Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: 2021 magazine serrano (Pagina 3)

Tag Archives: 2021 magazine serrano

Centro de Portugal em destaque nos prémios Guia Boa Cama Boa Mesa

O Centro de Portugal voltou a estar em grande destaque nos prémios do “Guia Boa Cama Boa Mesa. Este ano, foram distinguidos dez hotéis e cinco restaurantes situados no território da região.

Os prémios, atribuídos ontem, são mais uma demonstração da qualidade cada vez sustentada da oferta do Centro de Portugal nas áreas da hotelaria e restauração. A região recebeu 4 Chaves de Ouro, 3 Chaves de Prata, 1 Garfo de Ouro e 1 Garfo de Platina na edição deste ano. Além destes, houve ainda 3 Prémios Resiliência para alojamentos e 3 Prémios Resiliência para restaurantes.

 

 

 

 

A equipa do guia do jornal “Expresso” distinguiu com a Chave de Ouro os seguintes alojamentos da região: Areias do Seixo Charm Hotel (Mexilhoeira, Torres Vedras), Casas do Côro (Marialva, Mêda), H2otel Congress & Medical SPA (Unhais da Serra, Covilhã) e Rio do Prado (Arelho, Óbidos). A Chave de Prata foi atribuída à Casa de São Lourenço – Burel Panorama Hotel (Manteigas), às Luz Charming Houses (Fátima, Ourém) e ao Sapientia Boutique Hotel (Coimbra).

 

 

 

 

A nível da restauração, foram premiados dois projetos emblemáticos do Centro de Portugal. O “Boa Cama Boa Mesa” distinguiu o Rei dos Leitões (Mealhada) com um Garfo de Platina e o Mesa de Lemos (Silgueiros, Viseu) com um Garfo de Ouro. De assinalar que apenas foram atribuídos quatro Garfos de Platina e nove Garfos de Ouro em todo o país.

Num ano excecional, o guia “Boa Cama Boa Mesa” fez questão de distinguir igualmente a resiliência de uma área da economia que muito sofreu com a pandemia. Segundo o guia, “foram escolhidos simbolicamente 10 restaurantes e 10 alojamentos, tendo em conta critérios como o apoio à população local e aos profissionais de saúde, o investimento em tempo de crise e a capacidade de reinvenção, transversal ao setor”.

Na região Centro de Portugal, foram distinguidos três alojamentos e três restaurantes. Foram eles, nos alojamentos, a Casa da Cisterna (Castelo Rodrigo), o Evolutee Hotel (Óbidos) e o Pena D’Água Boutique Hotel & Villas (Covilhã); e, nos restaurantes, O Açude (Coimbra), Palace (Viseu) e Salpoente (Aveiro).

Prémio Carreira para Lurdes Graça, do Manjar do Marquês

Este ano, os prémios do “Guia Boa Cama Boa Mesa” entregaram o Prémio Carreira a duas personalidades que se distinguiram pelo trabalho na restauração. Uma delas é Lurdes Graça, do Manjar do Marquês, em Pombal, um restaurante com muita História na região Centro de Portugal. Aos 89 anos, Lurdes Graça continua diariamente a trabalhar no restaurante que fundou em 1986!

É com grande satisfação que a Turismo Centro de Portugal regista que, ano após ano, o Boa Cama Boa Mesa continua a premiar os restaurantes e os hotéis da região. Os Garfos de Platina  e de Ouro, as Chaves de Ouro e de Prata e os Prémios Resiliência assumem um valor ainda maior, num ano tão difícil para o setor como foi o de 2020. Estas distinções são uma evidência da capacidade que os empresários do Centro de Portugal têm de constantemente se reinventarem, continuando a pautar os seus serviços por elevados padrões de qualidade, na gastronomia e no saber receber. Deixo, em particular, um aplauso muito especial à Dona Lurdes Graça, pelo seu justíssimo Prémio de Carreira, sublinha Pedro Machado, presidente da Turismo Centro de Portugal.

