O futuro é amanhã!”. Deste modo, está patente na Quinta da Cruz – Centro de Arte Contemporânea de Viseu, a sessão de apresentação da exposição, entre outros, contou com as presenças do Secretário Executivo da Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho; e da Presidente de Câmara Municipal de Viseu, Conceição Azevedo.

  Esta iniciativa procura dar resposta à necessidade de consolidar e divulgar os resultados patentes no Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas do território de Viseu, Dão e Lafões, estando enquadrada no projeto “O futuro é amanhã!”, cujo principal objetivo é motivar a reflexão, debate e divulgação da problemática das alterações climáticas. Este projeto abrange todos os alunos dos 14 municípios que compõem a CIM Viseu Dão Lafões, assim como professores e famílias.

  Aliando a promoção do sucesso educativo às alterações climáticas, o projeto “o futuro é amanhã!” apresenta-se enquanto espaço privilegiado, diferenciado e inovador de acesso ao conhecimento, assente em estratégias de intervenção baseadas na experiência e na reflexão sobre os fenómenos decorrentes das alterações climáticas, criando um espírito de conhecimento pela experiência e visualização. A mostra está aberta à comunidade em geral.

  A exposição pretende funcionar enquanto facilitador da descoberta da temática das alterações climáticas, partindo de questões simples e de desafios para mobilizar e captar a comunidade escolar na adoção de atitudes e comportamentos que atenuem e mitiguem os impactos negativos das alterações climáticas no território.

De acordo com o Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho “Esta exposição itinerante afigura-se como uma mais-valia na sensibilização da população para a adaptação às alterações climáticas na Região Viseu Dão Lafões”. 

“Atendendo aos eventos climatéricos a que temos assistido, a CIM adotou uma estratégia com vista a desenvolver uma literacia ambiental capaz de introduzir os conceitos de adaptação às alterações climáticas no nosso território, sendo que os alunos e a comunidade educativo assumem um papel estratégico na mudança de paradigma,” concluiu o Secretário Executivo.

A Exposição Itinerante “O Futuro é Amanhã!” poderá ser visitada até ao próximo dia 11 de junho