Os prémios “Boa Cama Boa Mesa” são dos mais prestigiados no setor da restauração e hotelaria em Portugal, reconhecendo, desde 2013, unidades que se destacam no nosso país.

Projeto Atua teve sucesso

O ATUA! Projeto de Empreendedorismo nas Escolas da Região,  promovido no âmbito do Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar (PIICIE), foi concebido com o objetivo de “inspirar comunidades educativas para a ação enquanto agentes de mudança do seu território, incentivando o  desenvolvimento das competências empreendedoras, fomentando a criação de uma geração de problema solvers”. Para atingir este objetivo foram desenvolvidos dois programas pedagógicos, “A Aventura da Estrela e do Mondego” e “Cria o Teu Futuro”, que viram nas últimas semanas a realização dos eventos finais!

Estes eventos foram momentos de grande entusiasmo e emoção para os quais, alunos e professores trabalharam cerca de 4 meses, encarando todos os desafios como oportunidades para empreender e surpreender. Todos os projetos e ideias desenvolvidas transmitiram os principais valores do Projeto, atingindo com sucesso os objetivos propostos, desde a ligação com o território, a criação de parcerias locais, o desenvolvimento de conceitos e projetos inovadores com preocupações locais e atuais. Foi de facto possível ver florescer competências empreendedoras contribuindo assim, para o crescimento da cultura empreendedora da Região!

O programa “Cria o teu futuro”, destinado ao Ensino Secundário (Regular/Profissional) culminou com o Concurso Supramunicipal de Ideias de Negócio “The Future Is You”, no passado dia 28 de maio. A grande Final Supramunicipal contou com o envolvimento de 48 alunos, orientados por 15 professores, que com igual determinação e afinco representaram os seus Municípios (Covilhã, Fundão, Gouveia, Guarda, Manteigas, Mêda, Sabugal, Seia e Trancoso), apresentando 20 incríveis ideias de negócio em formato vídeo-pitch. Estes vídeo-pitch foram avaliados por um Júri composto por Maria José Aguilar Madeira, (UBI-Universidade da Beira Interior), João Marques Gonçalves (Maken Project), e Sandra Maria Alvim (IAPMEI – Agência para a Competitividade e Inovação, I.P.).

O evento ficou marcado pelo reconhecimento da CIMBSE, das Direções de Escolas e respetivos 9 Municípios ali presentes, de todo o trabalho desenvolvido por alunos e professores, trabalhos que mostraram ser uma grande mais-valia para o futuro da Região! Foi também o momento da revelação dos vencedores do Concurso “The Future Is You”,  a ideia de negócio Liojic, promovido pelas alunas Margarida Carvalho, Mariana Justino e Beatriz Isidro do Agrupamento de Escolas do Fundão, orientadas pela Professora Maria João Baptista, atingiu o 1º lugar do pódio, seguindo-se “BikeParkEstrela”, ideia de negócio dos alunos Guilherme Marques, António Marques e André Almeida, orientada pela professora Ana Cristina Martins, da Instituto de Gouveia-Escola Profissional. Em 3º lugar ficou a ideia de negócio CFMR Moving Theatre, promovido pelas alunas Francisca Rodrigues, Marta Pereira e Rita Custóias, do Agrupamento de Escolas da Mêda, tendo sido orientadas pela professora Rosário Duarte. Também a todas as outras ideias, ficou também um claro reconhecimento de excelência pela qualidade e empenho demonstrado nas suas apresentações!

Segundo a professora Delfina Leal, do Sabugal “O envolvimento no Projeto ATUA!  criou novas perspetivas, novas aprendizagens e abriu novos horizontes numa área que não é muito abordada a nível curricular pelo que não poderia estar mais satisfeita com a participação dos alunos, pelo seu entusiasmo, motivação e vontade de fazer acontecer”.

O programa destinado ao 1º Ciclo “A Aventura da Estrela e do Mondego” também viu entre o dia 8 e o dia 14 de junho os eventos finais municipais. Estes também foram eventos online, transmitidos em direto na página do Projeto e partilhados por todos os Municípios, permitindo assim que a comunidade escolar e a comunidade local tivesse acesso às magnificas apresentações das 15 turmas envolvidas, as quais representam 291 alunos e 32 professores. Os alunos de Almeida, Covilhã, Fundão, Mêda e Seia mostram com grande entusiamos os vídeos que produziram para partilhar os seus projetos, peças de teatro ou jogos empreendedores que espelharam a sua descoberta pela Região e o verdadeiro espírito empreendedor desenvolvido.  

Ao longo de 5 dias de eventos, a Estrela e o Mondego, também marcaram presença e ficaram extremamente surpreendidos pela qualidade de todos os projetos apresentados! Todas as turmas agarram o desafio com tanta dedicação que foi possível envolver toda a comunidade educativa, desde os Professores titulares, professores das AEC’s, professores de apoio, pessoal não docente, pais e encarregados de educação, direções das escolas, o próprio Município e mais uns quantos parceiros que tornaram possível a concretização de projetos que foram muito mais além dos objetivos estabelecidos. Em todos os eventos, foi possível também contar com a presença de vários elementos das comunidades educativas, bem como, elementos dos Municípios, os quais partilharam palavras de grande apresso e reconhecimento pelo Projeto e pelo trabalho desenvolvido pelas escolas!

 

Jornadas Europeias de Arqueologia em Fornos de Algodres

Vão ter lugar no  Município de Fornos de Algodres, de 18 e 21 de junho  atividades para os alunos do 1º ciclo do Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres, com a realização de palestras e atividades lúdicas sobre a arqueologia e ainda a visualização de “Curtinhas” do Cine Eco de Seia.
O Município de Fornos de Algodres associou-se às Jornadas Europeias de Arqueologia (JEA), que este ano se realizam a 18, 19 e 20 de junho de 2021.
Dia 19 de junho haverá um ciclo de conferências destinado aos agentes turísticos do Município, com os temas:
– “A Importância da Arqueologia para o Turismo”, que tem como oradores o Dr. Pedro Carvalho, Professor Associado do Departamento de História, Estudos Europeus, Arqueologias e Artes, da Faculdade de Letras, da Universidade de Coimbra e Catarina Caetano, Técnica de Turismo / Guia Interprete da Sibana Tours;
– Medidas de Apoio ao Turismo (Investe2030).
No dia 20 de junho, realizar-se-á a inauguração do Percurso Pedestre Rota dos Miradouros com uma caminhada – “Dá mais tempo à vida…pelos vestígios históricos” – aberta a toda a comunidade, em parceria com o Grupo de Voluntariado Comunitário de Fornos de Algodres.
As JEA são uma iniciativa organizada por cerca de 47 países europeus, incluindo Portugal. Na Europa são organizadas pelo Institut national de recherches archéologiques préventives (INRAP) sendo que em Portugal são coordenadas pela Direcção-Geral do Património Cultural que lança, assim, o convite à participação de todas as entidades públicas ou privadas, colectivas ou individuais, que pretendam organizar iniciativas, exclusivamente, no âmbito da Arqueologia.

Prémio Manuel António da Mota com prémios no valor total de 120 mil euros

Oh Meu Deus!!-Luís Filipe Oliveira (Viseu Trail) e Margarita Torres Alcaide (Alhaurin de la Torre) vencem nos 160km

Teve lugar neste fim de semana, mais uma edição do Ultra Trail na Serra da Estrela, com a participação de mais de 600 atletas , para se aventurarem nos trilhos da mais imponente montanha portuguesa – a serra da Estrela, ao percorrerem as quatro distâncias (160K, 100K, 50K e 20K).
Apesar de todas as vicissitudes, em particular pelo temporal que se levantou no final do dia de ontem e as dificuldades acrescidas que o território impõe, terminou em grande esta décima edição. Este ano não houve Viriatos (atletas que tenham concluído mais 40km após os 160), mas a organização declarou dois, os representantes das entidades promotoras do evento.

Aqui ficam os diversos pódios:

Pódio k160
Masculino
1º Luís Filipe Oliveira (Viseu Trail) – 24:47:02
2º Lino Luz (C.D.C Nave / Trail Runners) – 25:05:30
3º Carlos Cardoso (Runners do Demo) – 25:40:16

Feminino
1º Margarita Torres Alcaide (Alhaurin de la Torre) – 35:27:41

Duplas
João Sila + Nuno Silva (Team Lantemil) – 34:43:30

Pódio K100
Masculino
1º Bruno Miguel Figueiredo (Viseu Running Team) – 13:15:58
2º Federico Silva Rivera – 13:25:00
3º Hélder Baptista (Trilho Perdido) – 13:49:38

Feminino
1º Cristiana Ferreira (Running Espinho) – 15:15:34
2º Luz Marques (Clube de Montanhismo da Guarda) – 17:10:59
3º Sara Nogueira (Grcd Leião – Cobras Trailistas) – 17:47:46

Duplas
1º Domingos Jeremias + David Aleixo (Sharish Gin/GD Piranhas do Alqueva) – 23:13:23

Pódio K50
Masculino
1º Daniel Soares (Run4fun) – 04:50:24
2º Eduardo Camões (Barbaris Team) – 04:53:52
3º Paulo Pires (Runners do Demo) – 04:56:26

Feminino
1º Vera Rocha (Runners do Demo) – 06:23:44
2º Susana Portela (EDV-Viana Trail) – 06:38:37
3º Bárbara Sá (Santana FC Trail Team) – 06:41:15

Pódio K20
Masculino
1º Ricardo Crespo (Associação Desportiva Castelo de Vide Casa do Povo) – 02:18:49
2º Tiago Vieira (FURFOR) – 02:18:52
3º Hugo Ricardo Da Fonseca Alves (Grupo Desportivo da Mata) – 02:27:32

Feminino
1º Beatriz Alves (DCI/ Trilhos Luso Bussaco) – 02:39:13
2º Sandra Garrido (Runners do Demo) – 03:07:51
3º Francesca Liberatore F (Team ITALIA) – 03:10:08

Fonte:CMS

Fase final do distrital de seniores da AF Guarda arranca dia 16

Vai realizar-se a fase final do distrital de seniores da AF Guarda

Fase de apuramento Campeão-1/4 final

GD Trancoso- Os Pinhelenses- 21 h-Estádio Mun. Dr. Fernando Lopes
Guarda DFC- AD Fornos de Algodres-21h-Estádio Municipal Guarda
CD Gouveia- Soito-21h Estádio Municipal Farvão
SC Celoricense-Vila Franca Naves- Mun. Celorico

Grupo Prata

Aguiar da Beira-Casal Cinza- 21 h-Estádio Municipal Aguiar Da Beira
Vila Nova Foz Côa-SC Sabugal-21h-Estádio Mun. Vila Nova Foz Coa
Guarda FC- Freixo Numão- 21h30- Zambito

Gouveia-“Anfiteatro da Cerca” voltou a ter música

O concerto “Expressões de uma Polifonia Popular Beirã – O instrumento e a partitura, com João Barradas & Quinteto de Cordas da Orquestra Sinfónica de Gouveia” deu vida ao “Anfiteatro da Cerca”, em Gouveia.
Na primeira parte, foram interpretados os temas “Hymn of Remembrance”, de Keith Jarrett (1945), “EN[I]GMA”, de Yann Robin (1974) – uma composição dedicada a João Barradas e encomendada pela Fundação Calouste Gulbenkian Lisboa, Philharmonie Luxembourg e Casa da Música Porto -, “Las Quatro Estaciones Porteñas”, de Astor Piazzolla (1921-1992) e ainda Otoño Porteño, Invierno Porteño, Verano Porteño, Primavera Porteña, pelo músico João Barradas (acordeão).
Já a segunda parte do concerto contou com “Expressões de uma Polifonia Popular Beirã, de Hélder Abreu e Túlio Augusto, também com João Barradas no acordeão, o Quinteto de Cordas da Orquestra Sinfónica de Gouveia, os violinos de Cláudio Gama, Alexandra Silva, Inês Nunes; Sónia Torres no violoncelo e Dércio Fernandes no contrabaixo.

Jovem fornense Rafael Antunes venceu 8º Concurso Internacional de Cozinha Nota a Nota

Cada vez mais os estudantes procuram atingir melhores resultados e melhores performances para terminar mestrados ou doutoramento dos seus cursos.

Deste modo, destacamos o jovem fornense Rafael Antunes que foi um dos vencedores do 8º Concurso Internacional de Cozinha Nota a Nota, juntamente com o seu colega Bruno Moreira Leite.

Estes jovens são alunos na NOVA School of Science and Technology |FCT NOVA, neste caso o Rafael, aluno do Mestrado em Ciências Gastronómicas da NOVA School of Science and Technology | FCT NOVA, juntamente com o seu colega apresentaram dois pratos a concurso, um prato principal, o “Note-by-Note Bitoque”, e uma sobremesa , o “Mille Molecules – Note by Note Dessert”, tendo o prato principal sido um dos vencedores desta edição do concurso.

Esta competição internacional, é organizada pela AgroParisTech, tem por base a hipótese de Hervé This, químico francês, que em 1994 propôs uma nova abordagem da cozinha em que se usariam basicamente compostos químicos puros, extratos e frações, não sendo usado diretamente qualquer tecido animal ou vegetal.

Neste caso, os fornenses também estão em destaque a nível internacional pela bela gastronomia.

Foto: NSST

Concurso de fotografia de ambiente em Seia

Vai ser organizado pelo CISE, o concurso de fotografia de ambiente, subordinado ao tema O Património Ambiental da Serra da Estrela, pelo 18ºano.
Convidam-se aqueles que desejarem participar a preencherem a ficha de inscrição e enviarem até quatro fotografias, de acordo com as normas de participação, até 15 de setembro de 2021, no seguinte link: www.cise.pt/XVIIIConcFotoCISE
Os melhores trabalhos serão selecionados por um júri e expostos no CISE, de 19 de novembro a 31 de dezembro.
Consulte o regulamento em www.cise.pt.

Nelas recebeu formação de Bombeiros

Recentemente os elementos de comando das corporações de bombeiros participaram em Nelas e que vai repetir-se em 22 e 23 junho com outros Corpos de Bombeiros, numa ação de formação para operador de máquina de rastos com turmas de 24 elementos, sendo a parte teórica no 1.º dia, que decorreu na sala orgânica do Edifício Multiusos e a parte prática no 2.º dia, na Quinta da Cerca, com apoio da “Bulldozer” da Câmara Municipal.
Frequentaram a formação Comandos dos Bombeiros de Seia, Penalva do Castelo, S. Pedro do Sul, Tondela, Cabanas de Viriato, Folgosinho, Famalicão da Serra, S. Martinho do Porto, Benedita, Caldas da Rainha, Batalha, Estarreja, Anadia, Albergaria, Sever do Vouga, Proença a Nova, Belmonte, Vila Velha de Rodão, Covilhã, Cantanhede, Coja, Mira, Pampilhosa da Serra e elementos da Força Especial de Proteção Civil abrangendo os 6 Distritos da Região que são Coimbra, Leiria, Viseu, Guarda, Castelo Branco e Aveiro.
A ação de treino operacional permitiu desenvolver aprendizagem de procedimentos e técnicas de abordagem no combate a incêndios rurais com Máquina de Rastos.
Foram igualmente abordadas técnicas e procedimentos nas ações de consolidação e rescaldo dos perímetros dos incêndios rurais com Máquina de Rastos.
Fotos: Mun.Nelas